A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Povo de Deus na época de Jesus. Existiam duas maneiras de viver a Aliança: Pela observância da lei Pela lado da promessa.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Povo de Deus na época de Jesus. Existiam duas maneiras de viver a Aliança: Pela observância da lei Pela lado da promessa."— Transcrição da apresentação:

1 Povo de Deus na época de Jesus

2 Existiam duas maneiras de viver a Aliança: Pela observância da lei Pela lado da promessa

3 EXPRESSÃO MAIOR DESTA CONDUTA POR ESDRAS E NEEMIAS

4 OBSERVÂNCIA HassideusEssêniosMacabeusFarisues

5 Mentalidade presente nos Livros : ISAÍAS – JONAS – JÓ - RUTE

6 PROMESSA SaduceusHasmoneus

7 ou PERUSHIM (do hebraico) Seita Judaica considerados pelos adversários como OS SEPARADOS Interpretavam a Lei de forma que os obrigava a uma separação rigorosa daqueles considerados impuros.

8 Jesus criticou este conceito de Pureza ritualística ePureza meramente exterior (Mt 23,25s), mostrando o que torna Impuro o homem não são as coisas que vêm de fora,Impuro mas o que procede do Coração:Coração os maus Pensamentos que levam ao Pecado (Mc 7,15-23).PensamentosPecado OPOSIÇÃO MUITO GRANDE

9 OBSERVÂNCIA DA LEI Santificação e pureza do povo. Imortalidade da alma. Ressurreição corporal no fim dos tempos. Existência de Anjos e espíritos. Intervenção de Deus no destino do homem. PARA OS JUSTOS

10 OBSERVÂNCIA DA LEI Após a morte sofrer castigos. Ressuscitar para sofrer eternamente. PARA OS PECADORES

11 - OBSERVANCIA DA S LEIS RITUAIS E CÚLTICAS DE PUREZA. - AO LADO DA LEI VINHA A TRADIÇÃO. Dentro do Farisaísmo na época de Jesus destacam-se duas escolas que diferenciavam-se na forma de interpretar as leis: HILLEL ( O nome Hillel foi utilizado por diversos estudiosos e pensadores judeus através da história) e SHAMAI ( 50 a.C.– 30 d.C.) foi um estudioso judeu do primeiro século 50 a.C.30judeu e uma das figuras mais importantes da Mishná. Fundou uma escolaMishná conhecida como Beit Shamai. Geralmente é associado a Hilel, o anciãoBeit ShamaiHilel, o ancião de quem foi contemporâneo e oponente sobre as interpretações que deveriam ser dadas aos mandamentos da Halachá)Halachá que eram os escribas, os doutores das leis e alguns sacerdotes. Tinham uma grande influência nas sinagogas dentro e fora da Palestina.

12 Após a vitória de Judas Macabeus por volta do século II Com grupo de judeus sobem a Poder mesmo não sendo da linhagem de Davi ou sacerdotal, tendo duplo poder (Religioso e Civil), criando uma crise em Israel dividindo de fato e definitivamente a forma de crer do povo Judeu. Os fariseus eram de famílias ricas e de muita importância para a região em que viviam e tinham uma pratica externa de sua religiosidade (Lucas; 18,9-14), e o grupo dos fariseus era muito bem organizado e tinham as suas fraternidades, confrarias ou associações, no tempo de Jesus havia a pratica de ser fariseu e Doutor da Lei (Escribas). São Paulo estava nesta linhagem quando faz o encontro com Jesus (Atos; 23,6-9)..

13 Ou hassidim (grego) Seita judaica conhecidos como os piedosos, os santos ou calados. Durante o domínio da Dinastia Hasmonéa, os essênios foram perseguidos. Retiraram-se por isso para o deserto, vivendo em comunidade e em estrito cumprimento da lei mosaica, bem como da dos Profetas.Hasmonéadesertolei mosaicaProfetas

14 Ou hassidim (grego) Os essênios se tornaram mais conhecidos a partir de descoberta de documentos em grutas perto do mar Morto. Seu surgimento parece estar relacionado com um conflito com os sacerdotes do templo na época dos hasmoneus. Houve uma separação com o objetivo de se preservar e restaurar a santidade do povo num pequeno espaço. Embora os Evangelhos não mencionem os essênios, muitos dos ensinamentos estão presentes no Cristianismo.

15 Ou hassidim (grego) o templo não estavam purificados porque os sacerdócio era ilegítimo. Não participavam das cerimônias do culto Não colaboravam com as instituições.. Não ofereciam sacrifícios de animais. Consideravam-se o único povo de Deus. Esperavam o juízo divino para salvação e a condenação para os outros.

16 Ou hassidim (grego) A semelhança dos discursos de João Batista com parte da doutrina Essênica levou alguns estudiosos a pensar numa proximidade dos mesmos.

17 Ou hassidim (grego) Dividiam-se em grupos de 12 com um lider chamado "mestre da justiça"; Vestiam-se sempre de branco; Acreditavam em milagres pela mão; aboliam a propriedade privada; Alguns eram vegetarianos; Eram celibatarios. Tomavam banho antes das refeições; A comida era sujeita a rígidas regras de purificação. Tinham por princípio o amor aos membros da comunidade e ódio aos de fora.

18 Recebem este nome por causa do sumo sacerdote do tempo do Rei Salomão. É a designação da segunda escola filosófica dos judeus, ao lado dos fariseus.filosóficajudeusfariseus (Sadoquista).

19 A origem do grupo é incerta. Apareceram na época de João Hircano cerca dos anos 130 a 120 antes de Jesus Cristo. Classe sacerdotal que administra o templo, a partir da época dos Macabeus, sugerindo descendência do sumo sacerdote Sadoc. (Sadoquista).

20 Conservadores. Não aceitavam a doutrina farisaica da ressurreição dos mortos. Não acreditavam nos prêmios da vida futura. Negavam a existência dos anjos e espíritos. Acreditavam que o bem e o mal era opção do homem. Deus não exercia influência sobre a ação humana. (Sadoquista). Os Saduceus privilegiam os cincos livros, o Pentateuco, supostamente legados por Moises. Não rejeitam os livros proféticos. Mas tinham algumas resistências e reticência em uza-los.

21 Jesus criticava o conservadorismo e a defesa dos próprios benefícios sem preocupação com o povo. Eles se unem com os fariseus para pegar Jesus (Mateus 16,1; 16,6 22,34 e Atos dos Apóstolos 5,17) tentam de toda forma dominar de forma intelectual o povo. (Sadoquista).

22 -Representavam o poder econômico, religioso e político. -Adaptavam-se ao domínio romano com acordos para defender a ordem em troca de seus postos de liderança. -Eram altamente ritualistas e só aceitavam os cultos realizados no Templo onde, acreditavam, Deus estava. Possuíam um papel preponderante no Sinédrio (Tribunal dos antigos judeus) e controlavam as atividades e riquezas do Templo (Atos 4:1; 5:17; 23:) (Sadoquista).

23 (DOUTOR DA LEI, MEU MESTRE). Desde o tempo de Esdras o escriba é um entendido nas coisas da Lei. Por isso é também chamado doutor da Lei ou rabi. Com o fim do profetismo, cabia sobretudo ao escriba o ensino e interpretação da Lei ao povo (cf. Eclo 38,24 e nota). Por isso, os escribas tornaram-se os líderes espirituais da nação. Depois de longos estudos junto de algum mestre, pelos 40 anos, a pessoa era ordenada escriba com o rito da imposição das mãos. No tempo de Jesus eram famosas as escolas de escribas dirigidas por Hillel e Chammai. Surgiram a partir da volta do exílio.

24 (DOUTOR DA LEI, MEU MESTRE). Eram Mestres na sagrada escritura e gostavam serem chamados de Rabi, estavam em todos movimentos, mas a sua maioria era do partido dos fariseus e São Paulo trilhava esse caminho. Uma das marcas dos escribas era a fundação de escolas para o ensinamento da palavra de da Tora, trabalhavam em outros ofícios, eram radicais no cumprimento da lei e às vezes tinham tendências fundamentalistas. Os seus encontros com Jesus geravam sempre algum confronto direto. (Mateus 7,29; 9,1-8), havia também escribas simpáticos aos cristãos: Nicodemos (jo 3,9-11) e Gamaliel. (atos 5,34-39)

25 (Capital do antigo Reino do Norte - Samaria). A capital foi destruída em 722 a.c. pelos assírios. Esta região situada no coração da Palestina.

26 (Capital do antigo Reino do Norte - Samaria). Os Samaritanos não pertencem ao judaísmo. Sua origem encontra-se entre os colonos estrangeiros levados para a Samaria, logo após a destruição do Reino de Israel parte dos assírios ( século VIII a.c.) Esperam o messias chamado Taeb ( aquele que volta ). Que vai revelar verdade e colocar tudo em ordem no final dos tempos.

27 (Capital do antigo Reino do Norte - Samaria). O "credo" samaritano baseia-se nos cinco seguintes pontos: 1.Unidade e unicidade de Deus. 2.O único profeta é Moisés. 3.O Pentateuco é o único livro inspirado 4.O monte Gerizim é o único lugar escolhido por Deus para situar um santuário, sede da sua santidade (segundo Dt 11:29 e 27:4, sendo que nesta última os Samaritanos lêem Gerizim em vez de Ebal). 5.A ressurreição dos mortos ocorrerá antes do Juízo Final. Os Samaritanos aguardam o aparecimento do Messias, o Taheb, que será semelhante a Moisés. Ele viverá cento e dez ou cento e vinte anos e fundará um reino que durará vários séculos.

28 (Capital do antigo Reino do Norte - Samaria). De início Jesus faz certa oposição aos samaritanos(Mt 10,5), Porém em outros textos Jesus apresenta os samaritanos como Modelo de fé (Lc 10,29-37; 17,11-19). A Samaria foi um dos primeiros lugares de expansão do evangelio.

29 (Capital do antigo Reino do Norte - Samaria). As relações com os judeus foram em geral negativas durante toda a Antiguidade. Existia entre eles um odio recíproco. Depois do sucesso da revolta judaica contra os selêucidas, o novo reino dos Hasmoneus, governado por João Hircano I conquista Siquém e destrói o templo do Monte Gerizim (108 a.C.). AntiguidadeJoão Hircano I

30 (ZELO POR DEUS). São zelosos ou fevorosos, pessoas decididas ou engajadas, embora com certo fanatismo. São chamados também sicários ou homens de punhal. Sica = pequeno e curto punhal romano.

31 (ZELO POR DEUS). O movimento que tinha suas origens nos fariseus, embora reprimido por Roma, conseguiu propagar-se. Barrabás era um zelote. Depois da queda de Jerusalém, eles ainda resistiram e só cederam, no ano 73, em Massada. Inflamados pela lei, eles também contavam para breve com a vinda do Reino de Deus. E pretendiam reformar o culto e o sacerdócio pela violência. Tinham um invencível amor à liberdade, pois julgavam que Deus o seu único chefe e seu único soberano.

32 (ZELO POR DEUS). Os Zelotes defendia de forma radical a redistribuição de terras (Reforma Agrária), embora tivessem a sua origem no grupo dos fariseus e era ultranacionalista. Acreditavam na vinda de um messias que iria restaurar o Reino.

33 (ZELO POR DEUS). Simpatia com a classe pobre. Tinham um programa de redistribuição de propriedades. O programa dos zelotas continha uma reforma social, mas lutavam pelo templo e pelas conservações das tradições judaicas. Os zelotas não eram verdadeiros revolucionários, por isso perderam a gerra.

34 (ZELO POR DEUS). Existe alguma presença de tal movimento na região onde Jesus viveu, e até se cogita a idéia de Barrabás este ligado ao movimento, juntamente com os dois Malfeitores que morreram ao lado de Jesus na Cruz. Em Atos 1,6 é uma prova do pensamento zelote entre os discípulos de Jesus e havia de fato simpatizantes e até zelotes na comunidade apostólica (Simão o zelote)..

35 (SEGUIDORES DE JOÃO BATISTA). Pregavam a iminência do juízo escatológico. Chamavam à salvação pela conversão do coração. Rito de imersão na água viva para receber o perdão.

36 (SEGUIDORES DE JOÃO BATISTA). Nos evangelhos. Remissão dos pecados através do batismo.

37 (SEGUIDORES DE JOÃO BATISTA). De todos os grupos, movimentos e partidos, sem dúvida São os que mais se aproximam de Jesus. Jesus foi batizado por João e também batizou outros por algum tempo. (jo 3,26; 4,1 Mt 3, 15)

38 (SEGUIDORES DE JOÃO BATISTA). Os grupos batistas estavam presentes na Síria-Palestina E na Ásia Menor. João era conhecido como Salvador escatológico e o maior, por ter vindo primeiro.

39 Carla Cristina Daniel Donato Eliane de Moraes Eloy Bezerra


Carregar ppt "Povo de Deus na época de Jesus. Existiam duas maneiras de viver a Aliança: Pela observância da lei Pela lado da promessa."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google