A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

DESENVOLVIMENTO MEDIUNICO André e Alexandre o orientador observam uma reunião de desenvolvimento Mediúnico. Vários integrantes sentiam-se desencorajados,

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "DESENVOLVIMENTO MEDIUNICO André e Alexandre o orientador observam uma reunião de desenvolvimento Mediúnico. Vários integrantes sentiam-se desencorajados,"— Transcrição da apresentação:

1

2 DESENVOLVIMENTO MEDIUNICO André e Alexandre o orientador observam uma reunião de desenvolvimento Mediúnico. Vários integrantes sentiam-se desencorajados, achando que os benfeitores não os ajudavam no desenvolvimento mediúnico.

3 Excesso na atuação Sexual Eles começam a observar os participantes O primeiro foi um rapaz com lápis na mão: Os núcleos glandulares emitiam pálidas irradiações. A epífise semelhava-se à reduzida semente. As glândulas geradoras do aparelho genital emitiam fraquíssima luminosidade abafada por corpúsculos negros, que tinham espantosa mobilidade. Começavam as movimentações sob a bexiga e vibravam ao longo de todo o cordão espermático, formando colônias compactas, nas vesículas, na próstata, nas massas uretrais e invadiam e lutavam com as células sexuais, aniquilando-as. Excessos

4 Excesso na atuação Sexual As mais vigorosas daquelas feras microscópicas situavam-se no epidídimo, onde absorviam os embriões delicados da vida orgânica. Que significava aquele acervo de pequeninos seres escuros? Pareciam imantados uns aos outros, na busca de destruição. Excesso na atuação Sexual

5 Bacilos Psíquicos São bacilos(larvas) de natureza psíquica das torturas sexuais, completamente desconhecidos na microbiologia mais avançada nos encarnados. Criados pela própria mente em desalinho, multiplicam-se indefinidamente, à medida que o indivíduo se enreda em pensamentos tormentosos.

6 São produzidos pela sede de prazeres inferiores. Cultivadas pelo descontrole das emoções através de experiências sexuais variadas como também pelo contato com entidades grosseiras, que se afinam, visitando com frequência a maneira de vampiros. O corpo peripiritual recebe toda influencia do seu desequilibrio sexual. Excesso na atuação Sexual

7 A mente viciada, expele a "matéria mental inferior", excelente meio de cultura para o desenvolvimento das larvas psíquicas patogênicas. Os bacilos assumem o comportamento predatório típico de verdadeiros parasitas, nutrindo-se às custas das matrizes energéticas dos seres. Progressivamente, eles corroem a tênue textura eletromagnética do corpo espiritual até desarticularem por completo os centros vitais. Por fim, a ação predatória no perispírito termina por repercutir mais tarde na zona orgânica, sob a forma de enfermidades degenerativas, dolorosas e de difícil diagnóstico para a medicina clássica. Como se processa?

8 Todo indivíduo é fruto de um genótipo (potencial herdado geneticamente). Nasce dono de uma base orgânica necessária para desenvolver-se. No comportamento em geral, o repertório de respostas resulta em parte da reação entre potencial herdado e estímulos ambientais (comportamento respondente), e em parte, das consequências do comportamento emitido (comportamento operante). Esta classificação dos comportamentos em respondentes e operantes deixa claro o caráter cronológico do aparecimento das respostas.

9 Nossa sexologia as respostas orgânicas aos estímulos eróticos são atos respondentes( de experiências pregressas) Isto significa que todo indivíduo nasce com um potencial biológico para reagir aos estímulos sexuais, a medida que ele vai interagindo com o meio vai aprendendo novas formas de respostas. Assim como o ser humano necessita da função respiratória, e o melhor seria ele poder sempre respirar ar puro, assim como o corpo necessita de alimentação, e, aí a função digestiva, melhor seria alimentos sem agrotóxicos, também necessitamos de nossa sexualidade, sendo melhor com uma pessoa amada, respeitada, sem desvios, disfunções, inadequações e equilibradas.

10 O espírito não tem sexo, (livro dos Espiritos 200) como entendemos, e sim uma poderosa energia criadora suscetível, como toda força natural, ao uso e ao abuso(Jorge Andrea) A sexualidade existe e é um sentimento básico, determinante de equilíbrio interno. Reprimi-lo é atirar-se em prisão degeneradora da mente. Consumi-lo à saciedade é cair em abismo de desestruturação da alma, busquemos sempre o equilíbrio.

11 Excesso de Álcool Observando um senhor maduro que tentava psicografar: Dele emanava um odor característico habituado a ingerir álcool em excesso. O aparelho gastrintestinal parecia totalmente ensopado em aguardente, invadia todo o estômago, começando a fazer-se sentir nas paredes do esôfago, manifestava a sua influência até no bolo fecal. O fígado enorme e pequeninas figuras horripilantes postavam-se, vorazes, ao longo da veia porta, lutando desesperadamente com os elementos sanguíneos mais novos.

12 O pâncreas, viciado, não atende com exatidão ao serviço de desintegração dos alimentos. o álcool excessivo determina modificações deprimentes. Larvas destruidoras exterminam as células hepáticas. Excesso de Álcool

13 Excesso de Alimentação Observam agora uma senhora candidata a psicofonia: Ela apresentava distúrbios alimentares. Fraquíssima luz emanava de sua organização mental. O estômago estava dilatado horrivelmente e os intestinos pareciam sofrer estranhas alterações e seu fígado aumentado. Desde o duodeno, notavam-se anomalias de vultos, muitos parasitos conhecidos, mas, além deles, divisava outros corpúsculos semelhantes a lesmas voracíssimas, que se agrupavam em grandes colônias, nos músculos, fibras do estômago etc.

14 Semelhantes parasitos atacavam os sucos nutritivos, com assombroso potencial de destruição. Todas as suas glândulas e centros nervosos trabalham para atender as exigências do sistema digestivo. Descuidada de si mesma, caiu na glutonaria. Esquecendo que o desenvolvimento mediunico requer disciplina, educação, esforço e perseverança. Excesso de Alimentação

15 Criações Mentais O estado de plasticidade da matéria fluidica ou da materia astral, reflete com extrema precisão o teor vibratório dos pensamentos emitidos em ambas as dimensões como resultado da ação da mente.. Quando pensamos, as vibrações dos pensamentos atuam sobre as energias condensando ou dispersando, dando-lhes forma, cor, brilho que corresponde a natureza do que pensamos.

16 Criações Mentais Se um pensamento é passageiro muitas vezes nem chega a criar nada, ou se cria, a forma se esvai por falta de alimentação energética. Mas se o pensamento é repetitivo, uma forma pensamento é alimentada, ficando cada vez mais forte. Se for positivo, sadio, elevado só se alimentará de pensamentos da mesma vibração positiva do seu criador. Ao mesmo tempo que alimentará os fluídos agregados, por sintonia de outras mentes e formas pensamentos do mesmo teor. No entanto se for uma forma-pensamento negativa, densa, doentia, ( formas parasitas) também se alimentará dos pensamentos do seu criador e por sintonias agregadas de outras mentes doentias.

17 Quando a mente em desequilíbrio produz matéria tóxica, mórbida e doentia, essa matéria adquire o aspecto já consagrado pelas mentes de milhões de criaturas como algo indesejável que o imaginário popular classificou como criaturas pestilenciais encontrados no mundo físico: larvas, baratas, escorpiões, aranhas, etc. Desta forma, as criações mentais, parasitas astrais, parasitas energéticos, miasmas, larvas e vibriões astrais são criados por vícios mentais e emocionais da consciência, que assumem as formas ditadas pelas mentes humanas. Como Ocorre a Criações dos Seres Mentais Inferiores

18 Micróbios No círculo das enfermidades terrestres, cada espécie de micróbio tem o seu ambiente preferido: aloja- se nos pulmões; nos intestinos; nas mucosas etc. Porém as formações microscópicas não se circunscrevem apenas a carne transitória, o macrocosmo está repleto de surpresas em suas formas variadas.

19 São semelhantes a micróbios físicos, mas não guardam a forma esférica das cocáceas, nem o tipo de bastonete das bacteriáceas diversas. Entretanto, formam também colônias densas e terríveis e atuam com maior potencial destrutivo sobre as células mais delicadas. São bastante "aderentes" e se multiplicam com muita facilidade, bastando, para isso, que se lhes ofereçam as mínimas condições mentais e energéticas. Larvas astrais ou vibriões psíquicos

20 Esses parasitas passam a agir na aura das pessoas, baixam o nível vibratória, não deixando a energia circular, causam o acúmulo de energias mais densas em determinadas regiões do organismo, as quais se organizam na forma de colônias de microorganismos astrais, gerando doenças e desequilibrio psiquico. "Além do ataque através da aura da saúde, que é efetuado pelos poros da epiderme perispiritual, outras formas parasitárias penetram no interior dos corpos astral e etérico, causando uma resposta imunológica que evolui para anemia, insuficiência renal etc. Legiões- Robson Pinheiro Possíveis Consequencias

21 Quando nos enfraquecemos, moral ou psicologicamente, esses corpúsculos atraídos pelos nossos sentimentos negativos aderem aos chacras, gerando falta de energia adequada e tentando penetrar no sistema orgânico. Geralmente não conseguem devido a tela Etérica que impede, porem com a persistência do quadro, as colônias de larvas astrais conseguem penetrar criando rupturas na tela Etérica, na constituição do corpo Astral e passam ao duplo Etérico. Uma vez instalados no interior etérico sugam a vitalidade deste e as energias viciosas alteram a função psíquica daquele chacra, alterando após as funções das glândulas endócrinas. Consequentemente o Ser fica enfraquecido física e psicologicamente sem estimulo para viver. Torna-se o que se chama de deprimido, a caminho de desarranjos orgânicos e emocionais. Possíveis Consequencias

22 A tela Eterica é o que filtra o que pode passar do corpo astral para o corpo etérico e daí para o cérebro físico. Possíveis Consequências

23 rp No livro Legiões- Robson Pinheiro: Num hospital diversos indivíduos que exalavam odores desagradáveis pareciam atrair formas mentais assemelhadas a aranhas, que andavam sobre seus corpos e, em determinado momento, inseriam pequenos ferrões nos corpos de suas vítimas, como se injetassem algum veneno. Um indivíduo destacou-se dos demais, pois um número maior de aranhas ou de criaturas mentais com tal aspecto sugava-lhe mais intensamente. Esses seres arrojavam-se, por todos os orifícios, para o interior do corpo de seu hospedeiro pelo nariz, pela boca, pelos olhos e ouvidos e genitália, injetando o veneno fluídico em sua vítima por via cutânea Surgem então as inflamações energéticas características, que acometem a periferia do duplo etérico exatamente nos pontos em que houve picadas. Aranhas

24 rp A visão causava repugnância e, ao mesmo tempo, despertava a vontade de auxiliar, impedindo que ocorresse aquele tipo de vampirização energética tão voraz. O agravamento desse quadro dá-se com ulceração e posterior rompimento da estrutura da aura das pessoas. Através dessa ruptura energética, os encarnados absorvem mais facilmente as correntes mentais infelizes de desencarnados e, ao mesmo tempo, perdem energias vitais preciosas. Legiões- Robson Pinheiro Aranhas

25 r[p Algumas criações mentais inferiores, principalmente aquelas desenvolvidas em laboratórios de espíritos especializados no mal, apresentam-se com o aspecto das lacraias. Embora, no mundo físico, o veneno das lacraias não seja considerado muito tóxico para o homem, as formas astrais desses parasitas sintonizam-se geralmente com os elementos do sexo desrespeitoso e vulgar. São criações mentais elaboradas e mantidas com o intuito de sugar especificamente as energias sexuais. Isso ocorre porque as formas energéticas que contaminam o hospedeiro, introduzidas nas regiões genital e anal, alimentam a compulsão pelo sexo. Legiões- Robson Pinheiro Lacraias

26 Pode se identificar Fisicamente, poderão ser detectados, em alguns casos, dores fortes, inchaço ou edema no local onde as formas energéticas são implantadas e se prendem por magnetismo. É bastante comum também que as formas astrais de lacraias estejam associadas, no corpo físico, ao aparecimento do vírus conhecido como HPV. Lacraias

27 Tratamentos O passe magnético intensivo, reeducação mental e de descontaminação energética, poderá liberar o indivíduo das formas monstruosas e de sua ação nefasta sobre a saúde. A colaboração do "paciente" é imprescindível, uma vez que estas larvas são criadas e alimentadas pelas energias geradas pelos seus próprios pensamentos e sentimentos. Assim, além das aplicações energéticas, é necessário que se oriente e conscientize a pessoa sobre como e porque mudar os seus hábitos mentais e as suas atitudes, garantindo que ela mesma não mais oferecerá condições para que estas larvas se instalem e espalhem. Dependendo da extensão do problema, serão necessárias muitas aplicações energéticas para limpeza, desinfecção e re-harmonização da região afetada, o que pode exigir a atuação de vários aplicadores, em várias sessões, para que estas colônias sejam enfraquecidas e não possam mais se expandir, vindo a desaparecer.

28 CONCLUSÃO As ações produzem efeitos, os sentimentos geram criações, os pensamentos dão origem a formas e consequências de infinitas expressões.

29 Eduardo wancelotti Cap 4 a


Carregar ppt "DESENVOLVIMENTO MEDIUNICO André e Alexandre o orientador observam uma reunião de desenvolvimento Mediúnico. Vários integrantes sentiam-se desencorajados,"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google