A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Interação com o Mundo Natural: Ciências da Natureza I Aula 9 - Interação com o Mundo Natural Profª Lucia Amim Os problemas ambientais do século XXI.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Interação com o Mundo Natural: Ciências da Natureza I Aula 9 - Interação com o Mundo Natural Profª Lucia Amim Os problemas ambientais do século XXI."— Transcrição da apresentação:

1 Interação com o Mundo Natural: Ciências da Natureza I Aula 9 - Interação com o Mundo Natural Profª Lucia Amim Os problemas ambientais do século XXI

2 O que fizemos com o nosso planeta e o que faremos daqui para frente? Ao mesmo tempo em que a humanidade vira o milênio usufruindo de suas novas conquistas, vários são os desafios e problemas a serem enfrentados, principalmente no que diz respeito à conservação do meio ambiente e à conseqüente melhoria da qualidade de vida. Demonstra-se cada vez mais a necessidade da busca por mudanças de padrões, hábitos e comportamentos insustentáveis, danosos ao meio ambiente..

3 Biodiversidade O termo biodiversidade - ou diversidade biológica - descreve a riqueza e a variedade do mundo natural. As plantas, os animais e os microrganismos fornecem alimentos, remédios e boa parte da matéria-prima industrial consumida pelo ser humano.

4 Biodiversidade A destruição e a perda da biodiversidade foi um dos maiores problemas ambientais detectados no século XX e constitui-se em um dos grandes desafios do próximo milênio. A Convenção da Diversidade Biológica (CDB), instituída na Rio 92, vem coordenando e orientando os procedimentos em vários países para a conservação da biodiversidade, a utilização sustentável de seus componentes e a repartição justa e equitativa dos benefícios derivados da utilização dos recursos genéticos.

5 Biodiversidade O Brasil tem um papel muito importante na conservação da biodiversidade devido às suas riquezas naturais. Nos principais biomas brasileiros, como Amazônia, Cerrado, Mata Atlântica e Caatinga, ocorre uma grande variedade de ecossistemas, o que concorre para a grande incidência de diversidade biológica.

6 Os números da biodiversidade (e de sua degradação) no Brasil O Brasil abriga cerca de 10 a 20% do número de espécies conhecidas pela ciência, sendo o país com a maior biodiversidade do mundo. As espécies ocorrem principalmente nas suas extensas florestas tropicais úmidas, que representam cerca de 30% das florestas desse tipo no mundo. Diversas plantas de importância econômica mundial são originárias do Brasil, destacando-se o abacaxi, o amendoim, a castanha do pará, a mandioca, o cajú e a carnaúba.

7 A Amazônia, a maior floresta tropical úmida do mundo, já perdeu uma área de 532 mil km2, o equivalente ao território da França. Entre 1990 e 1995, a Mata Atlântica sofreu uma devastação de cerca de 500 mil hectares, o que equivale a 390 campos de futebol por dia. Hoje, 208 espécies de animais se encontram ameaçadas de extinção no Brasil. O Ibama prevê a inclusão de 10 novas espécies nos próximos anos.

8 O Brasil abriga o maior número de primatas (55 espécies), anfíbios (516 espécies) e animais vertebrados (3.010 espécies) do mundo. Também tem a mais diversa flora do planeta, número superior a 55 mil espécies descritas, o que corresponde a 22% do total mundial. Possui também 3 mil espécies de peixes de água doce, totalizando três vezes mais que qualquer outro país do mundo.

9 O Brasil é um dos países com a maior taxa de endemismo-ocorrência de espécies somente em um determinado local do mundo, ou seja, várias espécies são exclusivamente brasileiras, não ocorrendo em nenhum outro lugar. São 68 espécies de mamíferos, 191 de aves, 172 de répteis e 294 de anfíbios.

10 A Biotecnologia representa o conjunto de métodos aplicáveis às atividades que associam a complexidade dos organismos e seus derivados, conciliadas às constantes inovações tecnológicas. Normalmente não percebemos a sutil implantação biotecnológica, ou ao menos damos a devida importância quando às novidades que permeiam as atribuladas relações humanas. Mas torna-se perceptível à medida que a necessidade de consumo demanda providências ao mercado. Biotecnologia - O avanço da biotecnologia.

11 O uso da Biotecnologia teve o seu início com os processos fermentativos cuja utilização transcende, de muito o início da era Cristã, confundindo-se com a própria história da humanidade. Foi somente 200 anos depois que Louis Pasteur, em 1876, provou que a causa das fermentações era a ação de seres minúsculos, os microrganismos. Posteriormente, em 1897, Eduard Buchner, demonstrou ser possível a conversão de açúcar em álcool, utilizando células de levedura maceradas, ou seja, na ausência de organismos vivos. Biotecnologia - O avanço da biotecnologia.

12 Os primeiros experimentos que deram início à Genética foram realizados pelo monge austríaco Gregor Mendel, em Os experimentos de Mendel auxiliaram o homem a aprender mais sobre Genética, Hereditariedade e Biotecnologia. O mundo científico só veio a reconhecer o significado das descobertas de Mendel muito depois de sua morte, mas seu trabalho serve como um fundamento para a Biotecnologia. Genética

13 Concluiu, então, que a cor amarela dominava a cor verde. Chamou o caráter cor amarela da semente de dominante e o verde de recessivo. Leis de Mendel Genitores F1 F2

14

15 A mudança do clima foi reconhecida como uma preocupação comum da humanidade na Rio 92, com a assinatura da Convenção das Nações Unidas sobre Mudança do Clima, ou simplesmente Convenção do Clima. A convenção propõe uma estratégia global para proteger o sistema climático para gerações presentes e futuras. As discussões sobre a mudança climática global giram em torno do assunto emissões de gases de efeito estufa, sendo o CO 2 o principal. Clima

16 Mudança da temperatura global Nos últimos 50 anos, os Alpes na Europa perderam 50% de sua cobertura de gelo. Pesquisas sugerem que estamos vivendo o século mais quente dos últimos 600 anos. A temperatura média da Terra é hoje 4°C acima do que era na última idade do gelo, cerca de 13 mil anos atrás. A temperatura média atual é 1/2 grau superior à da década de 1860, um aumento enorme para um período de apenas 130 anos. Se o ritmo atual de emissões continuar, a concentração de dióxido de carbono duplicará até o final do século. O resultado será um aumento médio da temperatura da Terra em cerca de 1°C.

17 Desenvolvimento Sustentável O conceito de desenvolvimento sustentável surgiu a partir dos estudos da Organização das Nações Unidas sobre as mudanças climáticas, no início da década de 1970, como uma resposta à preocupação da humanidade, diante da crise ambiental e social que se abateu sobre o mundo desde a segunda metade do século passado. Esse conceito, que procura conciliar a necessidade de desenvolvimento econômico da sociedade com a promoção do desenvolvimento social e com o respeito ao meio-ambiente, hoje é um tema indispensável na pauta de discussão das mais diversas organizações, e nos mais diferentes níveis de organização da sociedade, como nas discussões sobre o desenvolvimento dos municípios e das regiões, correntes no dia-a-dia de nossa sociedade.

18 Recursos Hídricos Há quem diga que se a humanidade enfrentar uma III Guerra Mundial, seu estopim principal será a água, já considerada por muitos atualmente como o ouro do terceiro milênio. Tanta valorização é explicada por uma triste estimativa: a água não é um recurso inesgotável e será certamente um bem escasso no futuro. No Brasil, um país privilegiado, que possui uma das mais extensas redes hidrográficas do mundo, o assunto água está em alta com as discussões em torno na Política Nacional de Recursos Hídricos e na Agência Nacional da Água - ANA, cujos objetivos são gerenciar a gestão dos recursos hídricos nacionais.

19 Mudanças do clima, Mudanças de vida – Greenpeace- 5:43min


Carregar ppt "Interação com o Mundo Natural: Ciências da Natureza I Aula 9 - Interação com o Mundo Natural Profª Lucia Amim Os problemas ambientais do século XXI."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google