A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Pontifícia Universidade Católica de Goiás Departamento de Engenharia Curso: Engenharia de Produção Disciplina: Processos de Fabricação I Prof. Jorge Marques.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Pontifícia Universidade Católica de Goiás Departamento de Engenharia Curso: Engenharia de Produção Disciplina: Processos de Fabricação I Prof. Jorge Marques."— Transcrição da apresentação:

1 Pontifícia Universidade Católica de Goiás Departamento de Engenharia Curso: Engenharia de Produção Disciplina: Processos de Fabricação I Prof. Jorge Marques dos Anjos Aula 20 Fresadoras e Fresagens – Produtos e Parâmetros Slides gentilmente cedidos pelo prof. Vitor, com adaptações minhas.

2 Tipos de fresagens Produtos Ranhuras retas, segundo o perfil da fresa

3 Tipos de fresagens Produtos Ranhuras T

4 Tipos de fresagens Produtos Ranhuras Trapezoidais

5 Tipos de fresagens Produtos Rasgos de chaveta

6 Tipos de fresagens Produtos Polígonos em cilindros

7 Tipos de fresagens Produtos Furações especiais, com precisão de localização.

8 Tipos de fresagens Produtos Engrenagens diversas

9 Parâmetros de Fresagem Velocidade de corte RPM Avanço da mesa Número de passadas de corte

10 Parâmetros de Fresagem Velocidade de corte

11 Parâmetros de Fresagem Velocidade de corte – Exemplo: Suponha que você deve desbastar 4mm de profundidade em uma peça de aço de 85 kgf/mm² de resistência, utilizando uma fresa de aço rápido. Qual deve ser a velocidade de corte da ferramenta?

12 Parâmetros de Fresagem Desbastar 4mm de profundidade em uma peça de aço de 85 kgf/mm² de resistência.

13 Cálculo da rotação Velocidade de corte - Fórmula Vc = N. π. d / Logo: N = Vc.1000 / π. d N = RMP

14 Cálculo da Rotação RPM – Exemplo Suponha que você deve desbastar 4mm de profundidade em uma peça de aço de 85 kgf/mm² de resistência, utilizando uma fresa cilíndrica de aço rápido de 40mm diâmetro. Qual deve ser a velocidade de corte da ferramenta? Vc (tabela) m/min N = Vc.1000 / π. d N = / π. 40 N = 175 rpm

15 Determinação do avanço Avanço por dente Tabela

16 Determinação do avanço Avanço por volta av = ad · z ad = avanço por dente z = número de dentes

17 Determinação do avanço Avanço da mesa am = av · n av = avanço por volta n = rpm

18 Determinação do avanço Avanço da mesa - Exemplo Suponha que você deve desbastar 4mm de profundidade em uma peça de aço de 85 kgf/mm2 de resistência, utilizando uma fresa de aço rápido cilíndrica de 6 dentes e 40mm diâmetro. Qual o avanço da mesa?

19 Determinação do avanço Avanço da mesa 1º passo – Verificar avanço de corte por dente 0,24mm/dente

20 Determinação do avanço Avanço por volta 2º passo – usar a fórmula av = ad · z av = 0,24 · 6 dentes av = 1,44 mm/volta

21 Determinação do avanço Avanço da mesa 3º passo – usar a fórmula am = av · n am = 1,44 · 175 am = 252 mm/min

22 Determinação do N° de passes Nº passadas de corte Nº = profundidade sobremetal profundidade de corte Profundidade de sobremetal é o diâmetro que se deseja desbastar

23 Exemplo Exemplo: Você recebeu uma peça de ferro fundido com dureza Brinell de 170HB e 15 mm de sobremetal. A fresa disponível é cilíndrica de aço rápido de 8 dentes, 50 mm de diâmetro e máxima profundidade de corte de 5 mm. Determine: Vc | rpm | ad | av | am | nº passes

24 Exemplo Você recebeu uma peça de ferro fundido com dureza Brinell de 170HB e 15 mm de sobremetal. A fresa disponível é cilíndrica de aço rápido de 8 dentes, 40 mm de diâmetro e 50 mm de comprimento, fresando tangencialmente à máxima profundidade de corte de 5 mm. Vc = 26m/min

25 Cálculo da Rotação RPM Vc (tabela) 26 m/min N = Vc.1000 / π. d N = / π. 50 N = 165 rpm

26 Avanço por dente 1º passo – Verificar avanço de corte por dente ad=0,30mm/dente

27 Avanço por volta 2º passo – usar a fórmula av = ad · z av = 0,30 · 8 dentes av = 2,4 mm/volta

28 Avanço da mesa 3º passo – usar a fórmula am = av · n am = 2,4 · 165 am = 396 mm/min

29 N° de passes Nº passadas de corte Nº = profundidade sobremetal profundidade de corte Nº = 15 5 Nº = 3

30 Exercício Considere o exemplo anterior e determine: 1.O tempo de corte para fresar uma superfície e 200 x 320 mm. 2.O tempo morto, dada a velocidade média de retorno da mesa = 200 m/min. Tempo morto é o tempo que a mesa se desloca sem realizar operação de usinagem (retorno para novo passe) 3.O tempo total da usinagem, sendo o tempo de posicionamento e ajuste da peça e a retirada desta da máquina = 5 min.


Carregar ppt "Pontifícia Universidade Católica de Goiás Departamento de Engenharia Curso: Engenharia de Produção Disciplina: Processos de Fabricação I Prof. Jorge Marques."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google