A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Qualidade de Vida DN SESC DR SESC Educação Profissional DN SENAC DR SENAC Cooperação Unidades Federações Representação CNC Sindicatos EMPRESAS S O C I.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Qualidade de Vida DN SESC DR SESC Educação Profissional DN SENAC DR SENAC Cooperação Unidades Federações Representação CNC Sindicatos EMPRESAS S O C I."— Transcrição da apresentação:

1

2 Qualidade de Vida DN SESC DR SESC Educação Profissional DN SENAC DR SENAC Cooperação Unidades Federações Representação CNC Sindicatos EMPRESAS S O C I E D A D E VISÃO SISTÊMICA

3 Histórico da FECOMÉRCIO - CE FEDERAÇÃO DO COMÉRCIO DO ESTADO DO CEARÁ | FECOMÉRCIO Entidade representativa patronal do setor de Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Ceará, fundada em Missão Liderar a comunidade empresarial do comércio de bens, serviços e turismo, com reconhecida influência no desenvolvimento do Estado. Visão Ajudar a desenvolver a sociedade e com isso gerar oportunidades para que as empresas do setor terciário obtenham melhores resultados.

4 Coordenar, em sua base teritorial, os sindicatos filiados integrantes dos correspondentes grupos de categorias do comércio; Representar as categorias econômicas inorganizadas do comércio, promovendo a defesa de seus direitos e interesses, individuais e coletivos. Conciliar e arbitrar divergências entre sindicatos que coordena e entre integrantes de categorias inorganizadas que representa, ou entre estas e as correspondentes categorias profissionais; Celebrar acordos, convenções e contratos coletivos de trabalho; Prestar assistência técnica e jurídica aos sindicatos filiados e às categorias inorganizadas; Incentivar o ensino das disciplinas de interesse do comércio;

5 Colaborar com o Estado e os Municípios como órgão técnico e consultivo, no estudo e solução dos problemas relacionados às suas atividades; Promover a solidariedade entre os sindicatos que coordena e as categorias econômicas do comércio, compondo e harmonizando propósitos e objetivos, inclusive conciliando interesses em divergências; Manter neutralidade política e religiosa, abstendo-se da prática de qualquer ato capaz de comprometê-las; Realizar conferências, seminários e reuniões similares sobre temas de interesse das atividades comerciais e da organização sindical, bem como em comemoração a datas que se constituam marcos na história do comércio; Promover e organizar eventos de interesse da economia em geral e do comércio em especial.

6 Diretoria Conselho Fiscal Conselho de representantes Conselho Consultivo Depto. Sindical Depto. de Projetos Assessoria Institucional Presidência Superintendência Câmaras Técnicas Depto. de Financeiro ESTRUTURA ORGANIZACIONAL Assessoria de Comunicação PERFIL DA INSTITUIÇÃO

7 ATACADISTA E VAREJISTA Nos últimos dez anos, a atuação da FECOMÉRCIO/CE tem sido incrementada, com a ampliação de número e da qualidade dos serviços e produtos oferecidos, com a assinatura de parcerias, acordos e convênios e com a participação e realização de cursos, treinamentos, palestras e feiras, entre outros. Em outras palavras, a FECOMÉRCIO/CE é uma entidade que baseia sua atuação em duas vertentes: uma tradicional voltada para a representação sindical e política de seus filiados, e outra para realização de parcerias empresariais que possam contribuir para a sustentabilidade de suas ações. Evolução do nº de Sindicatos Filiados JUNÇÃO DAS FEDERAÇÕES

8 A Força da Representatividade Representar os interesses dos sindicatos patronais e das empresas cearenses do comércio e promover uma relação harmônica entre empregados e empregadores são alguns dos pilares que sustentam e orientam a atuação da FECOMÉRCIO/CE. Nesse sentido, a FECOMÉRCIO/CE participa, apóia e executa diversas atividades que vão desde participação em palestras e em debates públicos, realização de eventos, treinamentos e cursos até a participação em Convenções Coletivas de Trabalho (CCT). Em 2009, a Federação Cearense foi bastante proativa, atuando por meio da Assessoria Institucional e de negociações em Convenções Coletivas de Trabalho. Convenções Coletivas de Trabalho A FORÇA DA REPRESENTATIVIDADE

9 Departamento Sindical Cobrança da Contribuição Sindical da FECOMÉRCIO e dos sindicatos filiados. Cobrança Contribuição Confederativa. Negociação das Convenções Coletivas de Trabalho CCT. Atualização dos dados cadastrais dos Sindicatos junto do MTE no Cadastro Nacional de Entidades Sindicais Participação ativa nos processos eleitorais dos Sindicatos Expedição de certidão de quitação de débitos de obrigações sindicais junto a FECOMÉRCIO Atendimento permanente aos contadores e empresários do comércio e serviços sobre enquadramento das empresas e dúvidas sobre cláusulas das Convenções Coletivas de Trabalho Atualização de dados cadastrais dos Sindicatos junto à Divisão Sindical da Confederação Nacional do Comércio - CNC DESENVOLVIMENTO SINDICAL

10 Convenções Coletivas de Trabalho Convenções Coletivas de Trabalho (CCT) são instrumentos de caráter normativo, que estabelecem condições de trabalho aplicáveis às relações entre empresas e empregados. As CCT são celebradas ou firmadas pelos Sindicatos representativos de categorias econômicas (empregador) e pelas entidades sindicais representativas da categoria profissional (empregados). Todo ano, a FECOMÉRCIO/CE participa de várias rodadas de negociação, seja para representar os interesses de categorias “inorganizadas”, seja para coordenar as negociações na quais os sindicatos patronais do comércio estão participando. Em 2009, a FECOMÉRCIO/CE atuou com sucesso, negociando as CCT dos seguintes sindicatos: Sindicato dos Trabalhadores do Comércio de Crateús, Sindicato dos Trabalhadores do Comércio de Quixadá, Sindicatos dos Empregadores do Comércio de Fortaleza e Sindicatos dos Trabalhadores do Comércio de Maracanaú, Maranguape e Pacatuba. CONVENÇÕES COLETIVAS DE TRABALHO

11 PESQUISAS QUE DESENVOLVEM O COMÉRCIO ATACADISTA E VAREJISTA CEARENSE O Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento do Comércio (IPDC) da FECOMÉRCIO/CE foi criado em 1998 para suprir a ausência, que havia no estado do Ceará, de informações práticas e de dados estatísticos confiáveis que auxiliassem as ações de planejamento e de desenvolvimento das empresas do segmento de comércio de bens, serviços e turismo. Mensalmente, o IPDC divulga três pesquisas: Pesquisa Conjuntural Pesquisas Temáticas Pesquisas Encomendadas IPDC

12 PESQUISA CONJUNTURAL Estudo mensal quantitativo-descritivo que tem como finalidade produzir indicadores do desempenho do comércio varejista. A pesquisa permite que as empresas da Região Metropolitana de Fortaleza avaliem sua posição em relação ao desempenho de outras empresas do mesmo ramo. No ano de 2009, foram realizadas ao todo 12 pesquisas. A cada mês 600 empresas responderam às entrevistas da Pesquisa Conjuntural, totalizando no ano uma quantidade de entrevistas realizadas. Índice de Confiança do Consumidor (ICC) O Índice de Confiança do Consumidor (ICC) revela a percepção (expectativa) que o consumidor tem em relação a sua capacidade de compra e a situação do país, abordando questões, como inflação, desemprego e rendimentos futuros. Em 2009, 12 pesquisas foram realizadas em parceria com o Banco do Nordeste. Mensalmente, 900 consumidores foram entrevistados IPDC

13 Taxa de Endividamento do Consumidor de Fortaleza A pesquisa auxilia os empresários a planejaram estratégias de vendas, analisarem situações de risco, entre outras coisas. Em 2009, 12 pesquisas foram realizadas, com 900 consumidores entrevistados a cada mês, totalizando no ano pessoas entrevistadas. PESQUISAS TEMÁTICAS Além dessas três pesquisas mensais, o IPDC desenvolve Pesquisas Temáticas, que analisam, sobretudo, o comportamento do consumidor fortalezense em datas comemorativas específicas, como Dia das Mães, Dia dos Namorados, Dia dos Pais, Dia das Crianças e Festas de Fim de Ano. Ao todo, em 2009, foram desenvolvidas seis pesquisas sobre o comportamento do consumidor em Datas Comemorativas e cerca de pessoas participaram dessas pesquisas. IPDC

14 TABELA PESQUISAS 2009 Pesquisas Encomendadas O IPDC produz também pesquisas quantitativas e qualitativas, sob encomenda, de acordo com as necessidades de cada empresa. IPDC ICC ENDIVIDAMENTO CONJUNTURAL TEMÁTICAS PESQUISAS ENTREVISTADOS 12 6

15 Assessoria Institucional A Assessoria Institucional da FECOMÉRCIO/CE existe desde 2007 com objetivo de gerenciar proposições legislativas que exercem influência sobre as atividades do setor. Esse trabalho é realizado em parceria com a Assessoria Legislativa da Confederação Nacional do Comércio (CNC), através da Rede Nacional de Assessorias Legislativas do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (Renalegis). Os principais projetos de leis e votações, acompanhados pela Assessoria, em 2009: ASSESSORIA INSTITUCIONAL

16 Assessoria Institucional No Senado e na Câmara Federal PEC 231/1995 – Redução da jornada de trabalho; PLS 311/2006 – Política do livro didático; Na Assembléia Legislativa Lei n° – Refis; Lei Complementar n° 79/09 – Fundo de Desenvolvimento do Comércio Varejista; PL 260/09 – Venda de medicamentos manipulados; PL 264/09 – Comercialização de produtos ópticos. Na Câmara Municipal Lei n° – Horário de funcionamento do comércio aos domingos; PLC 0036/09 – Aumento do IPTU.

17 ASSESSORIA INSTITUCIONAL Assessoria Institucional Projetos acompanhados: Esfera Federal: 40 Esfera Estadual : 8 Esfera Municipal: 20 Total de Projetos: 68

18 ASSESSORIA INSTITUCIONAL | Produtos e Serviços -Assessoria técnica as comissões e aos conselhos do Sistema Fecomércio/CE. - Assessoria técnica a rede de relacionamentos:empresas,sindicatos e comércio em geral. - Assessoria técnica á Presidência. - Palestras - Articulação de visitas de parlamentares e executivos ao Sistema Fecomércio - Apoio á assessoria de comunicação. - Apoio as manifestações institucionais - Apoio ao desenvolvimento dos Sindicatos - Acompanhamento das representações do Sistema Fecomércio nos conselhos estaduais e municipais. ASSESSORIA INSTITUCIONAL

19

20 PRODUTOS E SERVIÇOS TELEFONIA MÓVEL O convênio entre a FECOMÉRCIO/CE e a empresa de telefonia móvel OI oferece às empresas do comércio do Ceará atendimento personalizado, rapidez na solução das demandas, ligações gratuitas entre telefones do mesmo grupo e planos especiais com as menores tarifas do mercado. A parceria dispõe aos usuários os planos FLEX2 e OI Controle. O ano de 2009 fechou com 512 empresas beneficiadas pelos serviços OI e mais de 800 novas linhas foram assinadas.

21 PRODUTOS E SERVIÇOS Novas Linhas

22 PRODUTOS E SERVIÇOS VIVO e NEXTEL São os mais novos parceiros da FECOMÉRCIO/CE na área de telefonia móvel. As duas operadoras firmaram o convênio com a Federação, em A VIVO disponibiliza o plano LD VIP, oferecendo as menores tarifas do mercado nas ligações de VIVO para outras operadoras e para VIVO de outro estado. Além de oferecer também o serviço de Banda Larga Móvel – VIVO INTERNET 3G – que permite conexão via internet com segurança, em qualquer lugar, com velocidade de até um megabyte e sem limite de transferência de dados. Já a parceria com a NEXTEL, dispõe aos filiados à FECOMÉRCIO/CE planos com serviços de localizador, de rádio e de gerenciamento de equipe em campo. Em 2009, mais de 500 contratos da VIVO e da NEXTEL foram firmados através da FECOMÉRCIO/CE.

23 Consulta de Crédito A consulta de crédito da SERASA EXPERIAN é um dos mais novos serviços oferecidos pela FECOMÉRCIO/CE aos empresários do comércio cearense. O convênio foi firmado em setembro de 2009, proporcionando informações sobre crédito, como consulta online de cheques, CPF e CNPJ, além de permitir o monitoramento de clientes e inclusão de devedores no banco de dados da SERASA. A parceria tem a melhor relação custo/benefício do mercado e as mais eficazes estratégias para gestão e análise de crédito, possibilitando que as empresas representadas pela FECOMÉRCIO/CE corram menos riscos de sofrerem com fraudes e inadimplência. PRODUTOS E SERVIÇOS

24 Planos de Saúde Bem-estar e vida saudável do trabalhador do comércio são prioridades para a FECOMÉRCIO/CE. Nesse sentido, a Federação fechou, em 2002 e 2008, convênios com os Planos de Saúde, UNIMED e HAPVIDA respectivamente, garantindo qualidade na assistência médica, hospitalar e de diagnóstico complementar, com ampla cobertura e preços diferenciados. Com a Unimed, a FECOMÉRCIO disponibiliza os planos MULTIPLAN, UNIPLANO e UNIMED NÚCLEO. Enquanto, com a HapVida oferece os planos NOSSO PLANO, MIX e PLENO. As parcerias entre a FECOMÉRCIO, a UNIMED e a HAPVIDA fecharam juntas o ano de 2009 com mais de três mil beneficiários conveniados. PRODUTOS E SERVIÇOS

25 Últimos Convênios Firmados Certificação Digital Proporciona aos usuários soluções de problemas relacionadas à segurança na internet, sigilo, agilidade e validade jurídica nas transações eletrônicas. Somente no mês de julho, a FECOMÉRCIO atendeu mais de 180 empresas quanto aos serviços de Certificação Digital. PRODUTOS E SERVIÇOS

26 SISTEMA DE EXCELÊNCIA EM GESTÃO SINDICAL (SEGS) O SEGS foi implantado no Ceará em 2008, a fim de incentivar e permitir que a FECOMÉRCIO/CE e os seus sindicatos filiados desenvolvam práticas de excelência em suas gestões. Dos 35 sindicatos da FECOMÉRCIO/CE 22 já aderiram ao SEGS. Números SEGS/CICLO Sindicatos Participantes DESTAQUES 2009 NAS AÇÕES PARA SINDICATOS Treinamentos realizados07 Planejamentos Estratégicos produzidos 12 Consultorias individualizadas90 Profissionais treinados (capacitações) 104

27 PROJETO DE AUTOMAÇÃO COMERCIAL Levar conhecimento às empresas sobre “Integração Eletrônica para Negócios” e “Tecnologia da Informação”, a FECOMÉRCIO/CE firmou em 2007 uma parceria com a Confederação Nacional do Comércio (CNC) e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequena empresas (SEBRAE). Palestras Gratuitas14 Participantes das Palestras410 Participantes do Circuito1025 Empresas Expositoras26 BALANÇO DO CIRCUITO DE AUTOMAÇÃO COMERCIAL Em 2009, a FECOMÉRCIO/CE encerrou as atividades desses Projetos, que no balanço total contabilizou a realização de 24 palestras gratuitas e de 37 cursos. Além de ter treinado 875 profissionais e prestado horas de consultoria. Palestras Gratuitas24 Cursos Realizados37 Profissionais Treinados875 Horas de Consultorias4.515 NÚMEROS DO PROJETO CNC/SEBRAE ( ) DESTAQUES 2009 NAS AÇÕES PARA SINDICATOS

28 Número de Participantes42 Sindicatos Representados21 CURSO DE APERFEIÇOAMENTO DE DIRIGENTES SINDICAIS (ADS) Evento contou com palestras sobre a história do sindicalismo brasileiro, enquadramento e registro sindical, negociações coletivas, greves e conflitos trabalhistas. Ao total 42 participantes, de 21 sindicatos e da FECOMÉRCIO/CE, participaram do treinamento. DESTAQUES 2009 NAS AÇÕES PARA SINDICATOS


Carregar ppt "Qualidade de Vida DN SESC DR SESC Educação Profissional DN SENAC DR SENAC Cooperação Unidades Federações Representação CNC Sindicatos EMPRESAS S O C I."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google