A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O QUE É SOM? Onda mecânica longitudinal (propaga-se em meios materiais).

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O QUE É SOM? Onda mecânica longitudinal (propaga-se em meios materiais)."— Transcrição da apresentação:

1

2 O QUE É SOM? Onda mecânica longitudinal (propaga-se em meios materiais).

3

4

5 FISIOLOGIA DA AUDIÇÃO Ouvido externo: capta o som. Tímpano leva o som para o ouvido médio (martelo, bigorna e estribo) Quando o som chega no ouvido interno ele é amplificado de 30 a 60 vezes pela janela oval no inicio do labirinto e caracol. No ouvido interno estão as terminações nervosas que se comunicam com o cérebro).

6 Velocidade do som V sólido V líquido V gasoso > >

7 VELOCIDADE DO SOM NO AR 340 m/s a 20º 330 m/s a 0ºC

8 FREQÜÊNCIA AUDÍVEL 20 Hz Hz Infra-som Ultra-somaudível

9

10 ALTURA: Diferencia sons graves (baixo) de sons agudos (alto). freqüência Está relacionado a freqüência da onda grave agudo

11 ALTURA DO SOM Qualidade que permite diferenciar som grave e som agudo. Qualidade que permite diferenciar som grave e som agudo. A altura de um som depende apenas de sua freqüência. A altura de um som depende apenas de sua freqüência.

12 ALTURA DO SOM 20 Hz20 kHz Som AudívelInfra – SomUltra – Som Altura Som Audível Alto: Baixo: AGUDO GRAVE (Alta freqüência) (baixa freqüência)

13 INTENSIDADE (VOLUME): Diferencia sons fortes de sons fracos. Amplitude Está relacionado a Amplitude da onda Fraco Forte

14 Esta relacionado com a forma da onda. TIMBRE: Diferencia sons de mesma altura, mesma intensidade tocados em instrumentos diferentes.

15 INTENSIDADE SONORA É a quantidade de energia sonora que atravessa a unidade área de uma superfície disposta perpendicularmente à direção de propagação, na unidade de tempo. É a quantidade de energia sonora que atravessa a unidade área de uma superfície disposta perpendicularmente à direção de propagação, na unidade de tempo. DEFINIÇÃ O:

16 INTENSIDADE SONORA Potência da fonte (Watts) Área atravessada pelo som (m 2 ) I (W/m 2 ) SILENCIO ABSOLUTO POLUIÇÃO SONORA SOM FISIOLÓGICO LIMIAR DE AUDIBILIDADE

17 NÍVEL SONORO É a intensidade sonora percebida ou detectada pelo sistema auditivo humano. É a intensidade sonora percebida ou detectada pelo sistema auditivo humano. DEFINIÇÃO MATEMÁTICA: decibel 0120 SILÊNCIO ABSOLUTO SOM FISIOLÓGICO POLUIÇÃO SONORA Limiar de audibilidadeLimiar de dor 0120

18 EXEMPLO: Um som possui intensidade de W/m 2. Calcule o nível sonoro, em dB.

19

20

21 ECO: É a reflexão do som

22 X

23 REFLEXÃO DO SOM Quando as ondas sonoras atingem um obstáculo fixo, como uma parede, elas sofrem reflexão com inversão de fase. Quando as ondas sonoras atingem um obstáculo fixo, como uma parede, elas sofrem reflexão com inversão de fase. Persistência auditiva: tempo que leva para deixarmos de perceber um som (0,1s). Persistência auditiva: tempo que leva para deixarmos de perceber um som (0,1s). Eco: ocorre quando a pessoa percebe o som por ela emitido duas vezes distintas. Eco: ocorre quando a pessoa percebe o som por ela emitido duas vezes distintas.

24 No ar a distância mínima para ocorrer eco é em torno de 17 m, pois: Como D = 2.X e o tempo mínimo é de 0,1 s.

25 EFEITO DOPPLER Quando uma fonte se aproxima ou se afasta de um observador a frequência recebida não será igual a frequência real da fonte. Observador(V O ) +- Fonte(V F ) +-

26

27 f` freqüência aparente (percebida pelo ouvinte) f freqüência real da fonte

28 2. Cordas Vibrantes As cordas vibrantes são fios flexíveis e tracionados nos seus extremos. São utilizados nos instrumentos musicais de corda como a guitarra, o violino, o violão e o piano. As cordas vibrantes são fios flexíveis e tracionados nos seus extremos. São utilizados nos instrumentos musicais de corda como a guitarra, o violino, o violão e o piano.

29 Velocidade e tração na corda

30 Harmônicos nas cordas Primeiro Harmônico ou Freqüência Fundamental formam-se, na corda, um fuso com 2 nós. Primeiro Harmônico ou Freqüência Fundamental formam-se, na corda, um fuso com 2 nós.

31 Harmônicos nas cordas Segundo Harmônico formam-se, na corda, dois fusos com 3 nós. Segundo Harmônico formam-se, na corda, dois fusos com 3 nós.

32 Harmônicos nas cordas Terceiro Harmônico forma-se, na corda, três fusos com 4 nós. Terceiro Harmônico forma-se, na corda, três fusos com 4 nós.

33 Harmônicos nas cordas Harmônico n forma-se, na corda, n fusos com (n+1) nós. Harmônico n forma-se, na corda, n fusos com (n+1) nós.

34 3. Tubos Sonoros

35 3.1. Tubos Abertos

36

37 Tubos Abertos para harmônico n

38 3.2. Tubos Fechados PRIMEIRO HARMÔNICO SEGUNDO HARMÔNICO

39 3.2. Tubos Fechados QUINTO HARMÔNICO SÉTIMO HARMÔNICO

40 Tubos fechados para harmônico n Sendo n um número ímpar.


Carregar ppt "O QUE É SOM? Onda mecânica longitudinal (propaga-se em meios materiais)."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google