A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

TRANSFERÊNCIA DE EMBRIÕES EM EQÜINOS: ÍNDICE DE PRENHEZ COM O USO DE PROGESTERONA (P4). Camila Bossi Cordeiro¹; Pedro Henrique Martins Rodrigues¹ ; Marta.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "TRANSFERÊNCIA DE EMBRIÕES EM EQÜINOS: ÍNDICE DE PRENHEZ COM O USO DE PROGESTERONA (P4). Camila Bossi Cordeiro¹; Pedro Henrique Martins Rodrigues¹ ; Marta."— Transcrição da apresentação:

1 TRANSFERÊNCIA DE EMBRIÕES EM EQÜINOS: ÍNDICE DE PRENHEZ COM O USO DE PROGESTERONA (P4). Camila Bossi Cordeiro¹; Pedro Henrique Martins Rodrigues¹ ; Marta Luppi¹ ; Thyago Dércoli¹; Paulo Ari Tietbohl Leiria¹; Thaisa Furini¹; Caroline Oliveira¹. 1. Médicos Veterinários do Hospital Veterinário de Indaiatuba; A transferência de embriões (TE) é uma biotécnica que permite recolher embriões de uma fêmea doadora e transferi-los para fêmeas receptoras com a finalidade de completarem o período de gestação (GONÇALVES et al., 2008). Sua importância básica para produção animal consiste na possibilidade de uma fêmea produzir um número de descendentes superior ao que seria possível obter fisiologicamente na sua vida reprodutiva. Para o melhoramento zootécnico, ela é um importante instrumento, pois acelera e confere maior precisão de seleção animal, podendo ser também empregada para obter descendentes de fêmeas geneticamente superiores incapacitadas de conduzir uma gestação a termo, devido a distúrbios reprodutivos adquiridos sem caracterização genética, ou que estejam em atividade esportiva. Nos últimos anos a TE atingiu nível técnico consistente que tem possibilitado, de forma simples e segura a obtenção de expressivos resultados de colheita de embriões e taxas de gestação (GONÇALVES et al., 2008). Progestágenos tem sido utilizados no momento da inovulação por diferentes Médicos Veterinários na tentativa de melhorar as taxas de prenhez, sendo raros, os estudos controlados sobre o assunto. Introdução Fonte: Alvarenga, 2009 Objetivo O objetivo deste estudo é avaliar a influência do uso de progesterona (P4), no momento da inovulação, na taxa de prenhez em um grupo de éguas receptoras, de uma central comercial de transferência de embriões. Método Local: Central de Reprodução Animal, localizada no município de Elias Fausto,SP. Animais: 35 éguas doadoras de embriões; 102 éguas receptoras. Transferência de embriões: 111 inovulações no período de a Grupos: As receptoras foram divididas em dois grupos: G1: 71 éguas que receberam a administração de 600mg, IM de P4 de longa ação na inovulação; G2: 40 éguas no grupo controle ( sem administração de P4). GRÁFICO 1. Representação gráfica da taxa de prenhez do grupo de éguas no qual se aplicou progesterona na inovulação (G1). 1: 64% prenhes; 2: 36% não- prenhes GRÁFICO 2. Representação gráfica da taxa de prenhez do grupo de éguas no qual não se aplicou progesterona na inovulação (G2) 1: 45% prenhes; 2: 55% não- prenhes Resultados e Conclusões Os resultados do presente estudo mostram que administração exógena de progesterona do momento da inovulação dos embriões em um programa de TE, demonstrou tendência ( P = 0.09 ) em aumentar a taxa de prenhez, quando comparado com outro grupo no qual não se utilizou a progesterona. Estudos com maior número de animais são necessários para confirmar a tendência de melhora com uso da P4 bem como determinar as razões para esta melhoria.


Carregar ppt "TRANSFERÊNCIA DE EMBRIÕES EM EQÜINOS: ÍNDICE DE PRENHEZ COM O USO DE PROGESTERONA (P4). Camila Bossi Cordeiro¹; Pedro Henrique Martins Rodrigues¹ ; Marta."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google