A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Www.melm.org.br. Semeadores de Esperança Possivelmente não terás pensado ainda no verbo formoso e grave a que todos somos chamados: criar para o progresso.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Www.melm.org.br. Semeadores de Esperança Possivelmente não terás pensado ainda no verbo formoso e grave a que todos somos chamados: criar para o progresso."— Transcrição da apresentação:

1

2 Semeadores de Esperança Possivelmente não terás pensado ainda no verbo formoso e grave a que todos somos chamados: criar para o progresso. O Criador, ao dotar-nos de razão, a nós, criaturas, conferiu-nos o poder de imaginar, promover, originar, produzir. Referimo-nos frequentemente à lei de causa e efeito. Sabemos que ela funciona em termos de exatidão. Utilizamo-la, quase sempre, tão-só para justificar sofrimentos, esquecendo-lhe a possibilidade de estabelecer alegrias.

3 [...] O firmamento era vasculhado pelos olhos humanos há milênios, mas foi necessário que um astrônomo inventasse lentes, para que os povos recolhessem as preciosas informações do Universo, que já havia antes deles. O princípio é idêntico para a vida moral. [...] Inventa em tua existência soluções de conforto, suscita motivos de paz, traça diretrizes de melhoria, faze o que ainda não foi aproveitado na realização da riqueza íntima de todos.

4 [...] Ajamos na construtividade de Jesus, sejamos semeadores de esperança. Livro “Estude e Viva”, pelos Espíritos Emmanuel e André Luiz, psicografia de Francisco Cândido Xavier e Waldo Vieira.

5 Como tornar-se um Semeador de Esperança? O amor no trabalho e o trabalho no amor!

6 O trabalhador da última hora tem direito ao salário. Mas, para isso, é necessário que se tenha conservado com boa-vontade à disposição do Senhor que o devia empregar, e que o atraso não seja fruto da sua preguiça ou da sua má vontade. Tem direito ao salário, porque, desde o alvorecer, esperava impacientemente aquele que, por fim, o chamaria ao labor. Era trabalhador, e apenas lhe faltava o que fazer. Se tivesse, entretanto, recusado o trabalho a qualquer hora do dia; se tivesse dito: “Tenham paciência; gosto de descansar. Quando soar a última hora, pensarei no salário do dia. Que me importa esse patrão que não conheço e não estimo? Quanto mais tarde, melhor!” Nesse caso, meus amigos, não receberia o salário do trabalho, mas o da preguiça. “Toda ocupação útil é trabalho.” (Livro dos Espíritos – Pergunta 675)

7 Todos vieram quando chamados, uns mais cedo, outros mais tarde, para a encarnação cujos grilhões carregais. Mas há quantos e quantos séculos o Senhor vos chamava para a sua vinha, sem que aceitásseis o convite? Eis chegado, agora, o momento de receber o salário. (ESE – Cap. 20, item 2)

8 Todos vieram quando chamados, uns mais cedo, outros mais tarde, para a encarnação cujos grilhões carregais. Mas há quantos e quantos séculos o Senhor vos chamava para a sua vinha, sem que aceitásseis o convite? Eis chegado, agora, o momento de receber o salário. (ESE – Cap. 20, item 2) Por que pedis graça, se procurastes a recompensa nos prazeres da Terra e na satisfação do vosso orgulho? Já recebeste a vossa recompensa, de acordo com a vossa vontade. Nada mais tendes a pedir. As recompensas celestes são para aqueles que não houverem pedido recompensas da Terra. (ESE – Cap. 20, item 5)

9 “Segundo o modo de ver terreno, a máxima: Buscai e achareis, é semelhante a esta outra: Ajuda-te e o céu te ajudará. É o princípio da lei do trabalho, e por conseguinte, da lei do progresso. Porque o progresso é o produto do trabalho, desde que é este que põe em ação as forças da inteligência.” (ESE – Cap. 25, item 2)


Carregar ppt "Www.melm.org.br. Semeadores de Esperança Possivelmente não terás pensado ainda no verbo formoso e grave a que todos somos chamados: criar para o progresso."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google