A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Placa mãe (2) Adinan Southier Soares Senai – São Lourenço do Oeste.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Placa mãe (2) Adinan Southier Soares Senai – São Lourenço do Oeste."— Transcrição da apresentação:

1 Placa mãe (2) Adinan Southier Soares Senai – São Lourenço do Oeste

2 Conexões da fonte de alimentação Placas mãe modernas, padrão ATX, possuem um conector com 20 vias para ligação na fonte de energia. Os pinos tem formatos diferenciados, alguns são retangulares e outros hexagonais. Evitando assim que o conector seja ligado de forma invertida queimando a placa mãe. Trava do conector

3 Conector 12 volts Praticamente todas as placas mãe fabricadas atualmente, exigem fonte de alimentação ATX12V. Além do conector principal, a maioria das placas mãe utilizam este conector de 12 volts, que também tem uma trava e seus pinos tem lados diferentes.

4 Conector ATX de 24 pinos Este conector é encontrado nas placas mãe mais novas, possui 4 pinos a mais que a anterior. Porém é possível colocar um conector de 20 pinos em uma placa mãe com conexão de 24 pinos.

5 Conexões de fonte AT Há muitos anos não são fabricadas placas que utilizam esta conexão. Essa conexão requer dois conectores iguais ligados um ao lado do outro, porém deve-se ter muito cuidado para não ligá-los de forma invertida, pois a placa queimará. Como conectar corretamente: cada um dos conectores possui dois fios pretos, os quatro fios pretos devem ficar juntos na parte central do conector.

6 Conexões de fonte AT

7 As interfaces da placa mãe A maioria dos dispositivos existentes no computador, necessita de uma interface para se comunicar com o processador. Em um teclado por exemplo, a passagem de dados é feita através da interface do teclado. Algumas interfaces são placas inteiras, como por exemplo a placa de vídeo, que é a interface que serve para enviar dados ao monitor.

8 Interfaces Onboard Nos anos 90, várias interfaces que eram localizadas em placas de expansão (offboard) foram aos poucos sendo transferidas, para a placa mãe (onboard).

9 Interfaces seriais As interfaces seriais são chamadas de COM1 e COM2. Seus conectores geralmente ficam na parte traseira do computador e são do tipo DB-9 macho; Essas interfaces existem desde os anos 80, e foram muito usadas para conectar mouses e outros dispositivos; Conexão lenta, muito inferior ao USB; Pode transmitir ou receber 1 bit de cada vez;

10 Interfaces seriais

11 Interface paralela Foi criada a principio para conectar impressoras; Utiliza conector DB-25 fêmea; Pode receber 8 bits de cada vez; Também perde mercado para USB;

12 Interfaces USB Interfaces seriais, paralelas, de teclado e de joystick usadas nos PCs, são praticamente as mesmas usadas nos anos 80, ou seja, são obsoletas para os padrões atuais, impossibilitando a utilização de alguns recursos modernos; Nos anos 90 surgiu a USB (Universal Serial Bus), mais veloz, versátil e moderna;

13 Interfaces USB As placas mãe ATX atuais, possuem pelo menos 2 (2, 4, 6 ou 8) conectores USB, possibilitando que em cada conexão sejam ligados 128 dispositivos, através da ligação de hubs USB; As interfaces USB 2.0 (usadas atualmente) operam com velocidades de até 480 Mbits/s, enquanto a versão anterior desta conexão, a USB 1.1 operava com a velocidade de 12 Mbits/s.

14 Interfaces USB Utilizada para ligar vários dispositivos; Recurso Hot Plugging;

15 Interface para teclado Em placas mãe padrão AT, é mais comum o uso do conector DIN, para a ligação do teclado. Já em placas padrão ATX, o mais comum é o uso do padrão mini-DIN (também conhecido como PS/2); Apesar de tamanhos diferentes, essas duas conexões são eletricamente compatíveis, e um conector mini-DIN, pode ser ligado em uma conexão DIN, e vice-versa, através de um adaptador para este fim;

16 Interface para teclado

17 Interface para mouse PS/2 Surgiu em 1997 aproximadamente, substituindo a porta serial, e é a mais usada até hoje para este fim; Aos poucos estão entrando no mercado os mouses USB;

18 Interface para joystick Encontrado nas placas de som, onboard ou offboard, principalmente as mais antigas. As mais modernas deram prioridade a interface USB; Utiliza o conector DB-15 fêmea;

19 Interface de rede onboard A partir de 2003 começou a ser encontrada em praticamente todas as placas mãe onboard; Geralmente os modelos onboards são velozes e confiáveis tanto quanto os offboard;

20 Conector do vídeo onboard Muitas placas mãe possuem o vídeo integrado; Utiliza geralmente conector DB-15 fêmea, com 3 fileiras de pinos;

21 Conexões do painel do gabinete Todos os gabinetes possuem na sua parte frontal botões e LEDs, além de um alto- falante, geralmente na sua parte interna.

22 Conexões do painel do gabinete RESET Botão usado para resetar (reiniciar o computador) Power Switch Botão usado para ligar o computador PC Speaker Pequeno alto-falante interno Power LED LED que acende quando o PC está ligado IDE LED ou HDD LED LED que acende quando dispositivos IDE estão operando

23 Conexões do painel do gabinete Para cada uma dessas funções, há um pequeno conector que vai ligado em um local apropriado na placa mãe. Não há um padrão da localização desses conectores, varia muito de um modelo de placa mãe para outro.

24 Conexões do painel do gabinete

25 Conexão do reset: Do botão reset do gabinete partem dois fios, de cores que podem variar dependendo do gabinete. Não possui polaridade, ou seja, pode ser ligado em qualquer posição. Indicado na placa mãe como RESET;

26 Conexões do painel do gabinete Conexão do Power Switch: Ligada ao botão que liga e desliga o computador. Também tem dois fios e não possui polaridade. Identificado na placa mãe como: Power Switch, Power Button, PWR SW, PWR BTN, etc.

27 Conexões do painel do gabinete Conexão do PC Speaker: Ligada a um pequeno alto-falante na parte interna do gabinete. Possui dois fios, um vermelho e um preto, na extremidade destes fios existe um conector com quatro contatos, os fios são ligados no primeiro e no quarto contatos. Os dois do meio ficam sem conexões. É identificado na placa mãe como: Speaker, SPK, PC SPEAKER, etc. Também não possui polaridade.

28 Conexões do painel do gabinete Conexão do PC Speaker:

29 Conexões do painel do gabinete Conexão do Power LED: Ligada a um LED na parte frontal do gabinete e fica ligada quando o computador está ligado. Ligado por dois fios, sendo um branco e o outro de cor que varia dependendo do gabinete, geralmente é verde ou amarelo. Estes fios tem polaridade, ou seja, deve ser ligado do lado correto, geralmente a placa mãe informa qual o lado em que se liga o fio positivo (+), e neste deve-se colocar o fio de cor amarela ou verde (nunca o branco).

30 Conexões do painel do gabinete Conexão do Power LED

31 Conexões do painel do gabinete Conexão do IDE LED: O IDE LED OU HDD LED, é ligado a uma LED vermelha no gabinete, ligada por dois fios, tem polaridade.

32 Conexões do painel do gabinete Verificar manual da placa mãe para ligar os cabos; Ligar os cabos com a placa fora do gabinete é mais fácil (sobre um papelão);

33 Atividade para pesquisa Procurar manuais das placas mãe, verificar partes vistas e como montar gabinete frontal de cada um dos modelos abaixo (salvar somente a parte que descreve o painel frontal): Asus P5P800 Asrock a790gmh

34 Questões 1- Cite um dispositivo utilizava interface serial? 2- Por que a interface USB é considerada melhor que outras mais antigas? Qual é o seu diferencial? 3- Descreva as conexões existentes para mouse e teclado. 4- Cite e descreva uma interface que não foi vista anteriormente nos slides e em que dispositivo é utilizada.


Carregar ppt "Placa mãe (2) Adinan Southier Soares Senai – São Lourenço do Oeste."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google