A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

IBAD – PINDAMONHANGABA/SP A vontade de Deus através de Sua Palavra escrita.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "IBAD – PINDAMONHANGABA/SP A vontade de Deus através de Sua Palavra escrita."— Transcrição da apresentação:

1 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP A vontade de Deus através de Sua Palavra escrita

2 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  Discutiremos a respeito do surgimento, desenvolvimento e influência dos Livros Apócrifos durante a formação do Cânon.  Apócrifos: Frutos da obscuridade  Apócrifos do Antigo Testamento  Os Apócrifos do Novo Testamento  A igreja e os Apócrifos  Livros desaparecidos e outros apócrifos

3 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  Muitos textos retratam sobre aspectos da vida e ministério de Jesus, porém não foram obras autorizadas.  1.1 – O termo apócrifos  Apócrifos: Grego = coisas escondidas.  1.2 – O surgimento e a importância dos apócrifos  Não se pode determinar com precisão datas de surgimento.  Livros que trazem em suas páginas tradições e particularidades de comunidades judaicas.

4 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  1.3 – Aspectos históricos e a contribuição dos apócrifos  Estes textos tornam-se importantes para compreensão das escrituras sagradas, porém faz-se necessário o estudo exaustivo desses livros.  1.4 – A recusa dos apócrifos  Não bastava ter um certo valor literário, era preciso ter a inspiração Divina.  1.5 – A rejeição dos apócrifos  Na septuaginta forma incluído os livros apócrifos, isso não significou que foram considerados canônicos.  1.6 – Os apócrifos e as principais defesas  Dentre os diversos argumentos dos defensores dos livros apócrifos há dois que merecem destaque: o Cânon agostiniano e a resolução do concílio de Trento.  1.7 – os apócrifos e o Cânon: considerações  Estes livros servem em questões que envolvem historicidade, mas nunca inspirados por Deus.

5 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  Os apócrifos do AT são chamados de Deuterocanônicos pelos católicos.  2.1 – Natureza dos apócrifos do Antigo Testamento  Os apócrifos do AT redigidos no período interbíblico foram produzidos para consolar o povo na ausência da manifestação direta de Deus. ▪ 2.1.1 – Os livros considerados apócrifos pro católicos e protestantes ▪ 2.1.2 – Os livros considerados apócrifos pelos protestantes ▪ 2.1.3 – Os apócrifos católicos e principais argumentos

6 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  2.2 – Apócrifos do Antigo Testamento: Conteúdo  Os livros apócrifos que foram incluídos na septuaginta somam quinze textos: ▪ 2.2.1 – Sabedoria de Salomão ▪ 2.2.2 – Eclesiástico ▪ 2.2.3 – Tobias ▪ 2.2.4 – Judite ▪ 2.2.5 – I Esdras ▪ 2.2.6 – I Macabeus ▪ 2.2.7 – II Macabeus ▪ 2.2.8 – Baruque ▪ 2.2.8 – Epístola de Jeremias ▪ 2.2.9 – II Esdras ▪ 2.2.10 – Ester ▪ 2.2.11 – Oração de Azarias ▪ 2.2.12 – Susana ▪ 2.2.13 – Bel e o Dragão

7 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  No período do NT também existiu a presença de textos ilegítimos.  3.1 – Os apócrifos do Novo Testamento  Apesar de apresentarem um certo valor histórico, em virtude a tantas heresias, foram totalmente rejeitados pela igreja.  3.2 – Os princípios errôneos dos apócrifos do Novo Testamento  Textos que foram formados pela junção da lei mosaica e cristianismo.  Outros textos não eram de origem judaica, mas de idéias da época: O Gnosticismo.

8 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  3.3 – A Biblioteca de Nag Hammadi  Foi achado um texto que traduzidos trazem os principais ensinamentos do movimento gnóstico.  3.4 – O perigo dos textos apócrifos  Os textos apócrifos do Novo Testamento tenta mostrar que o Jesus da história era completamente diferente do Jesus dos quatro evangelhos.

9 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  Verificaremos livros que contém possíveis palavras de Jesus que não estão nos evangelhos.  4.1 – Ágrafos do Novo Testamento  Ágrafo: Grego = coisa não escrita.  4.2 – Homologoumena e Antelegomena do Novo Testamento  A igreja primitiva reconheceu logo de imediato vinte textos como legítimos. ▪ São chamados Homologoumena.  Livros que foram postos em dúvida antes de entrarem para o rol dos canônicos ▪ Estes eram chamados de Antilegomena.

10 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP ▪ 4.2.1 – Epístola aos Hebreus ▪ 4.2.2 – Epístola de Tiago ▪ 4.2.3 – A segunda Epístola de Pedro ▪ 4.2.4 – A segunda e a terceira epístola de João ▪ 4.2.5 – A epístola de Judas ▪ 4.2.6 – O livro de Apocalipse

11 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  Neste capítulo falaremos dos chamados livros desaparecidos.  5.1 – Livros desaparecidos  A bíblia nos fala de livros que não conhecemos (livros desaparecidos) ▪ 5.1.1 – As guerras do Senhor ▪ 5.1.2 – O livro dos Justos ▪ 5.1.3 – A história de Davi ▪ 5.1.4 – A história de Salomão ▪ 5.1.5 – As crônicas de Samuel ▪ 5.1.6 – As crônicas de Natã ▪ 5.1.7 – As crônicas de Gade ▪ 5.1.8 – A profecia de Ido ▪ 5.1.9 – A História de Semaías ▪ 5.1.10 – A carta aos coríntios ▪ 5.1.11 – A carta aos laodicenses

12 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  5.2 – Outros apócrifos  Assim como tiveram apócrifos no Antigo Testamento, no Novo Testamento também surgiram livros que buscaram seu lugar no Cânon sagrado. ▪ 5.2.1 – A epístola o Pastor de Hermas ▪ 5.2.2 – A epístola aos Coríntios ▪ 5.2.3 – A epístola do Pseudo-Barnabé ▪ 5.2.4 – A epístola dos doze apóstolos ▪ 5.2.5 – O Evangelho segundo os hebreus ▪ 5.2.6 – Os atos de Paulo e Tecla ▪ 5.2.7 – A epístola aos laodicenses ▪ 5.2.8 – O apocalipse de Pedro ▪ 5.2.9 – As epístolas de Inácio ▪ 5.2.10 – A epístola de Policarpo aos Filipenses


Carregar ppt "IBAD – PINDAMONHANGABA/SP A vontade de Deus através de Sua Palavra escrita."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google