A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Equipe Multiprofissional das clínicas CENTRO INTEGRADO DE NEFROLOGIA - HOME DIALYSIS CENTER - RENALCLASS Setembro BATE PAPO Diálise Peritoneal.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Equipe Multiprofissional das clínicas CENTRO INTEGRADO DE NEFROLOGIA - HOME DIALYSIS CENTER - RENALCLASS Setembro BATE PAPO Diálise Peritoneal."— Transcrição da apresentação:

1 Equipe Multiprofissional das clínicas CENTRO INTEGRADO DE NEFROLOGIA - HOME DIALYSIS CENTER - RENALCLASS Setembro BATE PAPO Diálise Peritoneal

2 Tipos de Diálise Peritoneal Diálise Peritoneal Ambulatorial Contínua (CAPD). Diálise Peritoneal Automática (DPA). Diálise Peritoneal Intermitente (DPI).

3 Por meio de uma pequena cirurgia, um cateter é implantado no abdômen. Esse cateter permite que a solução de diálise entre e saia da cavidade peritoneal. O cateter é um tubo flexível biocompatível, permanente e indolor. Acesso Peritoneal

4 Por que CAPD? A diálise peritoneal ambulatorial contínua ou CAPD (iniciais das palavras em inglês) é uma modalidade de filtração das toxinas sanguíneas que utiliza a membrana peritoneal (no abdômen) como depurador do sangue.

5 Diálise Peritoneal Modelo de tratamento que substitui algumas funções dos rins. Usa o revestimento do abdômen para filtrar o sangue. Esse revestimento é chamado de membrana peritoneal. Tratamento dialítico - CAPD Cateter 1. Infunde 2. Drena

6 É o tipo de diálise peritoneal mais comum; Não precisa de máquina; Com a CAPD, o sangue é limpo de forma contínua pelo cateter; O dialisato passa de uma bolsa de plástico para seu abdômen. Dialisato – solução de diálise (líquido que se encontra nas bolsas plásticas) Diálise Peritoneal Ambulatorial Contínua (CAPD)

7 O sistema de troca de bolsas de CAPD utiliza um equipo em Y, conectado a 2 bolsas plásticas, uma vazia e outra contendo a solução de diálise. A bolsa cheia contendo a solução de diálise é infundida e a bolsa vazia é usada para drenar a solução antiga que estava na cavidade peritoneal. A prescrição de CAPD varia de acordo com o peso, a altura e resultado do PET de cada paciente. Normalmente, são realizadas 4 trocas de bolsas diariamente. Diálise Peritoneal Ambulatorial Contínua (CAPD)

8 O procedimento de troca leva aproximadamente 30 minutos No período de permanência da solução dentro do abdômen, aproximadamente horas, a membrana peritoneal em contato com a solução de diálise atua como um filtro para o sangue Durante o período em que o paciente fica com o líquido infundido no abdômen ele esta livre das bolsas, mantendo um pequeno equipo de transferência fechado, fixado e escondido em baixo da roupa. Diálise Peritoneal Ambulatorial Contínua (CAPD)

9 Diálise Peritoneal Automática (DPA) Essa diálise também é realizada através do peritônio. Consiste no uso de: Membrana peritoneal; Cateter flexível; Bolsas plásticas contendo solução de diálise peritoneal; Máquina cicladora. A DPA permite a realização da diálise no seu domicílio em todo o território nacional.

10 Diálise Peritoneal Automática (DPA) No procedimento de DPA todas as bolsas de solução que serão utilizadas na terapia são conectadas ao sistema. A cicladora controla automaticamente a infusão, a permanência e a drenagem da solução (etapas de um ciclo). Normalmente o volume de infusão da solução, por ciclo, para um paciente adulto é em torno de 2 litros. O volume total utilizado varia de 8 a 16 litros que podem ser infundidos de 8 a 12 horas durante à noite.

11 Preserva a função renal residual por mais tempo, promovendo uma melhor qualidade de vida, e remoção eficiente das substâncias tóxicas e dos líquidos. Diálise mais lenta e estável, promovendo maior estabilidade cardíaca, maior controle da anemia e da pressão arterial Maior liberdade e independência Flexibilidade de horários para realizar a diálise Menor necessidade de deslocamento para comparecer ao hospital ou à clínica de diálise para consultas mensais e exames laboratoriais Possibilidade de retorno das atividades profissionais, escolares e do lar, bem como de lazer (ir à praia, andar de bicicleta, jogar bola etc.) Maior convívio social e familiar devido ao tratamento domiciliar Maior possibilidade de desenvolvimento e crescimento físico nas crianças Via de acesso permanente e indolor devido à flexibilidade do cateter peritoneal Maior liberdade para passeios e viagens longas Benefícios da Diálise Peritoneal Contínua Domiciliar vs HD

12 Risco de infecção peritoneal (peritonite) devido a alterações no procedimento da técnica de troca de bolsas e/ou cuidados precários com o cateter No caso de limitações motoras e visuais do paciente: dependência de familiares ou outras pessoas para a realização das trocas Possibilidade de ganho de peso Necessidade de ambiente adequado para o procedimento Intercorrências e Limitações da Diálise Peritoneal - DPAC e DPA

13 Cuidados no Domicílio (CAPD e DPA) O domicílio deve ter: Alvenaria; Acabamento adequado (não pode ser somente no cimento); Piso frio, liso e lavável; Saneamento; Banheiro dentro da casa e próximo ao quarto de procedimento; Condições de higiene adequadas; Local de armazenamento dos materiais adequados; Controle do acesso de animais no local do procedimento.

14 Jamais esqueça que o sucesso da terapia depende de você.

15 Obrigada! CINE – Centro Integrado de Nefrologia Av. Estilac Leal, 242 Vila das Palmeiras - Guarulhos Tel.: (11) HDC – Home Dialysis Center R. Dr. Luiz Carlos, 747 Penha - São Paulo Tel: (11) RenalClass R. Mato Grosso, 306 – salas 301 a 310 Higienópolis – São Paulo Tel.: (11)


Carregar ppt "Equipe Multiprofissional das clínicas CENTRO INTEGRADO DE NEFROLOGIA - HOME DIALYSIS CENTER - RENALCLASS Setembro BATE PAPO Diálise Peritoneal."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google