A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Estrutura da Reunião Mediúnica. I. Reunião Mediúnica Uma reunião é um ser coletivo, cujas qualidades e propriedades são as resultantes das dos seus membros,

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Estrutura da Reunião Mediúnica. I. Reunião Mediúnica Uma reunião é um ser coletivo, cujas qualidades e propriedades são as resultantes das dos seus membros,"— Transcrição da apresentação:

1 Estrutura da Reunião Mediúnica

2 I. Reunião Mediúnica Uma reunião é um ser coletivo, cujas qualidades e propriedades são as resultantes das dos seus membros, e formam como um feixe. Uma reunião é um ser coletivo, cujas qualidades e propriedades são as resultantes das dos seus membros, e formam como um feixe. Toda reunião espírita deve tender a maior homogeneidade possível. Toda reunião espírita deve tender a maior homogeneidade possível. Livro dos Médiuns, cap XXIX ítem 331 

3  O colaborador procura combater as más tendências e vencer as imperfeições.  Os participantes devem gostar da tarefa, ser assíduos e assumir a tarefa com responsabilidade e compromisso  É A equipe é formada de pessoas que possuem conhecimento espírita, controle emocional e equilíbrio psíquico  É privativa  É feita exame crítico das comunicações mediúnicas

4 Não comporta improvisações Não comporta improvisações É planejada e organizada no plano espiritual É planejada e organizada no plano espiritual É uma atividade espírita de grande responsabilidade É uma atividade espírita de grande responsabilidade II. Importância da Reunião Mediúnica  A equipe deve trazer o Cristo no coração e na consciência  É tarefa de socorro, amparo e consolo aos desencarnados em sofrimento.  Desenvolve a capacidade de cooperação

5 Instrui e ampara desencarnados Instrui e ampara desencarnados Esclarece sobre a realidade do além- túmulo Esclarece sobre a realidade do além- túmulo Prepara para a desencarnação e para a reencarnação Prepara para a desencarnação e para a reencarnação manifestação da lei de causa e efeito manifestação da lei de causa e efeito Demonstra a justiça e misericórdia de Deus Demonstra a justiça e misericórdia de Deus

6 III. EQUIPE Médiuns Médiuns Doutrinadores Doutrinadores Dirigente Dirigente Assistente participante Assistente participante

7

8 “A outorga das responsabilidades inerentes a uma equipe mediunica, não é feita de uma vez. Ela é concedida aos poucos, à medida que a equipe de encarnados faz jus, então o Alto encaminha tarefas cada vez mais sérias e complexas.” LM, item 341

9 Ação do Mundo Espiritual Preparação do ambiente espiritual da sala. (assepsia – larvas psiquicas) Preparação do ambiente espiritual da sala. (assepsia – larvas psiquicas) Trazem e cuidam dos Espíritos que serão atendidos na reunião. (circulo magnético, telas mentais, paisagens etc) Trazem e cuidam dos Espíritos que serão atendidos na reunião. (circulo magnético, telas mentais, paisagens etc) “Espiritualidade Econômica” “Espiritualidade Econômica”

10 “Para os Espíritos, o pensamento e a vontade são o que é a mão para o homem. Pelo pensamento, eles imprimem àqueles fluidos, os aglomeram, combinam ou dispersam, organizam uma aparencia, uma forma, uma coloração determinada; mudam as propriedades, como um quimico, combinando-os segundo certas leis. É a grande oficina ou laboratório da vida espiritual.” (A Genese, cap XIV item 14)

11 O Sono durante a reunião “Se irrefreável torpor lhe domina a lucidez, quando convocado ao serviço do bem geral, observe o sinal vermelho de alarme chamando-lhe atenção. Pode ser cansaço, talvez seja sono mesmo… Se, porém, é habitual essa situação, ou voce esta doente de narcolepsia, ou insidiosa obsessão esta tomando suas forças.” (Sementeira da Fraternidade – Divaldo/Diversos Espíritos )

12 Ação dos obsessores contra os grupos espíritas Comodismo – amor próprio Comodismo – amor próprio Desconfiança – melindre Desconfiança – melindre Vaidade Vaidade Antidoto: “Orai e Vigiai SEMPRE” Antidoto: “Orai e Vigiai SEMPRE” Estudo, Evangelho no Lar, servir, amar etc. Estudo, Evangelho no Lar, servir, amar etc.

13 Desobsessão Natural “Aquele que encontrou Jesus já começou o processo de libertação interior e de desobsessão natural.” (Euripedes Barsanulfo/Divaldo) “Aquele que encontrou Jesus já começou o processo de libertação interior e de desobsessão natural.” (Euripedes Barsanulfo/Divaldo) Mudança na intimidade do Ser – Reforma Interior - Eclosão de Amor Mudança na intimidade do Ser – Reforma Interior - Eclosão de Amor

14 Bibliografia  Livro dos Mediuns – Allan Kardec  Obsessão e Desobsessão – Suely Caldas Schubert  Qualidade na Prática Mediunica – Projeto Manoel Philomeno de Miranda

15 Fim


Carregar ppt "Estrutura da Reunião Mediúnica. I. Reunião Mediúnica Uma reunião é um ser coletivo, cujas qualidades e propriedades são as resultantes das dos seus membros,"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google