A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Música: Bach Alegro nº 2 Intérprete: Davi Graton Fotos: Internet Texto: Rildo Silveira Rildo Silveira Criado por Cruzília –

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Música: Bach Alegro nº 2 Intérprete: Davi Graton Fotos: Internet Texto: Rildo Silveira Rildo Silveira Criado por Cruzília –"— Transcrição da apresentação:

1

2 Música: Bach Alegro nº 2 Intérprete: Davi Graton Fotos: Internet Texto: Rildo Silveira Rildo Silveira Criado por Cruzília – MG – Brasil Os seres mais medíocres somente podem ser grandes pelo que destroem. Francois Mauriac

3

4 Os combates de cães revelam um lado escuro e ganancioso do homem: o gosto pela violência!

5 As pessoas que promovem essa barbaridade são pessoas medíocres e covardes, que possuem algum fracasso na vida, e como forma de suprir sua insignificância, ou extravasar algum sentimento reprimido, o fazem pelo uso da força, e tão pior, pela força de outros, pois que eles próprios não a possuem. Desprezam o sofrimento dos animais, pois não conseguem valorizar nem a si mesmos.

6 Os cães geralmente treinados para combates são os pit bulls, rottweilers, dobermanns, filas, pastores alemães, bull terriers, dogos, mastinos e mastiffs, dentre alguns outros. Originalmente essas raças são produzidas para finalidades de guarda, pastoreio, companhia e são dóceis e equilibradas. Mas ao longo do caminho, pessoas inescrupulosas desviam seu comportamento para as rinhas, tornando-as agressivas e hostis.

7 Na natureza os animais primeiramente avisam o adversário e rosnam, usando o ataque como recurso extremo. Esses cães não se inibem diante o oponente, sendo treinados a partirem imediatamente para o ataque. Na natureza, após um dos adversários perceberem sua derrota, o outro permite sua fuga, algo inexistente numa rinha, sendo incitados a combater, na maioria das vezes, até a morte de um deles.

8 Os cães de rinha recebem treinamento combativo, têm suas orelhas e caudas amputadas, de forma a evitar mordidas e combaterem por mais tempo.

9 São submetidos a treinamentos de resistência estressantes, atiçados a atacar animais menores como coelhos, gatos, galinhas e mesmo outros cachorros, geralmente de rua, que acabam dilacerados e mortos. Treinamento de resistência: puxando enormes pesos Vira-lata que treinou o pitbull Natação e treinos aquáticos

10 Chegam à exaustão correndo durante horas em esteiras rolantes, nadando, puxando e carregando pesos, saltando obstáculos e usando correntes pesadas para fortalecer os músculos do pescoço, como também para demonstrar machismo. Morder em pneus é um treino para fortalecer a mandíbula e a capacidade de dilacerar Pesadas correntes para fortalecer os músculos do pescoço Esteiras rolantes: treinamento intensivo de resistência Subida em árvores: agilidade e combatividade

11 São pendurados durante horas pela boca, mordendo pneus para o fortalecimento de suas mandíbulas, mantidos em ambientes pequenos e alimentados com sangue de outros animais. Pitbull ferido, faminto, cego e abandonado à própria sorte num terreno baldio

12 Nas vésperas do combate, os cães são deixados por dias, solitários no escuro, ficando mais agressivos. Não recebem água para desidratarem e sangrarem menos e passam fome, pois as lutas são divididas por categorias de peso.

13

14 Dificilmente a desistência ocorre por iniciativa dos apostadores. Além da violência em si, os rinheiros lhes espancam, obrigando-os a disputar até a morte ou exaustão de um deles.

15 Os animais, derrotados perdem sua utilidade para as rinhas e devido a perda na aposta, seus donos descarregam sua raiva nos cães, espancando e matando-os na própria arena ou, em muitos casos, sem nenhum escrúpulo e remorso, são abandonados em rodovias para serem atropelados, enforcados, jogados em rios, matagais e até mesmo enterrados vivos.

16 Considera-se que os gastos de seu tratamento podem não compensar financeiramente, visto com freqüência, não terem uma recuperação total, ficando aleijados, já que muitos perdem partes do corpo na luta e ficam inutilizados para futuros combates.

17 Além do mais, um cão perdedor é uma propaganda negativa para o criador, que poderá não ter o retorno esperado em apostas. A mordida de um pitbull pode facilmente arrancar um membro do adversário

18 Alguns donos anestesiam partes do corpo do animal mais sujeitas a lacerações, obrigando-os a combates sucessivos e extenuantes. Freqüentemente estas últimas causam a morte, por exaustão, dos animais na arena.

19 Cães de rinha geralmente são identificados por orelhas e caudas curtas e seus corpos possuem marcas de mordidas, feridas excessivas e cicatrizes, com deformidades e lacerações visíveis, especialmente ao redor do pescoço, face e áreas de perna

20 Os locais prováveis de atividade de rinha são galpões, pátios, fundos de quintal, garagens, ferros-velho, sítios e outros locais discretos e distantes. Não é necessário mais que alguns metros quadrados para a arena.

21 Esses animais caem na má fama por causa de alguns criadores estúpidos, cujos cães, estressados e treinados para tal, atacam sem aviso prévio e provocação, resultando em mortes de outros animais e até mesmo, humanas.

22 Essas raças caninas são vítimas do comportamento de alguns humanos. E as pessoas envolvidas em Dog Fighting freqüentemente praticam outras atividades ilegais como crueldade animal, roubo (animais são freqüentemente roubados como "isca"), uso de álcool, posse e tráfico de drogas, extorsão, sonegação de impostos, posse de armas escondidas e roubadas e publicação de encartes anunciando partidas e apostas ilegais.

23 Tais indivíduos não adaptam com normalidade ao convívio social. O desprezo e a revolta que sentem por si próprias é compensado no desespero e na auto-afirmação do dinheiro ganho e na violência gratuita. Incapazes de lidar consigo próprias, não conseguem expressar positivamente suas potencialidades humanas. Cães completamente desfigurados após uma rinha

24

25

26

27

28 Depois de uma briga de rinha, fêmea de Pit Bull com ferimentos por todo o corpo e uma perna dianteira totalmente amputada.

29 Se em seu estado ou na sua cidade as rinhas são praticadas, procure o Ministério Público e formalize uma denúncia! Vá à delegacia mais próxima e exija o cumprimento da lei.

30 Faça sua parte. Divulgue esta mensagem. Envie para seus amigos. A NATUREZA AGRADECE !!!

31 V I S I T E


Carregar ppt "Música: Bach Alegro nº 2 Intérprete: Davi Graton Fotos: Internet Texto: Rildo Silveira Rildo Silveira Criado por Cruzília –"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google