A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

DISPUTAS EUROPÉIAS E SUAS REPERCUSSÕES NO BRASIL.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "DISPUTAS EUROPÉIAS E SUAS REPERCUSSÕES NO BRASIL."— Transcrição da apresentação:

1 DISPUTAS EUROPÉIAS E SUAS REPERCUSSÕES NO BRASIL

2 Entre os séculos XVI e XVIII, houve uma grandes disputa entre os principais países europeus : Inglaterra, França, Portugal, Espanha e Holanda. Sendo o Brasil umas das maiores colônias e lucrativa da época, não escapou de várias tentativas de invasões.

3 DISPUTAS EUROPÉIAS E SUAS REPERCUSSÕES NO BRASIL INGLESES E FRANCESES Os Ingleses não tentaram ocupar o território, apenas limitaram-se a mandar corsários: saqueavam cidades e vilas portuárias na Bahia, Cabo frio e Baixada Santista. Já os Franceses fizeram duas tentativas de estabelecer colônias aqui no território brasileiro: 1º - estabeleceram-se na baía de Guanabara, mas foram expulsos por Mem de Sá, sendo que neste período, Estácio de Sá funda a cidade de São Sebastião do Rio de Janeiro, para assegurar a posse da terra. 2º - A França Equinocial, na ilha do Maranhão, mas os portugueses reagiram e em 1615, conseguiram expulsar os franceses do território, fundando assim a capital São Luís do Maranhão.

4 DISPUTAS EUROPÉIAS E SUAS REPERCUSSÕES NO BRASIL INVASÕES HOLANDESAS Durante o século XVII, os holandeses invadiram o Brasil por duas vezes, ocupando o nordeste brasileiro por uns 20 anos. Vários fatores levaram a estas invasões holandesas, sendo elas política e econômica, a que mais se destacou foi a queda de Portugal sob o domínio da Espanha e o processo de independência da Holanda. Pgs. 148 e 149

5 DISPUTAS EUROPÉIAS E SUAS REPERCUSSÕES NO BRASIL 1ª Invasão holandesa – (Bahia, ) a frota holandesa atacou a cidade em maio de 1624, conquistando-a rapidamente e obtendo presa de guerra. Mas os portugueses comandados por Matias Albuquerque, organizou guerrilhas e em um ano os holandeses já não conseguiam pisar em terra. E com uma poderosa tropa enviada por Portugal e Espanha, fizeram com que os holandeses se rendessem em Mas essa derrota foi muito bem remunerada, pois uma esquadra holandesa, aprisionou uma frota espanhola carregada de ouro e prata, obtendo um lucro três vezes maior do que todo o capital da companhia. Com esse recurso se preparou para a 2ª invasão.

6 DISPUTAS EUROPÉIAS E SUAS REPERCUSSÕES NO BRASIL 2ª Invasão holandesa (Pernambuco, 1630 – 1654) por ser o grande centro produtor de açúcar e a menos militarizada. Esta invasão teve três fases: 1ª fase inicial, de conquista rápida – em 1630 holandeses atacam Olinda e Recife, mesmo com muitas baixas, foram persistentes e por volta de 1634 os holandeses alcançam a vitoria. Então, os holandeses ocupam as capitanias de Pernambuco, Itamaracá, Paraíba e Rio Grande do Norte

7 DISPUTAS EUROPÉIAS E SUAS REPERCUSSÕES NO BRASIL 2ª fase de Acomodação – Com estas guerras os grandes proprietários estavam sendo prejudicados e preferiram aceitar a dominação dos holandeses, recebendo em troca garantia de manutenção de seus privilégios. Engenhos e plantações destruídos. Ajuda financeira da Companhia das Índias Ocidentais. (dependência econômica) A fase de acomodação estendeu de 1653 a (a produção de açúcar expandiu) Principalmente durante o governo de Mauricio de Nassau. Mas, por trás desse desenvolvimento acontecia alguns problemas graves.

8 DISPUTAS EUROPÉIAS E SUAS REPERCUSSÕES NO BRASIL A não aceitação do domínio estrangeiro. Diferenças religiosas ( holandeses calvinistas) Resultados financeiros desanimadores. 3ª fase de declínio e expulsão – Em 1640, uma revolução em Lisboa, liberta Portugal das mãos dos espanhóis. Para conseguir uma vitória diante de um poderoso exército, faz um acordo com os holandeses : em troca de sua ajuda, reconheceria a posse holandesa sobre o Nordeste, por um prazo de dez anos. Este acordo pegou mal na colônia.

9 DISPUTAS EUROPÉIAS E SUAS REPERCUSSÕES NO BRASIL Mas logo foi percebido o jogo duplo de Portugal, que apoiava secretamente as resistências contra os holandeses. Em 1645, esgotasse o prazo de pagamento dos empréstimos para a reconstrução dos engenhos, mas em todo este período houve vários contratempos – incêndios, epidemias entre escravos, seca e queda do preço do açúcar, fez com que não conseguissem saldar suas dívidas. Levando vários senhores a entregar seus engenhos, sendo alguns presos por não pagar. Ameaçados aderiram aos revoltosos e em 1654 os holandeses foram definitivamente expulsos do Brasil.

10 DISPUTAS EUROPÉIAS E SUAS REPERCUSSÕES NO BRASIL Consequências A crise da economia açucareira - Expulsos, os holandeses implantaram uma nova zona produtora de açúcar nas Antilhas, trazendo a concorrência. A quantidade do produto exportado e o preço reduz pela metade. Levando a maioria dos engenhos a falência. O choque de interesses entre elite e a metrópole – havia uma identificação muito grande entre Portugal e a elite colonial : divisão de tarefas – o senhor de engenho produzia e a metrópole comercializava. Mas com a concorrência e o baixo lucro a metrópole começa a cobrar mais impostos, revoltando a elite colonial.

11 DISPUTAS EUROPÉIAS E SUAS REPERCUSSÕES NO BRASIL Consequências O crescimento da influência inglesa – Tendo a inglaterra despontando como potência mundial, transformou-se em aliado de Portugal. Com qual objetivo? Portugal fazia grandes concessões econômicas e a Inglaterra lhe ofereceria proteção militar e diplomática. Em 1703, o Tratado de Methuen, onde os ingleses comprariam os vinhos portugueses e os portugueses comprariam os tecidos ingleses, este tratado levou as manufaturas portuguesas a falência.


Carregar ppt "DISPUTAS EUROPÉIAS E SUAS REPERCUSSÕES NO BRASIL."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google