A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Organismo Sistemas Órgãos Tecidos Células Martini (1989)

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Organismo Sistemas Órgãos Tecidos Células Martini (1989)"— Transcrição da apresentação:

1 Organismo Sistemas Órgãos Tecidos Células Martini (1989)

2 Tecido EpitelialTecido Muscular Tecido NervosoTecido Conjuntivo Welsch (1999)

3 TECIDO EPITELIAL

4 FUNÇÕES BÁSICAS: revestimento e secreção TECIDO EPITELIAL FUNÇÕES BÁSICAS: revestimento e secreção

5 Funções 1 - Transporte transcelular de moléculas. 2 - Secreção de muco, hormônios, enzimas etc. 3 - Absorção de material a partir de um lúmen. 4 - Proteção dos tecidos subjacentes contra abrasão e outras agressões. 5 - Controle do movimento de materiais entre os compartimentos do corpo através de permeabilidade seletiva das junções intercelulares. 6 - Detecção de sensações através de células epiteliais modificadas (neuroepitélios): corpúsculos gustativos, retina, células pilosas do ouvido etc.

6 Tipos de Tecido Epitelial EPITÉLIO DE REVESTIMENTO – proteção e revestimento das superfícies e cavidades do corpo EPITÉLIO DE REVESTIMENTO – proteção e revestimento das superfícies e cavidades do corpo EPITÉLIO GLANDULAR – células especializadas basicamente na produção de secreções, formando as glândulas EPITÉLIO GLANDULAR – células especializadas basicamente na produção de secreções, formando as glândulas NEUROEPITÉLIOS – células especializadas na captação de estímulos provenientes do ambiente (gosto, cheiro) NEUROEPITÉLIOS – células especializadas na captação de estímulos provenientes do ambiente (gosto, cheiro) Tipos de Tecido Epitelial EPITÉLIO DE REVESTIMENTO – proteção e revestimento das superfícies e cavidades do corpo EPITÉLIO DE REVESTIMENTO – proteção e revestimento das superfícies e cavidades do corpo EPITÉLIO GLANDULAR – células especializadas basicamente na produção de secreções, formando as glândulas EPITÉLIO GLANDULAR – células especializadas basicamente na produção de secreções, formando as glândulas NEUROEPITÉLIOS – células especializadas na captação de estímulos provenientes do ambiente (gosto, cheiro) NEUROEPITÉLIOS – células especializadas na captação de estímulos provenientes do ambiente (gosto, cheiro)

7 EPITÉLIO DE REVESTIMENTO

8 Epitélio de Revestimento Características - revestimento de todas as superfícies, cavidades e tubos do corpo - células dispostas em camadas contínuas - células justapostas com pouca substância intercelular (células com forma geralmente poliédrica) HE 400x

9 Características - células fortemente aderidas umas às outras através das junções celulares - células apresentam glicocálice - tecido sustentado por lâmina basal - tecido avascular (nutrição por difusão passiva de gases e nutrientes) Epitélio de Revestimento

10 Funções - divisão do organismo em compartimentos funcionais - difusão seletiva de substâncias - absorção e/ou secreção de substâncias - proteção física (barreira)

11 Epitélio de Revestimento Glicocálice (Glicocálix) - Camada rica em glicoproteínas que reveste a célula - Participa dos mecanismos de pinocitose, adesão e reconhecimento celular PAS/Hematoxilina 800xME

12 Epitélio de Revestimento Células Caliciformes - células epiteliais modificadas - sintetizam e secretam muco - epitélio dos tratos respiratório e gastrointestinal ME 5000x Alcian Blue 800x

13 Epitélio de Revestimento Membrana Basal - estrutura laminar especializada - proteínas da MEC: colágeno IV, laminina, fibronectina e proteoglicanas (GAG - sulfato de heparan) LÂMINA FIBRORRETICULAR (RETICULARIS) PASME LÂMINA BASAL (ME) MEMBRANA BASAL (MO)

14 Epitélio de Revestimento Membrana Basal 1. Lâmina basal: Lâmina lúcida externa Lâmina densa Lâmina lúcida interna Lâmina fibrorreticular

15 Epitélio de Revestimento Membrana Basal - adesão entre epitélio e conjuntivo - barreira permeável (nutrientes e gases) - controle da organização e diferenciação celular (regeneração epitelial, embriogênese)

16 Membrana Basal Garner, Hiatt (1999); Welsch (1999)

17 Membrana Basal Gartner, Hiatt (1999) ; Junqueira, Carneiro (1999) filtração de substâncias

18

19 - O citoesqueleto das células epiteliais é composto de três tipos principais de filamentos com funções interdependentes. Alberts et al. (1997) - Os filamentos de actina e os microtúbulos atuam em conjunto para polarizar a célula. - Os filamentos intermediários dão resistência mecânica à célula. Filamentos de ActinaMicrotúbulosFilamentos de Queratina

20 - A rede de filamentos de queratina mantém as células epiteliais unidas entre si, formando camadas celulares. Alberts et al. (1997) - Os filamentos de cada célula estão conectados indiretamente aos das células vizinhas através de estruturas de adesão (desmossomos). Células epiteliais em cultura

21 Imagem de microscopia confocal mostrando a expressão da K17 na rede de filamentos de queratina de células epiteliais cultivadas. a- K2 (verde) expressa na região superior de um epitélio espesso. b- K5 (verde) expressa apenas na camada de células basais. c- K10 (vermelho) expressa nas camadas suprabasais

22 Na doença genética humana epidermólise bolhosa, mutações nos genes da queratina destroem a rede de filamentos de queratina em células epiteliais, tornando-as muito sensíveis a injúrias mecânicas: um esmagamento suave pode rompê-las, formando vesículas na pele dos indivíduos afetados. Alberts et al. (1997)

23 Epidermólise bolhosa (mutação nos genes de K5 e K14). Hiperqueratose em indivíduo com eritroderma ictiosiforme bolhoso (mutações nos genes de K1 ou K10 suprabasais). Alopécia resultante de mutação no gene de citoqueratinas do folículo piloso

24 Epitélio de Revestimento Junções Celulares ME

25 Complexo juncional

26 Adesão e comunicação entre as células epiteliais

27 Zônula de Oclusão Faixa circular contínua ao redor das células epiteliais, onde as membranas de células vizinhas parecem se fundir em intervalos próximos; reduz a permeabilidade. Alberts et al. (1997); Gartner, Hiatt (1999); Martini (1989)

28 Zônula de Adesão Faixa circular contínua ao redor das células epiteliais onde as membranas vizinhas mantêm um espaço entre si, ocupado pelas partes extracelulares de proteínas de adesão (caderinas). Gartner, Hiatt (1999); Martini (1989)

29 Plexo Juncional: ADESÃO interdigitações desmossomos/hemidesmossomos zônula de adesão/contatos focais desmossomos

30 Epitélio de Revestimento Desmossomos Adesão célula-célula caderina-caderina (Ca +2 ) Hemidesmossomos Adesão célula-LB integrina-colágeno IV integrina-laminina ME x

31 Junções Comunicantes (Gap) 1- São poros aquosos (conexônios) formados por 6 proteínas transmembrana (conexinas), que permitem a passagem de íons e pequenas moléculas de uma célula para outra 2- Os conexônios podem ser regulados (abertos ou fechados) dependendo do pH ou concentração de cálcio. Alberts et al. (1997) 3- Importantes na embriogênese e em tecidos auto-excitáveis.

32 Epitélio de Revestimento Junções Celulares Funções: - aderência celular (resistência mecânica do epitélio) - vedamento do espaço intercelular - comunicação entre células adjacentes (metabólitos e informações)

33 Epitélio de Revestimento Especializações da Superfície Celular Microvilos (Microscopia Eletrônica) - projeções digitiformes - aumentam a área de superfície celular, facilitando absorção (intestino delgado) HE 320x ME 30000x

34 Microvilos 1- Projeções do citoplasma recobertas por membrana, cujo número e forma dependem da capacidade absortiva da célula; nas células intestinais e renais são altos e numerosos. Welsch (1999)

35 Microvilos 2- Seu interior é constituído por 25 a 30 filamentos de actina aderidos à extremidade apical, laterais e citoplasma celular; o esqueleto de actina é sustentado pela trama terminal (actina, espectrina, miosina e queratina). Gartner, Hiatt (1999); Welsch (1999) Borda estriada

36 Epitélio de Revestimento Especializações da Superfície Celular Cílios - estruturas móveis e alongadas - movimentos coordenados (trato respiratório e tuba uterina) Azul toluidina 800x ME 20000x

37 Cílios Seu interior contém um complexo de microtúbulos uniformemente arranjados, conhecido como axonema: um par de microtúbulos central e nove pares periféricos. Gartner, Hiatt (1999); Martini (1989) Muitos complexos protéicos elásticos estão associados ao axonema: a nexina prende os pares entre si e a dineína exerce a força motora.

38 Epitélio de Revestimento Classificação dos Epitélios de Revestimento 1) Quanto ao Número de Camadas Celulares: - Simples: 1 camada de células (Pseudoestratificado: 1 camada células, núcleos em alturas diferentes) - Estratificado: mais de 1 camada de células

39 Epitélio de Revestimento Classificação dos Epitélios de Revestimento 2) Quanto à Forma da Célula (camada superior) : - Pavimentoso: forma da célula e do núcleo achatada - Cúbico: forma cúbica e núcleo mais arredondado - Prismático (colunar, cilíndrico): células mais altas e núcleo alongado

40 Forma variável, desde achatada até cilíndrica alta, passando por todas as formas intermediárias. A forma do núcleo acompanha a forma da célula. Gartner, Hiatt (1999) Epitélio de Revestimento

41 Classificação dos Epitélios de Revestimento 3) Quanto à Presença de Especializações de Superfície: - Queratinizado (ceratinizado): presença de queratina na superfície - Ciliado: presença de cílios na superfície

42 Epitélio de Revestimento Epitélio Simples Pavimentoso (Número) (Forma) (endotélio, mesotélio)

43 Epitélio de Revestimento Epitélio Simples Cúbico (Número) (Forma) (tubo coletor do rim, útero)

44 Epitélio de Revestimento Epitélio Simples Prismático (Número) (Forma) * Núcleos alongados e polarizados (intestino)

45 Epitélio de Revestimento Epitélio Pseudoestratificado Prismático Ciliado (Número)(Forma) (Especialização) Faixa de citoplasma superficial Cílios não ocorrem em epitélio estratificado (trato respiratório)

46 Epitélio de Revestimento Epitélio Estratificado Pavimentoso (esôfago, cavidade bucal)

47 Epitélio de Revestimento Epitélio Estratificado Pavimentoso Queratinizado (ceratinizado) (pele) * Queratinização ocorre somente em epitélio estratificado

48 Epitélio de Revestimento Epitélio de Transição (bexiga) * Epitélio estratificado * Células superficiais grandes, globosas, com contornos arredondados e núcleos redondos * Faixa de citoplasma superficial mais corada

49 Epitélio de Revestimento

50

51

52 HE

53 Epitélio de Revestimento

54

55

56

57

58 HE PAS


Carregar ppt "Organismo Sistemas Órgãos Tecidos Células Martini (1989)"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google