A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1. INTRODUÇÃO – TEMA E PROBLEMATIZAÇÃO 2. JUSTIFICATIVA 3. OBJETIVOS 3.1 GERAL 3.2 ESPECÍFICOS 4. METODOLOGIA DA PESQUISA 5. CRONOGRAMA 6. REFERÊNCIAS.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1. INTRODUÇÃO – TEMA E PROBLEMATIZAÇÃO 2. JUSTIFICATIVA 3. OBJETIVOS 3.1 GERAL 3.2 ESPECÍFICOS 4. METODOLOGIA DA PESQUISA 5. CRONOGRAMA 6. REFERÊNCIAS."— Transcrição da apresentação:

1 1. INTRODUÇÃO – TEMA E PROBLEMATIZAÇÃO 2. JUSTIFICATIVA 3. OBJETIVOS 3.1 GERAL 3.2 ESPECÍFICOS 4. METODOLOGIA DA PESQUISA 5. CRONOGRAMA 6. REFERÊNCIAS ESTÁGIO SUPERVISIONADO I INTRODUÇÃO – ELABORAÇÃO DE PROJETO

2 1. INTRODUÇÃO – TEMA E PROBLEMATIZAÇÃO (Arial ou Times 14 em negrito) Todos os Títulos Introdução é a apresentação rápida do assunto abordado e seu mérito. É uma seção na qual se aguça a curiosidade do leitor. Problematização é a transformação de uma necessidade humana em problema. É uma questão não resolvida, é algo para o qual se vai buscar resposta, via pesquisa. Todos os tópicos devem ser elaborados dentro das Normas da ABNT. ESTÁGIO SUPERVISIONADO I INTRODUÇÃO – ELABORAÇÃO DE PROJETO

3 2. JUSTIFICATIVA Responde a pergunta por que fazer o trabalho, procurando os antecedentes do problema e a relevância do assunto/tema, argumentando sobre a importância prático teórica, colocando as possíveis contribuições esperadas. ESTÁGIO SUPERVISIONADO I INTRODUÇÃO – ELABORAÇÃO DE PROJETO

4 3. OBJETIVOS Refere-se à indicação do que é pretendido com a realização do estudo ou pesquisa e quais os resultados que se pretende alcançar. Os objetivos devem ser redigidos com verbos no infinitivo, exemplo: identificar, compreender, analisar. ESTÁGIO SUPERVISIONADO I INTRODUÇÃO – ELABORAÇÃO DE PROJETO

5 3.1 GERAL Procura dar uma visão global e abrangente do tema, definindo de modo amplo, o que se pretende alcançar. Quando alcançado dá a resposta ao problema. ESTÁGIO SUPERVISIONADO I INTRODUÇÃO – ELABORAÇÃO DE PROJETO

6 3.2 ESPECÍFICOS Tratam dos aspectos concretos que serão abordados na pesquisa e que irão contribuir para se atingir o objetivo geral. ESTÁGIO SUPERVISIONADO I INTRODUÇÃO – ELABORAÇÃO DE PROJETO

7 4. METODOLOGIA DA PESQUISA Metodologia significa estudo do método. É o procedimento geral. É o caminho percorrido em uma investigação. Mostra como se irá responder aos objetivos estabelecidos. Deve se ajustar aos objetivos específicos. A metodologia deve apresentar: - O tipo de pesquisa - Universo e Amostra - Instrumentos de coletas de dados - Método de análise ESTÁGIO SUPERVISIONADO I INTRODUÇÃO – ELABORAÇÃO DE PROJETO

8 5.REFERÊNCIAS Nessa parte são exibidos os livros, sites, revistas, enfim, todo o material que foi consultado para elaboração do trabalho. Tudo de acordo com as normas da ABNT. ESTÁGIO SUPERVISIONADO I INTRODUÇÃO – ELABORAÇÃO DE PROJETO

9 ESTÁGIO SUPERVISIONADO I INTRODUÇÃO – ELABORAÇÃO DE PROJETO Tipos de pesquisas Pesquisa bibliográfica A pesquisa bibliográfica abrange a leitura, análise e interpretação de livros, periódicos, textos legais, documentos mimeografados ou xerocopiados, mapas, fotos, manuscritos etc. Pesquisa descritiva A pesquisa descritiva usa padrões textuais como, por exemplo, questionários para identificação do conhecimento. O IBGE realiza pesquisas descritivas. A pesquisa descritiva tem por finalidade observar, registrar e analisar os fenônemos sem, entretanto, entrar no mérito de seu conteúdo. Pesquisa laboratorial Comumente, este tipo de pesquisa é confundido com pesquisa experimental, o que é um equívoco. Embora a maioria das pesquisas de laboratório seja experimental, muitas vezes as ciências humanas e sociais lançam mão de pesquisa de laboratório sem que se trate de estudos experimentais.

10 ESTÁGIO SUPERVISIONADO I INTRODUÇÃO – ELABORAÇÃO DE PROJETO Tipos de pesquisas Pesquisa Experimental Pesquisas experimentais são investigações de pesquisa empírica que têm como principal finalidade testar hipóteses que dizem respeito a relações de causa e efeito. Pesquisa de campo A pesquisa de campo procede à observação de fatos e fenômenos exatamente como ocorrem no real, à coleta de dados referentes aos mesmos e, finalmente, à análise e interpretação desses dados, com base numa fundamentação teórica consistente, objetivando compreender e explicar o problema pesquisado. Pesquisa acadêmica A pesquisa acadêmica é realizada no âmbito da academia (universidade, faculdade ou outra instituição de ensino superior), conduzida por pesquisadores que, via de regra, são também professores universitário. A pesquisa acadêmica é um dos três pilares da atividade universitária, junto com o ensino e a extensão, visando a produzir conhecimento especificamente para uma disciplina acadêmica pré-existente. Visa relacionar os aspectos objetivos e subjetivos da realidade que envolve o objeto a ser pesquisado.

11 ESTÁGIO SUPERVISIONADO I INTRODUÇÃO – ELABORAÇÃO DE PROJETO Tipos de pesquisas Pesquisa Exploratória Na pesquisa exploratória estuda-se um fenômeno atual, ainda pouco examinado entre as comunidades. As investigações desta natureza objetivam aproximar o pesquisador do fenômeno para que este familiarizar-se com as características e peculiaridades do tema a ser explorado, para assim desvendar obtendo percepções, idéias desconhecidas e inovadoras sobre os mesmos. Subsídios que servirão para descrever os elementos e situações do tema explorado de forma mais precisa.

12 ESTÁGIO SUPERVISIONADO I INTRODUÇÃO – ELABORAÇÃO DE PROJETO Tipos de pesquisas Pesquisa Exploratória Na pesquisa exploratória estuda-se um fenômeno atual, ainda pouco examinado entre as comunidades. As investigações desta natureza objetivam aproximar o pesquisador do fenômeno para que este familiarizar-se com as características e peculiaridades do tema a ser explorado, para assim desvendar obtendo percepções, idéias desconhecidas e inovadoras sobre os mesmos. Subsídios que servirão para descrever os elementos e situações do tema explorado de forma mais precisa.

13 ESTÁGIO SUPERVISIONADO I INTRODUÇÃO – ELABORAÇÃO DE PROJETO Pesquisas Quantitativa e Qualitativa PESQUISA QUALITATIVA Tem caráter exploratório, isto é, estimula os entrevistados a pensarem livremente sobre algum tema, objeto ou conceito. Mostra aspectos subjetivos e atingem motivações não explícitas, ou mesmo conscientes, de maneira espontânea. É utilizada quando se busca percepções e entendimento sobre a natureza geral de uma questão, abrindo espaço para a interpretação. É uma pesquisa indutiva, isto é, o pesquisador desenvolve conceitos, idéias e entendimentos a partir de padrões encontrados nos dados, ao invés de coletar dados para comprovar teorias, hipóteses e modelos pré-concebidos.

14 ESTÁGIO SUPERVISIONADO I INTRODUÇÃO – ELABORAÇÃO DE PROJETO Pesquisas Quantitativa e Qualitativa PESQUISA QUANTITATIVA É mais adequada para apurar opiniões e atitudes explícitas e conscientes dos entrevistados, pois utiliza instrumentos estruturados (questionários). Deve ser representativa de um determinado universo de modo que seus dados possam ser generalizados e projetados para aquele universo. Seu objetivo é mensurar e permitir o teste de hipóteses, já que os resultados são concretos e menos passíveis de erros de interpretação. Em muitos casos cria-se índices que podem ser comparados ao longo do tempo, permitindo traçar um histórico de informação. Mostra-se apropriada quando existe a possibilidade de medidas quantificáveis de variáveis e inferências a partir de amostras numéricas, ou busca padrões numéricos relacionados a conceitos cotidianos.

15 ESTÁGIO SUPERVISIONADO I INTRODUÇÃO – ELABORAÇÃO DE PROJETO Pesquisas Quantitativa e Qualitativa MÉTODOS DE COLETAS DE DADOS Amostra Qualitativa: não há preocupação em projetar resultados à população. O número de entrevistados geralmente é pequeno. Quantitativa: exige um número maior de entrevistados para garantir maior exatidão nos resultados. Os dados são divulgados para a população Entrevista Qualitativa: são feitas discussões em grupo, conhecidas também como mesa- redonda, e entrevistas em profundidade em que é feito um pré-agendamento do entrevistado e sua aplicação é individual. Quantitativa: o entrevistado identifica as pessoas que serão entrevistadas pelos seguintes critérios: sexo, idade, ramo de atividade, localização geográfica, etc Questionário Qualitativa: geralmente as informações são coletadas por meio de um roteiro. As opiniões são gravadas e depois analisadas. Quantitativa: as informações são colhidas por meio de um questionário padronizado e uniformizado, com perguntas claras e objetivas

16 ESTÁGIO SUPERVISIONADO I INTRODUÇÃO – ELABORAÇÃO DE PROJETO Pesquisas Quantitativa e Qualitativa MÉTODOS DE COLETAS DE DADOS Relatório Qualitativa: as informações são analisadas de acordo com o roteiro aplicado e registradas em relatório, dando ênfase às opiniões, comentários e frases. Quantitativa: além de interpretações e conclusões, deve mostrar tabelas de percentuais e gráficos.

17 ESTÁGIO SUPERVISIONADO I INTRODUÇÃO – ELABORAÇÃO DE PROJETO Pesquisas Quantitativa e Qualitativa REFERÊNCIAS ALVES-MAZZOTTI, Alda Judith, GEWANDSZNAJDER, Fernando. O método nas ciências naturais e sociais: pesquisa quantitativa e qualitativa. 2. ed. São Paulo: Pioneira, ANDRADE, Maria Margarida de. Introdução à metodologia do trabalho científico. 6.ed. São Paulo: Atlas, LAKATOS, Eva Maria, MARCONI, Marina de Andrade. Fundamentos de metodologia científica. 3.ed. rev. e ampl. São Paulo: Atlas, MARCONI, Marina de Andrade, LAKATOS, Eva Maria. Técnicas de pesquisa: planejamento e execução de pesquisas, amostragens e técnicas de pesquisa, elaboração, análise e interpretação de dados. 4. ed. rev. e ampl. São Paulo: Atlas, 1999.


Carregar ppt "1. INTRODUÇÃO – TEMA E PROBLEMATIZAÇÃO 2. JUSTIFICATIVA 3. OBJETIVOS 3.1 GERAL 3.2 ESPECÍFICOS 4. METODOLOGIA DA PESQUISA 5. CRONOGRAMA 6. REFERÊNCIAS."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google