A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

2010/2011 S ISTEMA N EURO - H ORMONAL. B IOLOGIA E G EOLOGIA – 10 º A NO S ISTEMA E NDÓCRIN O S ISTEMA N ERVOSO H OMEOSTASIA.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "2010/2011 S ISTEMA N EURO - H ORMONAL. B IOLOGIA E G EOLOGIA – 10 º A NO S ISTEMA E NDÓCRIN O S ISTEMA N ERVOSO H OMEOSTASIA."— Transcrição da apresentação:

1 2010/2011 S ISTEMA N EURO - H ORMONAL

2 B IOLOGIA E G EOLOGIA – 10 º A NO S ISTEMA E NDÓCRIN O S ISTEMA N ERVOSO H OMEOSTASIA

3 B IOLOGIA E G EOLOGIA – 10 º A NO

4 Estímulo (Neurónios ou Hormonas) H IPOTÁLAMO Neuro- hormonas H IPÓFISE S ISTEMA H IPOTÁLAMO -H IPÓFISE Lóbulo Anterior (endócrino) Lóbulo Posterior (nervoso)

5 B IOLOGIA E G EOLOGIA – 10 º A NO Glândulas Mamárias Ovários / Testículos Tiróide Músculos Supra-renais OxitocinaADH

6 B IOLOGIA E G EOLOGIA – 10 º A NO T ERMORREGULAÇÃO Mecanismos fisiológicos, estruturais e comportamentais que permitem manter a temperatura do corpo dentre de certos limites, apesar das oscilações da temperatura do meio externo. C APACIDADE DE R EGULAÇÃO HomeotérmicosPoiquilotérmicos F ONTE DE C ALOR EndotérmicosEctotérmicos

7 B IOLOGIA E G EOLOGIA – 10 º A NO E STÍMULO Diminuição da Temperatura R ECEPTORES Termorrecetores da pele C ENTRO R EGULADOR Hipotálamo E FETORES Vasos sanguíneos Músculos R ESPOSTA Vasoconstrição, tremuras e aumento de reacções geradoras de calor Aumento da T corporal V ALOR RESTABELECID O 37 ºC F IM DA E STIMULAÇÃO

8 B IOLOGIA E G EOLOGIA – 10 º A NO E STÍMULO Aumento da Temperatura R ECEPTORES Termorrecetores da pele C ENTRO R EGULADOR Hipotálamo E FETORES Vasos sanguíneos Glândulas sudoríparas R ESPOSTA Vasodilatação e aumento da produção de suor Diminuição da T corporal V ALOR RESTABELECID O 37 ºC F IM DA E STIMULAÇÃO

9 B IOLOGIA E G EOLOGIA – 10 º A NO O SMORREGULAÇÃO Permite a manutenção do equilíbrio de água e sais no organismo. O SMOCONFORMANTES A concentração de sais nos fluidos corporais varia de acordo com a concentração de água do meio Invertebrados marinhos O SMORREGULADORES A concentração do meio interno é muito diferente da concentração salina do meio Artémia sp.

10 B IOLOGIA E G EOLOGIA – 10 º A NO O SMORREGULAÇÃO EM M EIO A QUÁTICO M EIO S ALGADO Secreção ativa de NaCl, perda de água Excreção de sais, ureia, pouca água (urina concentrada) Absorção passiva de NaCl e água

11 B IOLOGIA E G EOLOGIA – 10 º A NO O SMORREGULAÇÃO EM M EIO A QUÁTICO M EIO D OCE Absorção de água pelas brânquias Urina diluída Absorção activa de sais pelas brânquias Absorção de água e sais pela comida

12 B IOLOGIA E G EOLOGIA – 10 º A NO O SMORREGULAÇÃO EM M EIO A QUÁTICO P ROBLEMA R ESPOSTA P ROBLEMA Peixe de água salgadaPeixe de água doce Perda de água por osmose Entrada de água por osmose Células branquiais transportam activamente sais do sangue para a água Células branquiais transportam activamente sais da água para o sangue Glomérulos de Malpighi pequenos para reduzir a filtração de água e transporte activo de sais do meio interno para o tubo urinífero, donde resulta urina concentrada Glomérulos de Malpighi grandes para aumentar a filtração de água e transporte activo de sais do tubo urinífero para o meio interno, donde resulta uma urina diluída

13 B IOLOGIA E G EOLOGIA – 10 º A NO O SMORREGULAÇÃO EM M EIO T ERRESTRE Perda de água por evaporação nas superfícies respiratórias e da pele Perda de água por excreção urinária Perda de água na eliminação das fezes

14 B IOLOGIA E G EOLOGIA – 10 º A NO O SMORREGULAÇÃO EM M EIO T ERRESTRE Nefróstoma (funil ciliado) Nefrídio Nefridióporos (Poros excretores) Reabsorção N1 Secreção N2 Urina diluída PE

15 B IOLOGIA E G EOLOGIA – 10 º A NO O SMORREGULAÇÃO EM M EIO T ERRESTRE Túbulo de Malpighi Cavidade Intestinal Glândulas do recto (reabsorção) Ânus

16 B IOLOGIA E G EOLOGIA – 10 º A NO O SMORREGULAÇÃO EM M EIO T ERRESTRE Glândulas nasais Solução salgada Artérias Tubos Excretores Tubo Excretor

17 B IOLOGIA E G EOLOGIA – 10 º A NO O SMORREGULAÇÃO EM M EIO T ERRESTRE Veia Renal Rim Uréter Artéria Renal Uretra Bexiga

18 B IOLOGIA E G EOLOGIA – 10 º A NO C ONSTITUIÇÃO DO R IM

19 B IOLOGIA E G EOLOGIA – 10 º A NO N EFRÓNIO Glomérulo de Malpighi Cápsula de Bowman Tubo contornal proximal Ansa de Henle Tubo contornado distal Tubo coletor H2OH2O H2OH2O NaCl Nutrientes H + K + NH 3 H + Filtração Secreção Absorção

20 B IOLOGIA E G EOLOGIA – 10 º A NO R EGULAÇÃO H ORMONAL

21 Quantidade de H2O no sangue Células cerebrais sensíveis à Po Hipófise liberta ADH Permeabilidade do tubo coletor Reabsorção de H2O para o sangue Quantidade de H2O no sangue Células cerebrais sensíveis à Po Hipófise é inibida de libertar ADH Permeabilidade do tubo coletor Reabsorção de H2O para o sangue Quantidade de H2O no sangue

22 B IOLOGIA E G EOLOGIA – 10 º A NO


Carregar ppt "2010/2011 S ISTEMA N EURO - H ORMONAL. B IOLOGIA E G EOLOGIA – 10 º A NO S ISTEMA E NDÓCRIN O S ISTEMA N ERVOSO H OMEOSTASIA."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google