A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

REVESTIMENTO DE PAREDES: O revestimento mais usado é feito com argamassa. O ideal é fazer três camadas: chapisco, emboço e reboco. Antes de aplicar a primeira.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "REVESTIMENTO DE PAREDES: O revestimento mais usado é feito com argamassa. O ideal é fazer três camadas: chapisco, emboço e reboco. Antes de aplicar a primeira."— Transcrição da apresentação:

1 REVESTIMENTO DE PAREDES: O revestimento mais usado é feito com argamassa. O ideal é fazer três camadas: chapisco, emboço e reboco. Antes de aplicar a primeira camada, tape os rasgos feitos quando foram colocados os encanamentos e os conduítes. Espere cada camada secar,antes de aplicar a seguinte. CHAPISCO, EMBOÇO E REBOCO FINO OU PAULISTA ARGAMASSA DE CIMENTO, AREIA E ÁGUA PREPARAÇÃO: MECÂNICA OU MANUALMENTE O AMASSAMENTO MECÂNICO DEVE DURAR PELO MENOS 90 SEGUNDOS E DEVERÁ SER EXECUTADO NA BETONEIRA. O EMASSAMENTO MANUAL DEVE SER EXECUTADO SOB COBERTURA E SOBRE MASSEIRAS OU SUPERFÍCIES PLANAS IMPERMEÁVEIS. AS ARGAMASSAS CONTENDO CIMENTO DEVERÃO SER USADAS NO MÁXIMO 2 ½ (DUAS E MEIAS) HORAS A CONTAR DO PRIMEIRO CONTATO DO CIMENTO COM A ÁGUA. A ARGAMASSA RETIRADA OU CAIDA DOS REVESTIMENTOS EM EXECUÇÃO NÃO PODERÁ SER NOVAMENTE EMPREGADA. OS REVESTIMENTOS COM ARGAMASSA DE CIMENTO, AREIA, E ÁGUA SÃO EXECUTADOS EM CAMADAS: CHAPISCO, EMBOÇO E REBOCO FINO.

2 CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ - CEAP CURSO: ARQUITETURA E URBANISMO DISCIPLINA: MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO II PROFESSOR: REGINALDO SANTOS TODAS AS SUPERFÍCIES DE CONCRETO, ALVENARIA DE TIJOLOS FURADOS E FORRO, INTERNAS OU EXTERNAS RECEBEM UMA CAMADA DE CHAPISCO DE ARGAMASSA COM TRAÇO 1:3 (CIMENTO E AREIA). AS PAREDES E TETOS DEVERÃO SER MOLHADOS ANTES DA APLICAÇÃO DA PRIMEIRA CAMADA DE REVESTIMENTO CHAMADA CHAPISCO, QUE DEVERÁ SER EXECUTADO DE BAIXO PARA CIMA. A SEGUNDA CAMADA É CHAMADA DE EMBOÇO. ESSA CAMADA SÓ SERÁ INICIADA APÓS A COMPLETA PEGA DE ARGAMASSA DAS ALVENARIAS E CHAPISCO. OS EMBOÇOS DEVERÃO SER APRUMADOS E NIVELADOS COM ESPESSURA MÍNIMA DE 15 mm, DESEMPENADOS COM RÉGUAS DE ALUMINIO OU MADEIRA. NAS PAREDES E TETOS SERÃO UTILIZADOS NO EMBOÇO, ARGAMASSA COM TRAÇO 1:6 (CIMENTO E AREIA). OS EMBOÇOS SÃO TAMBÉM EXECUTADOS COMO FUNDO PARA REVESTIMENTOS DE CERÂMICA OU AZULEJO. A CAMADA DE ACABAMENTO FINAL É O REBOCO FINO, QUE DEVERÁ SER EXECUTADO NO MÍNIMO 24 HORAS APÓS A PEGA COMPLETA DO EMBOÇO.. PARA EXECUÇÃO DO REBOCO FINO, SERÁ EMPREGADA ARGAMASSA DE CIMENTO E AREIA COM TRAÇO 1:5, COM 5 mm DE ESPESSURA MÁXIMA. DEVE SER UTILIZADA AREIA FINA E PENEIRADA.

3 CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ - CEAP CURSO: ARQUITETURA E URBANISMO DISCIPLINA: MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO II PROFESSOR: REGINALDO SANTOS É CORRENTE NA REGIÃO NORTE O USO DO REBOCO PAULISTA COMO REVESTIMENTO DE PAREDES, SUA EXECUÇÃO É PRECEDIDA DA CAMADA DE CHAPISCO E, EM SEGUIDA, O REBOCO PAULISTA É EXECUTADO, UTILIZANDO ARGAMASSA NO TRAÇO 1:6 (CIMENTO E AREIA). A CAMADA DE REBOCO PAULISTA DEVERÁ TER NO MÍNIMO 15 mm DE ESPESSURA. OUTRO REVESTIMENTO COM USO DE ARGAMASSA DE CIMENTO E AREIA É A BARRA LISA. GERALMENTE UTILIZADA EM ÁREAS MOLHADAS, COMO BANHEIROS E COZINHAS, EM CONSTRUÇÕES POPULARES SUBSTITUEM O REVESTIMENTO CERÂMICO. NO REVESTMENTO COM BARRA LISA NO REVESTIMENTO COM BARRA LISA EMPREGA-SE ARGAMASSA DE CIMENTO E AREIA NO TRAÇO 1:3 COM ADIÇÃO DE IMPERMEABILIZANTE. A ESPESSURA DO REVESTIMENTO BARRA LISA DEVERÁ FICAR ENTRE 15 A 25 mm. DEPOIS DE OBTIDA A REGULARIZAÇÃO DO PANO O ACABAMENTO LISO É OBTIDO ATRAVÉS DE POLVILHAMENTO DE CIMENTO E ALISAMENTO À DESEMPENADEIRA DE AÇO OU COLHER DE PEDREIRO ATÉ ATINGIR UMA PERFEITA UNIFORMIDADE EM TODOS OS PONTOS. QUANDO FOR ESPECIFICADA A BARRA LISA COM COLORAÇÃO ARTIFICIAL, ADICIONA-SE O CORANTE DESEJADO COM O CIMENTO NA HORA QUE ESTÁ SE OBTENDO O ACABAMENTO LISO NA SUPERFÍCIE.

4 CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ - CEAP CURSO: ARQUITETURA E URBANISMO DISCIPLINA: MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO II PROFESSOR: REGINALDO SANTOS A CARAPINHA É UM REVSTIMENTO DE ARGAMASSA DE CIMENTO E AREIA QUE É APLICADO COM VASSOURINHA SOBRE A CAMADA DO CHAPISCO. A CARAPINHA É UMA CAMADA DE REVESTIMENTO UTILIZADA, GERALMENTE, EM PAREDES EXTERNAS, PARA DESTACAR UMA ÁREA NA FACHADA DAS EDIFICAÇÕES. A CARAPINHA PODE RECEBER PINTURA OU FICAR AO NATURAL (COR DO CIMENTO). O TRAÇO DA ARGAMASSA PARA CARAPINHA É 1:3. O REVESTIMENTO CO CARAPINHA É BASTANTE ÁSPERO. II – AZULEJOS E CERÂMICA. OS REVESTIMENTOS DE AZULEJOS OU LADRILHOS CERÂMICOS SÃO ASSENTADOS COM ARGAMASSA INDUSTRIALIZADA, SOBRE O EMBOÇO COM FUNDO PREVIAMENTE EXECUTADO E CURADO NO MÍNIMO 7 DIAS. ANTES DO ASSENTAMENTO SERÁ PROCEDIDA UMA RIGOROSA VERIFICAÇÃO DE PRUMOS E NÍVEIS, DE MANEIRA A SE OBTER UMA ARREMATE PERFEITO E UNIFORME, ESPECIAL NA CONCORDÂNCIA DOS AZULEJOS/CERÂMICAS COM O TETO DEIXANDO SEMPRE OS ARREMATES PARA A SUPERFÍCIE INFERIOR DO PLANO REVESTIDO. A COLOCAÇÃO DOS REVESTIMENTOS DE AZULEJOS OU LADRILHOS CERÂMICOS SERÁ FEITA DE MODO A SEREM OBTIDAS JUNTAS ALINHADAS OU CONTRAFIADAS DE ESPESSURA CONSTANTE. NÃO SUPERIORES ÀS MEDIDAS INDICADAS A SEGUIR.

5 CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ - CEAP CURSO: ARQUITETURA E URBANISMO DISCIPLINA: MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO II PROFESSOR: REGINALDO SANTOS AZULEJOS 15x15 cm – JUNTAS DE 1,5 mm AZULEJOS 15x20 cm OU 20x20 cm – JUNTAS DE 2,0 mm CERÂMICAS 7,5x15 cm E 15x20 cm – JUNTAS DE 2,0 mm CERÂMICAS 20x30 cm E 30x30 cm – JUNTAS DE 3,0 A 5,0 mm CERÂMICAS 30x40 cm OU MAIORES – JUNTAS DE 5,0 A 10,0 mm DECORRIDOS 7 DIAS DO REVESTIMENTO, OS PANOS SERÃO REJUNTADOS COM REJUNTES INDUSTRIAL NA COR DEFINIDA EM PROJETO. APÓS O REJUNTAMENTO, OS PANOS SERÃO RIGOROSAMENTE LIMPOS, RETIRANDO- SE QUALQUER EXCESSO DE MASSA OU PASTA. MÁRMORE E GRANITO O ASSENTAMENTO DOS REVESTIMENTOS DE MÁRMORES E GRANITOS É EXECUTADO COM ARGAMASSA DE CIMENTO E AREIA NO TRAÇO 1:3 OU ARGAMASSA INDUSTRIALIZADA ESPECÍFICA PARA ESSES MATERIAIS EM JUNTAS ALINHADAS E PRUMADAS. OS REVESTIMENTOS EM PLACAS DE MÁRMORE OU GRANITO SERÃO EXECUTADOS POR PROFISSIONAIS ESPECIALIZADOS, UTILIZANDO PEDRAS SELECIONADAS. NÃO SERÁ TOLERADO O ASSENTAMENTO DE PEÇAS RACHADAS, EMENDADAS, COM RETOQUES VISIVEIS DE MASSA, CAPAZES DE COMPROMETER SEU ASPECTO, DURABILIDADE E RESISTÊNCIA.

6 CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ - CEAP CURSO: ARQUITETURA E URBANISMO DISCIPLINA: MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO II PROFESSOR: REGINALDO SANTOS PASTILHAS O ASSENTAMENTO DE PASTILHAS CERÂMICAS OU DE VIDRO, COLADAS EM PAPEL, SERÁ EFETUADO POR PESSOAL CAPACITADO PARA ESTE SERVIÇO, COM ARESTAS INTEIRAMENTE RETAS E ALINHADAS. AS PASTILHAS CERÂMICAS OU DE VIDRO SÃO COLADAS EM PAPEL DEVIDO ÀS DIMENSÕES DAS PEÇAS (1cm x 1cm, 1,5cm x 1,5cm, 2cm x 2cm). ANTES DO ASSENTAMENTO DO REVESTIMENTO DE PASTILHAS CERÂMICAS SERÁ EFETUADO UM EMBOÇO COM ARGAMASSA DE CIMENTO E AREIA NO TRAÇO 1:4, PERFEITAMENTE DESEMPENADO E SARRAFIADO. SOBRE O EMBOÇO EXECUTADO EFETUA-SE O ASSENTAMENTO DAS PATILHAS COM ARGAMASSA INDUSTRIALIZADA ESPECÍFICA PARA USO NESSES MATERIAIS. AS PLACAS DE PASTILHAS, UMA VEZ APLICADAS, SERÃO BATIDAS COM UMA DESEMPENADEIRA DE MADEIRA, DE FORMA A SE OBTER A ADERÊNCIA COM A ARGAMASSA, CASO NECESSÁRIO EFETUA-SE NESSA OPORTUNIDADE, A APROXIMAÇÃO DAS PLACAS QUE NÃO TENHAM FICADO BEM UNIDAS, RECOLOCANDO-SE TAMBÉM, AS PASTILHAS CAÍDAS. A REMOÇÃO DO PAPEL DAS PLACAS DO MOSAICO SERÁ FEITA COM ESPÁTULA, APÓS ABUNDANTEMENTE MOLHADA A SUPERFÍCIE COM UMA SOLUÇÃO DE 5% DE SODA E ÁGUA (CARBONATO DE SÓDIO). RETIRADO O PAPEL, LAVA-SE A SUPERFÍCIE COM BASTANTE ÁGUA, PROCURANDO REMOVER RESÍDUOS DE COLA, PASTA DE ARGAMASSA.

7 CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ - CEAP CURSO: ARQUITETURA E URBANISMO DISCIPLINA: MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO II PROFESSOR: REGINALDO SANTOS O REJUNTAMENTO DAS PASTILHAS SERÁ EFETUADO COM REJUNTE INDUSTRIAL NA COR DEFINIDA EM PROJETO. A APLICAÇÃO SERÁ FEITA COM O AUXÍLIO DE UM ROLO DE BORRACHA. COM UM PANO ÚMIDO, RETIRA-SE O EXCESSO DE PASTA, CONCLUINDO A LIMPEZA COM UM PANO SECO. APÓS 6 (SEIS) DIAS, LAVA-SE A SUPERFÍCIE COM AUXILIO DE UMA BROCHA, EMBEBIDA EM UMA SOLUÇÃO, A 5% DE ÁCIDO MURIÁTICO E ÁGUA, LOGO APÓS, COM ÁGUA, EXUGANDO-SE EM SEGUIDO COM PANOS LIMPOS E SECOS. ENCASQUE DE PEDRA: OS REVESTIMENTOS DECORATIVOS DE PEDRA SÃO CONSTITUÍDOS POR SEIXOS, FRAGMENTOS IRREGULARES DE PEDRAS OU FILETES, DENOMINADOS “RACHAS DE PEDREIRA”, LIGADOS À SUPERFÍCIES A GUARNECER POR MEIO DE ARGAMASSA DE CIMENTO E AREIA NO TRAÇO 1:4 E DISPOSTOS DE MODO A FORMAREM UM PARAMENTO EXTERNO, SENSIVELMENTE PLANO. AS RACHAS DEVERÃO SER ISENTAS DE TERRA, ARGILA, CROSTA DECOMPOSTA OU OUTRO DEFEITO QUE LHE PREJUDIQUEM O ASPECTO. AS RACHAS TERÃO FRAGMENTOS CHATOS DESIGUAIS, DE TAMANHO MÉDIO, COM FORMA APROXIMADAMENTE RETANGULAR OU TRAPEZOIDAL, CUJO EIXO MENOR NÃO DEVERÁ SER INFERIOR A 100mm. AS PEDRAS SERÃO ASSENTADAS SEGUNDO O SEU MAIOR EIXO. PODERÃO VARIAR QUANTO A COR MAS O CONJUNTO DEVERÁ TER COR HOMOGÊNEA.

8 CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ - CEAP CURSO: ARQUITETURA E URBANISMO DISCIPLINA: MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO II PROFESSOR: REGINALDO SANTOS PARA ASSENTAMENTO DAS “CASCAS” DE PEDRA SERÁ EMPREGADA ARGAMASSA DE CIMENTO E AREIA NO TRAÇO 1:4. OS PARAMENTOS SERÃO LAVADOS COM UMA SOLUÇÃO DE ÁCIDO CLORÍDRICO (HCL) E DEVERÃO APRESENTAR-SE PLANOS, SEM ONDULAÇÕES OU ABALAMENTOS. REVESTIMENTO CERÂMICO A execução do Revestimento Cerâmico abrange um conjunto de medidas necessárias á adequada execução da camada de acabamento e compreende as seguintes etapas:

9 CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ - CEAP CURSO: ARQUITETURA E URBANISMO DISCIPLINA: MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO II PROFESSOR: REGINALDO SANTOS PROPRIEDADES DO REVESTIMENTO CERÂMICO  Absorção de água  Resistência à abrasão  Resistência á gelo  Expansão por umidade ou dilatação térmica  Resistência ao risco (dureza Mohr)  Resistência à manchas  Resistência ao ataque químico  Empregos de revestimentos cerâmicos: pisos, paredes, fachadas, piscinas, outros.

10 CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ - CEAP CURSO: ARQUITETURA E URBANISMO DISCIPLINA: MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO II PROFESSOR: REGINALDO SANTOS Azulejos Normalmente são constituídos de duas camadas: uma de argila selecionada, de espessura grande, e outra fina, de um esmalte que recobre uma das faces e que lhe proporciona impermeabilidade e alta durabilidade. O azulejo tem por função revesti outros materiais, dando proteção e bom acabamento. É um material para uso em paredes. TIPOS DE ASSENTAMENTO DO REVSTIMENTO

11 CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ - CEAP CURSO: ARQUITETURA E URBANISMO DISCIPLINA: MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO II PROFESSOR: REGINALDO SANTOS Azulejos Antigos

12 CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ - CEAP CURSO: ARQUITETURA E URBANISMO DISCIPLINA: MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO II PROFESSOR: REGINALDO SANTOS


Carregar ppt "REVESTIMENTO DE PAREDES: O revestimento mais usado é feito com argamassa. O ideal é fazer três camadas: chapisco, emboço e reboco. Antes de aplicar a primeira."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google