A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Conjunto de substâncias que apresentam propriedades químicas semelhantes. As substâncias inorgânicas podem ser classificadas em quatro funções: Ácidos.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Conjunto de substâncias que apresentam propriedades químicas semelhantes. As substâncias inorgânicas podem ser classificadas em quatro funções: Ácidos."— Transcrição da apresentação:

1

2 Conjunto de substâncias que apresentam propriedades químicas semelhantes. As substâncias inorgânicas podem ser classificadas em quatro funções: Ácidos Ácidos Bases Bases Sais Sais Óxidos Óxidos Assim, numa reação química, todos os ácidos, por exemplo, terão comportamento semelhante. Funções químicas

3 Ácidos Ácidos de Arrhenius: são substâncias compostas que, em solução aquosa, liberam como cátion o Hidroxônio (H 3 O + ou H + ). Ionização de um Ácido Ionização de um Ácido HCl + H 2 O H 3 O + + Cl - H 2 SO 4 + 2H 2 O 2H 3 O + + SO 4 2- H 3 PO 4 + 3H 2 O 3H 3 O + + PO 4 3-

4 Hidrogênios ionizáveis Os hidrogênios que fornecem H 3 O + são chamados de hidrogênios ionizáveis. São aqueles que se ligam ao elemento mais eletronegativo na molécula do ácido. Geralmente a quantidade de hidrogênios do ácido é a mesma que pode ionizar, mas existem exceções: H 3 PO 3 + 2H 2 O 2H 3 O + + HPO 3 2- apenas 2H + H 3 PO 2 + H 2 O H 3 O + + H 2 PO 2 1- apenas 1H +

5 Classificação dos Ácidos Quanto a presença ou ausência de Oxigênio Hidrácidos (HCl, H 2 S, HBr) Oxiácidos (H 2 SO 4, H 3 PO 4, HClO 4 ) Quanto a presença ou ausência de Carboxila (-COOH) Orgânicos (CH 3 -COOH, HOOC-COOH) Inorgânicos (H 2 CO 3, H 2 CO 2, HCN)

6 Classificação dos Ácidos Quanto ao número de elementos Químicos: Binário (HCl, HBr, HF) Ternário (H 2 SO 4, H 3 PO 4, HCN) Quanto ao número de Hidrogênios Ionizáveis: Monoácidos (HCl, HI, H 3 PO 2 ) Diácidos (H 2 SO 4, H 2 S, H 3 PO 3 ) Triácidos (H 3 PO 4, H 3 BO 3, H 3 BO 2 ) Tetrácidos (H 4 P 2 O 7 )

7 Quanto ao Grau de Ionização ( ) Ácidos fracos: 0< < 5% Ácidos moderados: 5% 50% Ácidos fortes : 50% < < 100% Nº de Mol Ionizados Nº de Mol Ionizados = = Nº Inicial de Mols Nº Inicial de Mols Ácido fraco: HClO Ácido moderado: H 3 PO 4 Ácido forte : H 2 SO 4 HClO 4 HClO 4

8 Quanto ao Grau de Ionização ( ) Hidrácidos: Fortes: HCl, HBr, HI Moderado: HF *Os demais são fracos!!! Oxiácidos: H x EO y 0 fraco Ex.: HClO 1 moderado Ex.: H 3 PO 4 2 forte Ex.: H 2 SO 4 y-x

9 Nomenclatura Oficial: Hidrácidos Seguem a seguinte regra: Ácidos + ídrico Radical do Elemento Radical do Elemento Oxiácidos Seguem a seguinte regra: ico (+ oxigênio) ico (+ oxigênio) Ácido __________________ + Radical do Elemento oso (- oxigênio) Radical do Elemento oso (- oxigênio)

10 -H 2 SO 4 -HNO 3 -H 3 PO 4 -H 2 CO 3 -H 3 BO 3 -HClO 3 Ácido Per.....ico Ácido.....ico Ácido.....oso Ácido Hipo.....oso Menos Oxigênios Ex: H 3 PO 2 – ác. Hipofosforoso HClO 4 – ác. Perclórico H 2 SO 3 – ác. Sulfuroso +7 +6,+5 +4,+3, Nomenclatura Oxiácidos:

11 Exemplo: H2SH2SH2SH2S Ácido sulfídrico H 2 SO Ácido sulfuroso H 2 SO Ácido sulfúrico - 8 *Para ácidos do enxofre usamos o radical em latim sulfur. - 6

12 Características gerais dos ácidos Apresentam sabor azedo; Apresentam sabor azedo; Desidratam a matéria orgânica; Desidratam a matéria orgânica; Deixam incolor a solução fenolftaleína, e vermelho o papel de tornassol; Deixam incolor a solução fenolftaleína, e vermelho o papel de tornassol; Neutralizam bases formando sal e água; Neutralizam bases formando sal e água;

13 Ácidos que formam exceção: ÁCIDO ACÉTICO (CH 3 COOH) Apresenta 4 hidrogênios em sua estrutura, mas apenas 1 é ionizável (H + ) Em relação a sua força este acido não segue a regra e é considerado um ácido fraco, devida a sua baixa ionização. MONOÁCIDO E FRACO! ÁCIDO CARBÔNICO (H 2 CO 3 ) Está presente na chuva ácida, causando diversos problemas para o meio ambiente. Ele é um diácido. Pois libera dois H +, porém é um ácido extremamente fraco, e instável, se decompõe facilmente quando formando em uma reação química. H 2 CO 3 2 H + + CO 3 -2 DIÁCIDO E FRACO!

14 Ácidos que formam exceção: ÁCIDO HIPOFOSFOROSO (H 3 PO 2 ) MONOÁCIDO E MODERADO! ÁCIDO FOSFOROSO (H 3 PO 3 ) Observando a estrutura do ácido, é importante lembrar que um hidrogênio é ionizável quando está ligado ao átomo de oxigênio. Observa-se apenas 1 ligado! H 3 PO 3 2 H + + HPO 3 - DIÁCIDO E MODERADO! H 3 PO 2 H + + H 2 PO 2 - Observando a estrutura do ácido, é importante lembrar que um hidrogênio é ionizável quando está ligado ao átomo de oxigênio. Observa-se apenas 1 ligado!

15 Ácidos importantes: 1)H 2 SO 4 – Ác. Sulfúrico (ácido ou água de bateria) É um líquido incolor e oleoso de densidade 1,85 g/cm 3, é um ácido forte que reage com metais originando sulfatos além de ser muito higroscópico. Pode ser obtido a partir das seguintes reações: S + O 2 SO 2 SO 2 + ½O 2 SO 3 SO 3 + H 2 O H 2 SO 4 *É usado para medir o desenvolvimento industrial de um país.

16 2) HCl – Ác. Clorídrico (ácido muriático) Solução de hidreto de cloro em água. Apresenta forte odor, além de ser sufocante. É utilizado na limpeza de peças metálicas e de superfícies de mármore. É encontrado no suco gástrico humano. Ácidos importantes:

17 3) HNO 3 – Ác. Nítrico (áqua fortis) Líquido incolor fumegante ao ar que ataca violentamente os tecidos animais e vegetais, produzindo manchas amareladas na pele. É muito usado em química orgânica para a produção de nitrocompostos. Ácidos importantes: + 3HNO 3 + 3HNO 3 CH 3 -NO 2 CH 3 NO 2 - NO 2 + 3H 2 O TNT

18 4) H 3 PO 4 – Ác. Fosfórico (Acidulante INS-338) Obtido pela oxidação do fósforo vermelho com ácido nítrico concentrado. É um ácido moderado usado na industria de vidros, preparo de águas minerais e nos refrigerantes de cola. Seus fosfatos são usados como adubo. *Seus fosfatos fazem parte da formulação do fertilizante NPK. Ácidos importantes:

19 Bases De acordo com Arrhenius, base ou hidróxido é toda substância que, dissolvida em água, dissocia-se fornecendo como ânion exclusivamente OH - (hidroxila). NaOH Na + + OH - Ca(OH) 2 Ca OH - Al(OH) 3 Al OH - Possuem OH - Possuem OH - Metais; Metais; Lig. Iônicas; Lig. Iônicas; Sólidas. Sólidas.

20 Bases * NH 3 + H 2 O * NH 3 + H 2 O Ametais; Ametais; Lig. covalentes; Lig. covalentes; Solução aquosa; Solução aquosa; Volátil. Volátil. (exceção)

21 Nomenclatura Hidróxido de _________________ Nome do Elemento NaOHhidróxido de sódio Fe(OH) 2 hidróxido de ferro II Fe(OH) 3 hidróxido de ferro III

22 Classificação Quanto ao Número de Hidroxilas - Monobases: NaOH; NH 4 OH - Monobases: NaOH; NH 4 OH - Dibases: Ca(OH) 2 ; Mg(OH) 2 - Dibases: Ca(OH) 2 ; Mg(OH) 2 - Tribases: Al(OH) 3 ; Fe(OH) 3 - Tribases: Al(OH) 3 ; Fe(OH) 3 - Tetrabases: Pb(OH) 4 ; Sn(OH) 4 - Tetrabases: Pb(OH) 4 ; Sn(OH) 4 Quanto ao Grau de Dissociação Iônica - Fortes: Os hidróxidos de metais alcalinos (1A) e metais alcalinos terrosos (2A). - Fracas: Nesse grupo incluem-se o hidróxido de amônio (NH 4 OH) e as demais bases.

23 Classificação Quanto à Solubilidade em Água - Totalmente solúveis: os hidróxidos dos metais alcalinos e o hidróxido de amônio (NH 4 OH). - Parcialmente solúveis: hidróxidos dos metais alcalino-terrosos. - Insolúveis: todos os demais hidróxidos. KOH MonobaseForteSolúvel Al(OH) 3 TribaseFracaInsolúvel

24 Características gerais das bases Apresentam sabor adstringente; Apresentam sabor adstringente; Deixam vermelha a solução de fenolftaleína, e azul o papel de tornassol; Deixam vermelha a solução de fenolftaleína, e azul o papel de tornassol; Neutralizam ácidos formando sal e água; Neutralizam ácidos formando sal e água;

25 1) NaOH – Hidróxido de sódio (Soda caústica) É um sólido branco floculado muito solúvel em água além de extremamente caústico. É usado na desidratação de gorduras, no branqueamento de fibras (celulose) e na fabricação de sabões e detergentes e como desentupidor de ralos e esgotos. *Sabões e detergentes são chamados de agentes tensoativos e possuem caráter básico. Bases importantes:

26 2) Ca(OH) 2 – Hidróxido de cálcio (cal apagada, hidratada ou extinta) É uma suspensão aquosa de aparência leitosa, obtida a partir do CaO (cal virgem). É usada em construções, na neutralização de solos ácidos e na fabricação de doces. Bases importantes: CaO + H 2 O Ca(OH) 2 Cal Virgem Cal Apagada

27 3) Mg(OH) 2 – Hidróxido de magnésio (Leite de magnésia) É uma suspensão leitosa, obtida a partir do MgO. É usada como antiácido estomacal e também como laxante. Bases importantes: Mg(OH) 2 + 2HCl MgCl 2 + 2H 2 O

28 4) Al(OH) 3 – Hidróxido de alumínio 4) Al(OH) 3 – Hidróxido de alumínio É uma suspensão gelatinosa que pode adsorver moléculas orgânicas que por ventura estejam em solução aquosa (no tratamento da água). É usada como antiácido estomacal, para tingimentos e na preparação de lacas (resina ou verniz) para pintura artística. *Como antiácido estomacal recebe os nomes de Mylantha plus e Gelmax. Bases importantes:

29 Prof. Busato Química Ácidos e Bases Neutralizar com NaOH ou H 2 SO 4, respectivamente, utilizar papel indicador ou gotas de fenolftaleína, para garantir que o pH da solução resultante situe-se entre 6 e 8. Após a neutralização, descartar lentamente na pia sob água corrente. Para soluções extremamente ácidas, como mistura sulfonítrica, por exemplo, utilizar cal na neutralização. Resíduos de ácidos devem ser descartados em frascos de vidro. Resíduos de base devem ser descartados em frascos de polietileno(plástico). DESCARTE DE ÁCIDOS E BASES

30 Sais Sal é todo composto que em água dissocia liberando um cátion de H + e um ânion de OH -. A reação de um ácido com uma base recebe o nome de neutralização ou salificação. Ácido + Base Sal + Água HCl + NaOH NaCl + H 2 O Neutralização Salificação

31 Obedece à expressão: (nome do ânion) de (nome do cátion) Nomenclatura Sufixo do ácido Sufixo do ânion ídrico eto ico ato oso ito H 2 SO 4 + Ca(OH) 2 H 2 SO 4 + Ca(OH) H 2 O + 2 H 2 O H 2 SO 4 + Ca(OH) 2 H 2 SO 4 + Ca(OH) 2 CaSO 4 CaSO 4 H 2 SO 4 + Ca(OH) 2 H 2 SO 4 + Ca(OH) 2 Sulfato de cálcio (gesso)

32 Sais neutros ou normais Sais neutros ou normais São obtidos por neutralização total (H + ioniz = OH - ): H 2 CO 3 + Ca(OH) 2 H 2 CO 3 + Ca(OH) H 2 O + 2 H 2 O H 2 CO 3 + Ca(OH) 2 H 2 CO 3 + Ca(OH) 2 CaCO 3 CaCO 3 H 2 CO 3 + Ca(OH) 2 H 2 CO 3 + Ca(OH) 2 2 NaOH + H 2 SO 4 NaSO H 2 O

33 Sais Hidrogenados e Sais hidroxilados Sais Hidrogenados e Sais hidroxilados São obtidos por neutralização parcial (H + ionizáveis OH - ): H 2 CO 3 + NaOH H 2 CO 3 + NaOH + H 2 O + H 2 O H 2 CO 3 + NaOH H 2 CO 3 + NaOH NaHCO 3 H 2 CO 3 + NaOH H 2 CO 3 + NaOH HCl + Mg(OH) 2 HCl + Mg(OH) 2 + H 2 O + H 2 O HCl + Mg(OH) 2 HCl + Mg(OH) 2 Mg(OH)Cl Sal hidrogenado ou hidrogenossal Sal hidroxilado ou hidróxissal

34 Classificação Quanto à Presença de Oxigênio - Oxissais : CaSO 4, CaCO 3, KNO 3 - Halóides: NaCl, CaCl 2, KCl Quanto ao Número de Elementos - Binários: NaCl, KBr, CaCl 2 - Ternários: CaSO 4, Al 2 (SO 4 ) 3 - Quaternários: NaCNO, Na 4 Fe(CN) 6

35 Classificação Quanto à Presença de Água - Hidratados: CuSO 4.5 H 2 O; CaSO 4.2 H 2 O - Anidro: KCl; NaCl; CaSO 4 Quanto à Natureza - Neutros ou normais: NaBr; CaCO 3 - Hidrogenossais: NaHCO 3 ; CaHPO 4 - Hidroxissais: Ca(OH)Br - Duplos ou mistos: NaKSO 4 ; CaClBr

36 1) NaHCO 3 – Bicarbonato de sódio (ENO,Sonrisal) É um pó branco que perde CO 2 com facilidade (efervescência). É usado como antiácido estomacal, fermento químico e nos extintores de incêndio. *Pode ser usado para neutralizar os ácidos graxos na manteiga rançosa. Sais importantes: NaHCO 3 + H 2 O NaOH + H 2 O+ CO 2 NaHCO 3 + H 2 O NaOH + H 2 O+ CO 2 H 2 CO 3

37 2) CaCO 3 – Carbonato de cálcio (mármore,calcáreo) É um sólido branco que por aquecimento perde CO 2 e produz CaO (calcinação). É usado na fabricação de cimentos(Portland), como corretivo do solo e como fundente em metalurgia. *Na Espanha é encontrado na região de Aragón, daí seu nome mineral (aragonita). Na forma de estalagmites pode ser chamado de calcita (mármore Carrara). Sais importantes: CaCO 3 CaO + CO 2 CaCO 3 CaO + CO 2

38 3) NaNO 3 – Nitrato de sódio (Salitre do Chile) É um sólido cristalizado no sistema cúbico, além de ser um ótimo oxidante para reações químicas. É usado na fabricação de fertilizantes e explosivos. *Nos Andes era utilizado na conservação da carne por ser higroscópico. Sais importantes:

39 4) NH 4 Cl – Cloreto de amônio (Sal amoníaco) É um sólido granulado obtido do líquido amoniacal das fábricas de gás. É usado na fabricação de fabricação de pilhas secas, na soldagem, na galvanização do ferro e na fabricação de tecidos. *Por ser higroscópico é utilizado na fabricação de bolachas. Sais importantes:

40 Preparação de um sal a partir de outro sal: São reações de deslocamento que devem portanto obdecer às filas de reatividade Ametais: F O N Cl Br I S C P H Metais: K Mg Al Zn Fe Ni H Sn Cu Ag Au São reações de dupla troca onde deverão aparecer um precipitado, ou um produto gasoso (volátil) (H 2 CO 3, HCN, H 2 S, H 2 SO 3 ou NH 4 OH), ou um produto pouco ionizado (bases e ácidos fracos e/ou água) 1 EXEMPLOS: Reação de um sal com um metal Fe + CuSO 4 FeSO 4 + Cu Zn + 2AgNO 3 Zn(NO 3 ) 2 + 2Ag Aqui um metal mais reativo desloca um menos reativo.

41 Preparação de um sal a partir de outro sal: 2 EXEMPLOS: Reação de um sal com um não-metal 2 NaBr + Cl 2 2 NaCl + Br 2 Na 2 S + Br 2 2 NaBr + S 3 Reação de um sal com um ácido CuSO 4 + H 2 S H 2 SO 4 + CuS (precipitado) 2 NaCl + H 2 SO 4 Na 2 SO HCl (volátil) NaNO 2 + HCl NaCl + HNO 2 (pouco ionizado) Aqui um não-metal mais reativo desloca um menos reativo.

42 Preparação de um sal a partir de outro sal: 4 EXEMPLOS: Reação de um sal com uma base FeCl NaOH Fe(OH) NaCl Na 2 CO 3 + Ca(OH) 2 2 NaOH + CaCO 3 5 Reação de um sal com outro sal AgNO 3 + NaCl NaNO 3 + AgCl BaCl 2 + K 2 SO 4 BaSO 4 + 2KCl CaCO 3 CaO + CO 2 CaCO 3 CaO + CO 2

43 Óxidos Óxido é todo composto binário oxigenado, no qual o oxigênio é o elemento mais eletronegativo. Fórmula geral dos óxidos: Exemplos: CO 2, H 2 O, Mn 2 O 7, Fe 2 O 3 CO 2, H 2 O, Mn 2 O 7, Fe 2 O 3 E x+ 2 O 2- X

44 Nomenclatura Regra geral: (Prefixo) + óxido de (prefixo) + elemento CO N 2 O 5 P 2 O 3 H 2 O -monóxido de monocarbono -pentóxido de dinitrogênio -trióxido de difosforo -monóxido de dihidrogênio Para metais: Nox fixo(1A 2A)- óxido de elemento Nox - óxido de elemento+valência Nox - óxido de elemento+valência Na 2 O Al 2 O 3 FeO Fe 2 O 3 -óxido de sódio -óxido de alumínio -óxido de ferro II (óxido ferroso) -óxido de ferro III (óxido férrico)

45 Classificação Óxidos Ácidos Óxidos Básicos Óxidos Anfóteros Óxidos Neutros Óxidos Duplos Peróxidos

46 Óxidos Básicos Óxidos Ácidos (anidridos) Nox +4 Óxidos Anfóteros OB + H 2 O BASE OB + ÁCIDO SAL + ÁGUA OA + H 2 O ÁCIDO OA + BASE SAL + ÁGUA ÓXIDO DUPLO OU MISTO= Me 3 O 4 ÓXIDOS INDIFERENTES OU NEUTROS= CO, NO, N 2 O. PERÓXIDOS=....O 2 SUPERÓXIDOS=....O 4 H, 1A e 2A Classificação

47 Óxidos Básicos (metálicos) São formados por metais alcalinos e alcalinos terrosos e reagem com água formando bases e com ácidos formando sal e água. 2NaO + H 2 O 2NaOH CaO + H 2 O Ca(OH) 2 MgO + 2HCl MgCl 2 + H 2 O Óxido básico + H 2 O base Óxido básico + ácido sal + H 2 O CaO (cal virgem, cal viva )

48 Óxidos Ácidos (anidridos) São formados por ametais e reagem com água formando ácidos e com bases formando sal e água. CO 2 + H 2 O H 2 CO 3 N 2 O 5 + H 2 O 2HNO 3 SO 3 + H 2 O H 2 SO 4 CO 2 + Ca(OH) 2 CaCO 3 + H 2 O Óxido ácido + H 2 O ácido Óxido ácido + base sal + H 2 O (gás carbônico) – EFEITO ESTUFA chuva ácida

49 Óxidos e os problemas ambientais Reações que causam a chuva ácida: O SO 2 lançado na atmosfera se transforma em SO 3 que se dissolve na água de chuva constituindo a chuva ácida, causando um sério impacto ambiental e destruindo a vegetação:chuva ácida 2SO 2 + O 2 (ar) 2SO 3 SO 3 + H 2 O H 2 SO 4 N 2(g) + O 2(g) 2NO (g) 2NO (g) + O 2 2NO 2(g) 2NO 2(g) + H 2 O (l) HNO 3(aq) + HNO 2(aq) "Quando relâmpagos ocorrem na atmosfera, energia suficiente é fornecida para a iniciação da reação de nitrogênio com oxigênio, gerando monóxido de nitrogênio, o qual, em seguida, interage com o oxigênio, gerando dióxido de nitrogênio, um dos responsáveis pela acidez de chuvas. REAÇÕES: Lembre-se:A chuva é naturalmente ácida: CO 2(g) + H 2 O (l) H 2 CO 3(aq) pH Os principais óxidos da chuva ácida são: NO x, SO 2, SO 3 ) – Provenientes da atividade humana!

50 Chuva ácida: consequências Para a Saúde A chuva ácida liberta metais tóxicos que estavam no solo. Esses metais podem contaminar os rios e serem inadvertidamente utilizados pelo homem causando sérios problemas de saúde. Nas Casas, Prédios e demais edifícios A chuva ácida também ajuda a corroer alguns dos materiais utilizados nas construções, danificando algumas estruturas, como as barragens, as turbinas de geração de energia, etc. Para o meio ambiente Lagos Os lagos podem ser os mais prejudicados com o efeito das chuvas ácidas, pois podem ficar totalmente acidificados perdendo toda a sua vida. Desflorestação A chuva ácida provoca clareiras, matando algumas árvores de cada vez. Podemos imaginar uma floresta, que vai sendo progressivamente dizimada, podendo eventualmente ser até destruída. Agricultura A chuva ácida afeta as plantações quase da mesma forma que as florestas, no entanto a destruição é mais rápida, uma vez que as plantas são todas do mesmo tamanho e assim, igualmente atingidas pelas chuvas ácidas.

51 Problemas ambientais Gases de estufa Principais causas Dióxido de Carbono(CO 2 ) Combustão de combustíveis fósseis: petróleo, gás natural, carvão, desflorestação (libertam CO 2 quando queimadas ou cortadas). O CO 2 é responsável por cerca de 64% do efeito estufa. Diariamente são enviados cerca de 6 mil milhões de toneladas de CO 2 para a atmosfera. Tem um tempo de duração de 50 a 200 anos. Clorofluorcarbono (CFC) São usados em sprays, motores de aviões, plásticos e solventes utilizados na indústria eletrônica. Responsável pela destruição da camada de ozônio. Também é responsável por cerca de 10% do efeito estufa.destruição da camada de oz O tempo de duração é de 50 a 1700 anos. Metano (CH 4 ) Produzido por campos de arroz, pelo gado e pelas lixeiras. É responsável por cerca de 19 % do efeito estufa. Tem um tempo de duração de 15 anos. Ácido nítrico (HNO 3 ) Produzido pela combustão da madeira e de combustíveis fósseis, pela decomposição de fertilizantes químicos e por micróbios. É responsável por cerca de 6% do efeito estufa. Ozono (O 3 ) É originado através da poluição dos solos provocada pelas fábricas, refinarias de petróleo e veículos automóveis

52 Problemas ambientais QUAIS AS PRINCIPAIS FONTES DOS GASES COM EFEITO DE ESTUFA? Os gases responsáveis pelo aquecimento global da Terra, encontram-se na combustão de combustíveis fósseis, como o petróleo e seus derivados, e nas cidades cerca de 40 % deve-se à queima de gasolina e de óleo a diesel, fato que se traduz pelo número de veículos automóveis que aí circulam. Os veículos automóveis são responsáveis pela libertação de monóxido de carbono (CO) e dióxido de carbono (CO 2 ), óxidos de nitrogênio (NO x ), dióxido de enxofre (SO 2 ), derivados de chumbo e hidrocarbonetos. As indústrias também são responsáveis por este fenômeno uma vez que emitem enxofre, chumbo e outros materiais pesados, bem como resíduos sólidos que ficam suspensos no ar, por sua vez a concentração de oxigênio vai sendo cada vez menor o que vai provocar doenças graves no sistema nervoso, cancro, problemas respiratórios. Quanto à agricultura, as substâncias são originadas a partir do cultivo de arroz, agricultura, queima de resíduos agrícolas e de florestas, entre outras fontes. A incineração de resíduos e a deposição de resíduos sólidos nas terras constituem outras fontes de gases com efeito de estufa A ação do ser humano na natureza tem feito aumentar a quantidade de dióxido de carbono na atmosfera, através de uma queima intensa e descontrolada de combustíveis fósseis e do desflorestamento. A derrubada de árvores provoca o aumento da quantidade de dióxido de carbono na atmosfera pela queima e também por decomposição natural. Além disso, as árvores aspiram dióxido de carbono e produzem oxigênio. Uma menor quantidade de árvores significa também menos dióxido de carbono sendo absorvido

53 Óxidos Anfóteros (anfipróticos) São óxidos de caráter intermediário entre ácido e básico. Reagem com ácidos e bases formando sal e água. Al 2 O 3 - ZnO ZnO+ 2NaOH Na 2 ZnO 2 + H 2 O ZnO+ 2HCl ZnCl 2 + H 2 O Óxido anfótero + ácido/base sal + água ZnO (hipoglós) Al 2 O 3 (alumina) Al 2 O 3 + 6HCl 2AlCl 3 + 3H 2 O Al 2 O 3 + 2KOH 2KAlO 2 + H 2 O

54 Óxidos Neutros (indiferentes) São todos covalentes e não reagem com base, ácido ou água; mas podem reagir com oxigênio. São todos covalentes e não reagem com base, ácido ou água; mas podem reagir com oxigênio. CO - NO - N 2 O – H 2 O CO + H 2 O Não ocorre reação NO + HCl Não ocorre reação CO + ½O 2 CO 2 Óxido Neutro + O 2 Oxidação

55 Óxidos Duplos (mistos) São óxidos que, quando aquecidos, originam dois outros óxidos. São óxidos que, quando aquecidos, originam dois outros óxidos. M3O4M3O4 Fe, Pb, Mn Fe 3 O 4 ; Pb 3 O 4 ; Mn 3 O 4 FeO + Fe 2 O 3 Fe 3 O 4 (magnetita,imã)

56 Peróxidos São formados por metais alcalinos, alcalinos terrosos e hidrogênio e possuem oxigênio com Nox = -1. M 2 O 2 - MO 2 M 2 O 2 - MO 2 M. Alcalinos M. Alc. Terrosos M. Alcalinos M. Alc. Terrosos H 2 O 2 - Ag. Oxidante e Bactericida Ex.: Na 2 O 2, Li 2 O 2, CaO 2, MgO 2

57 1) ZnO – óxido de Zinco (Hipoglós) É um sólido branco de caráter anfótero (anfiprótico). É usado na fabricação de cremes dermatológicos, na industria de tintas e na galvanização do ferro. *A proteção de superfícies metálicas com tintas ou metais de sacrifício é chamada de proteção anódica. Óxidos importantes:

58 2) Al 2 O 3 – óxido de Alumínio (Bauxita, Alumina) É um sólido muito duro (dureza 9) de onde é extraído por eletrólise o alumínio metálico. Na forma cristalizada é encontrado nas safiras e nos rubis. *É um óxido anfótero abrasivo que também pode ser chamado de Coríndon. Óxidos importantes:

59 3) H 2 O 2 – Peróxido de hidrogênio (água oxigenada) É uma solução aquosa que se decompõe facilmente em presença de luz (fotólise). É utilizada como agente oxidante e bactericida. *Os recipientes que guardam a água oxigenada são opacos para impedir a entrada de luz. Óxidos importantes: H 2 O 2 H 2 O + ½O 2

60 4) Fe 3 O 4 – Tetróxido de triferro (magnetita, imã) É um sólido escuro que apresenta características ferromagnéticas. É utilizado na fabricação de caixas de som e aparelhos eletrônicos em geral. *A tarja dos cartões magnéticos é constituída por este óxido. Óxidos importantes: FeO + Fe 2 O 3 Fe 3 O 4


Carregar ppt "Conjunto de substâncias que apresentam propriedades químicas semelhantes. As substâncias inorgânicas podem ser classificadas em quatro funções: Ácidos."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google