A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Marta/FEB1 2 1. A semente 2. O campo 3. Mãos para semear.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Marta/FEB1 2 1. A semente 2. O campo 3. Mãos para semear."— Transcrição da apresentação:

1

2 Marta/FEB1

3 2 1. A semente 2. O campo 3. Mãos para semear

4 Marta/FEB3

5 4 1- Humanismo: Kardec pesou os valores éticos e as conseqüências morais das novas idéias. 2- Racionalismo: observação; análise crítica e criteriosa dos fenômenos; conclusões lógicas, seguindo as etapas comuns aos métodos experimentais.

6 Marta/FEB5 3- Intuição: bom senso; equilíbrio intelectual; crer sem fanatismo. 4- Universalismo: no controle universal dos ensinos dos Espíritos conjuga razão e sentimento, bom senso e lógica. 5. Unidade doutrinária: é necessário consenso nos princípios e ensinos espíritas

7 Marta/FEB6 [...] Não nos referimos, porém, à educação moral pelos livros e sim a que consiste na arte de formar caracteres. questão 685-a O Livro dos Espíritos, questão 685-a

8 Marta/FEB7 Espiritismo: Sua força está na sua filosofia, no apelo que dirige à razão, ao bom-senso. (...) Fala uma linguagem clara, sem ambigüidades. Nada há nele de místico, nada de alegorias suscetíveis de falsas interpretações. (...) Não reclama crença cega; quer que o homem saiba por que crê. Apoiando-se na razão, será sempre mais forte do que os que se apóiam no nada. O Livro dos Espíritos. Conclusão, item 6.

9 Marta/FEB8 1.Observação 4. Análise de resultados 2. Registro das observações 3. Comparação de dados 5. Sistematização dos dados 6.Conclusões 7.Publicação de resultados

10 Marta/FEB9 O médium intuitivo age como o faria um intérprete. Este, de fato, para transmitir o pensamento, precisa compreendê-lo, apropriar-se dele, de certo modo, traduzí-lo fielmente e, no entanto, esse pensamento não é seu, apenas não lhe atravessa o cérebro. Tal precisamente o papel do médium intuitivo. O Livro dos Médiuns, cap. 15, item 180.

11 Marta/FEB10 Caminhando de par com o progresso, o Espiritismo jamais será ultrapassado, porque, se novas descobertas lhe demonstrassem estar em erro acerca de um ponto qualquer, ele modificaria nesse ponto. Se uma verdade nova revelar, ele a aceitará. A Gênese, cap. 1, item 56.

12 Marta/FEB11 A unidade se fará ao lado onde o bem jamais se haja misturado o mal: desse lado é que os homens se ligarão, pela força mesma das coisas, porquanto considerarão que aí está a verdade. [...]. O Livro dos Médiuns, cap. 27, item 302.

13 Marta/FEB12

14 Marta/FEB13 PARIS, 15 DE JANEIRO DE 1861

15 Marta/FEB14 Ensino especial dos Espíritos sobre a teoria de todos os gêneros de manifestações, os meios de comunicação com o mundo invisível, o desenvolvimento da mediunidade, as dificuldades e os tropeços que se podem encontrar na prática do espiritismo constituindo o seguimento de o livro dos Espíritos.

16 Marta/FEB15 É constituído de duas partes: Parte primeira: Noções preliminares 4 capítulos Parte segunda: Das Manifestações espíritas. 32 capítulos

17 Marta/FEB16 Cap. 1: Há Espíritos? Cap. 2: Do Maravilhoso e do Sobrenatural Cap. 3: Do Método Cap. 4: Dos Sistemas

18 Marta/FEB17 Cap. 1: Ação dos Espíritos sobre a matéria Cap. 2: Manifestações físicas. Mesas girantes Cap. 3: Manifestações inteligentes Cap. 4: teoria das manifestações físicas espontâneas Cap. 5: Manifestações físicas espontâneas Cap. 6: Manifestações visuais Cap. 7: Bicorporeidade e transfiguração

19 Marta/FEB18 Cap. 8: Laboratório do mundo invisível Cap. 9: Lugares assombrados Cap. 10: Natureza das comunicações Cap. 11: Sematologia e tiptologia Cap. 12: Pneumatografia. Pneumatofonia Cap. 13: Psicografia Cap. 14: Dos Médiuns Cap. 15: Médiuns escreventes ou psicógrafos

20 Marta/FEB19 Cap. 16: Médiuns especiais Cap. 17: Formação dos médiuns Cap. 18: Inconvenientes e perigos da mediunidade Cap. 19: Do papel dos médiuns Cap. 20: Influência moral do médium Cap. 21: Influência do meio Cap. 22: Mediunidade nos animais Cap. 23: Da obsessão Cap. 24: Identidade dos Espíritos

21 Marta/FEB20 Cap. 25: Das evocações Cap. 26: Perguntas que se podem fazer aos Espíritos Cap. 27: Contradições e mistificações Cap. 28: Charlatanismo e embuste Cap. 29: Reuniões e Sociedades Espíritas Cap. 30: Regulamento da Sociedade espírita de Paris Cap. 31: Dissertações espíritas Cap. 32: Vocabulário Espírita

22 Marta/FEB21


Carregar ppt "Marta/FEB1 2 1. A semente 2. O campo 3. Mãos para semear."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google