A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Platão (428-347 a.C.) Família aristocrática ateniense Aluno de Sócrates nos últimos anos Obra: diálogos Criador da Academia (387 a.C.) Busca justificativa.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Platão (428-347 a.C.) Família aristocrática ateniense Aluno de Sócrates nos últimos anos Obra: diálogos Criador da Academia (387 a.C.) Busca justificativa."— Transcrição da apresentação:

1 Platão ( a.C.) Família aristocrática ateniense Aluno de Sócrates nos últimos anos Obra: diálogos Criador da Academia (387 a.C.) Busca justificativa ontológica para Sócrates: teoria das idéias

2 O que é a alma? Platão fala em três partes da alma: ALMA Elementos e princípios de vida Paixões e sensações irracionais Racionalidade, Inteligência Apetites, Luxúria Emoções Impressões Sensoriais Reflexão racional

3 Platão – Alma Tripartida Razão (+ sentidos) –Dirige e ordena Vontade (+ emoções elevadas) –Executa e freia os apetites Apetites (emoções inferiores, faculdade sensual)

4 A Biga de Platão Cocheiro Cabeça Razão Cavalo Abdome Desejo Cavalo Tórax Moral

5 Alma com duas substâncias Alma Nutritiva Sensitiva Intelectiva Substância material Substância imaterial Concepção ontológica O que é a alma

6 Sendo a alma o psique, de que modo se alcança o conhecimento verdadeiro? Impressões sensorias Reflexão racional Aparências Equívocos Não leva ao conhecimento Busca a permanência que está fora da mente Memória, razão, memória inata Leva ao conhecimento Sim Não Via epistemológica da Platão.

7 Como sustentar esse conhecimento racional, ou por que é assim? Conhecimento verdadeiro de uma realidade que não é apenas sensível, material, mutável Formula lógica: Regra+Resultado=Caso Opinião apenas dá conta do caráter convencional da linguagem, através de uma falsa unidade Dedução das formas Estruturas eternas Procurar pelas permanências. Platão trabalha com uma lógica dedutiva.

8 Teoria do conhecimento de Platão Busca da definição daquilo que é a natureza essencial de algo; essencial = forma, ou idéia Conhecimento (verdade) = saber a natureza essencial da coisa Racionalismo –Método = razão, inteligência, reminiscência –Reminiscência (anamnese): hipótese inatista – o conhecimento é inato em cada um, cumpre fazê-lo ser relembrado –Exemplo: Escravo deduz teorema de Pitágoras no Ménon

9 Para quê? (Ética) Interesse prático da filosofia está voltado para a dimensão ética e política da existência humana Alcançar uma vida virtuosa Alcançar a via de libertação da alma Alcançar o bem absoluto

10 Implicações do pensamento de Platão Conflito entre corpo e alma: como explicar uma relação externa? Recomendações: temperança Como ficam as diferenças individuais? –Na República, Platão defendia a distribuição das funções no Estado conforme os talentos inatos dos indivíduos


Carregar ppt "Platão (428-347 a.C.) Família aristocrática ateniense Aluno de Sócrates nos últimos anos Obra: diálogos Criador da Academia (387 a.C.) Busca justificativa."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google