A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

JESUS OU BARRABÁS? Clique para passagem de slides Ligue o som.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "JESUS OU BARRABÁS? Clique para passagem de slides Ligue o som."— Transcrição da apresentação:

1

2 JESUS OU BARRABÁS? Clique para passagem de slides Ligue o som

3 Amanhecia, mas já havia uma multidão para assistir o julgamento de Jesus, que seria interrogado por Pilatos, governador da Judéia. Tratava-se de uma farsa armada pelas autoridades religiosas para matar Jesus.

4 Os Evangelhos registram que Pilatos, nada encontrando que pudesse justificar a prisão de Jesus e querendo libertá-lo, mas diante do dilema de desagradar a multidão que o acusava de não ser amigo de César caso soltasse Jesus, e temendo por seu prestígio político, apelou para uma saída estratégica.

5 Era costume, por ocasião da festa, que o governador soltasse um dos presos, conforme o povo escolhesse. Mandando trazer um preso perigoso, muito conhecido, de nome Barrabás, Pilatos, imaginando que o povo escolheria o Cristo, perguntou à multidão:

6 A quem quereis que eu vos solte, a Barrabás ou a Jesus, chamado Cristo? Repetindo a pergunta, ouviu a resposta do povo: Barrabás! E, após ouvir da multidão que Jesus devia ser crucificado, lavou as mãos, e entregou Jesus para seu calvário.

7 Enquanto Jesus era entregue aos soldados, espancado e conduzido carregando sua cruz para o Gólgota, Barrabás, surpreso, viu-se levado para a liberdade e perguntou a razão de sua libertação. Alguém vai morrer em teu lugar, respondeu um dos soldados.

8 Jesus, que havia entrado na cidade aclamado pela multidão, aos gritos de Bendito é o Rei que vem em nome do Senhor!, agora é levado para fora da cidade, condenado à morte, entre o choro e lamentações de uns e a zombaria de outros.

9 A pergunta feita por Pilatos continua ecoando através dos séculos: Jesus ou Barrabás? Nós sabemos quem é Jesus, porém Barrabás, quem foi?

10 Barrabás, cujo nome verdadeiro é Bar Aba, era um prisioneiro de Roma, salteador, violento, assassino, que não se conformava com a dominação dos romanos e o pagamento de pesados impostos. Dizem alguns estudiosos que ele era também um revolucionário que praticava atos terroristas contra as tropas romanas.

11 Estávamos encarcerados pelos nossos próprios pecados, e por isso mereciamos a morte, mas Jesus espontaneamente morreu em nosso lugar, assim pagando o castigo que nos era destinado. Nós podemos ser libertos do cárcere espiritual do pecado, caso façamos opção por Jesus. Renasceremos espiritualmente para o reino de Deus.

12 Jesus representa a porta que, mesmo sendo estreita, conduz para a vida eterna, para coisas que Deus tem preparado para nós e que nem olhos viram, nem ouvidos ouviram e nem jamais penetrou em coração algum. Ele representa o perdão de nossos pecados, porque pagou, com sua própria vida a dívida que era nossa.

13 Barrabás representa a continuidade do homem à escravidão do pecado, a rejeição à liberdade espiritual apregoada por Jesus, mesmo que tal homem esteja fisicamente livre, mas debaixo da condenação divina.

14 O opção por Jesus é certeza de vida eterna: Agora, pois, já nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus (Romanos 8:1). Já a opção por Barrabás é certeza de condenação eterna, visto que Quem crer e for batizado será salvo; quem, porém, não crer será condenado (Marcos 16:16).

15 Diante da pergunta de Pilatos, sobre quem deveria ser posto em liberdade, se Jesus ou Barrabás, qual a opção a ser feita?

16 Um lançar de olhos no mundo atual, mergulhado na podridão do pecado, em todas as suas formas, e submerso no império das trevas (1 Jo 5:19), com uma sociedade cada vez mais distante de Deus e perto da porta larga que leva à perdição, leva-nos a crer que a maioria dos homens fez a opção por Barrabás.

17 Mas, enquanto o calendário divino não assinalar a data do Juízo Final, a milenar pergunta feita por Pilatos continua a ecoar em todo o mundo: JESUS ou BARRABÁS? A escolha é sua.

18 Créditos: texto/formatação: Nerivaldo Lopes data: fundo musical: Arioso, da suite n.3, de Bach. evangelismo via internet ano 8 mais mensagens em meu site:


Carregar ppt "JESUS OU BARRABÁS? Clique para passagem de slides Ligue o som."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google