A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Campanha da Fraternidade de 2009 TEMA: FRATERNIDADE E SEGURANÇA PÚBLICA LEMA: A PAZ É FRUTO DA JUSTIÇA. (IS 32, 17).

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Campanha da Fraternidade de 2009 TEMA: FRATERNIDADE E SEGURANÇA PÚBLICA LEMA: A PAZ É FRUTO DA JUSTIÇA. (IS 32, 17)."— Transcrição da apresentação:

1 Campanha da Fraternidade de 2009 TEMA: FRATERNIDADE E SEGURANÇA PÚBLICA LEMA: A PAZ É FRUTO DA JUSTIÇA. (IS 32, 17).

2 O objetivo geral da Campanha da Fraternidade de 2009 Contribuir para a promoção da cultura da paz nas pessoas, na família, na comunidade e na sociedade a fim de que todos se empenhem efetivamente na construção da justiça social que promova segurança pública.

3 Para que este objetivo possa ser atingido, são propostos os Objetivos espec í ficos Motivar as pessoas a refletirem sobre a sua responsabilidade pessoal diante do problema da violência e da promoção da cultura da paz.

4 Levar as pessoas a reconhecerem a violência na sua realidade pessoal e pr ó xima. Mostrar a gravidade do crime não convencional, assim como a injusti ç a dos foros privilegiados. Levar as pessoas a reconhecerem a violência na sua realidade pessoal e pr ó xima. Mostrar a gravidade do crime não convencional, assim como a injusti ç a dos foros privilegiados.

5 Fortalecer a a ç ão educativa e evangelizadora objetivando a constru ç ão da cultura da paz e à conscientiza ç ão da nega ç ão de direitos como causa da violência mostrando que violência não se vence com a violência rompendo, assim, com as visões de guerra. Favorecer a cria ç ão e a articula ç ão de redes sociais populares com vistas à supera ç ão da violência e à difusão da cultura da paz. Desenvolver a ç ões que visem a supera ç ão das causas e fatores da inseguran ç a. Despertar o agir solid á rio para com as v í timas da violência. Fortalecer a a ç ão educativa e evangelizadora objetivando a constru ç ão da cultura da paz e à conscientiza ç ão da nega ç ão de direitos como causa da violência mostrando que violência não se vence com a violência rompendo, assim, com as visões de guerra. Favorecer a cria ç ão e a articula ç ão de redes sociais populares com vistas à supera ç ão da violência e à difusão da cultura da paz. Desenvolver a ç ões que visem a supera ç ão das causas e fatores da inseguran ç a. Despertar o agir solid á rio para com as v í timas da violência.

6 Esquema da CF 2009 Metodologia: Ver, Julgar e Agir.

7 No ver: As fontes da violência na Historia do Brasil; A pedagogia do controle através do medo; A desigualdade social alimentada pelo poder econômico e a criminalidade; Os discursos sobre a violência; Os tipos de violência que o povo brasileiro enfrenta.

8 Conceitos de violência. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS) – Uso intencional da força física ou do poder, real ou em ameaça, contra si próprio, contra outra pessoa, ou contra um grupo ou uma comunidade, que resulte ou tenha grande possibilidade de resultar em lesão, morte, dano psicológico, deficiência de desenvolvimento ou privação.

9 A Organização Mundial da Saúde, em termos de saúde classifica a violência nas seguintes categorias: - violência contra si mesmo (Intrapessoal); - violência interpessoal, - violência coletiva e - violência institucional.

10 Envolve o suicídio e o comportamento autodestrutivo.

11 Suicídios Foram em 2000 quase 815 mil no mundo (13ª causa de mortalidade). Europa do leste apresenta as maiores taxas. No Brasil a classe profissional que tem mais ocorrência é a polícia.

12 A violência Interpessoal - familiar e íntima: maus tratos a crianças, parceiros, idosos. - comunitária: violência entre indivíduos sem laços de parentesco (estupro, agressão, violência gratuita, na escola, trabalho, prisões etc.)

13

14 A violência coletiva Nesta dimensão podemos incluir as novas definições de violências como: a) A violência da incivilidades: caracterizam-se pelas microviolências, humilhações, falta de respeito.

15 A violência coletiva b ) A violência estatais dos Fóruns privilegiados. c) Impunidade seletiva (à impunidade sistemática dos agentes da alta corrupção); d) Cidadania embargada. Mais precisamente: e à negação da cidadania a grandes parcelas da população com base em preconceitos de toda ordem, pela deseducação.

16

17 A violência institucional Instituição família, escola, igreja e do poder publico: governo, judiciário, legislativo e somos envolvidos no dia-a-dia. A violência que mais debatemos é a física como se ela não tivesse causas e fossem isoladas desta outras violências, das institucionalizadas.

18 MEDO A inquietação diante de um perigo ou ameaça, real ou imaginário. Para evitar este mal estar, é necessário que haja um mínimo de controle das situações de perigo e das ameaças. Porém, esse controle pode tanto ser feito em vista da superação dos problemas como também em vista de outros interesses como o econômico, a manipulação social e as relações de poder.


Carregar ppt "Campanha da Fraternidade de 2009 TEMA: FRATERNIDADE E SEGURANÇA PÚBLICA LEMA: A PAZ É FRUTO DA JUSTIÇA. (IS 32, 17)."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google