A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

EXERCÍCIO SIMULADO DE PREPARAÇÃO PARA DESASTRES Ari Ferreira / José de Almeida Secretaria Nacional de Defesa Civil - Brasil Goiânia/GO, 28 de junho de.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "EXERCÍCIO SIMULADO DE PREPARAÇÃO PARA DESASTRES Ari Ferreira / José de Almeida Secretaria Nacional de Defesa Civil - Brasil Goiânia/GO, 28 de junho de."— Transcrição da apresentação:

1 EXERCÍCIO SIMULADO DE PREPARAÇÃO PARA DESASTRES Ari Ferreira / José de Almeida Secretaria Nacional de Defesa Civil - Brasil Goiânia/GO, 28 de junho de 2013.

2 Objetivo Geral Desocupação de uma área de risco, seguindo as diretrizes do Plano de Contingência de Proteção e Defesa Civil do município

3 Objetivos Específicos Capacitar a comunidade para atuar antecipadamente em situação de desastre visando assim aumentar a sua capacidade de percepção do risco; Preparar os técnicos e gestores em Proteção e Defesa Civil e os órgão de resposta a atuarem em situação de desastres; Consolidar procedimentos e conteúdos para a criação de um sistema permanente de monitoramento, alerta e alarme pelas Coordenadorias Municipais de Proteção e Defesa Civil.

4 Etapas do Simulado Etapa I – Preparação Etapa II – Planejamento Etapa III – Mobilização da comunidade Etapa IV – Execução Etapa IV - Avaliação

5 Etapa I - Preparação 1. Definir do local; 2. Fazer levantamento prévio de informações e caracterização dos riscos locais; 3. Fazer levantamento dos mecanismos de enfrentamento já existentes na comunidade; 4. Fazer levantamento de Recursos Humanos e Materiais; 5. Envolver os múltiplos órgãos no processo de preparação e planejamento do exercício; 6. Definir da Comissão de Organização do Simulado.

6 1.Avaliar as necessidades e finalidade do exercício; 2.Definir de objetivos; 3. Produzir mapas e croquis do cenário de risco; 4.Descrever os problemas; 5.Definir as famílias/pessoas que serão envolvidas; 6.Definir e sistema de alerta e alarme; 7.Definir o local do abrigo provisório; 8.Elaborar de um plano de ações e passo a passo da programação do simulado; 9.Difundir o plano de ações do Simulado para todos os órgãos envolvidos. Etapa II - Planejamento

7 1. Fazer reconhecimento da realidade local; 2. Definir as pessoas da comunidade que devem participar do exercício; 3. Definir as estratégias de comunicação e sensibilização da comunidade. Etapa III – Mobilização da Comunidade

8

9 1. Dividir os grupos envolvidos na atividade; 2. Notificar a ameaça – sistema de alerta; 3. Coordenar o exercício; 4. Sinalizar as áreas seguras; 5. Deslocar as pessoas para o abrigo; 6. Organizar o abrigo para a recepção da população removida. Etapa IV - Execução

10

11

12

13 Adoção de formulários padronizados para a coleta de informações observadas, tanto quantitativas como qualitativas. Reunião de avaliação com os parceiros envolvidos, observadores e comunidade. Etapa V - Avaliação

14 META DA SEDEC NOS SIMULADOS DE PREPARAÇÃO PARA DESASTRES

15 Realização de 27 exercícios simulados (01 em cada Estado), preferencialmente em municípios que tenham elaborado plano de contingência e estejam entre os 286 municípios prioritários possibilitando o treinamento de, no mínimo, pessoas, para desocupação de área de riscos de desastre. Parcerias: Coordenadorias Estaduais e Municipais de Proteção e Defesa Civil, Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (CEMADEN), outros órgãos do SINPDEC e COMUNIDADE.

16 Reunião Preparatória A reunião é mobilizada pelos Órgãos Municipais e Estaduais de Proteção e Defesa Civil; Participam os órgãos de resposta mobilizados para o Simulado, COMDEC, CEDEC e Defesa Civil Nacional; O município apresenta as atividades que serão executadas no Simulado; O Estado de posiciona quanto a sua atuação; O representante da SEDEC acompanha e dá orientações, pontuando a partir da cartilha Simulado de Preparação para Desastres.

17 Feed-back, após a realização do exercício: Se a área de risco está bem sinalizada; Se o material foi bem empregado; Se os órgãos de apoio foram envolvidos e como estão executando suas atividades; Quais os órgãos participaram da atividade; Se foi instalado o posto de comando e abrigos temporários; Se a comunidade recebeu instruções adequadas sobre o que é o Simulado e a importância da sua participação. Avaliação do Exercício Simulado

18 Material oferecido pela SEDEC COORDENAÇÃOPARTICIPANTEBOTTON IMÃ DE GELADEIRA PLACA DE SINALIZAÇÃO FAIXA DE IDENTIFICAÇÃO

19 Obrigado! Ari Ferreira – José de Almeida –


Carregar ppt "EXERCÍCIO SIMULADO DE PREPARAÇÃO PARA DESASTRES Ari Ferreira / José de Almeida Secretaria Nacional de Defesa Civil - Brasil Goiânia/GO, 28 de junho de."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google