A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

PSICOLOGIA POSITIVA Profª Lina Sue Matsumoto Aprimorada em Transtornos Alimentares (IPq-HC-FMUSP). Ex-professora de Psicologia Cognitiva na UNIP-SP. E-mail:

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "PSICOLOGIA POSITIVA Profª Lina Sue Matsumoto Aprimorada em Transtornos Alimentares (IPq-HC-FMUSP). Ex-professora de Psicologia Cognitiva na UNIP-SP. E-mail:"— Transcrição da apresentação:

1 PSICOLOGIA POSITIVA Profª Lina Sue Matsumoto Aprimorada em Transtornos Alimentares (IPq-HC-FMUSP). Ex-professora de Psicologia Cognitiva na UNIP-SP. Celular (11)

2 2 Martin Seligman é o fundador da PSICOLOGIA POSITIVA, um campo de estudo que examina os estados de saúde, tais como a FELICIDADE, FORÇA DE CARÁTER e OTIMISMO. PSICOLOGIA POSITIVA

3 3 Autor de diversos best-sellers sobre motivação e formação da personalidade (mais de 16 idiomas). Distinguished Scientific Contribution Awards, American Psychological Association, Laurel Award, American Association for Applied Psychology and Prevention, Lifetime Achievement Award, Society for Research in Psychopathology, William James Fellow Award (American Psychological Society), Foi diretor do programa de formação clínica no departamento de Psicologia da Universidade da Pensilvânia (14 anos), Foi presidente da APA, É diretor do Centro de Psicologia Positiva da Universidade da Pensilvânia

4 4 PSICOLOGIA POSITIVA APA  inúmeras mudanças estavam acontecendo nos EUA. 1º) Emergência de várias disciplinas acadêmicas : Psicologia, Economia, Ciência Política, Bioquímica e Fisiologia (formação de profissionais especialistas). 2º) Movimento Progressivo na Política : Busca por uma ordem social mais eficiente e menos corrupta. APA  Associação de Psicologia Americana Fundação = Julho de 1892 (Clark University). 1º Presidente = G. Stanley Hall (31 membros). 1ª reunião = Dez (Pennsylvania University). Após II Guerra Mundial = expansão e crescimento.

5 5 PSICOLOGIA POSITIVA PSICOLOGIA  Tinha três missões: 1)Curar as doenças mentais, 2)Tornar a vida das pessoas mais produtiva e feliz, 3)Identificar e criar talentos. PÓS-GUERRA  Apenas a 1ª missão ficou. Necessidade de tratar veteranos de guerra. MODELO DA DOENÇA: Pesquisas e Atendimentos clínicos focados no “reparo” dos danos e prejuízos provocados pelas patologias (Transtornos Mentais). Propiciou  o fortalecimento e o aperfeiçoamento das diversas terapias e tratamentos. Enfraqueceu  a investigação sobre os aspectos virtuosos dos seres humanos.

6 6 PSICOLOGIA POSITIVA Mas, houve também : Crescimento da psicologia como ciência. Interesse especial pela Psicologia Clínica e Psicologia Aplicada. Criação da Clínica Psicológica para os veteranos de guerra. Fundação do Instituto Nacional de Saúde Mental. “ERA DE OURO DA PSICOLOGIA”  Grandes investimentos em pesquisa e treinamento. Membros da APA = cresceu 630% (1945 a 1970)

7 7 PSICOLOGIA POSITIVA Presidentes da APA: APA: Maior associação de psicólogos do mundo. Missão: promover o avanço na criação, comunicação e aplicação do conhecimento psicológico a fim de beneficiar a sociedade e melhorar a vida das pessoas. Membros: Divisões: 54

8 8 PSICOLOGIA POSITIVA APA: Alguns avanços importantes : Nenhum tratamento para doenças mentais. Anos 90: Psicoterapia e Psicofarmacologia para o tratamento de 14 doenças. “ERA DOURADA” : Propiciou o estudo das patologias e a ciência psicológica produziu muitos experimentos importantes. Mas… … a psicologia ainda não era capaz de oferecer ferramentas para ajudar os indivíduos a prosperarem e a florescerem.

9 9 PSICOLOGIA POSITIVA DSM : Diagnostic and Statistical Manual of Mental Disorders (Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais) Cate- goriasAnoNº pág. DSM-I DSM-II DSM-III DSM-III-R DSM-IV DSM-IV-TR“2000“ DSM-V? ??

10 10 PSICOLOGIA POSITIVA FOCO NO NEGATIVO: Pesquisa no google com as palavras “Depression: DEPRESSÃO” “Happinnes: FELICIDADE”

11 11 PSICOLOGIA POSITIVA FOCO NO NEGATIVO: Na mídia: Internet, TV, rádio, cinema… Nas relações organizacionais: chefe, subordinados, prestadores de serviços… Nas escolas: alunos, professores, diretores… Nas famílias: pai, mãe, filhos, avós, netos, babás, motoristas… Aumento nas demandas sociais (globalização), urgências nas respostas (mundo virtual, conectados 24 hs)  inundação de ansiedade e estresse.

12 12 PSICOLOGIA POSITIVA Martin Seligman (2000) Promete melhorar a qualidade de vida dos indivíduos e prevenir as patologias. PSICOLOGIA POSITIVA: É a ciência que estuda a experiência subjetiva positiva, as potencialidades e virtudes humanas e as instituições que promovem a qualidade de vida, contribuindo para a compreensão e o desenvolvimento dos fatores que permitem a prosperidade dos indivíduos e comunidade ( Seligman & Czikszentmihalyi, American Psychologist, Janeiro de 2000)

13 13 PSICOLOGIA POSITIVA “A Psicologia não produzia conhecimento suficiente sobre os aspectos virtuosos e as forças pessoais que todos seres humanos possuem… necessidade de pesquisas sobre aspectos positivos como, por exemplo, esperança, criatividade, coragem, sabedoria, espiritualidade, felicidade” (Seligman & Czikszentmihalyi, American Psychologist, Jan/2000)

14 14 PSICOLOGIA POSITIVA “A Psicologia deveria possibilitar muito mais do que apenas reparar o que está errado, devendo identificar e fortalecer o que está bom.” (Seligman, 2002)

15 15 PSICOLOGIA POSITIVA “A Psicologia passa a ser praticamente um sinônimo de tratamento de doença mental. Sua missão histórica de fazer a vida das pessoas comuns mais produtiva e plena fica em segundo plano em relação à cura de desordens e às tentativas de identificar e apoiar gênios praticamente abandonados.” (Seligman, 2004)

16 16 PSICOLOGIA POSITIVA PSICOLOGIA POSITIVA: viver uma vida plena inclui: SATISFAÇÃO  Viver com alegria, felicidade e prazer = ter emoções positivas. ENGAJAMENTO  Viver o melhor de si. Usar as próprias forças e virtudes de caráter. SENTIDO  Encontrar um sentido na vida. RELACIONAMENTOS  Ter relacionamentos saudáveis, com vínculo e apoio mútuo. A felicidade revisitada: um estudo sobre bem-estar subjetivo na visão da psicologia positiva Fonte:

17 17 PSICOLOGIA POSITIVA Emoções Positivas Viver com alegria, felicidade e prazer. Ter emoções positivas. Engajamento Viver o melhor de si. Usar as próprias forças e virtudes de caráter. Relações Positivas Ter relaciona- mentos saudáveis, com vínculo e apoio mútuo. Sentido na vida Realização Introduzindo uma NOVA TEORIA DO BEM-ESTAR Centro de Psicologia Positiva da Universidade da Pensilvania Fonte:

18 18 PSICOLOGIA POSITIVA Objetivos: Contribuir para fortalecer competências (ao invés de corrigir deficiências), Estudar o que é típico, comum e usual, Re-construir qualidades positivas ( e não ficar restrito só em reparar o que está errado ou ruim), Fomentar ou nutrir o que existe de melhor ( e não apenas consertar ou descobrir o que está “quebrado” ou não funciona), Psicologia = não é filial da Medicina = é muito mais… envolvendo também trabalho, educação, afeto, superação e crescimento, A felicidade revisitada: um estudo sobre bem-estar subjetivo na visão da psicologia positiva Fonte:

19 19 PSICOLOGIA POSITIVA Crença nas habilidades e fatores saudáveis: 1)Estudo da emoção positiva; 2)Estudo dos traços ou qualidades positivas ; 3)Estudo das instituições positivas (democracia, família, liberdade). FÓRMULA DA FELICIDADE: H = S + C + V H = happiness (nível de felicidade constante) H = happiness (nível de felicidade constante) S = set range ( limites estabelecidos aos quais o sujeito está submetido) S = set range ( limites estabelecidos aos quais o sujeito está submetido) C = circumstances (circunstâncias da vida) C = circumstances (circunstâncias da vida) V = voluntary (fatores sob controle voluntário do sujeito) V = voluntary (fatores sob controle voluntário do sujeito)

20 20 PSICOLOGIA POSITIVA DESAMPARO APRENDIDO BEM-ESTARRESILIÊNCIAFLOWFELICIDADE PRINCIPAIS CONCEITOS :

21 21 PSICOLOGIA POSITIVA DESAMPARO APRENDIDO: ATIVIDADE EM SALA DE AULA.

22 22 PSICOLOGIA POSITIVA DESAMPARO APRENDIDO: Ocorre nos animais, quando são repetidamente submetidos a estímulos aversivos, dos quais eles não conseguem escapar. O animal desiste de evitar o estímulo aversivo, e se comporta como se fosse incapaz de mudar a situação (o DA o impossibilita de agir). Animais  Humanos: quando as pessoas sentem que tem controle sobre as situações, elas também passam a se comportar de uma maneira menos desamparado. Sem desamparo  capacidade para buscar oportunidades para a solução dos problemas – Seligman & Maier – descoberta acidental.

23 23 PSICOLOGIA POSITIVA DESAMPARO APRENDIDO: Observação do comportamento de desamparo em cães, classicamente condicionados para esperar um choque depois de ouvir uma sirene. Depois, os cães eram colocados numa caixa com 2 câmaras, separadas por uma barreira - chão eletrificado de um lado, mas não do outro. Os cães, previamente condicionados, não fizeram nenhum esforço para escapar do choque (bastava pular a barreira e ir para outro lado).

24 24 PSICOLOGIA POSITIVA DESAMPARO APRENDIDO: EXPERIMENTO: Três grupos de cães: 1)Usando guias por um período, depois eram soltos. 2)Usando guias, submetidos choques (ao pressionar uma barra com o nariz, cessava o choque). 3)Idem 2 (sem controle sobre duração do choque). Depois, os cães foram colocados na caixa. Os cães -G1 e G2- aprenderam a evitar o choque, pulando para o outro lado da caixa. Os cães -G3- nenhuma tentativa de escapar do choque (experiência prévia = DA = não há nada que eles pudessem fazer para evitar o choque).

25 25 PSICOLOGIA POSITIVA DESAMPARO APRENDIDO: DA  Seres humanos? Exemplo 1: Uma criança vai mal nas provas de matemática = começa a sentir que nada que faz tem algum efeito sobre suas notas  qualquer tarefa relacionada à matemática = vivencia DA. Exemplo 2: Um rapaz tímido numa situação social = acredita que nada pode mudar o que sente  evita todas situações sociais (insegurança) = agrava a timidez. Sintomas de depressão, ansiedade, fobias, timidez, solidão...  podem ser exacerbados pelo DA, num círculo negativo vicioso.

26 26 PSICOLOGIA POSITIVAFELICIDADE: A felicidade, que é o objetivo da Psicologia Positiva, não se resume a alcançar estados subjetivos momentâneos. Felicidade também inclui a idéia de uma vida autêntica. (Seligman, 2004) Autenticidade = ato de obter gratificação e emoção positiva atráves do exercício das próprias forças pessoais, que são caminhos naturais e permanentes para a gratificação (Seligman, 2004) A felicidade revisitada: um estudo sobre bem-estar subjetivo na visão da psicologia positiva Fonte:

27 27 PSICOLOGIA POSITIVA“FELICIDADE enquanto termo, é como COGNIÇÃO, no campo da Psicologia Cognitiva, e como APRENDIZAGEM dentro da teoria da aprendizagem: dão nome a um campo, mas não exercem qualquer papel nas teorias, dentro daqueles campos.” (Seligman, 2004) A felicidade revisitada: um estudo sobre bem-estar subjetivo na visão da psicologia positiva Fonte:

28 28 PSICOLOGIA POSITIVA A felicidade revisitada: um estudo sobre bem-estar subjetivo na visão da psicologia positiva Fonte: VIRTUDES FORÇAS DE CARÁTER VIRTUDES FORÇAS DE CARÁTER Sabedoria & Conhecimento Criatividade Transcendência Apreciação da Beleza CuriosidadeGratidão LucidezEsperança Gosto pela aprendizagemHumor Perspectiva (Sabedoria)Espiritualidade Coragem Bravura Temperança Perdão e Misericórdia Persistência Humildade e Modéstia IntegridadePrudência Vitalidade Auto-regulação (controle) Humanidade Amor Justiça Cidadania BondadeImparcialidade Inteligência SocialLiderança FELICIDADE:

29 29 PSICOLOGIA POSITIVA A felicidade revisitada: um estudo sobre bem-estar subjetivo na visão da psicologia positiva Fonte: FELICIDADE - As virtudes:

30 30 PSICOLOGIA POSITIVA A felicidade revisitada: um estudo sobre bem-estar subjetivo na visão da psicologia positiva Fonte: FELICIDADE - As virtudes:

31 31 PSICOLOGIA POSITIVA A felicidade revisitada: um estudo sobre bem-estar subjetivo na visão da psicologia positiva Fonte: FELICIDADE - As virtudes:

32 32 PSICOLOGIA POSITIVA A felicidade revisitada: um estudo sobre bem-estar subjetivo na visão da psicologia positiva Fonte: FELICIDADE - As virtudes:

33 33 PSICOLOGIA POSITIVA A felicidade revisitada: um estudo sobre bem-estar subjetivo na visão da psicologia positiva Fonte: FELICIDADE - As virtudes:

34 34 PSICOLOGIA POSITIVA A felicidade revisitada: um estudo sobre bem-estar subjetivo na visão da psicologia positiva Fonte: FELICIDADE - As virtudes:

35 35 PSICOLOGIA POSITIVAFELICIDADE: Paciência Perseverança Otimismo Gratidão Amizades Família Ternura Amor por si e pelo próximo Auto-estima Compaixão Atitude pró-ativa Consciência de seus potenciais Garra Critério Habilidade Curiosidade Inteligência Social e Emocional Perspectiva Valentia Integridade Habilidades e Competências Humildade Bondade Imparcialidade Autocontrole Lealdade Cidadania Prudência Esperança Bom humor Perdão Paixão Fé Tempo

36 36 PSICOLOGIA POSITIVA BEM-ESTAR SUBJETIVO: O bem-estar subjetivo corresponde à avaliação, tanto cognitiva quanto afetiva, que uma pessoa faz acerca de sua própria vida. Experiências emocionais agradáveis. Baixos níveis de humores negativos, Alta satisfação em relação à vida. A felicidade revisitada: um estudo sobre bem-estar subjetivo na visão da psicologia positiva Fonte:

37 37 PSICOLOGIA POSITIVA BEM-ESTAR SUBJETIVO: SATISFAÇÃO COM A VIDA (julgamentos em relação à própria vida) SATISFAÇÃO EM ÁREAS IMPORTANTES (em diferentes domínios) EMOÇÕES POSITIVAS (muitas experiências de emoções e humores agradáveis) BAIXOS NÍVEIS DE EMOÇÕES NEGATIVAS (poucas experiências de emoções e humores desprazeirosos) A felicidade revisitada: um estudo sobre bem-estar subjetivo na visão da psicologia positiva Fonte:

38 38 PSICOLOGIA POSITIVA FLOW (fluir): É um estado de concentração total na atividade que está sendo realizada, capaz de fazer com que o indivíduo perca a noção da realidade. Concentração intensa e focada (voltada para aquilo que a pessoa está fazendo no momento presente), Fusão entre ação e consciência (esta fusão provocará uma espécie de bloqueio da consciência). A felicidade revisitada: um estudo sobre bem-estar subjetivo na visão da psicologia positiva Fonte:

39 39 PSICOLOGIA POSITIVA FLOW (fluir): Psicólogo Mihaly Csikszentmihalyi = a partir do estudo do processo criativo, interessou-se pelo fenômeno da motivação intrínseca. Perda da auto-consciência reflexiva (a consciência de si mesmo como ator social). Sensação de controle sobre as próprias ações (saber como responder aos acontecimentos), Distorção da experiência temporal (noção de que o tempo passou mais rápido do que o normal). Experiência de que a atividade é intrinsecamente recompensadora ( o objetivo final é apenas uma desculpa para o processo). A felicidade revisitada: um estudo sobre bem-estar subjetivo na visão da psicologia positiva Fonte:

40 40 PSICOLOGIA POSITIVARESILIÊNCIA: É a propriedade pela qual a energia armazenada em um corpo deformado é devolvida quando cessa a tensão causadora duma deformação elástica (física). É a habilidade de uma substância de retornar à sua forma original, quando a pressão é removida: FLEXIBILIDADE. Resiliência de cárater: habilidade de voltar rapidamente para o seu usual estado de saúde ou de espírito, depois de passar por doenças, dificuldades, etc. Psicologia Positiva e Resiliência: O foco no indivíduo e na família Fonte:

41 41 PSICOLOGIA POSITIVA A saúde é mais do que apenas a ausência de doenças? SAÚDE POSITIVA Funcional Subjetivo Biológico Centro de Psicologia Positiva da Universidade da Pensilvania Fonte:

42 42 PSICOLOGIA POSITIVA Quais são os mecanismos neurais do flourishing? Quais as bases biológicas do altruísmo? NEUROCIÊNCIA POSITIVA Centro de Psicologia Positiva da Universidade da Pensilvania Fonte:

43 43 PSICOLOGIA POSITIVA Quais são as possibilidades de uma educação positiva? EDUCAÇÃO POSITIVA Centro de Psicologia Positiva da Universidade da Pensilvania Fonte: Habilidades de Bem-Estar Habilidades para realizações

44 44 PSICOLOGIA POSITIVA Centro de Psicologia Positiva da Universidade da Pensilvania Fonte: Incrementar o bem-estar Aliviar o sofrimento PSICOTERAPIA POSITIVA A Psicoterapia deveria buscar aliviar a depressão e incrementar o bem-estar das pessoas? De mais de 1 mil artigos publicados

45 45 PSICOLOGIA POSITIVA Centro de Psicologia Positiva da Universidade da Pensilvania Fonte: PROGRAMA PARA SOLDADOS Os soldados poderiam ser treinados para serem fisicamente e psicologicamente saudáveis? Inicio em Treinar mais de 1 milhão de soldados. Aumentar a resiliência e performance dos soldados.

46 46 PSICOLOGIA POSITIVA TCC + PSICOLOGIA POSITIVA: 1ª) integração através do uso das virtudes e forças pessoais, trazendo melhoras significativas para o paciente. 2ª) visão mais apreciativa das capacidades humanas identificando o que há de certo com as pessoas. 3º) 70% dos pacientes não tem diagnóstico psiquiátrico, e é possível criar, ampliar ou fortalecer os repertórios físicos, sociais, intelectuais, comportamentais e emocionais 4º) Ambas as teorias são baseadas em evidências científicamente comprovadas. Fronteiras da Psicologia Positiva e Terapia Cognitivo Comportamental

47 47 PSICOLOGIA POSITIVA TCC + PSICOLOGIA POSITIVA: Pesquisas em DEPRESSÃO: “não está apenas relacionada as emoções negativas, mas também a ausência de emoções positivas” TCC tradicional: modifica crenças e contesta pensamentos disfuncionais, que são recorrentes ao pessimista, trazendo-o para a realidade. Agregar TCC + PP: 1º) Interromper a espiral descendente, por modificar o estilo pessimista, comum aos depressivos. 2º) Após o tratamento, impulsionar para o otimismo funcional (na fase de manutenção). Fronteiras da Psicologia Positiva e Terapia Cognitivo Comportamental

48 48 PSICOLOGIA POSITIVA TCC + PP  PREVENÇÃO DE RECAÍDA Fronteiras da Psicologia Positiva e Terapia Cognitivo Comportamental Diminuir a vulnerabilidade a eventos negativos Fortalecer recursos internos Tarefas que promovam bem-estar duradouro Diminuir probabilidade de recaída Melhora na Qualidade de vida

49 49 PSICOLOGIA POSITIVA Você acredita que apenas 10% do que acontece no “mundo externo” influencia nossa felicidade? “ O Feliz Segredo Para Um Trabalho Melhor ” (“The happy secret to better work”) é o título da palestra de Shawn Achor (o professor da disciplina mais popular de Harvard University em 2006: PSICOLOGIA POSITIVA ). 1ª) que nossa ciência e nosso sistema de educação nos nivela por baixo, por uma média que nos mediocriza e inibe potencialidades, 2ª) que, ao invés de corrermos atrás de felicidade, que o jeito que escolhemos ver a realidade, muito mais do que acontece de fato, é o que altera praticamente tudo o que está relacionado ao que sentimos e buscamos para sermos felizes. THE HAPPY SECRET FOR A BETTER WORK

50 THE HAPPY SECRET FOR A BETTER WORK - PSICOLOGIA POSITIVA

51 51 PSICOLOGIA POSITIVA “ O Feliz Segredo Para Um Trabalho Melhor ” (Shawn Achor) “The happy secret to better work”  O que estamos descobrindo é que não é necessariamente a realidade que nos molda, mas as lentes através das quais o cérebro vê o mundo, que molda a sua realidade.  E, se nós conseguirmos mudar as lentes, não só podemos mudar sua felicidade, podemos mudar cada resultado educacional e empresarial, ao mesmo tempo.

52 52 PSICOLOGIA POSITIVA Pergunta: “Shawn, por que você perde tempo estudando felicidade em Harvard? Sério, o que pode ter um estudante de Harvard para sentir-se infeliz?” Implícito nessa pergunta está a chave para o entendimento da ciência da felicidade. O que esta pergunta presume é que o nosso mundo externo pode predizer nossos níveis de felicidade. Quando, na realidade, se sei tudo sobre seu mundo externo, só posso predizer 10% da sua felicidade a longo prazo. Assim, 90% da sua felicidade a longo prazo não é prevista pelo mundo externo, mas pela maneira que seu cérebro processa o mundo. E, se mudamos isto, se mudamos nossa fórmula da felicidade e sucesso, o que podemos fazer é mudar a forma, que podemos então afetar a realidade.

53 53 PSICOLOGIA POSITIVA Previsão da FELICIDADE a longo prazo : 10% = eventos externos 90% = eventos internos = a maneira como o seu cérebro processa o mundo

54 54 PSICOLOGIA POSITIVA SUCESSO PROFISSIONAL :

55 55 PSICOLOGIA POSITIVA FÓRMULA DA FELICIDADE: A ausência da doença não é saúde. Para chegar à saúde, precisamos inverter a fórmula da felicidade e sucesso. “Se eu trabalhar mais duro serei mais bem-sucedido” “Se eu for mais bem-sucedido, então serei mais feliz” Estas crenças fundamentam grande parte dos nossos estilos de paternidade, gestão, motivação, etc...

56 56 PSICOLOGIA POSITIVA Esta fórmula é científicamente incorreta e retrógrada, por dois motivos: 1º) cada vez que seu cérebro tem um sucesso, você somente alterou as regras do que é sucesso. “Tirei boas notas, mas tenho que tirar notas melhores” “Entrei numa boa escola, mas devo ir para uma melhor” “Consegui um bom emprego, mas quero um melhor ainda” 2º) e, se a felicidade está no lado oposto do sucesso, o seu cérebro nunca chega lá = o que fazemos é um empurrar a felicidade além do horizonte cognitivo.

57 57 PSICOLOGIA POSITIVA Se elevamos o nível de positivismo de uma pessoa no presente, então seu cérebro tem a experiência do que agora chamamos de VANTAGEM DA FELICIDADE. O cérebro no positivo desempenha significativamente melhor do que no negativo, neutro ou estressado. Sua inteligência, sua criatividade, seu nível de energia aumentam. De fato, todos os resultados das empresas melhoram. Um cérebro (+) é 31% mais produtivo. Você (+) é 37% melhor nas vendas. Os médicos (+) são 19% mais precisos no diagnóstico. Isso indica que nós podemos inverter a fórmula!

58 58 PSICOLOGIA POSITIVA Descobrimos que há maneiras de treinar o cérebro para que se torne mais (+). Exercícios ensinam seu cérebro que seu comportamento é importante. 1) Em intervalos de 2’, por 21 dias consecutivos, podemos realmente religar seu cérebro, permitindo que ele realmente trabalhe com mais otimismo e com mais sucesso. 2) Anotar uma experiência (+) que você tenha tido nas últimas 24 horas, possibilita seu cérebro de revivê-la. 3) Anotar 3 motivos novos a cada dia, pelos quais se sintam gratos, durante 21 dias consecutivos. No final deste período, seus cérebros começaram a reter um padrão de buscar no mundo, não o negativo, mas primeiro buscar o positivo. Anotar uma experiência (+) que você tenha tido nas últimas 24 horas possibilita seu cérebro de revivê-la.

59 59 PSICOLOGIA POSITIVA A meditação ajuda o cérebro a superar o TDAH. Atos aleatórios de gentileza, são atos conscientes de gentileza. Ao abrir suas caixa de entrada de , escreva um positivo, elogiando ou agradecendo alguém em sua rede social. Ao fazermos essas atividades e treinarmos o nosso cérebro tal como treinamos o nosso físico  podemos inverter a fórmula da felicidade e sucesso  criamos ondas de positividade. Porque a dopamina, que inunda seus sistema quando você é positivo, tem 2 funções: ela não só o faz mais feliz, mas também aciona todos os centros de aprendizagem do seu cérebro, permitindo-lhe adaptar ao mundo de forma diferente.

60 60 PSICOLOGIA POSITIVA Resiliência e Psicologia Positiva: Interfaces do Risco à Proteção – Débora D. Dell`aglio; Silvia H. Koller; Maria A. Mattar Yunes – 2006 – Casa do Psicólogo Psicologia Positiva – Uma Abordagem Científica e Prática das Qualidades Humanas – C. R. Synder e Shane J. Lopez – 2009 – Artmed Felicidade Autêntica – Usando a nova psicologia positiva para a realização permanente – Martin E. P. Seligman – 2004 – Objetiva Aprenda a Ser Otimista – Martin E. P. Seligman – 2005 – Nova Era

61 61 PSICOLOGIA POSITIVA APPAL Associação de Psicologia Positiva da América Latina online.org online.orghttp://www.appal- online.org Entrevista VEJA : Entrevista ÉPOCA: ,00-O+MITO+DA+FELICIDADE.html ,00-O+MITO+DA+FELICIDADE.htmlhttp://revistaepoca.globo.com/Revista/Epoca/0,,EMI ,00-O+MITO+DA+FELICIDADE.html Psicologia Positiva e Resiliência: O foco no indivíduo e na família ht tp://www.scielo.br/pdf/pe/v8nspe/v8nesa10.pdf ht tp://www.scielo.br/pdf/pe/v8nspe/v8nesa10.pdf Revolução positiva: Psicologia positiva e práticas apreciativas em contextos organizacionais A felicidade revisitada: um estudo sobre bem-estar subjetivo na visão da psicologia positiva Psicologia da Saúde e Psicologia Positiva: Perspectivas e Desafios Psicologia Positiva: uma nova abordagem para antigas questões Authentic Happiness : Penn Arts & Sciences : The pursuit of happiness: seligman seligmanwww.pursuit-of-happiness.org/history-of-happiness/martin- seligman BIBLIOGRAFIA:

62 62 PSICOLOGIA POSITIVA Profª Lina Sue Matsumoto Celular (11)


Carregar ppt "PSICOLOGIA POSITIVA Profª Lina Sue Matsumoto Aprimorada em Transtornos Alimentares (IPq-HC-FMUSP). Ex-professora de Psicologia Cognitiva na UNIP-SP. E-mail:"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google