A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Evolução Histórica da Saúde Ambiental. O que diz a história.... A importância do saneamento e sua associação à saúde humana remontam às mais antigas culturas.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Evolução Histórica da Saúde Ambiental. O que diz a história.... A importância do saneamento e sua associação à saúde humana remontam às mais antigas culturas."— Transcrição da apresentação:

1 Evolução Histórica da Saúde Ambiental

2 O que diz a história.... A importância do saneamento e sua associação à saúde humana remontam às mais antigas culturas. O saneamento desenvolveu-se de acordo com a evolução das diversas civilizações, ora retrocedendo com a queda das mesmas, ora renascendo com o aparecimento de outras.

3 O que diz a história.... O velho testamento já apresentava abordagens sobre as práticas sanitárias, para evitar doenças; Em se tratando de antigas culturas, existem relatos de tradições médicas na Índia do ano de a. C., que recomendavam que água impura deveria ser purificada. Logo já tinha uma grande preocupação na qualidade da água, mesmo que sendo para seguir uma tradição. O Homem passa a perceber que a vida em comunidade poderia trazer perigos a sua saúde, e passa a tentar meios de evitar que isso aconteça..

4 O que diz a história.... A partir do século IV a.C. começa um primeiro esforço para relacionar o meio físico com as doenças. O avanço das práticas sanitárias coletivas tem sua expressão mais marcante na antiguidade, nos aquedutos, banhos públicos, temas e esgotos romanos, tendo como símbolo a Cloaca Máxima Romana.

5

6 O que diz a história.... Em 1854, já era comprovada cientificamente a associação entre fontes de água consumida pela população de Londres e a incidência de cólera, como um fato histórico de saúde pública. A implementação de sistemas coletivos de saneamento, iniciado no século passado, mostra um progressivo reflexo positivo sobre a saúde. Nos EUA, o decréscimo da mortalidade por febre-tifóide foi resultante do aumento no abastecimento de água para parte da população no período de 1885 a 1940.

7 O que diz a história.... A partir da década de 50, o crescimento urbano foi acelerado com uma periferia física e sócio-econômica que avançou desastrosamente, sobre os espaços vitais da cidade, como áreas de proteção aos mananciais, em condições precárias de saneamento.

8 O que diz a história.... Na década de 60, diante da constatação de grandes dificuldades em relação aos benefícios do saneamento, surgiu a questão se ele realmente existia e era importante. Na década de 70, predominava a visão de que os avanços no setor de tratamento da água e esgoto, nos países em desenvolvimento, reduziriam as taxas de mortalidade. A política para a área de saúde, vinda dos órgãos internacionais de desenvolvimento, priorizava a atenção primária a saúde em relação ao tratamento e prevenção de doenças do que o saneamento.

9 O que diz a história.... A década de 80, foi declarada pela ONU como à Década Internacional do Abastecimento de Água e do Esgotamento Sanitário, onde se teve bases para estudos que reafirmaram a importância da relação de saneamento e saúde, visando melhorar as condições de vida da população. Investimentos em saneamento, principalmente no tratamento de esgotos, diminui a incidência de doenças e internações hospitalares e evita o comprometimento dos recursos hídricos do município.

10

11 O Que diz a Constituição... Diz a Constituição Federal em seu Art. 225: Todos têm direito ao Meio Ambiente ecologicamente equilibrado... §1° Para assegurar a efetividade desse direito incumbe ao Poder Público:...VI – Promover a Educação Ambiental em todos os níveis de ensino e a consciência pública para a preservação do meio ambiente.

12

13 Enfim... A poluição do meio ambiente é assunto de interesse público em todos as partes do mundo. Não apenas os países desenvolvidos vêm sendo afetados pelos problemas ambientais, como também os países em desenvolvimento. O meio ambiente é universal, por isso cuidá-lo é responsabilidade de todos.

14

15 Educação Sanitária e Ambiental A educação ambiental é entendida como um processo, através do qual o individuo e a coletividade constrói valores sociais, conhecimento, atitudes, interesse ativo e competências voltadas para uma abordagem estratégica que privilegia a participação da população envolvida na busca de soluções viáveis para os problemas de saneamento ambiental, uma das ferramentas das mais importantes é a Educação Sanitária e Ambiental pautada na concepção de um planejamento que visa resultados positivos, benefícios para a qualidade de vida saudável, em todos os níveis.

16 Existem inúmeras atividades humanas que geram impactos de menor ou maior intensidade no meio ambiente. A disposição dos dejetos humanos apresenta um valor sanitário muito grande, as importâncias sanitárias, econômica e social variam de acordo com cada situação particular, aumentando seus níveis com o crescimento da população e da concentração desta população em espaços menores.

17 Hoje em dia as ações individuais são de extrema importância, onde cada um deve exercer o seu papel, no qual inserido no contexto deve participar desde a implantação, operação e manutenção até sua utilização, não devendo esperar que apenas os órgãos públicos façam o seu papel.


Carregar ppt "Evolução Histórica da Saúde Ambiental. O que diz a história.... A importância do saneamento e sua associação à saúde humana remontam às mais antigas culturas."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google