A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Diálogo de Platão “o banquete” fala sobre o que? Diálogo de Platão “o banquete” fala sobre o que? Eros. Eros.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Diálogo de Platão “o banquete” fala sobre o que? Diálogo de Platão “o banquete” fala sobre o que? Eros. Eros."— Transcrição da apresentação:

1

2

3

4

5

6 Diálogo de Platão “o banquete” fala sobre o que? Diálogo de Platão “o banquete” fala sobre o que? Eros. Eros.

7 Tão importante quanto a inteligência e a sabedoria. Tão importante quanto a inteligência e a sabedoria. Deve ser correspondido, por isso verdade. Deve ser correspondido, por isso verdade. Fala de homossexualismo e bissexualismo. Fala de homossexualismo e bissexualismo. Explicação natural? Explicação natural?

8 Grande parte de sua obra foi em homenagem ao mestre Sócrates. Grande parte de sua obra foi em homenagem ao mestre Sócrates.

9 Chegou a ser vendido como escravo. Chegou a ser vendido como escravo. Filósofos o compraram e o mandaram de volta para a Grécia. Filósofos o compraram e o mandaram de volta para a Grécia. Em 387 funda a escola. Em 387 funda a escola.

10 “Após a morte se Sócrates, Platão ( a.C.) continua a Filosofia no quintal dos fundos de sua casa afastada. Ao fundar a academia, Platão resolve dois problemas de uma só vez: afasta a Filosofia do cotidiano egoísta e interesseiro dos homens e protege a ciência do conhecimento do afrontamento direto com as novas classes atenienses”. “Após a morte se Sócrates, Platão ( a.C.) continua a Filosofia no quintal dos fundos de sua casa afastada. Ao fundar a academia, Platão resolve dois problemas de uma só vez: afasta a Filosofia do cotidiano egoísta e interesseiro dos homens e protege a ciência do conhecimento do afrontamento direto com as novas classes atenienses”.

11 Principais diálogos: Apologia de Sócrates. Apologia de Sócrates.

12 Críton (trata sobre justiça). Críton (trata sobre justiça).

13 Fédon: (morte de seu mestre e imortalidade). Fédon: (morte de seu mestre e imortalidade). Alma para Platão: preexistente e subsistente. Alma para Platão: preexistente e subsistente. Três partes: Logística (razão); Irascível (paixões) e Apetecível (vícios). Três partes: Logística (razão); Irascível (paixões) e Apetecível (vícios).

14 Alma é julgada pelos atos enquanto encarnada. Alma é julgada pelos atos enquanto encarnada. Vai para um purgatório. Vai para um purgatório. Reencarna. Reencarna. Mito do esquecimento. Mito do esquecimento.

15 “É neste sentido que reside grande parte da riqueza da filosofia platônica: a alma materializada no novo ser precisa a cada momento começar do zero na sua busca terra pelo domínio da razão sobre as paixões e vícios que concorrem duplamente para a falta de ética, para o desvirtuamento do comportamento decente”. “É neste sentido que reside grande parte da riqueza da filosofia platônica: a alma materializada no novo ser precisa a cada momento começar do zero na sua busca terra pelo domínio da razão sobre as paixões e vícios que concorrem duplamente para a falta de ética, para o desvirtuamento do comportamento decente”.

16 Então, como alcançar a justiça? Então, como alcançar a justiça? Sendo ético. Sendo ético. Comportamento exigido pela coletividade. Comportamento exigido pela coletividade.

17 O banquete (amor). O banquete (amor).

18 Crátilo (natureza dos nomes). Crátilo (natureza dos nomes).

19 República: centra diversos temas na justiça. República: centra diversos temas na justiça.

20 Leis: (política e jurídica). Leis: (política e jurídica).

21


Carregar ppt "Diálogo de Platão “o banquete” fala sobre o que? Diálogo de Platão “o banquete” fala sobre o que? Eros. Eros."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google