A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

EDIÇÃO Universidade Veiga de Almeida -> Comunicação Social <- Profa. Érica Ribeiro Contato: Aula 2 27 de agosto de 2009 Notícia.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "EDIÇÃO Universidade Veiga de Almeida -> Comunicação Social <- Profa. Érica Ribeiro Contato: Aula 2 27 de agosto de 2009 Notícia."— Transcrição da apresentação:

1 EDIÇÃO Universidade Veiga de Almeida -> Comunicação Social <- Profa. Érica Ribeiro Contato: Aula 2 27 de agosto de 2009 Notícia X Reportagem Pauta Valor de um fato Reunião de pauta

2 Edição | Aula 2 | 27 de agosto de 2009 NOTÍCIA X REPORTAGEM Gêneros jornalísticos Relatos No entanto: Notícia Reportagem Cuida da cobertura de um fato ou de uma série de fatos e sua continuação (suíte) Levantamento de um assunto conforme um ângulo preestabelecido Noticia-se que um governo foi deposto ; fazem-se reportagens sobre a crise político-institucional, econômica, social, sobre a reconfiguração das relações internacionais... (LAGE, 2005, p. 47)

3 Edição | Aula 2 | 27 de agosto de 2009 PAUTAS A PAUTA é o principal fator que distancia os gêneros Planejamento, projeto do texto, traz informações sobre o que é para ser feito OBJETIVOS: 1.Planejar a edição 2.Garante a interpretação dos eventos de forma menos imediata, emocional e intempestiva 3.Diminui a pulverização de esforços em atividades improdutivas 4.Permite a gestão adequada dos meios e custos a serem utilizados ou investidos 5.Viabiliza a realização de pesquisa prévia para ampliar a cobertura.

4 Edição | Aula 2 | 27 de agosto de 2009 PAUTAS Notícia Reportagem São apenas indicações de fatos programados, da continuação de eventos já ocorridos e dos quais se espera desdobramentos. Deve indicar a forma como o assunto deverá ser abordado, que tipo e quantas ilustrações, o tempo de apuração, os descolamentos da equipe, o tamanho e até o estilo da matéria e pesquisa. Retranca / Assunto Fato gerador de interesse (gancho) Natureza da matéria (expositiva, narrativa) Contexto Linha editorial Aproveitamento Entrevistados, contatos Recursos, suportes Retranca / Assunto Evento Hora, local, mapas, etc Exigências da cobertura (credenciais, vestiments etc) Contatos Indicação de recursos e equipamentos Aproveitamento editorial (espaço, destaque)

5 Edição | Aula 2 | 27 de agosto de 2009 PAUTAS A pauta não é normativa, não estipula uma linha de ação a ser obrigatoriamente seguida: é uma tentativa de orientar e dirigir metodicamente o trabalho do repórter, dentro dos parâmetros previsto (BARBOSA e RABAÇA, 2001) Observações: Preconceitos ou pressupostos ajudam pouco ou atrapalham muito em jornalismo Estar atento ao que está ao redor: muitas matérias resultam de observações Disponilizar informações previmente e indicar fontes de pesquisa conhecidas para preparação da matéria. Em uma reunião de pauta, utilize material impresso, recortes, textos, imagens para desenvolver as ideias.

6 Edição | Aula 2 | 27 de agosto de 2009 VALOR DE UMA FATO O que faz um fato virar notícia de jornal? A seleção tem início no planejamento da edição, ou seja, durante a reunião de pauta. Essas pautas são hierarquizadas, ganhando maior ou menor destaque na publicação (edição). Não existe uma fórmula mágica para a escolha de notícias; assim, conhecer o seu leitor é um dos caminhos para se tomar decisões. Fatos de incontestável interesse geral e notícias de utilidade pública normalmente ocupam o topo dessa hierarquia A decisão sobre o que vai ou não ser publicado é função do gatekeeper, editor ou conselho editorial (Gatekeeping)

7 Edição | Aula 2 | 27 de agosto de 2009 VALOR DE UMA FATO Segundo ERBOLATO (1991, P.60), as notícias poderiam ser publicadas respeitando alguns critérios: Proximidade Marco geográfico Impacto Proeminência (celebridade) Aventura e conflito Consequências Humor (equívocos) Raridade Progresso Sexo e idade Interesse pessoal Interesse humano Importância Rivalidade Utilidade Política editorial do jornal Oportunidade Dinheiro Expectativa ou suspense Originalidade Culto de heróis Descobertas e invenções Datas comemorativas Repercussão Confidências

8 Edição | Aula 2 | 27 de agosto de 2009 VALOR DE UMA FATO Por outro lado, Junior traz para a discussão o fato da escolha exploram os filtros objetivos que dão suporte a decisões editoriais nem sempre objetivas. Exemplo: Matéria 1Matéria 2Matéria 3Matéria 4 Gatekeeper (como filtro) Falta de espaço, texto incompatível, falta de informações, linha editorial... Matéria 1Matéria 4

9 Edição | Aula 2 | 27 de agosto de 2009 *GATEKEEPING Como já dito: escolha do que será publicado ou não Normalmente, papel do editor Conceito do psicólogo social Kurt Lewin (1942), aplicado em um estudo sobre hábitos alimentares Em 1950, David Manning White aplica o conceito ao jornalismo para entender o fluxo de notícias De origem funcionalista, o conceito de gatekeeper jornalístico integra a teoria dos sistemas sociais como um racionalizador dos inputs (demandas informativas) que ingressam na black box, a caixa preta do sistema. O turbilhão de estímulos da realidade é captado pelo gatekeeper, filtrado em inputs, que serão processados pela caixa preta até virarem outputs (notícia editada), capazes de gerar reações que vão retroalimentar o sistema (feedback), num ciclo permanente (PEREIRA JUNIOR, 2006, p. 33)

10 Edição | Aula 2 | 27 de agosto de 2009 BIBLIOGRAFIA DE CONSULTA DA AULA BARBOSA, Gustavo e RABAÇA, Carlos Alberto. Dicionário de Comunicação – 2ª ed. rev. e atualizada. 3ª reimpressão. Rio de Janeiro: Elsevier, ERBOLATO, Mário L. Técnicas de codificação em Jornalismo: redação, captação e edição no jornal diário. São Paulo: Editora Ática, LAGE, Nilson. Estrutura da notícia. Série Princípios. São Paulo: Ed. Ática, ___________. A reportagem: teoria e técnica de entrevista e pesquisa jornalística – 6ª ed. Rio de Janeiro: Record, PEREIRA JUNIOR, Luiz Costa. Guia para a edição jornalística. Petrópolis, RJ: Vozes, 2006.

11 Edição | Aula 2 | 27 de agosto de ª REUNIÃO DE PAUTA Relembrando: Jornal Laboratório Foco -> Tijuca e adjacências Característica -> matérias curtas e voltadas para serviço Editorias*-> Saúde, Educação, Cultura, Esporte, Bairro, Lazer (Diversão) e Ciência e tecnologia. *Possibilidade de editoria de Comportamento Edições 5 e 6 Outubro e Novembro Turma dividida em dois DEAD LINE Matérias: 10/9 Produto final: 24/9 DESENVOLVER OS ASSUNTOS E ENTREGAR AO PROFESSOR A BASE DA MATÉRIA A SER APURADA (PAUTA) O EDITOR, JUNTO COM OS SUBS E DIAGRAMADORES, DEVERÃO PENSAR NA ORDENAÇÃO DAS MATÉRIAS (POSSIBILIDADES)


Carregar ppt "EDIÇÃO Universidade Veiga de Almeida -> Comunicação Social <- Profa. Érica Ribeiro Contato: Aula 2 27 de agosto de 2009 Notícia."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google