A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Programa de Desenvolvimento de Fornecedores Cadeia Produtiva de Madeira e Móveis do Mercosul Paraguai - Argentina – Uruguai - Brasil 26 a 29 de março de.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Programa de Desenvolvimento de Fornecedores Cadeia Produtiva de Madeira e Móveis do Mercosul Paraguai - Argentina – Uruguai - Brasil 26 a 29 de março de."— Transcrição da apresentação:

1 Programa de Desenvolvimento de Fornecedores Cadeia Produtiva de Madeira e Móveis do Mercosul Paraguai - Argentina – Uruguai - Brasil 26 a 29 de março de 2007

2 Sumário Objetivos do Programa Estrutura organizacional Quadro lógico dos projetos Gestão dos projetos Tópicos

3 competitividade Aprimorar a competitividade da cadeia produtiva de madeira e móveis do Mercosul Objetivos Competitividade EmpresarialCompetitividade Estrutural Vendas intra-bloco Participação no mercado Qualidade e produtividade Preço Prazo Logística Design Inovação Comércio intra-bloco Base de fornecedores Alianças estratégicas Joint-ventures Complementação industrial Integração produtiva Coleção de móveis MERCOSUL

4 Estrutura Organizacional SGT7 Subgrupo de Trabalho da Indústria Grupo Gestor PARAGUAI ARGENTINA URUGUAI BRASIL Equipe Projeto 1 Equipe Projeto 2 Equipe Projeto 3 Equipe Projeto 4 Expectativa de 4 projetos

5 Quadro lógico dos projetos Público-AlvoObjetivos Mensurações e Avaliações Premissas Referencial Metodológico Sistema de Gerenciamento Focos Estratégicos Ações Resultados EmpresasCadeia Produtiva Gestão do Projeto Recursos Agenda Parceiros

6 Quadro lógico dos projetos Público-AlvoObjetivos Mensurações e Avaliações Premissas Referencial Metodológico Sistema de Gerenciamento Focos Estratégicos Ações Resultados EmpresasCadeia Produtiva Gestão do Projeto Recursos Agenda Parceiros

7 Público-alvo Público-alvo Médias e pequenas empresas da cadeia produtiva de madeira e móveis do Paraguai, Argentina, Uruguai e Brasil

8 Quadro lógico dos projetos Público-AlvoObjetivos Mensurações e Avaliações Premissas Referencial Metodológico Sistema de Gerenciamento Focos Estratégicos Ações Resultados EmpresasCadeia Produtiva Gestão do Projeto Recursos Agenda Parceiros

9 competitividade Aprimorar a competitividade da cadeia produtiva de madeira e móveis do Mercosul Objetivos Competitividade EmpresarialCompetitividade Estrutural Vendas intra-bloco Participação no mercado Qualidade e produtividade Preço Prazo Logística Design Inovação Comércio intra-bloco Base de fornecedores Alianças estratégicas Joint-ventures Complementação industrial Integração produtiva Coleção de móveis MERCOSUL

10 Quadro lógico dos projetos Público-AlvoObjetivos Mensurações e Avaliações Premissas Referencial Metodológico Sistema de Gerenciamento Focos Estratégicos Ações Resultados EmpresasCadeia Produtiva Gestão do Projeto Recursos Agenda Parceiros

11 Focos Estratégicos InteligênciaCompetitiva Acesso ao Mercado InovaçãoTecnológica Redes de Cooperação e Aprendizagem CapacitaçãoGerencial Logística

12 Quadro lógico dos projetos Público-AlvoObjetivos Mensurações e Avaliações Premissas Referencial Metodológico Sistema de Gerenciamento Focos Estratégicos Ações Resultados EmpresasCadeia Produtiva Gestão do Projeto Recursos Agenda Parceiros

13 Premissas Premissas Taxa de crescimento do país 2. 2.Taxa de crescimento do setor 3. 3.Taxa de inflação 4. 4.Taxas de câmbio 5. 5.Outros indicadores

14 Quadro lógico dos projetos Público-AlvoObjetivos Mensurações e Avaliações Premissas Referencial Metodológico Sistema de Gerenciamento Focos Estratégicos Ações Resultados EmpresasCadeia Produtiva Gestão do Projeto Recursos Agenda Parceiros

15 Resultados Público-Alvo Objetivo Geral Resultados Nas Empresas Resultados Na Cadeia Produtiva Ações e Recursos Focos Estratégicos Resultado = Transformação + Indicador + Meta + Prazo

16 Quadro lógico dos projetos Público-AlvoObjetivos Mensurações e Avaliações Premissas Referencial Metodológico Sistema de Gerenciamento Focos Estratégicos Ações Resultados EmpresasCadeia Produtiva Gestão do Projeto Recursos Agenda Parceiros

17 Referencial Metodológico Conforme Termo de Referência aprovado pelo SGT7 aprovado pelo SGT7 Plano de Ação Participativo Produto Mercosul Complementação Industrial Análise de Mercado Características de Produto Análise de Demanda e Oferta Requisitos de Produto Requisitos de Processo Requisitos de Custos Requisitos de Logística Diagnóstico

18 Quadro lógico dos projetos Público-AlvoObjetivos Mensurações e Avaliações Premissas Referencial Metodológico Sistema de Gerenciamento Focos Estratégicos Ações Resultados EmpresasCadeia Produtiva Gestão do Projeto Recursos Agenda Parceiros

19 Ações Ações Focos Estratégicos Inteligência Competitiva Acesso ao Mercado Logística Demanda Oferta Compradores Fornecedores Requisitos Oportunidades Restrições Benchmarks 123 Rodadas de negócios Projeto comprador Cadastramento de fornecedores Participação em feiras Central de Compras Central de fretes

20 Ações Ações Focos Estratégicos Redes de Cooperação Capacitação Gerencial Inovação Tecnológica Mobilização de grandes e médias e pequenas empresas Universidades Centros de Inovação Bancos Agências 456 Cursos Consultorias Seminários Workshops Oficinas Missões Caravanas Visitas técnicas Design Processo Produto Tecnologias limpas

21 Quadro lógico dos projetos Público-AlvoObjetivos Mensurações e Avaliações Premissas Referencial Metodológico Sistema de Gerenciamento Focos Estratégicos Ações Resultados EmpresasCadeia Produtiva Gestão do Projeto Recursos Agenda Parceiros

22 Gestão do Projeto Conselho de Empresários Grupo Gestor do Projeto Coordenação Executiva do Projeto Grupo de Trabalho (GT1) Inteligência Competitiva Grupo de Trabalho (GT2) Acesso ao Mercado Grupo de Trabalho (GT3) Logística Grupo de Trabalho (GT4) Redes de Cooperação Grupo de Trabalho (GT5) Capacitação Gerencial Grupo de Trabalho (GT6) Inovação Tecnológica

23 Quadro lógico dos projetos Público-AlvoObjetivos Mensurações e Avaliações Premissas Referencial Metodológico Sistema de Gerenciamento Focos Estratégicos Ações Resultados EmpresasCadeia Produtiva Gestão do Projeto Recursos Agenda Parceiros

24 Parceiros : Entidades de caráter governamental: Governo federal Governo federal Governo estadual Governo estadual Prefeituras Prefeituras Entidades de caráter técnico/científico: Universidades Universidades Instituições de formação/treinamento Instituições de formação/treinamento Centros de tecnologia Centros de tecnologia Entidades de caráter empresarial: Entidades de classe Entidades de classe Sindicatos Sindicatos Associações Associações Entidades de caráter não- governamental: Bancos Bancos Fundações Fundações Institutos Institutos Agências de promoção Agências de promoção

25 Quadro lógico dos projetos Público-AlvoObjetivos Mensurações e Avaliações Premissas Referencial Metodológico Sistema de Gerenciamento Focos Estratégicos Ações Resultados EmpresasCadeia Produtiva Gestão do Projeto Recursos Agenda Parceiros

26 Recursos ParceiroValor (US$) 1. Setor produtivo 2. Governos 3. Entidades de fomento 4. Agências promotoras 5. Bancos 6. Institutos tecnológicos 6. Outros

27 Quadro lógico dos projetos Público-AlvoObjetivos Mensurações e Avaliações Premissas Referencial Metodológico Sistema de Gerenciamento Focos Estratégicos Ações Resultados EmpresasCadeia Produtiva Gestão do Projeto Recursos Agenda Parceiros

28 Sistema de Gerenciamento Fase 1: Estruturação do Projeto Fase 2: Implementação Fase 3: Avaliação Fase 4: Correção

29 Estruturação dos Projetos Público-alvo ObjetivosResultados Focos Estratégicos Ações RecursosParceiros Grupo Gestor Projetos Coleta de dados e informações

30 Questões para discussão Questões 1. 1.Quem é o parceiro que representará o setor produtivo? 2. 2.Quem é o parceiro que representará o governo? 3. 3.Existe alguma agência promotora do desenvolvimento? 4. 4.Quais seriam os demais potenciais parceiros dos projetos? 5. 5.Quantas grandes e médias empresas possuem potencial de participação? 6. 6.Quantas pequenas empresas possuem potencial de participação? 7. 7.Quais serão os critérios para seleção das empresas? 8. 8.Qual o volume de recursos pode ser captado? Onde será a secretaria executiva do projeto? Coleta de dados e informações

31 Quadro lógico dos projetos Público-AlvoObjetivos Mensurações e Avaliações Premissas Referencial Metodológico Sistema de Gerenciamento Focos Estratégicos Ações Resultados EmpresasCadeia Produtiva Gestão do Projeto Recursos Agenda Parceiros

32 Agenda TópicoQuemData 1. Encaminhar instrumento para coleta de dados e informações Consultoria05/04 2. Enviar dados e informaçõesGrupo Gestor 12/04 3. Estruturar os projetos (draft)Consultoria30/04 4. Aprovar os projetosGrupo Gestor A definir 5. Captar os recursosGrupo Gestor A definir 6. Assinar os convêniosGrupo Gestor A definir 7. Implementar os projetosGrupo Gestor A definir

33 Consultor Rogério Della Fávera Allegretti Mestre em Administração e Negócios (PUCRS) Especialista em Project Management (Berkeley-USA) Consultor do SEBRAE (BRASIL)


Carregar ppt "Programa de Desenvolvimento de Fornecedores Cadeia Produtiva de Madeira e Móveis do Mercosul Paraguai - Argentina – Uruguai - Brasil 26 a 29 de março de."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google