A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Mariana Delgado - 1PPN Publicidade e Propaganda: Categoria e Conceitos Roteiro de briefing.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Mariana Delgado - 1PPN Publicidade e Propaganda: Categoria e Conceitos Roteiro de briefing."— Transcrição da apresentação:

1 Mariana Delgado - 1PPN Publicidade e Propaganda: Categoria e Conceitos Roteiro de briefing

2 yyyyyyyyyyyyyyyyyyyyyy *Um pouco da história: John Pemberton, era um farmacêutico, que tinha acabado de participar de uma guerra e estava disposto a mudar de vida. Criou a Coca com o objetivo de chegar em uma nova clientela, que comprasse suas ideias e seus medicamentos. Sempre fracassou, por não ter nenhuma ideia de venda, até conhecer o contador Frank Robinson, que tornou seu sócio. No início era uma bebida com álcool. Mudado posteriormente para um xarope com água carbonada. Em 1886 foi vendida a primeira bebida, conhecida atualmente como Coca-Cola, que chegou no Brasil em No primeiro ano, resultou em um prejuízo. Com muitas mudanças ao longo de anos, em todos os aspectos, a marca foi crescendo, até se tornar, uma das marcas mais conhecidas e lucrativas do mundo.

3 EMPRESA: The Coca-Cola Company Produto: Coca-Cola *Dados do produto: -Aspectos e características: The Coca-Cola Company é uma corporação multinacional americana de bebidas não alcoólicas e concentrados de xaropes, fabricante e comerciante. A Coca-Cola é a marca de um refrigerante, com sabor de noz-de- cola, pertencente à The Coca-Cola Company, comercializada em mais de 200 países e com mais de 120 anos. Seu objetivo é matar a sede e refrescar. A filosofia da marca Coca-Cola tem a sustentabilidade como ferramenta para agregar valor. Seu objetivo é chegar a 100% de suas embalagens recicladas. Reduzir, reusar e reciclar a água também são. Das embalagens que a Coca-Cola dispõe no mercado brasileiro, atualmente são reciclados 96% das de alumínio, 53% de PET, 22% Tetra Pak e 46% dos produtos vendidos em embalagens de vidro.

4 -Promessa básica e distinta: A estratégia é aparentemente simples: fazer as pessoas do mundo inteiro falarem sobe Coca-Cola. Mas os métodos para isso nem sempre são tão comuns. Manter um relacionamento próximo com os clientes via redes sociais é uma ideia que tem dado certo. Mas o que eles valorizam mesmo são campanhas mais complexas, como colocar um caminhão itinerante da empresa distribuindo refrigerantes e acessórios da marca nas favelas. Vale tudo, desde que a imagem da Coca-Cola seja sempre associada ao conceito de felicidade.

5 - Público alvo: O produto Coca-Cola tem na sua visão principal, atender a todas as classes sociais. É um produto de consumo de massa. Consumido por todos os tipos de pessoas, independente do sexo. Tendo destaque entre jovens, tanto homens quanto mulheres. Com um número mais baixo entre os idosos e a classe C, que por não terem tanta condição financeira, opta por comprar produtos menos conhecidos e consequentemente mais baratos. Em suas propagandas –principalmente em TV- visam à família, sempre dando ênfase em festa como natal, onde familiares então reunidos.

6 -Preço: Se compararmos com o restante dos produtos desse tipo, Coca-Cola é a mais cara. Existem pessoas – da classe C -, que por falta de condições, compram produtos mais baratos. Mas na maioria das vezes, escolhem Coca-Cola, por ter a qualidade maior, gosto melhor, pelo reconhecimento da marca, e além de tudo, pela variedade de tamanhos e preços. Os preços dependem do lugar onde serão vendidos. Em média, uma latinha de 350 ml custa R$ 2,00. A garrafa de 2L, R$ 4,80.

7 -Distribuição/estratégia de comercialização: Normalmente é um produto completamente fácil de se encontrar. Vendido em supermercados, padarias, farmácias, papelarias e etc. Em supermercados, por exemplo, ficam em grande número nas gondolas, que chamam bastante atenção, sempre com a opção de gelada ou temperatura ambiente. Em locais como padarias e farmácias, ficam em uma geladeira, que dificilmente terá apenas Coca-Cola para vender, sempre terá muitos outros produtos da marca The Coca-Cola Company.

8 -Sazonalidade: É um produto com uma boa venda em todas as épocas. Na maioria dos grandes eventos, seja festas, shows, ou qualquer tipo de evento que tenha uma maior duração, a Coca-Cola terá uma grande procura, pelo fato de ser uma bebida extremamente refrescante, por isso, sua procura cresce também, no verão.

9 *Situação de mercado -Tendências: As mais novas ideias para projetos da Coca-Cola estão sendo inspirados nos eventos esportivos que acontecerão em breve, no Brasil. Um de seus objetivos é fazer com que a Coca-Cola surpreenda o mundo mostrando os diferentes estilos de vida do país, transmitindo essa ideia da forma mais autêntica e fiel à cultura do Brasil. Manter um relacionamento com o público, por meio de redes sociais, também é uma estratégia.

10 Vocês vão ver a maior campanha de marketing já feita durante a Copa do Mundo. O mundo todo vai amar a Coca-Cola, o futebol e compartilhar. Nós vamos celebrar o Brasil e estamos muito animados com isso. É difícil falar em escala global porque nesse momento eu não posso tirar os olhos do Brasil. Palavras de Jonathan Mildenhall, vice-presidente global de marketing estratégico e comunicação criativa da Coca-Cola.

11 -Concorrência: Existem vários outros produtores e distribuidores de bebidas cola. A maioria deles, sem muito reconhecimento. E por isso não trazem muita preocupação. Podemos considerar a Pepsi como sendo a grande concorrente da Coca-Cola.

12 *Comparação x concorrência: -Problemas e oportunidades: Os pontos fortes da Pepsi são: recentemente criaram uma bebida antigordura, tem uma grande variedade de produtos que atendem as necessidades do público, desde produtos com café a produtos com vários aromas e sabores. Os pontos fracos são: os anúncios são inferiores aos da Coca-Cola. A Pepsi pratica o designado marketing de guerrilha e adota uma estratégia de desvalorização das outras marcas em vez de mostrar os seus pontos fortes,o que desvaloriza, fortemente, a sua credibilidade. Na Argentina, a Pepsi, é a mais vendida. Mas podemos perceber a superioridade da Coca, sabendo que ela é a líder de mercado em quase todo o mundo.

13 *Problema de comunicação: Há especulações de que Coca-Cola faz mal a saúde. Segundo médicos, os problemas aparecerão se for consumida em excesso. A maioria dos clientes fiéis é adolescentes, e grandes parte deles, consumidores de alimentos nada saudáveis, são sedentários e além de consumirem Coca-Cola praticamente todos os dias, exageram na quantidade. A Coca-Cola esta ligada aos motivos de obesidade, mas que só unida à má alimentação e ao sedentarismo pode ser prejudicial. Embora não seja completamente responsável, tem parte da culpa. E a falta de abordagem do assunto, em suas propagandas, nos deixam um pouco longe de alguma solução.

14 Logos Coca-Cola:


Carregar ppt "Mariana Delgado - 1PPN Publicidade e Propaganda: Categoria e Conceitos Roteiro de briefing."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google