A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Objetivo: Avaliar o desempenho de dez cultivares de aveia (quatro preta e seis branca) em termos de produção de massa verde e de massa seca a partir de.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Objetivo: Avaliar o desempenho de dez cultivares de aveia (quatro preta e seis branca) em termos de produção de massa verde e de massa seca a partir de."— Transcrição da apresentação:

1 Objetivo: Avaliar o desempenho de dez cultivares de aveia (quatro preta e seis branca) em termos de produção de massa verde e de massa seca a partir de vários cortes, além de seus hábitos de crescimento e formas de interação com o ambiente segundo as condições edafo-climáticas da região do município de Três de Maio, RS, para fins de produção de forragem. Ensaio Nacional de Aveias Forrageiras (ENAF) Três de Maio Material e Métodos: Delineamento experimental de blocos ao acaso com quatro repetições. Cada parcela foi instalada em cinco linhas de cinco metros de comprimento, espaçadas de 0,20 metros. Semeadura: efetuada manualmente, em sistema de semeadura direta sobre palhaça de soja, em 06 de maio, utilizando 300 sementes viáveis por metro quadrado. Adubação de manutenção: realizada conforme interpretação de análise de solo, sendo aplicados 200 kg.ha -1 da fórmula , depositados na linha de semeadura com auxílio de semeadora tracionada por trator. Emergência plena: 17 de maio, com adubação de cobertura realizada sempre após os cortes, utilizando 20 kg.ha -1 de nitrogênio na forma de uréia. O primeiro corte foi efetuado quando os materiais genéticos atingiram 20 a 25 cm de comprimento, deixando resíduo de 6 a 8 cm. Os cortes subsequentes ocorreram quando as plantas atingiram 30 a 35 cm, deixando-se resíduo de 8 cm, exceto o último (florescimento em 50 % das plantas). Avaliação: considerados quatro metros das três linhas centrais das parcelas, gerando área útil de 2,4 m 2. A partir do material colhido calculou-se a quantidade total de massa verde (MV), sendo que uma amostra de 100 gramas de cada parcela, a cada corte, foi levada à estufa a uma temperatura de 60 °C para a determinação da percentagem de massa seca (MS). Os resultados relativos à produção de MV e de MS foram submetidos à análise de variância e as médias comparadas pelo teste de Tukey ao nível de 5 % de significância (Tabela 1). Os materiais genéticos também foram analisados quanto ao hábito de crescimento (escore variável de 1 – vertical, até 9 – prostrado). Marcos Caraffa (Ms/SETREM ), Cinei T. Riffel (Drª/SETREM), Alcione J. Schuh (Acad. Agronomia/SETREM), Vanderlei A. Decker (Acad. Agronomia/SETREM) Conclusão Comparando o resultado das aveias pretas com as aveias brancas, sendo as primeiras cultivadas em área expressivamente maior que as segundas na região do estudo, a média de MS dos seis cultivares de aveia branca (4.154 kg ha -1 ) apresentou resultado 29,77% superior à média de MS dos quatro genótipos de aveia preta (3.201 kg ha -1 ). Este é um indicativo que reitera a importância de estudos que avaliem melhor os materiais forrageiros em uso na alimentação do gado leiteiro da região em foco, por ser possível de estarem gerando prejuízos aos produtores devidos aos baixos índices de massa seca apresentados. Referências: ADDINSOFT XLStat your data analysis solution. Lausanne: Addinsoft. COMISSÃO BRASILEIRA DE PESQUISA DE AVEIA Indicações técnicas para cultura da aveia: grãos e forrageira. Passo Fundo: UPF. ________ Indicações técnicas para cultura da aveia. Guarapuava: Fundação Agrária de Pesquisa Agropecuária. FONTANELI, R. S.; SANTOS, H. P.; FONTANELI, R. S Forrageiras para integração lavoura- pecuária-floresta na região sul-brasileira. Passo Fundo: Embrapa Trigo. LAKATOS, E. M.; MARCONI, M. A Fundamentos de metodologia científica. 6. ed. São Paulo: Atlas. LIMA, M Monografia da produção acadêmica. São Paulo: Saraiva. SANTOS, H. P. et al Principais forrageiras para integração lavoura-pecuária, sob plantio direto, nas regiões planalto e missões do Rio Grande do Sul. Passo Fundo: Embrapa Trigo. Tabela 1. Hábito de crescimento, número de cortes, rendimento de massa verde, percentagem de matéria seca e rendimento de massa seca do Ensaio Nacional de Aveias Forrageiras (ENAF), Três de Maio, RS, HábitoNúmeroMassaMassa Seca (kg.ha -1 )Massa Seca Genótiposcrescimentode cortesVerde1º2º3º4º5ºTotal (1-9) 1 efetuados(kg.ha- 1 )Corte (kg.ha- 1 ) FUNDACEPFAPA ab409 b545 a b c418 c924 a2296 a b4592a FAPA a490 a b471 a b c685 a633 a b2279 a b4558 a IPR abc386 b556 a b566 a b633 a b2142 a b c4283 ab IPR Suprema ab362 b589 a502 b c649 a b2101 a b c4203 ab IPR Esmeralda (T) abc471 a b443 a b c490 b c284 c2404 a4093 ab IAPAR 61 - Ibiporã ab379 b385 c421 c754 a b1940 b c3879 abc UPFA 21 Moreninha bc333 b416 b c478 b c585 b1185 d3626 bc EMBRAPA c474 a b491 a b c655 a528 b c1813 c3330 c URS Corona bc594 a515 a b c452 b c461 b c2022 a b c3192 c IPR Cabocla (T) d400 b449 a b c195 d924 a d Média C.V. (%) 8,915,314,511,619,0 8,68,23 1 "1" vertical e "9" prostrado. Médias seguidas de mesma letra não diferem estatisticamente entre si pelo teste de Tukey a 5 % de probabilidade. Resultados e Discussão: Quanto ao hábito de crescimento, o mais prostrado foi o apresentado pelos genótipos IPR 126 e FUNDACEPFAPA 43, enquanto o mais ereto ocorreu nos cultivares UPFA 21 Moreninha, IPR Esmeralda e URS Corona. O menor número de cortes ocorreu no genótipo IPR Cabocla (quatro), sendo que os demais materiais propiciaram cinco cortes cada. Quanto à massa verde (média kg ha -1 ) se destacou a aveia branca FAPA 2 ( kg ha -1 ), sem, no entanto, diferir significativamente dos cultivares FUNDACEPFAPA 43, IAPAR 61, IPR Suprema, IPR 126 e IPR Esmeralda. Referente à massa seca (média kg ha -1 ), destacou-se o genótipo FUNDACEPFAPA 43 (4.592 kg ha -1 ), sem se diferenciar estatisticamente dos cultivares FAPA 2, IPR 126, IPR Suprema, IPR Esmeralda e IAPAR 61. Os genótipos mais precoces, com menor intervalo de tempo entre a emergência e o primeiro corte, foram o IPR Esmeralda, EMBRAPA 139 e FAPA 2. embora o maior rendimento de MS no primeiro corte tenha sido apresentado pelo cultivar URS Corona. Comparando o resultado das aveias pretas com as aveias brancas, sendo as primeiras cultivadas em área expressivamente maior que as segundas na região do estudo, a média de MS dos seis cultivares de aveia branca (4.154 kg ha -1 ) apresentou resultado 29,77% superior à média de MS dos quatro genótipos de aveia preta (3.201 kg ha -1 ). Introdução: A aveia tem várias utilizações em uma propriedade rural. Além de possibilitar geração de recursos com a produção de grãos para alimentação humana e animal e servir de cobertura ao solo, pela palhada e melhoria nas condições físicas, químicas e biológicas do solo, as aveias são muito utilizadas para alimentação dos animais através de inserção em sistema de pastoreio ou ofertadas aos animais, no cocho, em condição de matéria verde, silagem ou feno (COMISSÃO BRASILEIRA DE PESQUISA DE AVEIA, 2006).


Carregar ppt "Objetivo: Avaliar o desempenho de dez cultivares de aveia (quatro preta e seis branca) em termos de produção de massa verde e de massa seca a partir de."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google