A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Londrina (PR) – Maringá (PR) Profª Sônia Maria M Cassiolato Aulas 100% presenciais :: Ano 2012 REDAÇÃO PARA CONCURSOS: Como organizar as ideias (Aula 03)

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Londrina (PR) – Maringá (PR) Profª Sônia Maria M Cassiolato Aulas 100% presenciais :: Ano 2012 REDAÇÃO PARA CONCURSOS: Como organizar as ideias (Aula 03)"— Transcrição da apresentação:

1 Londrina (PR) – Maringá (PR) Profª Sônia Maria M Cassiolato Aulas 100% presenciais :: Ano 2012 REDAÇÃO PARA CONCURSOS: Como organizar as ideias (Aula 03)

2 Assunto e delimitação do assunto O assunto é uma ideia mais geral, é uma referência que está ao alcance do autor/produtor e do leitor, é um conceito mais genérico sobre o qual se desenvolverão as ideias principais do texto, neste caso, o texto de apoio proposto ao candidato.

3 O tema é uma delimitação do assunto, ou seja, é uma parte da referência, que, por ora, é de domínio do autor/produtor; é um aspecto da ideia geral, ou seja, do assunto, que é oferecido ao candidato para demarcar o enfoque específico. A partir da apreensão do tema, o candidato deve especificar o enfoque temático proposto pelo estímulo.

4 Delimitação do assunto FORMA DE CONTROLE - Delimitar ou restringir o assunto é subdividi-lo em ideias menos genéricas, encontrando subtópicos que o afunilem até chegar a um aspecto particular, condizente com o que queremos argumentar. Fazer isso é garantir um controle sobre as múltiplas idéias que poderão surgir sobre um tema por demais amplo.

5 GARANTIA DE FIDELIDADE Fazendo-se a delimitação do assunto logo no primeiro parágrafo de uma dissertação, estaremos garantindo fidelidade ao tema proposto.

6 Imaginemos um tema amplo como "Educação". Sem a preocupação de delimitar o assunto, correremos o risco de enveredarmos por "Educação Infantil", "Educação Familiar", "Educação para o Trabalho", "Educação Moderna", "Educação: vacina contra a Marginalidade", "Educação: garantia de vida melhor", etc.

7 DELIMITAÇÃO a) Educação b) Educação familiar: a base do caráter c) Como o caráter do indivíduo é moldado dentro da família

8 PARÁGRAFO RESPEITANDO A DELIMITAÇÃO A educação, entendida como processo contínuo de transformação do ser humano, tem sua principal base no equilíbrio da família. O caráter, traço identificador de ações que elevam ou rebaixam o indivíduo, será moldado de acordo com exemplos vivenciados no ambiente familiar, estendendo-se daí para toda a comunidade.

9 ATIVIDADE DA APOSTILA Texto 1 Assunto: Declaração de Lula a respeito dos dissidentes cubanos. Delimitação do assunto: presidente brasileiro condena a greve de fome de dissidentes cubanos.

10 Texto 2 Assunto: Declaração de Lula a respeito dos dissidentes cubanos. Delimitação do assunto: A declaração de Lula é um desrespeito à democracia.

11 Texto 3 Assunto: Declaração de Lula a respeito dos dissidentes cubanos. Delimitação do assunto: A declaração foi oportunista e contrária à biografia de Lula.

12 Texto 4 Assunto: Declaração de Lula a respeito dos dissidentes cubanos. Delimitação do assunto: A declaração de Lula não condiz com os fatos vividos por ele.

13 Texto sobre incineração de lixo A ideia de incinerar todo o lixo em Maringá é inconcebível. A concretização desse projeto trará consequências negativas para o meio ambiente e, também, afetará o processo de reciclagem.

14 Primeiramente, no quesito ambiental é indiscutível que esses gases contribuirão para o tão acelerado desgaste que vemos atualmente em nossos ambientes naturais e até em processos climatológicos de maior escala. Esses mesmos gases liberados por esse método retrógrado são péssimos para nossa saúde, devido à liberação de substâncias nocivas a nosso organismo, estas majoritariamente cancerígenas.

15 Outro aspecto a ser ressaltado é a respeito da reciclagem. Não podemos esquecer que o lixo não será separado para a incineração e isso também implicará em graves consequências sociais, pois existe um grande número de pessoas atualmente que tiram seu sustento do "lixo que não é lixo". Prova disso é que na Cidade Canção, dos trezentos mil quilos de lixo, produzidos por dia, cem mil deles pode representar um ganho real para os catadores de material reciclável.

16 Portanto, ao invés de tirar um fardo de suas costas com atitudes destituídas de razão e bom senso, a prefeitura deve buscar soluções eficazes para um destino correto dos resíduos. Marcelo Martinelli

17 Como organizar as ideias? Há uma preocupação constante em organizar a vida, o dia, o material de trabalho, o texto, enfim é preciso manter uma ordem. A seguir apresentaremos alguns tópicos do livro “Como ordenar as ideias”. Veja. 17

18 “Como ordenar as ideias” Edivaldo Boaventura. 18

19 A arte de bem comunicar está na clareza que advém de ideias bem ordenadas. Escrever com clareza é um dom? Não, é resultado de muito esforço. Escrever com clareza depende de gestos vigorosos de escolha, entre o que vai ser dito e o que não vai. 19

20 Como ordenar as ideias? PREVENDO O QUE SE VAI EXPOR. Fazer um planejamento. Disso depende o sucesso de qualquer empreitada. Inclusive da produção de um texto. 20

21 Sem planejamento há o risco de se perder e não se aprofundar em nenhum aspecto, levando a um trabalho superficial de mera exposição de ideias. 21

22 PRIMEIRO PENSAR, DEPOIS EXPRESSAR Anotá-las como surgem. Estabelecer as ligações entre as ideias, sem perder de vista o tema proposto. 22

23 Plano: a) Anunciar o assunto e inserir a tese. Abrir o assunto com entusiasmo, mostrando a importância do que se vai expor. É a hora de despertar e convidar o leitor. Apresentar previsões. 23

24 b)Desenvolver por partes: ideias principais e secundárias. Dizer uma coisa de cada vez. Preferencialmente, desenvolver uma ideia em cada parágrafo. Sugestão: começar pelo conhecido para chegar ao desconhecido; do simples ao mais complexo etc. 24

25 c) Concluir, deixando alguma coisa de tudo o que se disse. Resumir as ideias principais em poucas (e novas) palavras. Retomar a tese (ou proposta) que foi apresentada na introdução. Propor algo, se possível. Saber marcar com reflexões originais. 25

26 Elimine o excesso; confira se há ideias que divergem do tema proposto. 26

27 Ideias bem elaboradas são resultado do conhecimento que provém da reflexão. 27

28 A leitura crítica é um fator importante para a formação de um bom escritor. 28

29 Escrever compromete mais do que falar, porque marca. 29

30 30 Ao escrever me revelo um ser alienado ou alguém em busca de autoconhecimento, conhecimento do mundo e conhecimento do outro. No caso de um concurso, é através da sua redação que o leitor da banca vai formar uma opinião sobre você.

31 Organização de ideias no vestibular UEM GÊNERO TEXTUAL 2 O poema de Helena Kolody apresenta algumas funções dos sonhos mostradas nos fragmentos da coletânea. Redija, em até 15 linhas, uma resposta interpretativa, que indique quais são as funções dos sonhos presentes no poema e relacione, pelos menos, duas delas com os fragmentos dos textos da coletânea.

32 32 Agora, vamos aplicar a ordenação de ideias na leitura de uma questão discursiva aplicada pelo Cespe no concurso para Técnico do TCU de 2008.

33 A questão Em um texto dissertativo, conceitue e diferencie a anulação e a revogação dos atos administrativos. Extensão máxima: 10 linhas.

34 O que o examinador espera? Texto dissertativo. O que o enunciado pede? Conceito de anulação de atos administrativos. Conceito de revogação de atos administrativos. Diferença entre os dois conceitos.

35 O candidato deve organizar as ideias em dez linhas. Introdução, desenvolvimento e conclusão.

36 Exercício Ruy Castro

37

38 A R G U M E N T A Ç Ã O

39 Descriminalização das drogas ganha força no mundo Nesta semana a Argentina permitiu o porte de maconha para uso pessoal. A decisão da Suprema Corte do país efetivamente descriminaliza o consumo do produto. O argumento é uma mudança na política de combate às drogas, tirando o foco do consumidor e passando para a repressão da produção e da venda. No México e na Colômbia — países notórios por problemas com drogas — decisões similares foram tomadas neste ano.

40 No Brasil a situação é um pouco diferente. Embora não seja contra a lei o porte de pequenas quantidades de drogas para consumo pessoal, o usuário pode ser levado para a delegacia caso flagrado com o produto. De lá, ele é encaminhado a um juiz, que pode ordenar uma visita a centros de tratamentos de drogas, como o PROJAD (Programa de Estudos e Assistência ao Uso Indevido de drogas), coordenado pelo Dr. Marcelo Santos Cruz. (...)

41 Caro leitor, A descriminalização daria certo no Brasil? Investir no tratamento do usuário, e não com o foco na punição, seria uma atitude mais bem-sucedida? A descriminalização tira a responsabilidade do usuário pelo tráfico?

42 RESPOSTAS DO FÓRUM “A descriminalização das drogas é a verdadeira solução para o fim do tráfico de entorpecentes no país, e todos os malefícios que provoca. Primeiramente, o Brasil comercializa drogas igualmente letais, como o cigarro, cerca de 200 mil pessoas morrem por ano em decorrência do uso do tabaco e bebida alcoólica, que provoca 4% dos óbitos no mundo. Em segundo lugar, penso que nenhum usuário de drogas ilícitas deixa de consumir por ser ilegal e vendida em favelas, mas sim visando a sua saúde, tampouco a legalização das drogas de maneira alguma estimularia um crescente interesse no consumo, tendo em vista que o cigarro e o álcool estão disponíveis a qualquer um que seja maior de 18 anos, e nem por isso o seu consumo é predominante.

43 Um terceiro fator é a receita gerada pela venda de drogas, que patrocina diretamente a compra de armas usadas contra a população, fato que não ocorreria se o dinheiro fosse repassado ao governo (no caso de monopolizar a venda) e poderia ser investido em prol do povo, ou mesmo se a receita gerada fosse para os cofres das grandes indústrias farmacêuticas, que se não propiciaria algo de bom para o povo, ao menos não provocaria algo ruim. Por último, defendo a descriminalização por acreditar que todo homem deve ser livre para fazer suas escolhas, contanto que a sua liberdade não atinja a liberdade alheia, logo, o usuário que hoje é responsável pelo financiamento do tráfico e da violência urbana, que atinge outros, estaria livre dessa responsabilidade.” Opinião de Thiago Teixeira - Enviado em 28/08/2009 às 2:40 (...)

44 “Se o ex-presidente FHC concluiu que ocorreu um fracasso na luta contra as drogas isso não é sinônimo de liberar em geral. Ao contrário do cigarro, as drogas já se tem comprovação dos prejuízos cerebrais e cardíacos causados aos usuários e isso precisa ser levado em consideração. Se houver realmente discriminalização, a longo prazo haverá mais razões para a falência da assistência médica pública, pela incapacitação para o trabalho e, portanto, os usuários não serão apenas dependentes das drogas, mas da seguridade social e sem ter efetuado contribuições como trabalhadores produtivos, já que alguém que é viciado tem baixo nível de produtividade em sua vida naturalmente. Sou mais a favor de se utilizar hipnose, acupultura e outros métodos menos convencionais para tratar quem já está na condição de dependente e buscar formas efetivas para mostrar aos que não estão viciados que esta é uma maneira melhor de se viver.” (...) Opinião de Iria Barradas - Enviado em 28/08/2009 às 21:42

45 Vídeo. Parágrafo.


Carregar ppt "Londrina (PR) – Maringá (PR) Profª Sônia Maria M Cassiolato Aulas 100% presenciais :: Ano 2012 REDAÇÃO PARA CONCURSOS: Como organizar as ideias (Aula 03)"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google