A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Água de chuva em instalações prediais Questões técnicas para uso.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Água de chuva em instalações prediais Questões técnicas para uso."— Transcrição da apresentação:

1 Água de chuva em instalações prediais Questões técnicas para uso

2

3 CONCEITOS Reciclagem Reuso Recuperação da Água Uso Racional da Água

4 USO RACIONAL DA ÁGUA Consiste em sistematizar as intervenções que devem ser realizadas em uma edificação, de tal forma que as ações de redução do consumo sejam resultantes de amplo conhecimento do sistema, garantindo sempre a qualidade necessária para a realização das atividades consumidoras, com o mínimo de desperdício.

5 Porque Uso Racional Bem finito Otimização de processos Ganhos ambientais Tendência de aumento de custos da água tratada. Exigência de Lei (em São Paulo) desde No caso de edificações residenciais a valorização de unidades.

6 Tipos de Uso e Reuso Águas residuárias (resíduos de processos). Águas de chuva.

7 Quando pensar em Uso Racional e Reuso Na fase do planejamento e de projetos; Na reforma ou reformulação de utilização (mudança de finalidade); Na adequação e investimentos na melhoria de processos;

8 REUSO URBANO Na área urbana os usos potenciais são os seguintes: irrigação de campos de golfe e quadras esportivas rega de jardins, torres de resfriamento, parques e cemitérios, descarga em toaletes, lavagem de veículos, Lavagem de pisos e limpeza em geral, reserva de incêndio, recreação, construção civil limpeza de tubulações, sistemas decorativos tais como espelhos dágua, chafarizes, fontes luminosas e lagos artificiais.

9

10

11 Captação FiltragemReservaçãoDistribuição Concepção Básica p/ Sistema de Uso de Água de Chuva

12 Água para irrigação, rega de jardim, lavagem de pisos e descargas sanitárias. Não deve apresentar mau cheiro; Não deve conter componentes que agridam as plantas ou que estimulem o crescimento de pragas; Não deve ser abrasiva; Não deve manchar superfícies; Não deve propiciar infecções ou a contaminação por vírus ou bactérias prejudiciais à saúde humana ; Não deve deteriorar os metais sanitários.

13 Água para lavagem de veículos. Não deve apresentar mau cheiro; Não deve ser abrasiva; Não deve manchar superfícies; Não deve conter sais ou substancias remanescentes após secagem; Não deve propiciar infecções ou a contaminação por vírus ou bactérias prejudiciais à saúde humana;

14 Captação de Água de chuva Através das áreas expostas; Com a vazão escoada/captada: - dimensiona-se calhas; -dimensiona-se coletores; - Condutores;

15 Filtração de Água de chuva Necessidade de separação partículas; Evitar entrada de vegetação; Carreamento de materiais; No mínimo filtração com peneira malha fina; Opcional filtração com mantas geotextil, dependendo da qualidade da água necessária;

16 Reservação Reservação superior para criar pressão; Volumetrias dependem: - consumo -regime pluviométrico A limpeza dos reservatórios deve ser periódica, assim como reservatórios de água potável; -Vedação de reservatórios afim de evitar-se contaminação por partículas suspensas no ar. - Impedir a conexão cruzada; A água de chuva reservada deve ser protegida contra a incidência direta da luz solar e do calor, bem como, de animais que possam adentrar o reservatório através da tubulação de extravasão.

17 Distribuição para Consumo Hidraulicamente necessidade de 02 redes de distribuição distintas; -Devem atender a NBR 5626; -Diferenciar claramente as tubulações de água potável das de água de chuva/residuárias; Pontos de consumo devem ser identificados com placa de advertência com a inscrição água não potável.

18 Legislação São Paulo -Aborda o uso racional, mas a contenção e destinação das águas pluviais. É o decreto Lei Estadual /2007. I - reduzir a velocidade de escoamento de águas pluviais para as bacias hidrográficas em áreas urbanas com alto coeficiente de impermeabilização do solo e dificuldade de drenagem; II - controlar a ocorrência de inundações, amortecer e minimizar os problemas das vazões de cheias e, conseqüentemente, a extensão dos prejuízos; III - contribuir para a redução do consumo e o uso adequado da água potável tratada.

19 Utilização Res. Novo Andaraí Capacidade de armazenamento: 36m³ A água captada será utilizada para: Limpeza de toda área comum (lavagem de salões de festas, churrasqueira; área de circulação, lixeiras e calçada); Rega das plantas; Lavagem de escadas dos blocos, casa de máquinas e barriletes (hoje não há ponto de água nestes locais); Possibilidade de lavagem de tapetes dos condôminos em área destinada para este fim. Para essas atividades consomem-se aproximadamente 6m³ semanais.


Carregar ppt "Água de chuva em instalações prediais Questões técnicas para uso."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google