A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

FORMAÇÃO CONTINUADA: CAMINHO CONJUNTO DE PLANEJAMENTO E AÇÃO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "FORMAÇÃO CONTINUADA: CAMINHO CONJUNTO DE PLANEJAMENTO E AÇÃO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO."— Transcrição da apresentação:

1 FORMAÇÃO CONTINUADA: CAMINHO CONJUNTO DE PLANEJAMENTO E AÇÃO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO

2 RESPONSÁVEIS Helen Matos Pinheiro de Almeida e Silva Psicóloga Educacional Marisol Garcia Cavalheiro Pedagoga e ATE(Assistente Técnica Educacional)

3 LOCALIZAÇÃO

4

5 POPULAÇÃO Fundada em 16/08/1.657 – 354 anos. População inicial – índios, escravos Posteriormente - imigrantes italianos e portugueses População total População residente Urbana – População residente Rural

6

7

8

9

10

11 RECURSOS NATURAIS Vegetação nativa- Mata Atlântica. Floresta tropical de planalto, menos úmida e contendo espécies vegetais de utilização comercial – reflorestamento de eucaliptos. Região sul predomina videiras, frutíferas e culturas anuais de subsistência. Chácaras e sítios de recreação e lazer

12

13

14

15

16

17 IDH

18 RECURSOS ECONÔMICOS PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS - 41,59% INDÚSTRIA - 28,96% COMÉRCIO - 22,77% AGROPECUÁRIA - 4,69% TURISMO - 1,99

19 REDE MUNICIPAL DE ENSINO ALUNOS (14) CRECHES ALUNOS (24) INFANTIL ALUNOS (19) FUNDAMENTAL I ALUNOS (15) FUNDAMENTAL II ALUNOS EJA 532 ALUNOS

20 PROGRAMAS EDUCACIONAIS 2011 CENPEC /Fundação Volkswagen: ESTUDAR PRA VALER ENTRE NA RODA Instituto Ayrton Senna GESTÃO NOTA 10 SE LIGA ACELERA

21 PROGRAMAS EDUCACIONAIS 2011 CENPEC /Fundação Volkswagen: ESTUDAR PRA VALER ENTRE NA RODA SUPER AÇÃO JOVEM LER E ESCREVER Instituto Ayrton Senna GESTÃO NOTA 10 SE LIGA ACELERA

22 EDUCAÇÃO ESPECIAL 2011 INFANTIL – 31 ALUNOS FUNDAMENTAL – 189 ALUNOS TOTAL: 220 ALUNOS

23 DADOS DA EDUCAÇÃO ESPECIAL ENSINO FUNDAMENTAL: 189 alunos  Def. Intelectual = 75  Def. Física = 32  Def. Visual = 29  Def. Auditiva = 22  TGD = 13  Def. Múltipla = 12  Síndrome de Down = 6 Julho/2011

24 DADOS DA EDUCAÇÃO ESPECIAL ENSINO INFANTIL: 31 alunos Def. Intelectual = 02 Def. Física = 05 Def. Visual = 07 Def. Auditiva = 04 TGD = 03 Def. Múltipla = 04 Síndrome de Down = 6 Julho/2011

25 ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO – AEE Nº SALAS DE AEE – 09 Nº DE MATRÍCULAS – 180 Nº DE PROFESSORES DE AEE - 10

26 PROFISSIONAIS DE APOIO INTÉRPRETES DE LIBRAS LEDORES CUIDADORES – ESTAGIÁRIOS PROFESSORES AUXILIARES

27 REUNIÕES MENSAIS - PERCURSO HISTÓRICO SURGIU EM 2006, DA NECESSIDADE APONTADA PELOS PROFESSORES EM FALAR SOBRE AS QUESTÕES RELACIONADAS AO ATENDIMENTO DE ALUNOS COM DEFICIÊNCIA QUE JÁ ESTAVAM MATRICULADOS NO ENSINO REGULAR.

28 Formação continuada Encontros mensais com profissionais da rede de ensino. Objetivos: Discutir, refletir e construir saberes a respeito do processo de inclusão escolar dos alunos público alvo da educação especial.

29 Como acontece hoje... Encontros mensais previstos no calendário escolar oficial do Departamento de Educação Toda 2ª terça-feira do mês Período manhã e tarde – 3h/período Público alvo: professores de salas regulares, professores de sala de recursos, coordenadores pedagógicos, diretores e vice-diretores Média de 70 profissionais por encontro

30 Justificativa Espaço para acolhimento ao professor Lugar de escuta Possibilidade de fortalecer o seu fazer com a experiência do outro Reflexão da sua prática Desconstrução de mitos que rondam a educação Levantamento de necessidades do grupo

31 Metodologias utilizadas... Explanação oral Oficinas Apresentação de filmes Trabalhos em grupo Relatos de experiências Dinâmicas de grupo Discussão de casos

32 “Dinâmica de Grupo”

33 “Trabalho em Grupo”

34 “Oficina na Sala de Recursos”

35

36 “Explanação Oral”

37 Temas trabalhados: Legislação Adequação curricular Flexibilização de aulas Informações e orientações gerais sobre as deficiências Troca de experiências de sucesso Participação de convidados especialistas Participação de entidades parceiras Estudo de materiais do MEC/SEESP, etc Orientações práticas para o dia-dia em sala de aula Avaliação na perspectiva da escola inclusiva

38 “Deficiência mental no contexto escolar”

39 “ A inclusão de alunos com transtornos globais do desenvolvimento, uma realidade possível”

40 “ Possibilidade de trabalho pedagógico com alunos com deficiência múltipla”

41 “ Compreendendo o universo da pessoa surda”

42 “A importância do trabalho em equipe: Instituição – Escola – Família”

43 Resultados observados... Conscientização do professor com relação a individualidade e necessidades de cada aluno Revisão de sua prática pedagógica (recursos, avaliação, planejamento, etc.) Reconhecimento dos benefícios do planejamento e adequação curricular para alunos com deficiência e todo o grupo em geral Transição de um lugar queixoso apenas, para uma mobilização que modifica a ação

44 “Relato de Experiência”

45 “Depoimento de Vivência Escolar”

46 Exemplos Depoimentos a respeito de adequação curricular (Fundamental 1 e 2); Desenvolvimento de alunos com graves deficiências na educação infantil, construção de rede; Depoimento de nutricionista a respeito de sua vivência escolar


Carregar ppt "FORMAÇÃO CONTINUADA: CAMINHO CONJUNTO DE PLANEJAMENTO E AÇÃO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google