A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

YOGA SUTRAS PATÃNJALI. HISTÓRIA CULTURA VÉDICA TRATADO DE + - 2200 ANOS VEDAS E RITUAIS COSMOGÊNICOS PERIODO DE REFORMA DO CONTEXTO BRAMANICO SURGIMENTO.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "YOGA SUTRAS PATÃNJALI. HISTÓRIA CULTURA VÉDICA TRATADO DE + - 2200 ANOS VEDAS E RITUAIS COSMOGÊNICOS PERIODO DE REFORMA DO CONTEXTO BRAMANICO SURGIMENTO."— Transcrição da apresentação:

1 YOGA SUTRAS PATÃNJALI

2 HISTÓRIA CULTURA VÉDICA TRATADO DE ANOS VEDAS E RITUAIS COSMOGÊNICOS PERIODO DE REFORMA DO CONTEXTO BRAMANICO SURGIMENTO DE VARIOS TRATADOS FALANDO ESPECIFICAMENTE DO YOGA

3 QUEM FOI PATÃNJALI UMA PESSOA QUE VALEU POR MAIS DE 3 RE(V)FERENCIADO POR: TRATADO DE MEDICINA TRATADO DE GRAMÁTICA SANSCRITO CLASSICO (HERDEIRO DE PANINI) TRATADO DE YOGA SUTRAS

4 LENDA GONIKA ANANTA, NARAYANA E A DANÇA DE SHIVA COMPAIXÃO DE BRAHMA

5

6

7 YOGA E METAFISICA SAMKHYA PURUSHA – ESPIRITO, SELF SATCHITANANDA PRAKRITI – MATÉRIA SUBSTÂNCIA MAHAT – BUDDHI INTELIGENCIA AHAMKARA – EGO DIFERENCIADO MANAS – MENTE BINÁRIA, EMOCIONAL TANMATRAS – MEDIDAS DIVINAS OU SENTIDOS JNANA E KARMA ENDRIYAS MAHABHUTAS – 5 ELEMENTOS

8

9 O YOGA SUTRAS AFORISMOS 4 CARTILHAS 1 – CONCENTRAÇÃO (SAMADHI) 2 – PRÁTICA (SADHANA) 3 – SUPERPODERES (SIDDHIS) 4 – LIBERDADE (MOKSHA)

10 SAMADHI 1. Agora iniciamos a exposição do Yoga. 2. Yoga é a restrição das modificações da mente. 3. Então o Observador permanece nele mesmo. 4. Em outros momentos, o Observador parece assumir a forma da modificação mental.

11 VRTTIS Pramana, Viparyaya, Vikalpa, sono (sem sonhos) e recordação. Pramanas: Percepção, inferência e testemunho Viparyaya: ilusão objetiva Vikalpa: engano cognitivo Sono: ausencia sem observador Recordação: impressões latentes.

12 DESAPEGO -VAIRAGYA Pela prática disciplinada Asamprajnata samadhi pelo desapego geral Samprajnata: quando por disciplinas: fé reverencial, energia, recordação repetida, concentração e conhecimento real

13 OBSTÁCULOS Doença, Incompetência Dúvida Desilusão Preguiça Não- abstinência Concepção errônea E instabilidade para permanecer num estado yogui...

14 A mente torna-se purificada pelo cultivo dos sentimentos de amizade, compaixão, boa- vontade e indiferença respectivamente a criaturas felizes, miseráveis, virtuosas ou pecaminosas Pela expiração e restrição da respiração também (a mente é acalmada)

15 TRANQUILIZANDO A MENTE Percepção objetiva Livre de tristeza e radiante Contemplação livre de desejos Tomando as imagens dos sonhos e devaneios como objeto de contemplação Ou contemplando qualquer coisa que se queira

16 SADHANA Tapas (austeridade ou vigorosa auto-disciplina - mental, moral e física), Svadhyaya (repetição de Mantras sagrados ou o estudo da literatura sagrada) e Isvara-pranidhana (completa rendição a Deus) são Kriya- yoga

17 KLESHAS Avidya (concepção errônea sobre a natureza real das coisas), Asmita (egoismo), Raga (apego), Dvesa (aversão) e Abhinivesa (medo da morte)...são as cinco Klesas (aflições)

18 O SOFRIMENTO PODE SER EVITADO QUANDO SEPARAMOS O OBSERVADOR DAS IDENTIFICAÇÕES COM O OBSERVADO

19 ASHTANGA YOGA Yama(restrição), Niyama (observância), Asana (postura), Pranayama (regulação da respiração), Pratiahara (restrição dos sentidos), Dharana (fixação), Dhyana (meditação) e Samadhi (perfeita concentração),... são os oito meios de se alcançar o yoga.

20 YAMAS Ahimsa (não-violência), Satya (verdade), Asteya (abster-se do roubo), Brahmacharya (continência) e Aparigraha (abster-se da avareza),... são as cinco Yamas (formas de restrição).

21 NIYAMAS Saucha – pureza Santosha – contentamento Tapas – austeridade Svadhyaya – estudo das escrituras e recitação de mantras e Devoção a Isvara,... são as Niyamas (observâncias)

22 Quando estas restrições e observâncias são inibidas por pensamentos perversos, o oposto deve ser pensado

23 ASANAS Uma forma agradável e estável (de estar) é Asana (postura yogui) Pelo relaxamento do esforço e meditação no infinito (asanas são aperfeiçoadas) Disso vem a imunidade com relação a Dvandvas ou condições opostas Perfeição do corpo consiste em beleza, graça, força e firmeza adamantinas (asana) tendo sido aperfeiçoada, pode-se regular o fluxo da inspiração e expiração

24 PRANAYAMA Este (pranayama) tem uma operação externa (Vahya-vrtti), operação interna (Abhyantara- vrtti) e supressão (Stambha- vrtti). Isto ainda, quando observado de acordo com espaço, tempo e número torna-se longo e sutil O quarto pranayama transcende operações internas e externas. Através disso, o véu sobre a manifestação (do conhecimento) é rarefeito

25 (Então) a mente adquire condições para Dharana. Quando separados de seus objetos correspondentes, os órgãos seguem a natureza da mente (no momento), isto é chamado Pratyahara (restringir os órgãos) Isto gera supremo controle dos órgãos.

26 SUPERPODERES – SIDDHIS Dharana é a fixação da mente (Chitta) em um ponto particular no espaço Nela (Dharana) o fluxo contínuo de modificação mental similar é chamado Dhyana ou meditação Quando o objeto da meditação sozinho brilha na mente, como que desprovido até mesmo do pensamento do'Eu' (que está meditando), este estado é chamado Samadhi ou concentração. ISTO É CHAMADO SAMYAMA

27 yama - comportamento social niyama - disciplinas pessoais Bem-estar social ásana - o corpo físico pranayama - a respiração prathyahara - os sentidos Bem-estar físico dharana dhyana samadhi Bem estar mental

28 ASANA – PORTAL PRO YOGA REAL Aprofundamento em camadas: Annamaya kosha – estruturação anatômica Pranamaya kosha – organicidade e fisiologia Manomaya kosha – mentalidade e emotividade Vijnamaya kosha – intelectualidade e senso discriminativo Anandamaya kosha – bênçãos e méritos


Carregar ppt "YOGA SUTRAS PATÃNJALI. HISTÓRIA CULTURA VÉDICA TRATADO DE + - 2200 ANOS VEDAS E RITUAIS COSMOGÊNICOS PERIODO DE REFORMA DO CONTEXTO BRAMANICO SURGIMENTO."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google