A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

HighTecRUP - Rational Unified Process1 RUP – Rational Unified Process Acadêmicos: Ítalo Afonso Maurício Gomes Maurício Martins Solano Júnior.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "HighTecRUP - Rational Unified Process1 RUP – Rational Unified Process Acadêmicos: Ítalo Afonso Maurício Gomes Maurício Martins Solano Júnior."— Transcrição da apresentação:

1 HighTecRUP - Rational Unified Process1 RUP – Rational Unified Process Acadêmicos: Ítalo Afonso Maurício Gomes Maurício Martins Solano Júnior

2 1 - I ntrodução  Essa apresentação do Processo Unificado da Rational, conhecido como RUP (Rational Unified Process), visa esclarecer o funcionamento dessa metodologia.  Neste trabalho iremos cobrir aspectos relativos ao conjunto de processos referentes ao RUP, incluindo:  conceitos  best practices (melhores práticas)  fases de desenvolvimento HighTecRUP - Rational Unified Process2

3 2 - Conceito UML Rational Software Corporation IBM  O RUP, é um processo de engenharia de software criado para apoiar o desenvolvimento orientado a objetos, fornecendo uma forma sistemática para se obter vantagens no uso da UML. Foi criado pela Rational Software Corporation e adquirido em fevereiro de 2003 pela IBM. HighTecRUP - Rational Unified Process3

4 RUP é atender as necessidades dos usuários garantindo uma produção de software de alta qualidade que cumpra um cronograma e um orçamento previsíveis.  O principal objetivo do RUP é atender as necessidades dos usuários garantindo uma produção de software de alta qualidade que cumpra um cronograma e um orçamento previsíveis. O RUP define perfeitamente quem é responsável pelo que, como as coisas deverão ser feitas e quando devem ser realizadas, descrevendo todas as metas de desenvolvimento especificamente para que sejam alcançadas. HighTecRUP - Rational Unified Process4

5 planejamento, levantamento de requisitos, análise, implementação, teste e implantação do software. Analista de sistema, Projetista, Projetista de testes, entre outros.  O RUP organiza o desenvolvimento de software em quatro fases, onde são tratadas questões sobre planejamento, levantamento de requisitos, análise, implementação, teste e implantação do software. Cada fase tem um papel fundamental para que o objetivo seja cumprido, distribuídos entre vários profissionais como o Analista de sistema, Projetista, Projetista de testes, entre outros. HighTecRUP - Rational Unified Process5

6 HighTecRUP - Rational Unified Process6

7 3 - Fases do RUP  Fase de Concepção / Iniciação: Esta fase do RUP abrange as tarefas de comunicação com o cliente e planejamento. É feito um plano de projeto avaliando os possíveis riscos, as estimativas de custo e prazos, estabelecendo as prioridades, levantamento dos requisitos do sistema e preliminarmente analisá-lo. Assim, haverá uma anuência das partes interessadas na definição do escopo do projeto, onde são examinados os objetivos para se decidir sobre a continuidade do desenvolvimento. HighTecRUP - Rational Unified Process7

8  Fase de Elaboração: Abrange a Modelagem do modelo genérico do processo. O objetivo desta fase é analisar de forma mais detalhada a análise do domínio do problema, revisando os riscos que o projeto pode sofrer e a arquitetura do projeto começa a ter sua forma básica. Indagações como “O plano do projeto é confiável?”, “Os custos são admissíveis?” são esclarecidas nesta etapa. HighTecRUP - Rational Unified Process8

9  Fase de Construção: Desenvolve ou Adquire os componentes de Software. O principal objetivo desta fase é a construção do sistema de software, com foco no desenvolvimento de componentes e outros recursos do sistema. É na fase de Construção que a maior parte de codificação ocorre. HighTecRUP - Rational Unified Process9

10  Fase de Transição: Abrange a entrega do software ao usuário e a fase de testes. O objetivo desta fase é disponibilizar o sistema, tornando-o disponível e compreendido pelo usuário final. As atividades desta fase incluem o treinamento dos usuários finais e também a realização de testes da versão beta do sistema visando garantir que o mesmo possua o nível adequado de qualidade. HighTecRUP - Rational Unified Process10

11 HighTecRUP - Rational Unified Process11

12 Volvo, Ericsson, Intel, Visa, Oracle, Xerox e C.E.S.A.R.  Atualmente essas são algumas empresas que utilizam a metodologia RUP, Volvo, Ericsson, Intel, Visa, Oracle, Xerox e C.E.S.A.R. HighTec12RUP - Rational Unified Process

13 Estas são algumas imagens da interface do RUP HighTecRUP - Rational Unified Process13

14 HighTecRUP - Rational Unified Process14

15 best practicesregras/práticas que visam reduzir o risco e tornar o desenvolvimento mais eficiente.  Um dos principais pilares do RUP é o conceito de best practices (melhores práticas), que são regras/práticas que visam reduzir o risco (existente em qualquer projeto de software) e tornar o desenvolvimento mais eficiente. HighTec15RUP - Rational Unified Process

16  O RUP entrelaça o conceito de best practices em quatro definições, sendo elas:  Funções:  Funções: grupos de atividades executadas.  Disciplinas:  Disciplinas: áreas de esforço na engenharia de software.  Atividades:  Atividades: definições como (objetos/artefatos) é construído e avaliado.  Objetos/artefatos:  Objetos/artefatos: resultado do trabalho, produzido ou modificado durante o processo. HighTec16RUP - Rational Unified Process

17 4 - Best Practices diminuir os riscos desenvolvimento mais eficiente  O RUP tenta diminuir os riscos do desenvolvimento e efetivamente deixar o desenvolvimento mais eficiente, através de seis práticas básicas (conhecidas por best practices) a serem executadas durante todo o processo de desenvolvimento. HighTec17RUP - Rational Unified Process

18 4.1 - Desenvolver Iterativamente desenvolver em ciclos. objetivo que deve ser alcançado  Desenvolver iterativamente significa desenvolver em ciclos. Cada ciclo contém um objetivo que deve ser alcançado (lançamento de um pré-release ou beta, correção de um bug, etc). HighTec18RUP - Rational Unified Process

19 4.2 - Gerenciar Requerimentos uma maneira prática de produzir, organizar, comunicar e organizar os requerimentos de um projeto. um melhor controle sobre projetos complexos, além de maior qualidade e redução de custos.  Gerenciamento de requerimentos provê uma maneira prática de produzir, organizar, comunicar e organizar os requerimentos de um projeto. O gerenciamento de recursos acarreta um melhor controle sobre projetos complexos, além de maior qualidade e redução de custos. HighTec19RUP - Rational Unified Process

20 4.3 - Utilizar Arquiteturas Baseadas em Componentes  Foca o desenvolvimento na modularização, através do uso de componentes, de modo a criar um sistema flexível, adaptável, intuitivamente entendível e reutilizável. facilidade para identificar, isolar, manipular e desenvolver componentes,  Foca o desenvolvimento na modularização, através do uso de componentes, de modo a criar um sistema flexível, adaptável, intuitivamente entendível e reutilizável. Entre os benefícios podemos citar a facilidade para identificar, isolar, manipular e desenvolver componentes, é maior do que para um sistema inteiro; componentes podem ser desenvolvidos com a reutilização em mente; etc. HighTec20RUP - Rational Unified Process

21 4.4 - Modelar Visualmente concepçãocomplexidade “dimensionar”  A modelagem visual permite melhor entender não só a concepção e a complexidade do sistema, mas também “dimensionar” (no sentido de qual a forma do sistema), além de facilitar a identificação e solução de problemas. HighTec21RUP - Rational Unified Process

22 4.5 - Verificação Continua de Qualidade  O RUP não toma a qualidade como responsabilidade de apenas uma pessoa ou grupo, mas como uma responsabilidade de todos os integrantes do projeto.  A qualidade é focada especialmente em duas áreas:  Qualidade de produto:  Qualidade de produto: a qualidade do produto sendo desenvolvido (software ou sistema) e todos as partes envolvidas (componentes, subsistemas, arquitetura, etc).  Qualidade de processo:  Qualidade de processo: a qualidade dos processos dentro do projeto de desenvolvimento. HighTec22RUP - Rational Unified Process

23 4.6 - Controle de Mudanças muitas são as mudanças ocorridas no decorrer do projeto. prática fundamental para manter a qualidade do projeto.  Como resultado de um processo de desenvolvimento iterativo, muitas são as mudanças ocorridas no decorrer do projeto. Controlar as mudanças durante todo o projeto é prática fundamental para manter a qualidade do projeto. HighTec23RUP - Rational Unified Process

24 5 - Conclusão  O RUP prova ser um processo de desenvolvimento robusto e bem definido, embora bastante complexo/trabalhoso para projetos de software de pequeno porte, ele pode ser bem aproveitado para projetos aonde é preciso manter registro constante do fluxo do projeto. HighTec24RUP - Rational Unified Process

25 6 - Referências  Quadros, Moacir - Gerencia de Projetos de Softwares: Técnicas e Ferramentas, Visual Books.  Rational Software - Best Practices for Software Development Teams,  Dicionário Online – Anuência, HighTec25RUP - Rational Unified Process


Carregar ppt "HighTecRUP - Rational Unified Process1 RUP – Rational Unified Process Acadêmicos: Ítalo Afonso Maurício Gomes Maurício Martins Solano Júnior."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google