A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

GPPAA/DPP1 Linhas de Orientação Estratégica Comunitária Desenvolvimento Rural Programação 2007-2013.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "GPPAA/DPP1 Linhas de Orientação Estratégica Comunitária Desenvolvimento Rural Programação 2007-2013."— Transcrição da apresentação:

1 GPPAA/DPP1 Linhas de Orientação Estratégica Comunitária Desenvolvimento Rural Programação

2 GPPAA/DPP2 Opções Estratégicas Desenvolvimento Rural Linhas de orientação para efeitos de Programação Indicadores

3 GPPAA/DPP3 Opções Estratégicas Desenvolvimento Rural Linhas de orientação para efeitos de Programação Oportunidades para o espaço rural

4 GPPAA/DPP4 Opções Estratégicas Desenvolvimento Rural Linhas de orientação para efeitos de Programação E-M devem elaborar as opções estratégicas em matéria de D.R. na base das seguintes linhas de orientação:

5 GPPAA/DPP5 Opções Estratégicas Desenvolvimento Rural Linhas de orientação para efeitos de Programação Eixo 1: Melhoria da Competitividade do Sector Agro- florestal Grande potencial de desenvolvimento nos aspectos ligados aos produtos de qualidade e de valor acrescentado no sentido de corresponder à crescente procura - Acção desenvolvida prioritariamente através da difusão da informação e na inovação aplicada à cadeia alimentar, pelo investimento no capital humano e material

6 GPPAA/DPP6 Opções Estratégicas Desenvolvimento Rural Linhas de orientação para efeitos de Programação Eixo 1: Acções

7 GPPAA/DPP7 Opções Estratégicas Desenvolvimento Rural Linhas de orientação para efeitos de Programação Eixo 2: Melhoria do ambiente e do espaço rural Agir em 3 áreas prioritárias: Biodiversidade e preservação de sistemas agro-florestais de elevado valor natural e paisagístico (rede Natura 2000) Recursos hídricos (Directiva Água) Alterações climáticas (Protocolo Kioto)

8 GPPAA/DPP8 Opções Estratégicas Desenvolvimento Rural Linhas de orientação para efeitos de Programação Eixo 2: Acções

9 GPPAA/DPP9 Opções Estratégicas Desenvolvimento Rural Linhas de orientação para efeitos de Programação Eixo 3: Melhoria da qualidade de vida nas áreas rurais e estímulo à diversificação criação de oportunidades de emprego através da formação, informação e atenção particular às necessidades das mulheres e jovens

10 GPPAA/DPP10 Opções Estratégicas Desenvolvimento Rural Linhas de orientação para efeitos de Programação Eixo3: Acções

11 GPPAA/DPP11 Opções Estratégicas Desenvolvimento Rural Linhas de orientação para efeitos de Programação Eixo 4: Leader – Desenvolvimento da capacidade local para criação de emprego e de diversificação promover o potencial endógeno e a gestão das estruturas locais, numa perspectiva integrada (governança)

12 GPPAA/DPP12 Opções Estratégicas Desenvolvimento Rural Linhas de orientação para efeitos de Programação Promover a capacidade local Promover as parcerias público/privado Promover a cooperação e a inovação Novas tecnologias para disseminar o conhecimento e novas abordagens, boas práticas e novos produtos e serviços (1) Implementação da gestão ao nível local (governança) – integração do sector agro-pecuária com a economia local diversificando o tecido socio-económico Eixo 4: Acções

13 GPPAA/DPP13 Opções Estratégicas Desenvolvimento Rural Linhas de orientação para efeitos de Programação Programação: garantir sinergias entre eixos e evitar a todo o custo as incoerências potenciais assistência técnica para criação de redes europeias e nacionais de desenvolvimento rural, para trocas de conhecimentos técnicos informação e divulgação às diversas entidades nas várias fases do processo Meios

14 GPPAA/DPP14 Opções Estratégicas Desenvolvimento Rural Linhas de orientação para efeitos de Programação Complementaridade entre Fundos Criar as sinergias para dar coerência às acções financiadas pelo FEDER, FSE, Fundo Coesão e FEADER para um dado território ou actividade Plano Estratégico Nacional deve definir claramente as linhas de fronteira para a intervenção dos vários fundos e a sua coordenação infra-estruturas – a escala da infra-estrutura pode ser o princípio orientador para a repartição dos fundos, tal como as regiões e sub-regiões administrativas.

15 GPPAA/DPP15 Opções Estratégicas Desenvolvimento Rural Linhas de orientação para efeitos de Programação Acompanhamento e avaliação Estabelecimento de indicadores e metodologia comuns - agregação de outputs, resultados e impactos ao nível UE para verificação dos objectivos atendidos Definição da base para referência (indicadores do início do período de programação) Avaliação ex-ante, intercalar e ex-post, acompanhada de análises complementares Rede Europeia de Desenvolvimento Rural como plataforma de conhecimento e partilha de métodos e resultados.


Carregar ppt "GPPAA/DPP1 Linhas de Orientação Estratégica Comunitária Desenvolvimento Rural Programação 2007-2013."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google