A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

5. Ações Ações: Definições Títulos de renda variável que representam a menor fração do capital da empresa emitente. Acionista não é credor, mas proprietário.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "5. Ações Ações: Definições Títulos de renda variável que representam a menor fração do capital da empresa emitente. Acionista não é credor, mas proprietário."— Transcrição da apresentação:

1

2 5. Ações Ações: Definições Títulos de renda variável que representam a menor fração do capital da empresa emitente. Acionista não é credor, mas proprietário com direito a participação nos resultados da empresa. Ação não tem prazo de resgate (troca por $ pelo preço de mercado SAs Fechadas: ações pertencentes a um grupo restrito de investidores (não negociadas em bolsas) Abertas: ações negociadas em bolsas + registro no CVM + informações ao mercado

3 5. Ações Tipos de Ações Ordinárias: conferem direito a voto em assembléias de acionistas. Elegem a diretoria, decidem sobre destino do lucro (dividendos), aumento do capital social etc. Quanto mais ações ordinárias, mais votos na assembléia. Preferenciais: sem direito a voto, mas prioridade no recebimento de dividendos (percentual maior do que destinado às ações ordinárias) e no recebimento do capital no caso de falência da empresa. Decisão: Preferenciais ou Ordinárias: Depende da liquidez, política de dividendos.

4 5. Ações Circulação de Ações Nominativas: São ações certificadas com o nome do acionista. Transferência via averbação em livro registro. Nominativas endossáveis: transferência de titularidade via endosso na própria cautela (não há registro no livro. Cautela fica sempre no nome do primeiro comprador) Escriturais: São ações sem cautelas. Seu registro funciona como conta corrente em instituição fiel depositária das ações da empresa. Transações não envolvem circulação de documentos

5 5. Ações Valor das Ações: Alternativas de medida Valor Nominal (ou contábil): refere-se ao valor lançado no Estatuto da empresa. Pode ser explícito (c/valor nominal) ou indiscriminado (s/valor nominal). Qdo da emissão de ação s/ valor nominal, preço é fixado pela assembléia. Qdo c/ valor nominal, este pode ser usado p/ exercício de direitos acionista Valor Patrimonial: é o valor do PL do exercício considerado dividido pelo no. de ações emitidas. Como valor do ativo é irreal (histórico), valor patrimonial tem pouca importância Valor Intrínseco: é o valor presente esperado de receitas líquidas (menos risco). Valor dado pela análise fundamentalista. - Valor de Mercado: é o valor da ação cotado em bolsa

6 5. Ações Valor das Ações: Alternativas de medida (cont.) Valor de Liquidação: refere-se ao valor determinado no caso do encerramento das atividades da empresa Valor de emissão ou subscrição: é o preço de emissão fixado em subscrições para aumento do capital ou abertura de capital da empresa. Preço é determinado pelo volume da emissão e pelo preço atual da ação da empresa no mercado (se for o caso)

7 5. Ações Resultado Econômico da Ações Rendimentos das ações: mudança do preço de mercado + dividendos + subscrições + bonificações + split Dividendos: são resultado da decisão de distribuição de lucros do exercício aos acionistas (pagos em $). Payout=Divid/Lucro Líquido do Exercício deve ser pelo menos 25%. Valorização de mercado: resultado do mercado e ação de compra e venda do investidor. A expectativa é que o retorno seja diretamente associado ao risco da ação. Subscrição: refere-se ao direito dos acionistas de aquisição de ações por aumento de capital da empresa, com preço e prazo determinados. Dá-se na proporção das ações possuídas.

8 5. Ações Resultado Econômico da Ações (cont.) Bonificações: referem-se à distribuição gratuita de novas ações aos acionistas quando se capitalizam reservas ou resultados. Não tem qualquer efeito sobre preço da ação no mercado pois significa apenas uma transferência dentro das contas patrimoniais Split ou Desdobramento: refere-se à distribuição gratuita de novas ações aos acionistas sem alteração no capital social da empresa e com o objetivo de alcançar uma diluição do capital em um maior número de ações. Busca- se, assim, atribuir mais liquidez aos títulos

9


Carregar ppt "5. Ações Ações: Definições Títulos de renda variável que representam a menor fração do capital da empresa emitente. Acionista não é credor, mas proprietário."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google