A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Análise e Projeto de Sistemas Análise e Projeto de Sistemas Aula 9 Diagrama de Classes.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Análise e Projeto de Sistemas Análise e Projeto de Sistemas Aula 9 Diagrama de Classes."— Transcrição da apresentação:

1 Análise e Projeto de Sistemas Análise e Projeto de Sistemas Aula 9 Diagrama de Classes

2 UML – Modelo de Elementos Classes:  É uma descrição de um tipo de objeto.  Usamos classes para classificar os objetos que identificamos no mundo real.  Uma classe pode ser a descrição de um objeto em qualquer tipo de sistema.

3 UML – Modelo de Elementos Existem algumas questões que podem nos ajudar a identificar as classes:  Existem informações que devem ser armazenadas ou analisadas? Se existir alguma informação que tenha de ser guardada, transformada ou analisada de alguma forma, então é uma possível candidata para ser uma classe.

4 UML – Modelo de Elementos Existem algumas questões que podem nos ajudar a identificar as classes:  Existem sistemas externos ao modelado? Se existir, eles deverão ser vistos como classes pelo sistema para que possa interagir com outros atores externos.

5 UML – Modelo de Elementos Existem algumas questões que podem nos ajudar a identificar as classes:  Existem classes de bibliotecas, componentes ou modelos externos a serem utilizados pelo sistema modelado? Se existir, normalmente essas classes, componentes e modelos conterão classes candidatas ao nosso sistema.

6 UML – Modelo de Elementos Existem algumas questões que podem nos ajudar a identificar as classes:  Qual o papel dos atores dentro do sistema? Talvez, o papel destes atores possa ser visto como classes, por exemplo, usuário, operador, cliente e daí por diante.

7 UML – Classes Em UML as classes são representadas por um retângulo divididos em 3 compartimentos: Nome Atributos Operações

8 UML – Classes Compartimentos: OBS: A sintaxe usada em cada um destes compartimentos é independente de qualquer linguagem de programação. Nome: conterá apenas o nome da classe modelada.

9 UML – Classes Compartimentos: OBS: A sintaxe usada em cada um destes compartimentos é independente de qualquer linguagem de programação. Atributos: possuirá a relação de atributos que a classe possui em sua estrutura interna.

10 UML – Classes Compartimentos: OBS: A sintaxe usada em cada um destes compartimentos é independente de qualquer linguagem de programação. Operações: serão os métodos de manipulação de dados e de comunicação de uma classe com outras do sistema

11 UML – Classes As normas de estilo da UML determinam que: Nome da classe seja centralizado e negrito; Escrever as iniciais dos nomes das classes em maiúsculas, inclusive as primeiras letras de nomes compostos; Ex: AlunoUniversitario, PessoaFisica

12 UML – Classes As normas de estilo da UML determinam que: Os atributos e as operações devem ser escritos com formatação normal e alinhados a esquerda; Os nomes de atributos e operações devem iniciar com letra minúscula, entretanto as iniciais das palavras compostas devem iniciar com letra maiúscula; Ex:nomeCliente reajustarSalario ()

13 UML – Diagrama de Classes O diagrama de classes demonstra a estrutura estática das classes de um sistema onde estas representam as “coisas” que são gerenciadas pela aplicação modelada.

14 UML – Diagrama de Classes Classes podem se relacionar com outras através de diversas maneiras:  Associação : conectadas entre si;  Dependências: uma classe depende ou usa outra classe;  Especialização: uma classe é uma especialização de outra classe;  Pacotes: Classes agrupadas por características similares.

15 UML – Diagrama de Classes Todos os relacionamentos são mostrados no diagramas de classe juntamente com suas estruturas internas, que são os atributos e operações. O diagrama de classes é considerado estático já que a estrutura descrita é sempre válida em qualquer ponto do ciclo de vida do sistema.

16 UML – Diagrama de Classes Um sistema normalmente possui alguns diagramas de classe, já que não são todas as classes que estão inseridas em um único diagrama e uma certa classes pode participar de vários diagramas de classes. Para se criar um diagrama de classes, as classes tem de estar identificadas, descritas e relacionadas entre si.

17 UML – Diagrama de Classes

18 Navegabilidade - Os relacionamentos podem ter direção de navegação. Por exemplo, a Figura 29 indica que, dada uma “Mercadoria", é possível localizar diretamente o respectivo "Fornecedor", mas a recíproca não é verdadeira.

19 R elacionamento de Agregação - A Agregação é um caso particular de associação: reflete uma posse lógica. - Deve ser utilizado apenas quando se deseja destacar o caráter todo-parte do relacionamento: - Uma Classe representa um item maior (o “todo”), formado por itens menores (as “partes”): “tem um”, “parte de”.

20

21 Relacionamento de Composição - Um caso especial do tipo Agregação. - Expressa um relacionamento em que os objetos da classe parte não têm existência independente da classe “todo”. - Expressa também que cada objeto da classe “parte” pode pertencer a um único objeto da classe “todo”. - Isto implica que se um objeto da classe todo for eliminado, todos os objetos da classe parte também devem ser eliminados: efeito cascata.

22

23 Associação Reflexiva (auto-associação ou associação recursiva): Uma Associação Reflexiva indica um relacionamento entre objetos de uma mesma classe que desempenham diferentes participações.

24

25 UML – Diagramas de Estrutura Composta  A UML 2.0 deu uma importância maior à composição, com a inclusão deste novo diagrama.  O objetivo deste diagrama é permitir que se exiba um pequeno diagrama de classes dentro de uma classe. (agrupamento de estruturas).

26 UML – Diagramas de Estrutura Composta  Esta notação leva uma apresentação menos confusa de um relacionamento de composição.  Torna-se útil quando temos em um mesmo diagrama de classes relacionamentos entre classes, entre as classes-todo e suas partes e entre as próprias partes.

27 UML – Diagramas de Estrutura Composta  Exemplo:

28 UML – Diagramas de Estrutura Composta  As classes-partes podem ser ligadas por conectores.  Conectores Assembly permite que uma classe-parte supra serviços que outra classe- parte necessita. Ele conecta duas partes como associação.  Multiplicidade: Mostra o intervalo numérico permitido de valores que determinados elementos da UML possuem com outro elemento.

29 UML – Diagrama de Objetos Diagrama de Objetos:  É uma variação do diagrama de classes e utiliza quase a mesma notação.  Mostra os objetos que foram instanciados das classes.  O diagrama de objetos é como se fosse o perfil do sistema em um certo momento de sua execução.

30 UML – Diagrama de Objetos Diagrama de Objetos:  Dizem muito mais do que a simples estrutura de uma classe, pois passamos a trabalhar com dados reais.  Esclarece o relacionamento entre as classes.  Facilita a modelagem de estruturas mais complexas.

31 UML – Diagrama de Objetos Cuidado:  É impossível exibirmos tudo. Desta forma, deve-se mostrar no diagrama de objetos somente um conjunto de objetos que tenham relevância dentro da modelagem.

32 UML – Diagrama de Objetos Representação Gráfica:  É similar a de uma classe.  É um retângulo com dois compartimentos: Nome do Objeto Atributos do Objeto

33 UML – Diagramas de Objetos Representação Gráfica (Nomeando um Objeto):  Sintaxe: nome do objeto : Nome da classe  Exemplo: produto1 : Produto

34 UML – Diagramas de Objetos Representação Gráfica: nomedoobjeto : NomedaClasse : NomedaClasse nomedoobjeto

35 UML – Diagramas de Objetos Representação Gráfica (Atributos):  Exemplo: Classe Objeto

36 UML – Diagramas de Objetos  Exemplo de um diagrama de Classes:

37 UML – Diagramas de Objetos  Exemplo de diagrama de Objetos: No diagrama de objetos acima existe 1 objeto Cliente que se relaciona com 2 objetos Contratos e também temos 1 objeto Cliente que não se relaciona com nenhum objeto contrato (como esta descrito no diagrama de classes).

38 UML – Diagramas de Objetos  Exemplo de um diagrama de Objetos na instancia de cliente:

39 UML – Diagramas de Objetos  Exemplo de um diagrama de Objetos na instancia de veiculo:


Carregar ppt "Análise e Projeto de Sistemas Análise e Projeto de Sistemas Aula 9 Diagrama de Classes."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google