A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

PQI-2110 – Química Tecnológica Geral (turmas E1 e E2) PQI-3101 – Fundamentos das Transformações Químicas (turmas 30 a 33) PQI-3110 – Laboratório de Química.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "PQI-2110 – Química Tecnológica Geral (turmas E1 e E2) PQI-3101 – Fundamentos das Transformações Químicas (turmas 30 a 33) PQI-3110 – Laboratório de Química."— Transcrição da apresentação:

1 PQI-2110 – Química Tecnológica Geral (turmas E1 e E2) PQI-3101 – Fundamentos das Transformações Químicas (turmas 30 a 33) PQI-3110 – Laboratório de Química Tecnológica (turmas 1 a 21) APRESENTAÇÃO DO CADERNO DE LABORATÓRIO

2 Sumário e Informações Gerais1 1.Apresentação2 2.Horários e prováveis docentes2 3.Cronograma de laboratório3 4.Normas gerais para as aulas de laboratório4 5.Princípios elementares de segurança6 6.Gráficos8 7.Exp. 1 – Poder Calorífico de Combustíveis11 8.Exp. 2 – Viscosidade de Óleos Lubrificantes17 9.Exp. 3 –Pilhas e Acumuladores23 10.Exp. 4 – Série Galvânica / Obtenção e Caracterização de Revestimentos Metálicos35 11.Exp. 5 – Tensoativos49 12.Exp. 6 – Polimerização de Polímeros57 VEJA: QUAL EXPERIÊNCIA VOCÊ VAI TER? ESTUDE ANTES DE VIR PARA A AULA CADERNO: PÁGINA 1

3 SUA TURMA SUA EQUIPE (A ou B) DATA SUA EXPERIÊNCIA

4 SUA TURMA DATA ERRO NA TURMA 21 EQUIPE A – experiência 6 EQUIPE B – experiência 5 CORRETO:

5 ERRO DE DATA o dia é 26, claro...

6 CRONOGRAMA MODIFICADO PARA A CIVIL - SEQUÊNCIA MODIFICADA - EXPERIÊNCIAS DIFERENTES: 4 e 6 (receberão roteiros na data adequada)

7 CRONOGRAMA MODIFICADO PARA A CIVIL - SEQUÊNCIA MODIFICADA - EXPERIÊNCIAS DIFERENTES: 4 e 6 (receberão roteiros na data adequada)

8 DIA 18 DE JUNHO DIA 17 É TERÇA-FEIRA DIA 19 É QUINTA-FEIRA MAS, NA POLI, DIA 18 SERÁ QUINTA-FEIRA E DIA 19 SERÁ DIA DE JOGO

9 VOCÊ É DA EQUIPE A OU DA EQUIPE B? VEJA NA LISTA DE PRESENÇA

10 PÁGINA 4 DO CADERNO 4. NORMAS GERAIS PARA AS AULAS DE LABORATÓRIO SEIS EXPERIÊNCIAS: já vimos CRONOGRAMA: já vimos NOTA DE EXPERIMENTO: questionário + relatório QUESTIONÁRIOS: individuais e sem consulta. Feitos nos primeiros vinte minutos de aula. (Estudem os roteiros previamente.) RELATÓRIOS: em grupo e com consulta livre (entregues no dia) ATRASO MÁXIMO: cinco minutos NÃO: bermudas, camisetas-regata, sandálias e chinelos. SIM: avental de algodão (mangas longas e na altura do joelho) e óculos de segurança. Experiência só com questionário Questionário só com experiência MÉDIA DE LABORATÓRIO: média das CINCO melhores notas REPOSIÇÃO: uma aula ao final do semestre. Só uma por aluno. Mais de uma, só com justificativa documental (atestado médico, convocação do exército, etc.) CORREÇÃO DOS QUESTIONÁRIOS E RELATÓRIOS: não serão devolvidos, mas podem ser consultados. Notas em sala de aula, ou site ou mural. A correção dos relatórios deverá levar em conta a organização, apresentação de memorial de cálculo, gráficos com escalas e eixos adequados, etc.

11 PÁGINA 6 DO CADERNO 5. PRINCÍPIOS ELEMENTARES DE SEGURANÇA EM LABORATÓRIOS O que fazer Trabalhe sempre com atenção. Pense antes nas conseqüências de qualquer atitude e procure prever o que eventualmente possa dar errado. Use sempre uma vestimenta adequada e os equipamentos de segurança necessários. Antes de iniciar um procedimento experimental, verifique se todos os materiais a serem utilizados estão disponíveis. Não improvise soluções para suprir eventuais carências. Localize os extintores de incêndio, chuveiro e lava-olhos assim que entrar em um laboratório. Saiba como usá-los em caso de emergência. Use a capela sempre que for necessário trabalhar com compostos voláteis. Ao misturar ou aquecer substâncias ou soluções, mantenha o rosto distante delas. Use luvas apropriadas ao manipular quaisquer materiais quentes, corrosivos, ou que ofereçam outro risco potencial. Conserve seu rosto a uma distância conveniente ao acender o bico de Bunsen. Apague-o quando cessar sua utilização. Mantenha distância razoável de outras pessoas que estejam executando experimentos no mesmo laboratório. Caso aconteça qualquer acidente, por menor e aparentemente insignificante que seja, relate-o aos técnicos e professores responsáveis pelo laboratório.

12 O que não fazer Em nenhuma circunstância brinque no laboratório. Não se pode prever a reação de todas as pessoas, e mesmo brincadeiras aparentemente inofensivas podem resultar em acidentes. Nunca fume em laboratórios. Não coma ou beba nada em laboratórios. Nunca cheire ou prove produtos químicos. Nunca use a boca para pipetar. Não descuide de procedimentos que envolvam aquecimento, especialmente aqueles em que o aquecimento é feito por meio de chama (bico de Bunsen). Não retorne reagentes para os frascos originais, mesmo que não tenham sido usados. Procure os frascos próprios para isso e siga procedimentos indicados, caso haja. Nunca infira estados ou propriedades simplesmente pela aparência; por exemplo, vidro e ferro quentes têm a mesma aparência de vidro e ferro frios, e inúmeras soluções têm a mesma aparência que água. Não mexa em válvulas cuja função você não conheça ou cuja utilização não seja absolutamente necessária à condução do experimento. Não faça mau uso dos equipamentos de segurança; por exemplo, não utilize o extintor de incêndio para brincadeiras. A reposição desses equipamentos pode não ser imediata, e eles podem ser necessários nesse ínterim.

13

14 Fig. 2

15 Valores redondos. Não é necessário rotular marcas secundárias. Não poluam o gráfico com excesso de informação, mas também não obriguem o leitor a contar um monte de marcas para achar um valor. Às vezes, distorcemos uma curva para que se aproxime de um dado muito fora do lugar. Isto é honesto, mas pode não ser razoável. Devemos desconfiar de um ponto único que foge do esperado: algum acidente pode ter acontecido na medida. O melhor é repetir a medida. Se você tiver muita convicção de que o valor está errado, mantenha-o no gráfico (não apague) mas ignore-o ao traçar a curva (Figura 2). Assinale o fato e discuta as possíveis fontes de erro.

16 Se o intervalo entre seus dados crescer continuamente, usem escala logarítmica. Caso contrário, os pontos iniciais ficarão aglomerados à esquerda, e apenas um ou dois pontos finais aparecerão claramente.

17 Como usar o excel Criar o gráfico: v. texto Adicionar linha de tendência: Optem entre linear, polinomial, logarítmico, potência, exponencial ou média móvel. Marquem Exibir equação no gráfico e Exibir valor de R-quadrado no gráfico. Façam tentativas, mas pensem se não estão adotando alguma lei fisicamente absurda. Comparem os valores de R 2. Quanto mais próximo de 1, melhor. Mesmo com valores muito próximos de 1, sejam críticos. Quando há uma mudança repentina de tipo de comportamento, dificilmente uma única equação matemática simples irá descrever bem os dois comportamentos. V. Figura 3: duas curvas de tendência diferentes.

18 medido faixa (+ ou -)mínimomáximo Massa (g) Volume (cm 3 ) massa/volume = / 10.1 = menor valor = mínimo / máximo : / = menor valor = máximo/mínimo : / = REPRESENTAÇÃO DE VALORES NUMÉRICOS, DESVIOS, ETC: ADOTEM O CADERNO OFERECIDO PELO INSTITUTO DE FÍSICA EXEMPLO: MEDINDO A MASSA ESPECÍFICA DE UM DADO SÓLIDO Massa – balança com quatro dígitos Volume – imergir a peça em um béquer graduado e anotar a variação do volume Tem sentido, no caso abaixo, escrever g/cm 3 ?

19 fim


Carregar ppt "PQI-2110 – Química Tecnológica Geral (turmas E1 e E2) PQI-3101 – Fundamentos das Transformações Químicas (turmas 30 a 33) PQI-3110 – Laboratório de Química."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google