A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Introdução “A ação e dinâmica do Espírito Santo na vida do crente tem se esvaziado nos tempos presentes. A rebeldia humana avoluma-se cada vez mais. Persiste.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Introdução “A ação e dinâmica do Espírito Santo na vida do crente tem se esvaziado nos tempos presentes. A rebeldia humana avoluma-se cada vez mais. Persiste."— Transcrição da apresentação:

1 Introdução “A ação e dinâmica do Espírito Santo na vida do crente tem se esvaziado nos tempos presentes. A rebeldia humana avoluma-se cada vez mais. Persiste a sensação de vazio e tristeza de que em algum lugar da sua caminhada o povo de Deus esqueceu o Espírito Santo.” Passou a valer-se dos seus próprios esforços. A confiar mais em sua capacidade mental e física e a deixar em segundo plano a operação do Espírito em seu viver. Tema do 3T14 – A doutrina do Espírito Santo Estudo 13 – “Orando no Espírito Santo” O Espírito Santo na vida cristã hoje Texto áureo: “Mas vós, amados, edificando-vos sobre a vossa santíssima fé, orando no Espírito Santo, conservai-vos no amor de Deus, esperando a misericórdia de nosso Senhor Jesus Cristo para a vida eterna.” (Judas 20,21)

2 Introdução II A sociedade moderna aspira a autossuficiência. Depender de algo ou de alguém passa a ser visto como um sinal de fraqueza pessoal. Nesta busca, o homem moderno passou a desprezar também a presença da ação espiritual de Deus em sua vida. Ele prescinde disto. A afirmação de Cristo que “sem mim nada podeis fazer”, passa a ser encarada como ridícula e sem valor. O crente que aspire viver na dependência do Espírito de Deus, está na contramão da modernidade O crente deve procurar em seu viver refletir a presença de Cristo em seu interior. “Quando Cristo marca sua vida” você passa a ser instrumento do Espírito Santo de Deus.

3 Introdução III Precisamos voltar à obediência da igreja cristã primitiva. Foi assim que a igreja em Jerusalém decidiu os seus próximos passos: “Pareceu bem ao Espírito Santo e a nós” (Atos 15.28) A Igreja hoje trabalha muito mais em função daquilo que a técnica moderna lhe permite do que em razão daquilo que o Espírito Santo lhe induz. Os esforços humanos são válidos e necessários, mas sem o mover do Espírito nada significam. Devemos como crentes ter a compreensão de nossa limitação, fazendo a nossa parte, mas sabendo que o Senhor pode fazer muito mais. Para se ter uma autêntica vida cristã nos dias de hoje, duas atitudes básicas são necessárias. Vide a foto acima: Bíblia e Oração!

4 O fugir das atrações modernas não é uma vida de covardia e omissão, mas de combate e enfrentamento. Permitindo diariamente a ação do Espírito em nosso viver, ele nos conduzirá em tudo. Introdução IV Após um trimestre de estudos sobre a doutrina do Espírito Santo, devemos estar reconhecendo que há riquezas insondáveis na relação do crente com o Espírito de Deus. Que precisamos desbravar estes caminhos em meio às atrações que o mundo moderno nos aponta, para chegarmos a uma plena comunhão de vida espiritual. Que a recomendação de Paulo ”andai em Espírito e não cumprireis a cobiça da carne” seja uma realidade em nosso viver. Que o Espírito Santo tenha presença marcante no meu dia-a-dia!

5 Introdução V Os conselhos do apóstolo em suas cartas a Timóteo e Tito são exemplos de inconformismo diante dos padrões do mundo moderno. O “foge” para Timóteo e o “em tudo te dá por exemplo de boas obras” para Tito nos evidenciam como deve ser moldada a vida que é fundida pela ação do Espírito Santo de Deus. Como estamos eu e você convivendo com esta realidade? O Espírito Santo está atuante e operante em nosso viver? A Palavra de Deus vai nos mostrar em seus textos de hoje, como esta caminhada deve ser trilhada: A igreja de Cristo, o crente, devem procurar ser “um vaso escolhido” nas mãos do Senhor para influenciar o mundo. (At 9.15)

6 No último capítulo da 1ª Carta a Timóteo, Paulo escreve: 6.11 Mas tu, ó homem de Deus, foge destas coisas, e segue a justiça, a piedade, a fé, o amor, a constância, a mansidão. 12 Peleja a boa peleja da fé, apodera-te da vida eterna, para a qual foste chamado, tendo já feito boa confissão diante de muitas testemunhas. 13 Diante de Deus, que todas as coisas vivifica, e de Cristo Jesus, que perante Pôncio Pilatos deu o testemunho da boa confissão, exorto-te 14 a que guardes este mandamento sem mácula e irrepreensível até a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo; 15 a qual, no tempo próprio, manifestará o bem- aventurado e único soberano, Rei dos reis e Senhor dos senhores; 16 aquele que possui, ele só, a imortalidade, e habita em luz inacessível; a quem nenhum dos homens tem visto nem pode ver; ao qual seja honra e poder sempiterno. Amém. 17 manda aos ricos deste mundo que não sejam altivos, nem ponham a sua esperança na incerteza das riquezas, mas em Deus, que nos concede abundantemente todas as coisas para delas gozarmos; 18 que pratiquem o bem, que se enriqueçam de boas obras, que sejam liberais e generosos, 19 entesourando para si mesmos um bom fundamento para o futuro, para que possam alcançar a verdadeira vida. 20 Ó Timóteo, guarda o depósito que te foi confiado, evitando as conversas vãs e profanas e as oposições da falsamente chamada ciência; 21 a qual professando-a alguns, se desviaram da fé. A graça seja convosco. O que deve ficar claro para nós, ao final desses estudos, é que o crente que atingiu a sua maturidade cristã, deve apresentar em sua vida atitudes que evidenciem a atuação do Santo Espírito de Deus sobre ele.

7 Alguns destaques de 2Timóteo 2, onde Paulo escreveu: 2.1 Tu, pois, meu filho, fortifica-te na graça que há em Cristo Jesus; 2 e o que de mim ouviste de muitas testemunhas, transmite-o a homens fiéis, que sejam idôneos para também ensinarem os outros. 3 Sofre comigo como bom soldado de Cristo Jesus. 11 Fiel é esta palavra: Se, pois, já morremos com ele, também com ele viveremos; 12 se perseveramos, com ele também reinaremos; se o negarmos, também ele nos negará; 13 se somos infiéis, ele permanece fiel; porque não pode negar-se a si mesmo. 15 Procura apresentar-te diante de Deus aprovado, como obreiro que não tem de que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade. 22 Foge também das paixões da mocidade, e segue a justiça, a fé, o amor, a paz com os que, de coração puro, invocam o Senhor. 23 E rejeita as questões tolas e desassisadas, sabendo que geram contendas; 24 e ao servo do Senhor não convém contender, mas sim ser brando para com todos, apto para ensinar, paciente; 25 corrigindo com mansidão os que resistem, na esperança de que Deus lhes conceda o arrependimento para conhecerem plenamente a verdade, 26 e que se desprendam dos laços do Diabo {por quem haviam sido presos}, para cumprirem a vontade de Deus A força que Paulo sugere a Timóteo quando lhe aconselha “fortifica-te na graça que há em Cristo Jesus”, só pode ser alcançada pelo crente se ele viver uma vida aos pés da cruz, sujeita ao domínio do Espírito Santo em seus atos e palavras.

8 No capítulo 3 da 2ª Carta a Timóteo, o apóstolo ensina: 1 Sabe, porém, isto, que nos últimos dias sobrevirão tempos penosos; 2 pois os homens serão amantes de si mesmos, gananciosos, presunçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a seus pais, ingratos, ímpios, 3 sem afeição natural, implacáveis, caluniadores, incontinentes, cruéis, inimigos do bem, 4 traidores, atrevidos, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus, 5 tendo aparência de piedade, mas negando-lhe o poder. Afasta-te também desses. 6 Porque deste número são os que se introduzem pelas casas, e levam cativas mulheres néscias carregadas de pecados, levadas de várias concupiscências; 7 sempre aprendendo, mas nunca podendo chegar ao pleno conhecimento da verdade. 8 E assim como Janes e Jambres resistiram a Moisés, assim também estes resistem à verdade, sendo homens corruptos de entendimento e réprobos quanto à fé. 9 Não irão, porém, avante; porque a todos será manifesta a sua insensatez, como também o foi a daqueles. Neste trecho da 2ª Carta de Paulo a Timóteo ele descreve um perfil tremendamente negativo do homem do mundo em seu século. Será diferente hoje, 2000 anos depois? São 19 características que vemos descritas diariamente na mídia dos escândalos morais e da violência social.

9 No final deste capítulo 3 ele ainda exorta: 10Tu, porém, tens observado a minha doutrina, procedimento, intenção, fé, longanimidade, amor, perseverança, 11 as minhas perseguições e aflições, quais as que sofri em Antioquia, em Icônio, em Listra; quantas perseguições suportei! e de todas o Senhor me livrou. 12 E na verdade todos os que querem viver piamente em Cristo Jesus padecerão perseguições. 13 Mas os homens maus e impostores irão de mal a pior, enganando e sendo enganados. 14 Tu, porém, permanece naquilo que aprendeste, e de que foste inteirado, sabendo de quem o tens aprendido, 15 e que desde a infância sabes as sagradas letras, que podem fazer-te sábio para a salvação, pela que há em Cristo Jesus. 16 Toda Escritura é divinamente inspirada e proveitosa para ensinar, para repreender, para corrigir, para instruir em justiça; 17para que o homem de Deus seja perfeito, e perfeitamente preparado para toda boa obra. A Palavra de Deus deve ser para o crente dos tempos presentes a sua maior fonte de inspiração. Daí o conselho de Paulo a Timóteo: “Tu, porém, permanece naquilo que aprendeste...”

10 Na Carta a Tito, capítulo 2, Paulo também exorta: 1 Tu, porém, fala o que convém à sã doutrina. 2 Exorta os velhos a que sejam temperantes, sérios, sóbrios, sãos na fé, no amor, e na constância; 3 as mulheres idosas, semelhantemente, que sejam reverentes no seu viver, não caluniadoras, não dadas a muito vinho, mestras do bem, 4 para que ensinem as mulheres novas a amarem aos seus maridos e filhos, 5 a serem moderadas, castas, operosas donas de casa, bondosas, submissas a seus maridos, para que a palavra de Deus não seja blasfemada. 6 Exorta semelhantemente os moços a que sejam moderados. Na Carta a Tito o apóstolo menciona claramente para seu discípulo o cuidado que devia ter com a sua vida pastoral. Tal como o pastor de ovelhas que cuidava de cada uma delas, assim deve ser o pastor hoje que vive seu ministério sob a bênção do Espírito

11 Para concluir de forma brilhante: 7 Em tudo te dá por exemplo de boas obras; na doutrina mostra integridade, sobriedade, 8 linguagem sã e irrepreensível, para que o adversário se confunda, não tendo nenhum mal que dizer de nós. 9 Exorta os servos a que sejam submissos a seus senhores em tudo, sendo-lhes agradáveis, não os contradizendo 10 nem defraudando, antes mostrando perfeita lealdade, para que em tudo sejam ornamento da doutrina de Deus nosso Salvador. 11 Porque a graça de Deus se manifestou, trazendo salvação a todos os homens, 12ensinando-nos, para que, renunciando à impiedade e às paixões mundanas, vivamos no presente mundo sóbria, e justa, e piamente, 13 aguardando a bem-aventurada esperança e o aparecimento da glória do nosso grande Deus e Salvador Cristo Jesus, 14 que se deu a si mesmo por nós para nos remir de toda a iniquidade, e purificar para si um povo todo seu, zeloso de boas obras. 15 Fala estas coisas, exorta e repreende com toda autoridade. Ninguém te despreze. Talvez não haja no NT texto que melhor reflita a vivência do crente sob a direção do Espírito Santo de Deus do que este com que o apóstolo finaliza o capítulo 2 de sua carta a Tito, pastoreando a igreja de Creta.

12 Conclusão O grande teste que devemos fazer conosco mesmos, após este trimestre de estudos é verificar se pelo que lemos, ouvimos, sentimos e testemunhamos, estamos sendo reais instrumentos do Espírito Santo de Deus para aqueles que estão ao nosso redor, vivendo pelo menos estas cinco qualidades: ALEGRIA PAZ AMOR EQUILÍBRIOBONDADE Renunciando à impiedade e às paixões mundanas, vivamos no presente mundo sóbria, e justa, e piamente. Tito 2.11


Carregar ppt "Introdução “A ação e dinâmica do Espírito Santo na vida do crente tem se esvaziado nos tempos presentes. A rebeldia humana avoluma-se cada vez mais. Persiste."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google