A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Outubro de 2009 A Indústria do Capital Empreendedor no Nordeste: Oportunidades e Desafios.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Outubro de 2009 A Indústria do Capital Empreendedor no Nordeste: Oportunidades e Desafios."— Transcrição da apresentação:

1 Outubro de 2009 A Indústria do Capital Empreendedor no Nordeste: Oportunidades e Desafios

2 Natureza e Papel do BNB O BNB é uma Instituição Financeira controlada pelo Governo Federal, com atuação como Banco Múltiplo, no território nacional, com foco no Nordeste; Provedor de financiamento de Longo Prazo no Nordeste, tendo como principal funding o Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste – FNE; Agente financeiro da SUDENE na operacionalização do Fundo de Desenvolvimento do Nordeste – FDNE; Provedor de financiamento de Curto Prazo complementar ao Longo Prazo; Estruturador de operações de Mercado de Capitais que complementem o suprimento de recursos financeiros para as empresas;

3 Nordeste: 1.554,4 mil Km 2 28,4% da População do Brasil Semi-árido: 974,4 mil Km 2 (62,7% do território do NE) Quantidade de agências: 186 Nº de funcionários: Área de atuação do BNB Semi-árido

4 Números Globais Posição: junho/2009 Ativos Administrados: 43,6 bi Captação Própria: 16,0 bi FNE: 27,6 bi Valores em R$ Patrimônio Líquido do BNB:1,9 bi Operações de Créditos: 32,7 bi Captação Própria: 8,0 bi FNE: 24,7 bi

5 Ações do BNB na indústria de Capital Empreendedor Fundo Mútuo de Investimento em Empresas Emergentes (FMIEE) Nordeste Empreendedor; Fundo Mútuo de Investimento em Empresas Emergentes (FMIEE) Criatec; Fundo de Investimento em Participações Nordeste Energia. O BNB tem atuado na estruturação e distribuição de fundos de investimentos em diversos setores. Atualmente participa como cotista dos seguintes instrumentos de capital empreendedor:

6 FMIEE Nordeste Empreeendedor Constituído em janeiro de 2003 com o objetivo de investir em pequenas e médias empresas da região Nordeste; Iniciativa conjunta de importantes instituições públicas e privadas (BNB, FUMIN/BID, CAPEF, UBS Pactual, BLP, Banco BGN); Capital comprometido de R$ 36 milhões; Foco em negócios inovadores; Foram prospectados 290 negócios e realizados 7 investimentos; Período de investimento foi de janeiro de 2003 a dezembro de 2006; Em fase de desinvestimento.

7 FMIEE Criatec Constituído em novembro de 2007 com o objetivo de investir em pequenas e médias empresas inovadoras; Participação conjunta de BNDES e BNB; Capital comprometido de R$ 100 milhões; Foco em negócios inovadores; Já foram prospectados negócios, sendo aprovados 21 investimentos, destes 14 já receberam recursos; Período de investimento vai de novembro de 2007 a novembro de 2011.

8 FIP Nordeste Energia Constituído em julho de 2008 com o objetivo de investir em empresas da cadeia produtiva de energias alternativas; Capital comprometido de R$ 400 milhões; Em fase de distribuição das cotas; Foi realizado até o momento 01 investimento; Período de investimento vai de julho de 2008 a julho de 2011.

9 Fundos de Investimento – Oportunidades para o Desenvolvimento Regional Os fundos complementam a política de financiamento das empresas nordestinas, ou seja, ao investir na empresa, através de um fundo o BNB já está pensando no momento em que poderá aportar financiamento, criando uma maior sinergia entre esse instrumento e o crédito; Os fundos permitem alavancagem de atividades/setores da economia regional que apresentam nível elevado de risco por inadequação da estrutura de capital. Ao reduzir o risco, a empresa passa a ter maior acesso ao crédito; Contribuem para a organização de atividades econômicas estratégicas no Nordeste, permitindo o rápido crescimento de empresas-âncoras em alguns arranjos produtivos locais.

10 Fundos de Investimento – Oportunidades para o Desenvolvimento Regional Os fundos possibilitam o direcionamento de investimentos a setores específicos e com rentabilidade conhecida dentro de parâmetros determinados para cada ativo-alvo, o que os torna um produto muito atrativo aos investidores, devido à diminuição dos fatores de risco x retorno; Acontecimentos recentes indicam que o crescimento sustentável da região Nordeste está diretamente ligado ao desenvolvimento do seu setor de infra-estrutura, que se tornará um dos grandes demandadores de investimentos nos próximos anos, com consequente aumento dos financiamentos às empresas do setor através de instrumentos diversos, inclusive com a utilização de fundos.

11 Oportunidades para Expansão do Capital Empreendedor O Brasil é considerado destino preferencial para investimentos em private equity e venture capital nos próximos anos; Bons fundamentos macroeconômicos; Solidez e sofisticação das instituições financeiras e do mercado de fundos de investimento; Forte base de investidores institucionais nacionais; Déficit de investimentos em setores como infraestrutura, imobiliário e manufatura; Disseminação de práticas de boa governança corporativa; Moderno arcabouço regulatório.

12 Desafios para Expansão do Capital Empreendedor Formalização das pequenas empresas; Transformação de empresas familiares em empresas com gestão profissional; Desenvolvimento de produtos feitos sob medida para os investidores; Fortalecimento do mercado acionário; Aumento do número de fusões e aquisições; Melhoria dos mecanismos de precificação dos ativos; Ser utilizado como uma alternativa aos investimentos em renda fixa; Atrair investimentos das fundações previdenciárias e seguradoras.

13 Conclusões O Capital Empreendedor é percebido pelo BNB como instrumento estratégico que complementa os seus financiamentos no Nordeste; Pode ser utilizado para minimizar riscos da estrutura de capital das empresas; Deverá contribuir fortemente para a mudança cultural dos empresários da Região, pois requer um acompanhamento diferenciado do desempenho dos negócios; Possibilita a formação de parcerias estratégicas com os setores privado e público, fundações e demais agentes do mercado; Fortalece a política de desenvolvimento regional posta em prática pelo BNB no Nordeste.

14 Cliente Consulta: –


Carregar ppt "Outubro de 2009 A Indústria do Capital Empreendedor no Nordeste: Oportunidades e Desafios."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google