A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Presidência da República Casa Civil Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Presidência da República Casa Civil Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo."— Transcrição da apresentação:

1 Presidência da República Casa Civil Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD III Seminário Técnico-Científico de Análise dos Dados Referentes ao Desmatamento na Amazônia Legal. INPE - São José dos Campos 27 e 28 de junho de 2005

2 Presidência da República Casa Civil Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia SUMÁRIO CARACTERÍSTICAS DO SIAD RESULTADOS PROSPECÇÕES E TENDÊNCIAS CONCLUSÕES O SUL DO AMAZONAS

3 Presidência da República Casa Civil Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia Tipo: SIG Modular Composição: Detecção, Legislação, Socio-Economia, Análise e Prospecção. Dados: Imagens do Sensor Modis MOD13Q1 – 250m e Banco de Dados SIPAM. Aplicativos : MRT e ARCGIS 9.0 Produtos: Mapas, Cartogramas, Estatísticas, Atlas e Relatórios. Beneficiados: Órgãos Federais, Estaduais e Municipais, bem como não governamentais. CARACTERÍSTICAS

4 Presidência da República Casa Civil Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia Período: Agosto 2003 a agosto 2004 Imagens: 10 Tiles MOD13Q1 – 250m Área mínima: 25 a 100 hectares Abrangência: Amazônia legal Módulo de Detecção do SIAD

5 Presidência da República Casa Civil Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia Áreas de Abrangência PRODES - Arco do desmatamento SIAD - Amazônia Legal Brasileira

6 Presidência da República Casa Civil Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia 1a Validação do Módulo de Detecção do SIAD Período detecção: agosto/setembro 2004 Área mínima: 25 a 100 hectares Limiar de mudança: 10% Localidades: Porto Velho; Candeias do Jamari; Itapuã do Oeste; Alto Paraíso; Ariquemes; Montenegro; Campo Novo de Rondônia e Buritis. Padrões de desmatamento Local: Programas de assentamento rural Programas de assentamento rural Extração madeireira Extração madeireira Expansão agropecuária: pastagem Expansão agropecuária: pastagem

7 Presidência da República Casa Civil Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia Polígonos vistoriados

8 Presidência da República Casa Civil Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia O levantamento de campo demonstrou que a adoção de uma área mínima de 25 hectares e limiar de 10%, ainda que possibilite ao sistema indicar novos polígonos de desmatamentos, acaba também detectando atividades como manutenção de pasto, ou a redução de biomassa, em pasto ou floresta, causada por efeito sazonal na região. Para os pequenos e médios polígonos, entre 25 e 100 ha, o levantamento de área desmatada não tem alta precisão, mas oferece uma estimativa ou indicativo para outras análises. Assim, quanto maior a área detectada, menor será o erro para o cálculo de área do polígono, ajustando-se à baixa resolução das imagens MODIS.

9 Presidência da República Casa Civil Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia Polígono de Desmatamento

10 Presidência da República Casa Civil Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia Áreas coincidentes e não coincidentes SIAD - PRODES

11 Presidência da República Casa Civil Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia Municípios desmatados em Comum SIAD e PRODES Municípios em comum com polígonos desmatamento.

12 Presidência da República Casa Civil Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia SIAD km² de área desmatada dos 334 municípios comuns. Resultado dos Desmatamentos PRODES km 2 de area desmatada 334 municipios comuns

13 Presidência da República Casa Civil Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia PROSPECÇÕES E TENDÊNCIAS

14 Presidência da República Casa Civil Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia CONCLUSÕES O Módulo de Detecção do SIAD apresentou um bom desempenho, levando em consideração as limitações de resolução espacial (250m), variação de limiares 10% a 20% e da área mínima de detecção 25 a 100 hectares. As indicações macro desses desmatamentos estão subsidiando a aplicação do sensor radar aerotransportado em áreas prioritárias em proveito da atuação integrada do IBAMA, INCRA, PF, EXÉRCITO entre outros. O SIPAM precisa ser mais demandado!

15 Presidência da República Casa Civil Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia O Módulo de Detecção do SIAD mostrou-se também sensível à detecção de desmatamentos com características de limpeza/manutenção de pasto, variações sazonais em culturas (café) ou em fisionomias de gramíneas (pasto)/arbustivas. Tendo em vista os resultados obtidos no trabalho de campo sugeriu-se a adoção de área mínima e limiar de mudança mais conservadores, para novos desmatamentos em Floresta Primária. Área mínima de 100 hectares Limiar de mudança de 20%.

16 Presidência da República Casa Civil Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia Aos analistas do SIPAM em Manaus, Porto Velho e Belém cabe a manipulação da área mínima de detecção de 25 a 100 hectares e os limiares de 10% a 20% de mudança de biomassa, considerando as particularidades regionais na Amazônia, em suas áreas de responsabilidade. Com a indicação de diferenças de resultados obtidos no Sul do Estado do Amazonas, foram realizados novos estudos com uso de dados Landsat, CBERS e do SAR, os quais passam a ser apresentados pelo representante do SIPAM em Manaus..


Carregar ppt "Presidência da República Casa Civil Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google