A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

FISIOTERAPIA NA ANTIGÜIDADE Disciplina: História da Fisioterapia Profª: Rita de Cássia Paula Souza.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "FISIOTERAPIA NA ANTIGÜIDADE Disciplina: História da Fisioterapia Profª: Rita de Cássia Paula Souza."— Transcrição da apresentação:

1 FISIOTERAPIA NA ANTIGÜIDADE Disciplina: História da Fisioterapia Profª: Rita de Cássia Paula Souza

2 2 DIFERENÇAS INCÔMODAS: ANTIGÜIDADE - (4.000 a.C. E 395 d.C.): FORTE PREOCUPAÇÃO COM PESSOAS QUE APRESENTAVAM "DIFERENÇAS INCOMODAS. TERMO UTILIZADO NA ÉPOCA PARA "DOENÇA".

3 3 RECURSOS: PREOCUPAÇÃO: ELIMINAR DIFERENÇAS INCOMODAS ATRAVÉS DE: RECURSOS, TÉCNICAS, INSTRUMENTOS, PROCEDIMENTOS. AGENTES FÍSICOS JÁ ERAM UTILIZADOS PARA REDUZIR ESSAS DIFERENÇAS.

4 4 AGENTES FÍSICOS: MÉDICOS NA ANTIGÜIDADE CONHECIAM OS AGENTES FÍSICOS E OS EMPREGAVAM EM TERAPIA. UTILIZAVAM A ELETROTERAPIA (CHOQUES COM PEIXE ELÉTRICO) NO TRATAMENTO DE CERTAS DOENÇAS. FORMAS DE MOVIMENTO COMO RECURSO TERAPÊUTICO REMONTA VÁRIOS SÉCULOS ANTES DA ERA CRISTÃ.

5 5 MOVIMENTO: NESSA ÉPOCA ACREDITAVA-SE QUE O USO DA GINÁSTICA ESTAVA UNICAMENTE NAS MÃOS DOS SACERDOTES E QUE ERA EMPREGADA SOMENTE COM FINS TERAPÊUTICOS... OS MOVIMENTOS DO CORPO HUMANO, QUANDO ESTUDADOS, RACIONALIZADOS E PLANEJADOS ERAM UTILIZADOS NO TRATAMENTO DE DISFUNÇÕES ORGÂNICAS JÁ INSTALADAS.

6 6 MOVIMENTO: GINÁSTICA CURATIVA EM 2698 a.C., O IMPERADOR CHINÊS HOONG- TI CRIOU 1 TIPO DE GINÁSTICA CURATIVA QUE CONTINHA: EXERCÍCIOS RESPIRATÓRIOS, EXERCÍCIOS PARA EVITAR A OBSTRUÇÃO DE ÓRGÃOS (LINDEMAN, 1970, P. 177).

7 7 MOVIMENTO: NA MEDICINA TRÁCIA E GREGA A TERAPIA PELO MOVIMENTO CONSTITUÍA UMA PARTE DO TRATAMENTO MÉDICO. GALENO ( d.C.) CONSEGUIU ATRAVÉS DA GINÁSTICA PLANIFICADA DO TRONCO E DOS PULMÕES, CORRIGIR O TÓRAX DEFORMADO DE 1 RAPAZ (LINDMAN, 1970, p.178).

8 8 DIFERENÇAS INCÔMODAS: NA ANTIGÜIDADE, HAVIA 1 AUSÊNCIA DE ESTUDOS OU APLICAÇÕES NOS QUAIS O INTERESSE FOSSE VOLTADO PARA EVITAR A OCORRÊNCIA DE MORBIDADES. O TRABALHO ERA FUNDAMENTALMENTE VOLTADO PARA A DOENÇA INSTALÁVEL, VISÍVEL OU INCÔMODA... SE PRETENDIA CURAR OS INDIVÍDUOS.

9 9 IDADE MÉDIA: (SÉC. IV E XV) AS DIFERENÇAS INCOMODAS ERAM CONSIDERADAS COMO ALGO A SER EXORCIZADO. PREDOMINAVA 1 CONCEPÇÃO DE ORGANIZAÇÃO PROVIDENCIAL: ORDEM SOCIAL ESTABELECIDA NO PLANO DIVINO. EVENTOS NEGATIVOS = DEMONÍACOS, ACÚMULO DE BENS = USURA.

10 10 IDADE MÉDIA: (SÉC. IV E XV) CONTEXTO: IGREJA (CLERO) NOBREZA (CAMADA SUPERIOR) POVO – CAMADA POPULAR MANDAVA GUERRIAVA TRABALHAVA

11 11 IDADE MÉDIA: (SÉC. IV E XV) INTERRUPÇÃO DOS ESTUDOS NA SAÚDE. A INTERRUPÇÃO DESSES ESTUDOS TEVE 2 ASPECTOS PRINCIPAIS: 1) CORPO HUMANO CONSIDERADO COMO ALGO INFERIOR (INFLUÊNCIA DA RELIGIÃO, CULTO DA ALMA, DO ESPÍRITO)... HOSPITAIS TINHAM CARATER ECLESIÁSTICO, COM ALTARES E POUCO ESPAÇO PARA EXERCÍCIOS.

12 12 IDADE MÉDIA: (SÉC. IV E XV) 2) CAMADAS SUPERIORES DA NOBREZA E DO CLERO DESPERTARAM INTERESSE POR ATIVIDADE FÍSICA ( DA POTÊNCIA FÍSICA). INIBINDO A FORMA CURATIVA... BURGUESES E LAVRADORES = EXERCÍCIOS COMO DIVRESÃO.

13 13 RENASCIMENTO: VOLTA PREOCUPAÇÃO COM O CORPO SAUDÁVEL. HUMANISMO E ARTES DESENVOLVERAM-SE E PERMITIRAM, PARALELAMENTE A RETOMADA DOS ESTUDOS RELATIVOS AOS CUIDADOS COM O CORPO E O CULTO AO "FÍSICO".

14 14 RENASCIMENTO: PRINCÍPIOS DA GINÁSTICA (MERCURIALIS): 1) PARA CONSERVAR ESTADO SAUDÁVEL JÁ EXISTENTE; 2) REGULARIDADE NO EXERCÍCIO; 3) PARA ENFERMOS QUE PODEM EXACERBAR- SE; 4) INDIVIDUAIS E ESPECIAIS PARA CONVALESCENTES; 5) PARA PESSOAS SEDENTÁRIAS. (WHELLER, 1971, p. 9).

15 15 RENASCIMENTO: NOTA-SE 1 PREOCUPAÇÃO COM O TRATAMENTO E OS CUIDADOS COM O ORGANISMO LESADO E TAMBÉM COM A MANUTENÇÃO DAS CONDIÇÕES NORMAIS JÁ EXISTENTES EM ORGANISMOS SÃOS. NO FINAL DO RENASCIMENTO O INTERESSE PELA SAÚDE CORPORAL COMEÇA A ESPECIALIZAR-SE.

16 16 TRANSIÇÃO ENTRE RENASCIMENTO E INDUSTRIALIZAÇÃO: USO DE RECURSOS FÍSICOS PASSA A TER INFLUENCIA NO MUNDO OCIDENTAL. DON FRANCISCO Y ONDEANO AMORÓS ( ) QUE NÃO ERA MÉDICO, DIVIDIU A GINÁSTICA EM 4 PONTOS, E 1 DELES ERA A CINESIOTERAPIA (MANUTENÇÃO DE SAÚDE FORTE, TRATAMENTO DE ENFERMIDADES, REEDUCAÇÃO DE CONVALESCENTES E CORREÇÃO DE DEFORMIDADES).

17 17 TRANSIÇÃO ENTRE RENASCIMENTO E INDUSTRIALIZAÇÃO: "G. STEBBIN E B. MESENDIAC" : VÊEM COMO FINALIDADE DE SEU SISTEMA DE PREVENÇÃO DE LESÕES CORPORAIS E SUA CORREÇÃO, (O SISTEMA MESENDIAC DÁ IMPORTÂNCIA AO TRABALHO DE SUSTENTAÇÃO MUSCULAR ATRAVÉS DA FISIOTERAPIA).

18 18 TRANSIÇÃO ENTRE RENASCIMENTO E INDUSTRIALIZAÇÃO: LING, UM PROFESSOR SUECO DE GINÁSTICA E MASSAGENS CORRETIVAS TEVE SEU TRABALHO DIVULGADO ATRAVÉS DE DISCÍPULOS COMO ROTHSTEIN, UM OFICIAL PRUSSIANO QUE UTILIZAVA EXERCÍCIOS PREVENTIVOS E CORRETIVOS NOS CUIDADOS COM O CORPO, NA ALEMANHA.

19 19 INDUSTRIALIZAÇÃO: VOLTA O INTERESSE PELAS "DIFERENÇAS INCOMODAS". NOVO SISTEMA MAQUINIZADO, OTIMIZAVA A PRODUÇÃO INDUSTRIAL MAS TROUXE EXCESSO DE TRABALHO, OPRESSÃO, EXAUSTÃO, EXCESSO NAS JORNADAS DE TRABALHO, PRECÁRIAS CONDIÇÕES ALIMENTARES E SANITÁRIAS... PROVOCANDO EPIDEMIAS DE CÓLERA, TUBERCULOSE PULMONAR, ALCOOLISMO, E OS ACIDENTES DO TRABALHO.

20 20 INDUSTRIALIZAÇÃO: SURGE A PREOCUPAÇÃO DAS CLASSES DOMINANTES PARA NÃO PERDER OU SUA FONTE DE RIQUEZA E BEM ESTAR GERADOS PELA FORÇA DE TRABALHO DAS CLASSES BAIXAS. O EXERCÍCIO FÍSICO E AS OUTRAS MANEIRAS DE ATUAR CARACTERIZAM A FISIOTERAPIA NO SÉCULO XX.

21 21 INDUSTRIALIZAÇÃO: KLAPP DESENVOLVEU EM SUA TÉCNICA A POSIÇÃO DE GATO PARA O TRATAMENTO DE ESCOLIOSES, KOHLRANSCH (1920) SITUOU A CINESIOTERAPIA SOBRE TODOS OS MÉTODOS RELAXADORES E DISTENSORES E DESENVOLVEU O TRATAMENTO DE ENFERMIDADES INTERNAS E GINECOLÓGICAS.

22 22 II GUERRA MUNDIAL: DURANTE A GUERRA SURGIRAM AS ESCOLAS DE CINESIOTERAPIA PARA TRATAR OU REABILITAR LESADOS OU MUTILADOS QUE NECESSITAVAM READQUIRIR 1 MÍNIMO DE CONDIÇÕES PARA RETORNAR À ATIVIDADE SOCIAL INTEGRADA E PRODUTIVA.

23 23 PÓS-GUERRA: A FISIOTERAPIA PASSA A FAZER PARTE DA CHAMADA "ÁREA DA SAÚDE" E FOI EVOLUINDO NO DECORRER DA HISTÓRIA... TEVE SEUS RECURSOS E FORMAS DE ATUAÇÃO QUASE QUE VOLTADOS EXCLUSIVAMENTE PARA O ATENDIMENTO DO INDIVÍDUO DOENTE, PARA REABILITAR OU RECUPERAR AS BOAS CONDIÇÕES QUE O ORGANISMO PERDEU.

24 24 PÓS-GUERRA: AS FORMAS DE ATUAÇÃO DA FISIOTERAPIA JÁ EVIDENCIAVAM ATUAÇÃO TERAPÊUTICA ATRAVÉS: DO MOVIMENTO (CINESIOTERAPIA); DA ELETRICIDADE (ELETROTERAPIA); DO CALOR (TERMOTERAPIA); DO FRIO (CRIOTERAPIA); DA MASSAGEM (MASSOTERAPIA).


Carregar ppt "FISIOTERAPIA NA ANTIGÜIDADE Disciplina: História da Fisioterapia Profª: Rita de Cássia Paula Souza."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google