A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Child Abuse Rockwood, 6ed. Epidemiologia Físico, sexual ou emocional. 5 abusadas em cada 1000 crianças 2.9 milhões por ano 1 morte em cada 1000 abusadas.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Child Abuse Rockwood, 6ed. Epidemiologia Físico, sexual ou emocional. 5 abusadas em cada 1000 crianças 2.9 milhões por ano 1 morte em cada 1000 abusadas."— Transcrição da apresentação:

1 Child Abuse Rockwood, 6ed

2 Epidemiologia Físico, sexual ou emocional. 5 abusadas em cada 1000 crianças 2.9 milhões por ano 1 morte em cada 1000 abusadas 3 mortes por dia(EUA)

3 Epidemiologia Físico – 31% Sexual – 15% Emocional – 7% Abandono – 2% Negligência de cuidados médicos – 5% Negligência física – 15% Negligência de supervisão – 40%

4 Epidemiologia 1/3 vão ser pais agressivos no futuro 1/3 tem alto risco de ser 1/3 serão pais normais Há envolvimento do ortopedista em 30-50% dos casos – Se não diagnosticado 25% vão sofrer abuso novamente e 5% vão morrer

5 Fatores de risco Risco domiciliar – Família conturbada- Pais abusados no passado – Filhos não planejados - Vícios Criança em risco – Menor que 3 anos (78% de todas as fraturas) – 50% das fraturas são em menores de um ano – <1 ano: maior risco de homicídio – Bebê sacudido – 30% morre e 30% incapaz

6 Fatores de risco

7 Risco de Munchausen Syndrome by Proxy – Queixas vagas, múltiplos diagnósticos e tratamentos sem resposta. – Simulação dos pais com histórias inventadas – Provocação dos sinais objetivos – A maioria é causada pela mãe biológica

8 Fatores de risco Risco de abuso sexual – Convivência com pais não biológicos

9 Exame Físico Partes moles – Trauma em partes moles estão presentes em 81 a 92% das crianças abusadas – Achado mais comum do exame físico – Equimose, lacerações, cicatrizes e queimaduras – Suspeito: Nuca, braços e pernas, nádegas, abdômen, bochecha e genitáia

10

11 Exame Físico Queimaduras – 20 % – Crianças < 3 anos – Acidental Formato de cabeça de seta, se estreitando e tornando rasa quando desce. Sinais de respingos – Provocada Circunscrito, 2 ou 3 grau bem delimitado. Imersão: sinal da luva e do nível líquido.

12

13

14 Exame Físico TCE – Causa mais comum de óbito TRM – Raro Abdômen – Segunda causa de óbito Genitália

15 Fraturas 11 – 55% dos casos. Mais comum em < 3 anos História clássica: não houve acidente, mas há edema e alteração da mobilidade do membro. HAS pode ser causada por fratura oculta.

16 Fratura do Fêmur Suspeita em criança pequena 79% das fraturas de fêmur em menores de 2 anos são causadas por maus tratos e 93% em menores de 1 ano. Comum em criança mais velha capaz de correr e cair torcendo o membro

17 Fraturas Lateral da clavícula e escápula é sugestivo. Fratura de esterno é específico de abuso. Mãos e pés são comuns nas mais velhas, mas suspeito nas mais novas

18 Fraturas Não há padrão específico de maus tratos nas fraturas diafisárias. Maioria 1/3 médio e distal. Fêmur: o padrão é o mesmo, mas a idade é o diferencial.

19 Fraturas Metafisária e epifisária são clássicas de abuso Balanço pelas extremidades Impacção da metáfise na epífise

20

21 Corner Fracture Patognomônica de maus tratos Alça-de-balde da metáfise quando fragmento maior Avulsão de fragmento metafisário pelo periósteo Fratura completa da metáfise com parte central delgada e espessa na periferia

22

23 Fratura de costelas Raro acidentalmente, por isso sempre suspeita Esmagamento torácico (pisada ou pancada) Quando posterior (mais comum) é de difícil diagnóstico por raio-x por falta de desvio Posterior é mais comum entre T4 e T9

24 Prevenção Intervenção precoce Programas de visita domiciliar

25 2009. Segundo KLEINMAN, as fraturas de alta especificidade de maus tratos na criança são as A) da escápula, do esterno ou metafisárias. B) da escápula, do esterno ou diafisárias. C) da clavícula, do corpo vertebral ou metafisárias. D) da clavícula, do corpo vertebral ou diafisárias.

26 2011 – A fratura mais comum em criança com idade inferior a 2 anos, vítima de maus tratos, é a: A) da tíbia B) da fêmur C) do úmero D) do antebraço

27 Na criança espancada os sinais clínicos e radiográficos de abuso são fonte de suspeição maior do que as alterações de comportamento psicossocial dos pais. ( ) Certo ( ) Errado ( ) Não sei


Carregar ppt "Child Abuse Rockwood, 6ed. Epidemiologia Físico, sexual ou emocional. 5 abusadas em cada 1000 crianças 2.9 milhões por ano 1 morte em cada 1000 abusadas."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google