A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

ESCOVAÇÃO. HIGIENE BUCAL /ESCOVAÇÃO. “Manter a Higiene Bucal é fundamental não só para os dentes e a boca, mas para o corpo todo.” Basta criar uma rotina.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "ESCOVAÇÃO. HIGIENE BUCAL /ESCOVAÇÃO. “Manter a Higiene Bucal é fundamental não só para os dentes e a boca, mas para o corpo todo.” Basta criar uma rotina."— Transcrição da apresentação:

1 ESCOVAÇÃO

2 HIGIENE BUCAL /ESCOVAÇÃO. “Manter a Higiene Bucal é fundamental não só para os dentes e a boca, mas para o corpo todo.” Basta criar uma rotina e fica tão simples quanto realizar as outras atividades diárias como, por exemplo, comer, lavar as mãos, etc. Explicando melhor, criar uma rotina de Higiene Bucal significa desenvolver ações simples para manter a boca e os dentes limpos e saudáveis. Faz parte da Higiene Bucal: escovar os dentes, passar o fio dental, usar elixir bucal e, é claro, consultar o dentista frequentemente para verificar se não há nenhum problema que só o dentista possa resolver.

3 É muito importante cuidar da Higiene Bucal desde o nascimento da criança. No recém-nascido a limpeza deve ser feita com uma gaze ou fralda umedecida, em agua limpa, para remover os resíduos do leite. Isso favorecerá a gengiva a crescer saudável e preparada para a primeira dentição. À medida que a criança vai crescendo, os procedimentos mudam e por isso é tão fundamental que os pais consultem o dentista, para agirem de forma correta em cada etapa do desenvolvimento da criança. Os pais devem sempre acompanhar as escovações da criança, incentivando para que eles aprendam a manusear a escova de maneira correta, entregar a escova para a criança ir apendendo é uma ótima tática, mas cuidado, a criança não tem destreza motora e nem entende oque é uma escovação eficiente. A escovação propriamente dita deve sempre ser efetuada pelos pais. Mais tarde quando ela mesma souber fazer sua Higiene Bucal os pais ainda devem supervisionar a escovação.

4 Outro item importante é utilizar escovas próprias para a idade da criança, com desenhos divertidos e coloridos, para que desperte a curiosidade da criança, incentivando-a escovação diária. Cremes dentais indicados para o uso infantil também podem ser facilitadores, visto que os cremes dentais em geral não são agradáveis ao paladar das crianças. O Flúor encontrado nas pastas de dente e na agua é, nas concentrações adequadas e um fator que contribui para a diminuição das cáries. Porem sua ingestão em excesso causa Fluorose, ou seja, manchas nos dentes que vão de leves a severos os casos, dependendo da dose ingerida.

5 Em fim, sabemos que algumas crianças tendem a tornar esse momento do dia complicado, podendo recusar-se a escovar os dentes, porem a insistência por parte dos pais é sempre benéfica. O choro se houver será passageiro, mas o bem que com certeza estará fazendo ao seu filho-este sim, além de valioso, será duradouro.

6 Ter uma alimentação balanceada, também faz bem para os dentes. Excesso de alimentos com açúcar e gorduras é considerado Cardiogênico, ou seja, provocam cáries e devem ser evitados. Ao contrario existem os alimentos Não-cardiogênicos, que são aqueles que agem como detergentes, facilitando a Higiene Bucal, como por exemplo: legumes, verduras, frutas, leite, cereais, etc.

7 A Cárie. A cárie é a proliferação de bactérias na boca que acabam afetando os dentes. Esse problema só ocorre pela associação de dois fatores: excesso de alimentos que prejudicam os dentes e falta de higiene bucal. Assim, se a pessoa esta acostumada a comer alimentos que contem muito açúcar, por exemplo, e ficar sem escovar os dentes, os restos desses alimentos servirá para que as bactérias, naturalmente em pequeno numero, na boca, sem nos prejudicar, se reproduzam mais facilmente e acabem atacando, também, nossos dentes. É importante saber que a cárie é uma doença transmissível. O nome da bactéria que causa a cárie é Streptococcus mutans e pode ser transmitida de varias maneiras, entre elas, ao assoprar um alimento ou experimentar a comida com o talher que será usado por outra pessoa. Assim, prestar a atenção a estes fatores é fundamental, também para prevenir a contaminação.

8 DUVIDAS SOBRE OS PRIMEIROS DENTES DE LEITE. P. Quando que aparecem os primeiros dentinhos (chamados dentes de leite)? R. Isso varia muito de criança para criança, mas mais ou menos dos 6 meses a 1 ano de idade. Quando a criança completar 3 anos, ela terá a boca cheia de dentes com um total de 20 dentes, 10 em cima e 10 embaixo. P. Quando que deverá acontecer a primeira escovação da criança? R. Desde o primeiro dia de vida do bebe os pais devem higienizar a boca da criança com uma fraldinha mesmo que ela não possua dentes. Mas a escovação com escova de dente deve ser iniciada após o primeiro dentinho. P. Quando que começa a perder os dentes de leite? R. Os dentes de leite só vão cair quando os permanentes estiverem prontos para irromper, por volta dos 6 anos de idade. P. Até que idade deve estar concluída a troca de dentes de leite por dentes permanentes? R. O inicio é por volta dos 6 anos e o termino aos 12 anos. Com exceção do 3° molar permanente que irá aparecer na boca por volta dos 18 anos.

9 Cuidados com a escova de dente. A escova de dente requer cuidados especiais, como lavar as mãos antes da escovação. O melhor local para guardar a escova de dente é dentro do armário, longe das bactérias e insetos que podem circular por um banheiro. Após o uso, deve-se lavar bem a escova e eliminar o excesso de água com uma pequena batida no canto da pia, pois enxuga-la na toalha não é adequado. Os fabricantes e dentistas recomendam trocar de escova a cada dois ou três meses, ou quando as cerdas estiverem deformadas ou gastas. É muito importante trocar de escova depois de uma gripe ou resfriado para diminuir o risco de nova infecção por meio dos germes que aderem na cerda.

10 11 PASSOS DE ESCOVAÇÃO IDEAL. “A escovação ajuda a remover a placa das superfícies interiores, exteriores e de mastigação dos dentes. A utilização do fio dental ajuda a remover a placa e os resíduos fixados entre os dentes, especialmente em áreas de difícil acesso.” 1°) Comece sua higiene bucal fazendo bochechos com agua e, em seguida, limpe os espaços entre os dentes com o fio dental; 2°) Segure a escova de modo que ela fique em um ângulo de 45 graus em relação aos dentes. Escove bem a região de junção entre a gengiva e os dentes, onde se concentram muitos resíduos; 3°) Faça movimentos circulares, percorrendo todo o dente até encontrar suavemente a gengiva; 4°) Escove um dente de cada vez – Isso mesmo! 5°) Comece limpando a parte de fora dos dentes superiores e depois inferiores;

11 6°) Escove as superfícies internas (a parte que fica voltada para a língua) de todos os dentes; 7°) Limpe a superfície de mastigação dos dentes de trás com movimentos de vai-e-vem. Comece pelos dentes superiores e depois passe aos inferiores; 8°) Para terminar, a higiene da língua deve ser feita com limpadores próprios, que são mais eficientes do que as escovas para essa finalidade; 9°) Use creme dental com flúor, para recompor o esmalte do dente corroído; 10°) Escove os dentes no mínimo três vezes ao dia: Após as refeições e antes de dormir; 11°) Evite ingerir produtos açucarados. Os doces são gostosos, mas é um dos principais fatores coadjuvantes da cárie. Não podemos proibir as crianças de comerem doces. Sugiro que comam o quanto quiserem, mas de uma só vez, e logo depois, escovem bem os dentes para as bactérias não terem tempo de formar as cáries.

12 A HORA DA ESCOVAÇÃO

13 COMO UTILIZAR O FIO DENTAL CORRETAMENTE

14 ESCOVAÇÃO


Carregar ppt "ESCOVAÇÃO. HIGIENE BUCAL /ESCOVAÇÃO. “Manter a Higiene Bucal é fundamental não só para os dentes e a boca, mas para o corpo todo.” Basta criar uma rotina."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google