A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Compositor colaborativo on-line.  Usuários e Público-Alvo  Cenário atual, Escopo, Cenário com o Maestro  Gerenciamento  Andamento  Planejamento 

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Compositor colaborativo on-line.  Usuários e Público-Alvo  Cenário atual, Escopo, Cenário com o Maestro  Gerenciamento  Andamento  Planejamento "— Transcrição da apresentação:

1 Compositor colaborativo on-line

2  Usuários e Público-Alvo  Cenário atual, Escopo, Cenário com o Maestro  Gerenciamento  Andamento  Planejamento  Elaboração  Primeira iteração  Arquitetura  Desenvolvimento  Dificuldades encontradas  Plano para a próxima iteração

3

4

5

6

7  Conhecimento médio de Teoria musical Conhecimento teórico

8  Conhecimento médio de Teoria musical  Faixa etária: 16 a 30 anos

9  Conhecimento médio de Teoria musical  Faixa etária: 16 a 30 anos  Compõem em conjunto

10  Conhecimento médio de Teoria musical  Faixa etária: 16 a 30 anos  Compõem em conjunto  Têm acesso à internet ( em casa, lan house ou na faculdade )

11  Conhecimento médio de Teoria musical  Faixa etária: 16 a 30 anos  Compõem em conjunto  Têm acesso à internet ( em casa, lan house ou na faculdade )  Já usam softwares sem colaboração web

12  Uma banda de Heavy metal  Integrantes Roberto(baixo) Luís(guitarra) Leandro(bateria) Elcimar(vocal) Arthur(guitarra)

13  Desktop  Armazena informações em um Arquivo.gp  Edição avançada de partituras e tablaturas  Suporte a vários canais por música  Execução da música em MIDI

14  Guitar Pro => “song.gp”  Compartilhamento: por e-mail Focaremos nas dificuldades desse tipo de colaboração “Song.gp”

15 Luís Roberto ElcimarLeandro Arthur ? !!!!!

16

17 Luís Roberto ElcimarLeandro Arthur

18

19  Composição musical

20  Na Web

21  Composição musical  Na Web  Colaborativa

22  Composição musical  Na Web  Colaborativa  Em tempo real

23  Composição musical  Na Web  Colaborativa  Em tempo real  Documento de Requisitos em: www.cin.ufpe.br/~lumniswww.cin.ufpe.br/~lumnis

24 Luís Roberto ElcimarLeandro Arthur

25 Luís Arthur Melhor assim, olha! Ah... Verdade! Vê assim agora! ArthurLuís

26 Roberto ElcimarLeandro Arthur Lanhouse Música pronta rapidamente! E contando com a participação de todos.

27  Horários no CIn por semana

28  Avaliação 360º  Determinação  Trabalhar Em Equipe  Entusiasmo  Disponibilidade / Disposição  Proatividade

29

30

31 TarefaPrazo inicialNovo prazoSemáforoResponsável Escopo15 de março-  Design int. usuário Cronograma15 de março-Gerente Riscos15 de março-Arquiteto Plano de Equipe 15 de março-Gerente Plano de Projeto 15 de março-Arquiteto  9 de março a 15 de março

32

33 TarefaPrazo inicialNovo prazoSemáforoResponsável Definir requisitos 19 de março20 de março  Design int. usuário Definir arquitetura 22 de março29 de marçoArquiteto Definir tecnologia 22 de março27 de marçoGerente e arquiteto Treinamento da equipe 22 de março-Arquiteto e Designer  17 de março a 22 de março Motivo: Arquiteto não teve tempo de sozinho entender o projeto como um todo para projetar a arquitetura. Plano de Mitigação: o gerente, o designer e um desenvolvedor foram alocados para ajudá-lo. Motivo: Arquiteto não teve tempo de sozinho entender o projeto como um todo para projetar a arquitetura. Plano de Mitigação: o gerente, o designer e um desenvolvedor foram alocados para ajudá-lo. Motivo: Dificuldade em escolher a melhor tecnologia gráfica para a representação de partituras, requisito crítico do projeto. Plano de Mitigação: todo o grupo foi alocado emergencialmente para testar Applets, Ajax, Flash/Flex e JavaFX Motivo: Dificuldade em escolher a melhor tecnologia gráfica para a representação de partituras, requisito crítico do projeto. Plano de Mitigação: todo o grupo foi alocado emergencialmente para testar Applets, Ajax, Flash/Flex e JavaFX

34

35 TarefaPrazo inicialNovo prazoSemáforoResponsável Definir arquitetura 29 de março-Arquiteto Definir tecnologia 27 de março-Gerente e arquiteto  23 de março a 5 de abril Tarefas remanescentes da elaboração Problema da interface Applets : Simplório Ajax : Complicado JavaFX : Suporte fracoFlash/Flex Problema da interface Applets : Simplório Ajax : Complicado JavaFX : Suporte fraco Flash/Flex

36 TarefaPrazo inicialNovo prazoSemáforoResponsável Definir arquitetura 29 de março-Arquiteto Definir tecnologia 27 de março-Gerente e arquiteto  23 de março a 5 de abril Tarefas remanescentes da elaboração Tecnologias Adotadas  Interface Gráfica: Flex  Representação Musical: MusicXML  Representa partituras  Conversível para MIDI  Banco de dados: MySQL com JDBC  Gratuito, conhecido pela equipe  Servidor: Java e Servlets  Compatível com Flex

37  23 de março a 5 de abril TarefaPrazo inicialNovo prazoSemáforoResponsável Planejar a iteração 23 de março-  Gerente Elaborar protótipo 25 de março7 de abrilDesigner e Designer Int. Us. Redefinir arquitetura 29 de março-Arquiteto Desenvol- vimento 5 de abrilPróxima iteração Desenvolvedores Testes5 de abril-Desenvolvedores Avaliar iteração 5 de abril-Gerente Motivo: Fizemos um prótotipo visual, mas tivemos uma idéia para deixar a interface mais limpa com menos botões e ainda não fizemos o protótipo novo. Plano de Mitigação: explicamos a nova idéia em reunião Motivo: Fizemos um prótotipo visual, mas tivemos uma idéia para deixar a interface mais limpa com menos botões e ainda não fizemos o protótipo novo. Plano de Mitigação: explicamos a nova idéia em reunião Andamento: 28 % Motivo: Dificuldades na comunicação do cliente Flex com o servidor Servlet. Vários requisitos estão só dependendo disso. Plano de Mitigação: três desenvolvedores que finalizaram seus módulos serão realocados Andamento: 28 % Motivo: Dificuldades na comunicação do cliente Flex com o servidor Servlet. Vários requisitos estão só dependendo disso. Plano de Mitigação: três desenvolvedores que finalizaram seus módulos serão realocados

38 Visão 4 + 1 (Philippe Kruchten) Visão de Processos Visão de Implantação Visão de Implementação Visão Lógica Visão de Casos de Uso

39

40 Visão 4 + 1 (Philippe Kruchten) Visão de Processos Visão de Implantação Visão de Implementação Visão Lógica Visão de Casos de Uso

41 Padrão Arquitetural Layers GUIServiços Classes UtilitáriasPersistência

42 Padrões de Projeto utilizados:  MVC – Camada de apresentação  Singleton – Camada de serviços  Command – Camada de classes utilitárias

43 MVC

44 Visão 4 + 1 (Philippe Kruchten) Visão de Processos Visão de Implantação Visão de Implementação Visão Lógica Visão de Casos de Uso

45

46 Visão 4 + 1 (Philippe Kruchten) Visão de Processos Visão de Implantação Visão de Implementação Visão Lógica Visão de Casos de Uso

47 Diagrama de Atividades

48  Criar/Abrir/Editar partitura na web  Funciona parcialmente no cliente, sem persistência  Estruturado no servidor, falta a comunicação  Partitura  Funciona parcialmente no cliente, sem persistência  Estruturado no servidor, falta a comunicação  Execução em MIDI  BD => MusicXML => MIDI concluído  O cliente consegue MIDI gerando MusicXML, mas Flex não toca  BD e representação de dados  BD armazena dados compatíveis com MIDI  http://www.cin.ufpe.br/~lumnis/iteracao1 http://www.cin.ufpe.br/~lumnis/iteracao1

49  Teoria musical envolvida  Os integrantes tiveram que aprender rápido  Manipulação de MusicXML  Aprendizado de nova tecnologia  Flex  Configuração do ambiente  IDEs, variáveis, SDKs

50  Devemos continuar com JDBC no banco de dados?  Hibernate seria mais fácil?  Alguma outra tecnologia daria maior suporte à colaboração e a edições concorrentes?  Compatibilidade de dados Cliente x Servidor  Flex e Servidor Java  Comunicação  MIDI

51  6 de abril a 14 de abril TarefaInícioPrazoResponsável Planejar a iteração 4 de abril5 de abrilGerente Elaborar protótipo 6 de abril7 de abrilDesigner e Designer Int. Us. Redefinir arquitetura 6 de abril8 de abrilArquiteto Desenvolvimento6 de abril14 de abrilDesenvolvedores Testes11 de abril14 de abrilDesenvolvedores Avaliar iteração11 de abril14 de abrilGerente

52  Requisitos não implementados da Iteração 1  Múltiplos Canais  Partitura:  Armadura, alteração de fórmulas, pausas  Copiar/recortar/colar compassos (desejável)  Representar os dados do BD graficamente  Precisa da conexão cliente - servidor.  Suporte à colaboração  Edição concorrente

53

54


Carregar ppt "Compositor colaborativo on-line.  Usuários e Público-Alvo  Cenário atual, Escopo, Cenário com o Maestro  Gerenciamento  Andamento  Planejamento "

Apresentações semelhantes


Anúncios Google