A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Olic, Nelson Bacic. Mundo contemporâneo. 1ª edição. São Paulo : Moderna, 2010. - O livro é uma coletânea de mais de 150 artigos que o autor produziu e.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Olic, Nelson Bacic. Mundo contemporâneo. 1ª edição. São Paulo : Moderna, 2010. - O livro é uma coletânea de mais de 150 artigos que o autor produziu e."— Transcrição da apresentação:

1 Olic, Nelson Bacic. Mundo contemporâneo. 1ª edição. São Paulo : Moderna, O livro é uma coletânea de mais de 150 artigos que o autor produziu e publicou nos últimos dez anos. -Só foram atualizados artigos que precisaram ser adaptados devido as transformações ocorridas ao longo do tempo, desde que foram publicados. - O livro foi dividido em cinco partes, de acordo com a temática dos assuntos abordados, sendo elas:. Questões e visões de mundo atual: trata de variados temas internacionais.. Geopolíticas da água: foca a escassez de água e suas consequências geopolíticas.. Pelos caminhos do mundo: se refere a algumas experiências de viagens vividas pelo autor.. Aquarelas brasileiras: trata de diversos temas relacionados ao Brasil.. Literatura, cinema, realidade e ficção: analisa filmes e livros que tratam de assuntos da política internacional.

2 QUESTÕES E VISÕES DO MUNDO ATUAL Sobre os Estados Unidos o autor aborda: - os dois partidos políticos no País, o Republicano (Abraham Lincoln, Ronald Reagan e George W. Bush) e o Democrata ( Franklin D. Roosevelt, Bill Clinton e Barack Obama) que representaram interesses de setores ligados a industrialização; e a aristocracia rural e brancos pobres do Sul, respectivamente. Com Roosevelt os democratas se expandiram nacionalmente e se vincularam ao operariado urbano. Com Reagan começou-se o neoliberalismo e a desmontagem o New Deal. -Sobre a determinação de Obama de fechar Guantánamo em 1 ano. Herança da guerra contra o terrorismo de George W. Bush. -Sobre a conflituosa área de fronteira dos Estados Unidos com o México onde muitos latino-americanos aglomeram-se para tentar a travessia. Essa fronteira é caracterizada pela pobreza, concentração demográfica, ação das maquiladoras, circulação de mercadorias legais, drogas, armas e imigrantes ilegais( 5 bilhões de dólares anuais dólares por travessia). - a origem do dia 1º de maio como o dia internacional dos trabalhadores, baseado na repressão a grevistas nos Estados Unidos no ano de 1886, embora observe que nem todos países considerem esse data. Baseada nessa data a população hispânica no país realizou um protesto no dia 1º de maio de 2006 denominado “um dia sem imigrantes”. Explosão demográfica de mexicanos (41 milhões de pessoas) e seus impactos. Hispânicos representam 14% da população e em 2050 representarão 25%.

3 Em relação ao mundo islâmico foi abordado:. Origem do Paquistão.. A radicalização religiosa no Paquistão e suas causas (pobreza, falhas na educação- 50% de analfabetos-, ações das madrassais, tensões étnicas) consequências ( conflitos étnicos, religiosos, ação de terroristas, posição estratégica na luta contra o terrorismo).. Etnia Punjabi predominante no Paquistão e que ocupa maior parte dos cargos públicos. Etnia Sindi vive conflito com os mohajires. Os baluques possuem movimentos separatistas. Os pashtuns que vivem nas zonas tribais possuem ralações com o Talibã afegão.. O Paquistão é uma potência nuclear adversária da Índia, país que também tem bombas nucleares, sendo que ambos disputam a Caxemira.. A diferença entre árabe ( 20% dos islâmicos) e muçulmano.. O islamismo é a segunda maior religião do mundo e possui 1,3 bilhões de seguidores em mais de 100 países sendo maioria em 50 destes. Dos islâmicos 70% estão na Ásia e 27% na África.. O crescimento de fiéis islâmicos se dá mais devido ao crescimento demográfico do que a novas conversões, sendo exceção a África subsaariana.. O Xinjiang-Uigur: é a porção oeste do território chinês que abriga uma minoria de população islâmica. Cerca de pouco menos de 50% da população é da etnia Uigur (sunitas de cultura turca- sec. VIII). Para contrabalançar a influência uigur o governo chinês estimulou a migração de hans (quase 50% da população local) provocando tensão étnica na região que já viveu atentados terroristas. Essa região vem recebendo investimentos para seu desenvolvimento desde a Revolução Chinesa. Possui jazidas de petróleo e posição estratégica para passagem de oleoduto que transporta petróleo russo e casaque para a área litorânea da China.. Muitos imigrantes do mundo islâmico que foram trabalhar na Europa após a Segunda Guerra Mundial formaram comunidades islâmicas minoritárias em vários países europeus.

4 Sobre a Rússia é abordado:. A dificuldade de saídas marítimas para a Rússia onde o mar não congela parte do ano fez com que diferentes governantes russos lutassem por conquistas territoriais que permitissem concretizar essa estratégia.. As conquistas territoriais de Stálin após a Segunda Guerra Mundial permitiram a Rússia dominar o mar Branco, posições estratégicas nos mares Báltico, Negro e Cáspio. O fim da União Soviética fez com que os russos perdessem o controle de uma grande extensão de saídas marítimas que haviam conquistado anteriormente.. A Rússia e o Japão estão perdendo população. O Japão perde população devido a queda da taxa de natalidade e o aumento da mortalidade de sua população que está envelhecendo. Já na Rússia a perda de população ocorre pelo inverso da realidade japonesa (expectativa de vida de 80 anos), ou seja, os russos (expectativa de vida de 59 anos) possuem sérias dificuldades socioeconômicas que tem levado a queda da natalidade, aumento da mortalidade e da emigração. Até 2050 esse país poderá perder até 40 milhões de habitantes, reduzindo sua população para 100 milhões de pessoas.. A região conflituosa do Cáucaso. Ali ocorreu um recente conflito entre a Geórgia, que não aceita a separação da Ossétia do Sul, com a Rússia, aliada da Ossétia do Sul. O Império Russo anexou a região à força e isso gera conflitos até hoje. A Rússia luta contra movimentos separatistas na Chechênia e Daguestão, seu território, mas apoia movimentos separatistas na Abkházia e Ossétia do Sul, territórios da Geórgia.. O conflitos no Cáucaso também refletem as disputas por acesso as jazidas de petróleo do mar Cáspio e a tentativa dos Estados Unidos de estabelecer sua influência na região em detrimento da Rússia que tradicionalmente a domina.. O ganho de influência russa, depois do fim da URSS, devido as reservas de hidrocarbonetos.

5 Aborda a importância dos oceanos e mares para a humanidade destacando:. Que 71% da superfície da Terra é coberta por água, sendo que a maior parte delas constitui os oceanos.. A importância dos oceanos na regulação térmica do planeta.. Mais de 75 % da humanidade vive em áreas de interferência direta dos oceanos sobre os continentes, o que corresponde a até 100 Km de distância do litoral.. A importância das plataformas continentais como recurso econômico, possibilitando práticas como a exploração de jazidas de petróleo.. Os oceanos são locais de passagem, de contatos comerciais e culturais e também fontes de recursos bastante diversificados ocasionando disputas entre os países por seu domínio.. A importância do mar Mediterrâneo como área de contato entre o Velho Mundo e como rota comercial (Canal de Suez e transporte de petróleo).. A pirataria que reapareceu na modernidade. Inicialmente a área de atuação dos piratas era o Estreito de Málaca, entre a península da Malásia e a Indonésia, importante rota comercial no oceano Índico. Atualmente a situação de desgoverno da Somália favoreceu a ação de piratas que agem no mar Vermelho, Golfo de Áden e oceano Índico, utilizando modernas tecnologias para seqüestrar e exigir resgate de embarcações que por ali passam.

6 Também foi abordado:. A influência dos tipos de clima sobre os tipos de habitação (materiais disponíveis, arquitetura).. A civilização milenar da China (1500 A.C.) e sua influência cultural, econômica e geopolítica. A ascensão do Socialismo na China e a importância da abertura econômica para que sua economia se desenvolvesse, embora tenha tido por consequência o aumento das desigualdades sociais e regionais.. A questão do Tibete que foi anexado à força pela China em A civilização indiana que caracteriza-se por seguir majoritariamente o Hinduísmo (80%) que serve como ponto de coesão para a diversidade cultural, religiosa e étnica do país. Possui uma minoria muçulmana que está entre uma das maiores aglomerações islâmicas do mundo. Deve ultrapassar a China e tornar-se a maior população do mundo nas próximas décadas (2040). Possui sistema de castas (4 originais – 3000 divisões – e 25 mil subcastas). Classe média 100 milhões e maior parte da população é pobre.. As políticas de segurança energética. Os países consumidores tem optado por diversificar os países fornecedores, desenvolver fontes alternativas e melhorar a eficiência no uso de energias para reduzir a dependência em relação aos países exportadores de hidrocarbonetos. Os hidrocarbonetos (petróleo -40% do consumo-, gás natural e carvão mineral) representam juntos 80% da matriz energética mundial apesar dos conflitos das áreas produtoras e dos impactos ambientais dessas fontes não- renováveis de energia. Maiores exportadores: Golfo Pérsico, Rússia e Cáucaso além de latino-americanos como Venezuela e México. Maiores importadores EUA, UE e Japão.

7 . A evolução da população mundial. A Ásia continuará a ter maioria da população mundial (60% para 57%) em A população africana será igual a soma da europeia e americana.. No final do século XXI as maiores populações do mundo (60%) eram: * China (1,3 bilhões), Índia (1,1 bilhões), EUA (300 milhões), Indonésia (230 milhões), Brasil (190 milhões), Paquistão (160 milhões), Bangladesh (150 milhões), Rússia (140 milhões), Nigéria (140 milhões) e Japão (120 milhões).. Em 2050 as maiores populações do mundo serão Índia (1,6 bilhões), China (1,4 bilhões), EUA (400 milhões), Indonésia (300 milhões), Paquistão (290 milhões), Nigéria (290 milhões), Bangladesh (260 milhões), Brasil (250 milhões), RDC (190 milhões) e Etiópia (180 milhões).. Política antinatalistas e superação da transição demográfica explicam a queda de população em alguns países, enquanto a liberdade de ter filhos, o subdesenvolvimento ou a recepção de imigrantes explicam o crescimento populacional de outros.

8 Geopolíticas da água:. A água doce do planeta representa uma parcela pequena, 2,5%, da existente na Terra, e ela é finita caso hajam mudanças no ciclo hidrológico, excesso de consumo ou poluição.. 1/5 da humanidade não tem acesso a água de boa qualidade para o consumo e metade dos habitantes do planeta não tem uma rede de abastecimento satisfatória.. A distribuição irregular da água doce pelo planeta gera situações hidroconflitivas.. Das 260 bacias hidrográficas consideradas internacionais 75% possuem dois países que as dividem e o restante de três para mais.. A dependência por água é um índice que permite avaliar a parcela de água renovável de um país vinda de fora de seu território. Os países a juzante têm maior dependência por água.. Países com menor dependência por água: China (1%), Rússia (4%) e EUA( 8%).. Países com maior dependência por água: Brasil (37%), Egito (97%) e Hungria (94%).. As tensões hidroconflitivas no vale do rio Níger agravam conflitos internos de ordem política e étnica. É o caso do Mali e do Níger onde grupos negros defendem suas terras úmidas que são disputadas por pastores nômades islâmicos em época de secas.

9 . Na Mesopotâmia a Turquia controla as nascentes dos rios Tigre e Eufrates o que a coloca em uma situação privilegiada. Sendo assim as barragens e projetos de irrigação turcos diminuem a oferta de água para a Síria e o Iraque que ficam a juzante dos rios Tigre e Eufrates, respectivamente. O Projeto Grande Anatólia da Turquia ( ) é uma das maiores fontes de tensões entorno dessas duas bacias hidrográficas.. A disputa hidroconflitiva pelo rio Colorado entre os Estados Unidos e o México. O rio Colorado e seus afluentes fornecem água para o desenvolvimento econômico de terras áridas e semi-áridas dos estados à oeste dos Estados Unidos (Califórnia, Nevada,Novo México, Wyoming, Colorado, Utah e Arizona). As cidades abastecidas pela bacia do Colorado mais as atendidas por canais e aquedutos passaram a disputar suas águas e além disso o México também queixou-se que o volume de águas desses rios para seu território estava sendo reduzido. Houve um acordo de partilha da água para tentar lidar com o problema.. A importância da hidrovia formada pelos Grandes Lagos e Rio São Lourenço, com acesso ao oceano Atlântico, para as economias dos Estados Unidos e Canadá.. O separatismo no Canadá. Quebec 25% da população e 15% do território.. No Indostão a disputa por água se dá entre a Índia (34% dp), Paquistão (76% dp- rio Indo) e Bangladesh (91%- curso inferior do Ganges e do Bramaputra). Na década de 1960 o Banco Mundial mediou um plano de partilha das águas do rio Indo determinando que os afluentes da margem direita fiquem sob controle da Índia e o restante do Paquistão. Outro acordo garantiu a Bangladesh uma quantidade mínima de água do Ganges durante o período mais crítico da monção de inverno.

10 . O Lago Chade, localizado na África (Níger, Chade, Nigéria e Camarões) está secando devido a exploração predatória de suas águas em uma área onde a população mais que dobrou, nos últimos 50 anos, e o consumo de água para atendê-la através da irrigação quadruplicou, nos últimos 25 anos. Entre secas levaram a redução de 30% das águas do lago. Entre o uso predatório reduziu 50% em relação a área original. Em mil Km² de área que foi reduzida para 4 mil Km² em 2001 e 1,5 mil Km² atualmente. Existem projetos de transposição e gestão das águas do lago para evitar que ele seque.

11 Pelos caminhos do mundo. O autor relata algumas viagens que fez pelo mundo.. Na Croácia conheceu a terra natal de seus pais e faz um relato de sua importância histórica e da recente guerra pela independência em relação a Iugoslávia na década de A cidade de Istambul, na Turquia, é a mais populosa da Europa, a única do mundo cujo sítio urbano fica em dois continentes e abriga o importante Estreito de Bósforo que liga o mar Negro ao mar de Mármara e desse dá acesso ao mar Mediterrâneo.. Apesar de 95% da população turca ser islâmica ela é a mais influenciada pelo ocidente no mundo muçulmano. Grande parte dessa influência deveu-se a liderança e reformas de Mustafá Kemal Ataturk.. A Argentina e a Inglaterra disputam as ilhas Malvinas no Atlântico Sul. Em 1982 houve uma guerra entre os dois países por esse motivo. As ilhas ficam a 500 Km da costa da Argentina e só tem na capital um pequeno núcleo urbano. A economia se baseia na criação de ovelhas, pesca e turismo.. A história do Apartheid está diretamente relacionada a história de colonização da África do Sul.. Características históricas, sociais e naturais da Noruega.

12 Aquarelas brasileiras. O autor relata como que a existência de relevo de elevada altitude no norte (S. da Cantareira) e sul (S. do Mar) determinaram o modo vertical de ocupação do sítio urbano de São Paulo bem como problemas como ilhas de calor, concentração de poluentes e inversão térmica.. Entre os impactos ambientais mais relevantes do Sudeste são destacados: *destruição da vegetação natural. *poluição sonora, do ar, da água, do solo além de efeito estufa e chuvas ácidas. *em Minas Gerais destaca-se a poluição causada por atividades ligadas à mineração. *de Ribeirão Preto ao Triângulo Mineiro destaca-se a poluição provocada pela agroindústria, sobretudo sucroalcoleira.. A ação da Sudene foi muito importante para promover um maior desenvolvimento da região Nordeste. Graças a ela foi desenvolvida uma indústria de bens intermediários, instalados projetos de irrigação no Sertão e feitos investimentos em infra-estruturas como as viárias e energéticas. Na década de 1990 foram realizados investimentos na indústria de bens duráveis, turismo e produção de frutas no semi-árido. Apesar disso é preciso dizer que esse desenvolvimento foi seletivo, manteve convivência do a estrutura oligárquica e com as injustiças sociais.. A evolução da economia globalizada e sua influência sobre o Nordeste levou a uma nova subdivisão dessa região:

13 *Litoral-Mata: Abrange a região litorânea. Possui quase metade da população e 2/3 do PIB nordestino. Tem as maiores concentrações urbano-industriais. *Pré-Amazônia: Corresponde ao oeste do Maranhão. Tem 6% da população e 3% do PIB. Há possibilidades de melhoria através do cultivo de grãos, frutas e manutenção de pastagens. *Parnaíba: Abrange parte do Maranhão e Piauí: 4,% da população e 3% do PIB. Teresina principal aglomeração urbano-industrial. *Sertão Setentrional: Não tem áreas no Maranhão, Bahia e Sergipe. Segunda mais populosa e segundo maior PIB (8,3%). Destaca-se a indústria de calçados e agropecuária. *Sertão Meridional: Compreende Bahia e Sergipe. 6% da população e 3% do PIB. *São Francisco: 4% da população e 3,6% do PIB. Fruticultura irrigada e uma das regiões de desenvolvimento econômico mais acelerado recentemente. *Agreste Oriental: Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco e Alagoas. Terceira mais populosa e 5% do PIB. Indústrias têxteis e de calçados. *Agreste Meridional: Sergipe e Bahia. 8% da população e 5,7% do PIB. *Cerrado: Bahia, Maranhão e Piauí. Menos populosa e menor PIB (2,8%). Apresenta o desenvolvimento mais acelerado recentemente. Investimentos na agropecuária por influência de investidores do Sul e Sudeste.

14 . A região Norte do Brasil representa 45,3% do território do país, 5% do PIB e 8% da população. Apesar disso é a que mais vem crescendo em população e economia. Para estudá-la o IBGE e o IPEA estabeleceram uma divisão em 25 Aps. Dessas Manaus e Bélem concentram 70% da população e 2/3 do PIB regional.. Estudos concluíram que a ocupação e valorização do Norte deve ser seletiva e descontínua por questões ambientais e culturais a serem preservadas. Propõe o uso sustentável dos recursos econômicos e o incentivo ao ecoturismo.

15 . Uma nova hierarquia das cidades brasileiras foi estabelecida pelo IBGE. Nela se destacam as metrópoles nacionais (SP-73% das sedes das empresas das quinhentas maiores empresas, RJ, 23%- e Brasília). Também existem as metrópoles, capitais regionais, centros sub-regionais, centros de zonas e sedes de municípios.

16 . O Centro-Oeste é um importante dispersor de águas no Brasil. Nele nascem rios da bacia Amazônica, do Paraná, do Paraguai e Tocantins-Araguaia. Além da importância natural ainda favorece atividades econômicas, entre elas a navegação que pode ser melhorada por causa do fenômeno das águas emendadas.. O Atlântico Sul é uma importante rota de navegação onde circulam pessoas e mercadorias. A expansão da presença soviética no Atlântico Sul (Angola, Cuba, Nicarágua) inseriu-o no contexto da Guerra Fria. Os Estados Unidos então propõe tratados de defesa contra a expansão soviética, como é o caso do TIAR. Um tratado nos moldes da OTAN para o Atlântico Sul foi recusado por Brasil e Argentina porque não aceitavam o regime do Apartheid na África do Sul.. O Plano Estratégico de Defesa Nacional tem como eixos à reorganização das forças armadas e sua maior atuação nas áreas de fronteira (núcleo do exército em Brasília, marinha atuante nas bacias hidrográficas e no litoral); a reorganização da indústria nacional de material bélico (redução tributária e compras do governo); composição das forças militares e de defesa (seleção do contingente e áreas de atuação).. Desigualdades sociais no Brasil (10% mais ricos é vinte vezes mais que a média dos 40% mais pobres; o total de renda dos 50% mais pobres é inferior ao total de renda do 1% mais rico).. Desigualdades regionais (Sul e Sudeste= 57% da população nacional e 3/4 do PIB – de 2290 municípios de maior pobreza 72,1% localizam-se na região Nordeste

17 O extremo oriente na visão de Hollywood. O Último Samurai.. 55 Dias em Pequim (Revolta do Boxers na China – visão colonialista). A ficção de Frederick Forsyth. O dia do Chacal (tentativa de assassinato de Charles De Gaulle).. O punho de Deus (Guerra do Golfo).. Ícone (problemas da Rússia pós-soviética).. O vingador (ponte entre guerras da Bósnia e do Vietnã).. O afegão (evitar atentado de terroristas da Al Qaeda). Hollywood na África. Cães de guerra, livro de Frederick Forsyth que virou filme. Trata de ação de empresas e governos estrangeiros na África financiando mercenários e governos a favor de seus interesses.. Senhor das Armas (ucraniano – americano vende armas soviéticas na zonas de conflito na África).. Diamantes de Sangue No coração das trevas, o apocalipse. Livro O coração das trevas deu origem ao filme Apocalipse now. Tragédias Balcânicas. Diário de Zlata – a vida de uma menina na guerra.. Filmes Underground – mentiras de guerra (história desde a invasão nazista até a desintegração).. Terra de ninguém

18 Histórias da Rússia. Livros sobre a Rússia como Ícone e filmes como O pacificador (questão da segurança do armamento nuclear russo). Dramas afegãos. O caçador de pipas, livro e filme (história do Afeganistão de 1978 até o início do século XXI).. Livro A cidade do Sol (condição das mulheres no Afeganistão).. O afegão, livro de questões geopolíticas sobre agente dos EUA que se infiltra na Al Qaeda no Afeganistão. Pró-ocidental.


Carregar ppt "Olic, Nelson Bacic. Mundo contemporâneo. 1ª edição. São Paulo : Moderna, 2010. - O livro é uma coletânea de mais de 150 artigos que o autor produziu e."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google