A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Estágio Supervisionado em Engenharia Agrícola Projeto Piloto para Elaboração do Plano de Revitalização da Bacia do Rio Barra Mansa Ana Caroline Pitzer.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Estágio Supervisionado em Engenharia Agrícola Projeto Piloto para Elaboração do Plano de Revitalização da Bacia do Rio Barra Mansa Ana Caroline Pitzer."— Transcrição da apresentação:

1 Estágio Supervisionado em Engenharia Agrícola Projeto Piloto para Elaboração do Plano de Revitalização da Bacia do Rio Barra Mansa Ana Caroline Pitzer Jacob

2 Introdução A proposta de elaboração deste Plano de Revitalização como indutor de diretrizes para a construção do Plano de Revitalização da Bacia Hidrográfica do Rio Paraíba do Sul deverá utilizar-se da área da bacia do rio Barra Mansa e de um Organismo de Bacia reconhecido no Sistema CEIVAP/AGEVAP, com atuação de interlocução regional, a AMPAS - Associação dos Usuários da Águas do Médio Paraíba do Sul.

3 Empresa concedente AGEVAP - Associação Pró Gestão das Águas da Bacia Hidrográfica do Rio Paraíba do Sul: Agência de Bacia que recebe os recursos oriundos da cobrança pelo uso da água bruta na bacia e investe segundo o plano de investimentos aprovado pelo Comitê da Bacia – CEIVAP. Tem a personalidade jurídica de uma associação de direito privado, sem fins lucrativos, cujos associados são membros do CEIVAP, que compõe sua Assembléia Geral.

4 Apresentação do Projeto Proposto pela AGEVAP por meio de contrato com a ANA; Tem o objetivo de proporcionar elementos que consolidarão a metodologia mais eficiente para estabelecimento de diretrizes para um Plano de Revitalização da Bacia do rio Paraíba do Sul.

5 Justificativa do Projeto Execução de um Projeto Piloto que sirva de norteador para a proposição do Plano de Revitalização da Bacia Hidrográfica do Rio Paraíba do Sul, visando uma gestão integrada de recursos hídricos e meio ambiente, transversalidade e de desenvolvimento sustentável. Estabelecer um modelo para a construção de um banco de dados, que serão operados e atualizados e que poderão ser incorporados a um SIG-WEB (Sistema de Informação Geográficas para acesso via WEB).

6 Por que a bacia do rio Barra Mansa? Bacia afluente do rio Paraíba do Sul; Constituída de áreas com características tanto urbanas quanto rurais; Existência de diversos estudos e informações sobre a bacia; Apoio e comprometimento por parte dos municípios integrantes da bacia (Rio Claro e Barra Mansa) e do organismo de bacia da região (AMPAS); Proximidade à sede da AGEVAP (Resende);

7 Localização da bacia hidrográfica do rio Barra Mansa Bacia do Rio Barra Mansa Bacia do Rio Paraíba do Sul Estado do Rio de Janeiro

8 Características da bacia: Extensão de 27 km, ocupando uma área de 110 km²; Abrange dois municípios - Rio Claro (10 km) e Barra Mansa (17 km); Aspectos contrastantes: grau de preservação (município de Rio Claro com 40% de florestas e de Barra Mansa com 4%) e a população habitante (Rio Claro com , e Barra Mansa com habitantes dos quais 96,61% em área urbana).

9 Volta Redonda Rio Claro Piraí SÃO PAULO Barra do Piraí Valença Quatis Resende Área: 110 Km² Extensão: 27 Km 10Km – Rio Claro 17 Km – Barra Mansa (6 Km área urbana)

10 Nascente do Rio Barra Mansa Sertão dos Hortelãs Distrito de Getulândia

11 CSN Rio Barra Mansa

12 Foz do Rio Barra Mansa Rio Paraíba do Sul

13 RJ 155 Rio Barra Mansa Gasoduto Dutra Linha de Transmissão Linha Férrea Principais interferências

14 Rio Barra Mansa RJ Barra Mansa – Angra dos Reis Ocupações Irregulares Linha Férrea Problemas

15 REDE DE GÁS Problemas

16 Rio Barra Mansa, próximo à Colitur Linha de Transmissão Erosão Pasto

17 Metodologia O Projeto Piloto foi fundamentado nos princípios de Revitalização de Bacia Hidrográfica da SRHU/MMA. Serão efetuados cruzamentos de variáveis ambientais, sociais e econômicas referentes à população local para a obtenção dos indicadores. Constituição de dois cenários. Identificação dos atores estratégicos e parceiros institucionais na bacia hidrográfica do rio Barra Mansa.

18 Metodologia Estruturação da estratégia de articulação institucional e de mobilização dos atores da bacia; Levantamento de dados e informações; Criação, Implantação e Execução de Ações; Mobilização e realização de eventos; Realização de Pesquisa sócio-econômica; Identificação e aplicação de ações e atividades de revitalização; Consolidação, avaliação e proposição de indicadores.

19 Resultados esperados Concepção do Plano de Revitalização da Bacia do Rio Barra Mansa; Produção de documento com subsídios para a construção do Plano de Revitalização da Bacia do Rio Paraíba do Sul; Sistematização de Indicadores; Produção de Banco de Dados Georreferenciados, contendo informações sistematizadas e mapas temáticos; Área estabilizada de 500 hectares.

20 Atividades realizadas Levantamento e sistematização de informações: Treinamento/capacitação; Pesquisa sócio-econômica;;

21 Pesquisa sócio-econômica Bairros Nº R Nº AP Nº RA %RA Boa Sorte Entanha Estamparia Goiabal Jardim América ,5 Jardim Marilú Jardim Monique Jardim Primavera ,2 Monte Cristo ,9 Nova Esperança ,3 Piteiras Roselândia I Roselândia II Santa Clara Santa Lúcia São Luiz ,3 São Pedro Vila Independência Vila Principal TOTAL ,9%

22 Atividades realizadas Tabulação dos dados, elaboração de gráficos e análise de dados; Visitas de campo para análise da condição do rio Barra Mansa;; Levantamento e sistematização de informações: Treinamento/capacitação; Pesquisa sócio-econômica;

23 Queimadas Inibem a regeneração natural da floresta, reduzindo a umidade e a atividade biológica do solo.

24 Bairro São Pedro Bairro Jardim Primavera Erosões

25 Ocupações irregulares Às margens Topo de morro

26 Ocupações irregulares

27 Córrego que deságua no Rio Barra Mansa Esgoto Esgoto

28 Assoreamento

29 Enchentes

30 Enchentes

31 Enchentes

32 Falta de conscientização

33 Atividades realizadas Tabulação dos dados, elaboração de gráficos e análise de dados; Visitas de campo para análise da condição do rio Barra Mansa; Levantamento e sistematização de informações: Treinamento/capacitação; Pesquisa sócio-econômica; Análise de nascentes e rios afluentes;;

34 Nascente do córrego São Pedro Barragem na Fazenda São Pedro

35 Trecho do córrego São Pedro Lixo

36 Atividades realizadas Tabulação dos dados, elaboração de gráficos e análise de dados; Visitas de campo para análise da condição do rio Barra Mansa; Levantamento e sistematização de informações: Treinamento/capacitação; Pesquisa sócio-econômica; Análise de nascentes e rios afluentes; Realização de eventos para mobilização.

37 Considerações finais

38 Bibliografia consultada BATISTA, G.T.;TARGA, M.S., CICERO, C.M. Manejo de bacias hidrográficas. In: Programa de Capacitação. Aperfeiçoamento em Gestão de Recursos Hídricos – Bacia do Rio Paraíba do Sul. Targa, M.S. (Coord.) Universidade de Taubaté (UNITAU). Taubaté, SP. 58p Controle de Enchentes no Rio Barra Mansa. Programa Estadual de Investimentos da Bacia do Rio Paraíba do Sul, UFRJ/COPPE, MAGRINI, Alessandra; SANTOS, Marco Aurélio dos. Gestão Ambiental de Bacias Hidrográficas. Rio de Janeiro: UFRJ; COPPE; Instituto Virtual Internacional de Mudanças Globais; Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano e Ambiental do Município de Barra Mansa – Lei Complementar nº. 48, de 6 de dezembro de ROMERA E SILVA.P.A. Gestão de recursos hídricos. In: Programa de Capacitação. Aperfeiçoamento em Gestão de Recursos Hídricos – Bacia do Rio Paraíba do Sul. Targa, M.S. (Coord.) Universidade de Taubaté (UNITAU). Taubaté, SP. 45p.2008.


Carregar ppt "Estágio Supervisionado em Engenharia Agrícola Projeto Piloto para Elaboração do Plano de Revitalização da Bacia do Rio Barra Mansa Ana Caroline Pitzer."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google