A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Principais Protozooses – Amebíase (causador: Entamoeba histolytica) Como evitar? - Saneamento básico (esgoto, qualidade da água); - Ferver a água e lavar.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Principais Protozooses – Amebíase (causador: Entamoeba histolytica) Como evitar? - Saneamento básico (esgoto, qualidade da água); - Ferver a água e lavar."— Transcrição da apresentação:

1 Principais Protozooses – Amebíase (causador: Entamoeba histolytica) Como evitar? - Saneamento básico (esgoto, qualidade da água); - Ferver a água e lavar os alimentos antes do consumo; - Bons hábitos de higiene pessoal. 1- Ingestão de água e alimentos contaminados com cistos. 2- Rompimento dos cistos e liberação das amebas no intestino grosso 3- Formação de cistos no intestino grosso. 4- Eliminação dos cistos nas fezes, contaminando água e alimentos

2 Protozooses MALÁRIA: Outros nomes: Maleita, Paludismo, Febre Palustre ou Impaludismo. Agentes Causadores (Etiológicos): Plasmodium vivax, P. malariae, P. falciparum. Vetor (transmissor): fêmea do mosquito Anopheles sp. Lesões no fígado, baço, anemia por destruição das hemácias. Fase Sexuada: no tubo digestório do mosquito, formação dos esporozoítos. Fase Assexuada: no homem, formação dos merozoítos (no fígado), diferenciação em gametócitos (nas hemácias)

3 Vetor: Mosquito – Gênero Anopholes

4

5 ESQUIZOGONIA

6 RESUMO DA MALÁRIA: Os parasitas ficam nas glândulas salivares do mosquito. Em seguida migram para o sangue e penetram nas hemácias (reprodução assexuada); Após alguns dias as hemácias se rompem liberando os merozoítos que penetram novamente em outras hemácias e recomeçam o ciclo; Desencadeia acessos periódicos de febres intensas (quando os protozoários rompem as hemácias) que debilitam profundamente o doente; Sintomas: febre, anemia, lesões no baço fígado e medula óssea; calafrio.

7 MEDIDAS PROFILÁTICAS (PROFILAXIA) Combate ao mosquito-prego; O uso de repelentes e a utilização de tela nas janelas; Tratamento com medicamentos específicos.

8

9 Protozooses DOENÇA (OU MAL) DE CHAGAS: Agente Causador (Etiológico): Trypanosoma cruzi. Vetor da doença: Inseto (percevejo) hematófago barbeiro (Triatoma infestans); Apresenta dois hospedeiros: Intermediário Barbeiro Definitivo Homem Infestação: fezes do inseto hematófago conhecido como barbeiro ou chupança.

10 Estes protozoários apresentam seletividade pelo músculo cardíaco. Eles penetram nas células cardíacas, perdem o flagelo e tornam-se esféricos. A presença dos parasitas causa lesões que prejudicam o funcionamento do coração, o que pode ser letal. O doente, sem tratamento, falece por volta dos 50 anos de idade.

11 Triatoma infestans

12

13

14 Presença de chagoma (inflamação que surge no local da pele por onde o parasita entrou); Sinal de Romanã (infecção do globo ocular, com grande inchaço das pálpebras); Período assintomático por 10 ou 20 anos; Reações inflamatórias por todo o corpo; Insuficiência cardíaca; Cardiomegalia; Megaesofagia; Megacolia (dilatação da parede intestinal); Sintomas do Mal de Chagas

15 Sintomas (inicial – agudo) Inchaço das pálpebras (Sinal Romaña)

16 Sintomas (tardio – crônico) Cardiomegalia

17 Sintomas (tardio – crônico) Megaesôfago e megacólon

18

19 MEDIDAS PROFILÁTICAS (PROFILAXIA) Aplicação de inseticidas nos buracos e frestas das casas, onde se abrigam os vetores; Construção de habitações decentes, higiênicas; Precaução com as doações de sangue; Embora as pesquisas estejam avançadas, não há tratamento eficaz.

20 Outras protozooses Toxoplasmose Agente causador (Etiológico) – Toxoplasma gondii (esporozoário) Hospedeiros – humanos (intermediários) e gatos (definitivos) Contágio – pelo ar (inalação de cistos presente nas fezes de felinos) ou ingestão de alimentos contaminados com cistos; Sintomas mais graves apenas em casos em que a pessoa está imunologicamente deprimida: danos ao SNC, cegueira e morte.

21 Leishmaniose Trata-se de uma doença crônica que pode comprometer tecidos cutâneos ou viscerais (pertencentes aos órgãos internos). Portanto, existem duas formas dessa protozoose. Afeta comumente cães e humanos. Agentes causadores (Etiológicos): todos protozoários flagelados. - Leishmania donovani: causa a leishmaniose visceral (ou calazar) - Leishmania brasiliensis: causa a leishmaniose tegumentar (ou americana ou úlcera de Bauru) Vetores – mosquitos fêmeas dos gêneros Lutzomyia (conhecido como mosquito- palha ou birigui) e do gênero Phlebotomus. Contágio – picada do mosquito; Sintomas: graves ulcerações (feridas) em mucosas, pele e cartilagens; Tratamento: leva a cura, mas as feridas se tornam cicatrizes permanentes. Outras protozooses

22 Leishmaniose Relação entre parasita e hospedeiros:

23 Leishmaniose Tegumentar: caracterizada por lesões e feridas na pele que não cicatrizam. Leishmaniose Visceral ou Calazar: caracterizada por lesões nos órgãos internos. Leishmaniose Relação entre parasita e hospedeiros:

24 Tricomoníase (Trichomona vaginales). Outras protozooses

25 Giardíase (Giardia lamblia) – ciclo muito semelhante ao da amebíase Outras protozooses


Carregar ppt "Principais Protozooses – Amebíase (causador: Entamoeba histolytica) Como evitar? - Saneamento básico (esgoto, qualidade da água); - Ferver a água e lavar."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google